5 Passos para você recomeçar os estudos

Compartilhe:

Recomeçar é começar de novo e, geralmente, dentro do Exame da OAB acontece de duas formas: ou se retoma os estudos para 1ª fase após uma reprovação ou se reinicia quando tomamos os livros para 2ª fase da OAB. Neste artigo vamos tratar da primeira opção, ou seja, retomar a preparação para 1ª fase da OAB. Quem ainda não fez a prova, não recomeça, mas redireciona sua atenção, cujas dicas abaixo também lhe servirão.

Destacamos cinco passos para recomeçar os estudos.

  • Avaliar a última prova

Não tem como recomeçar os estudos sem diagnosticar o que deu errado seja na última prova, seja nas anteriores. Ficou com 39 ou 38 acertos porquê? Tenho visto que muitos seguem o caminho perdidos, olhando para os pés durante os passos, repetindo os mesmos erros porque não parou para examinar onde está e o que já percorreu. Sem parar para afiar o machado, os seus esforços continuarão em vão. Talvez um dia você derrube o que tanto tenta derrubar, mas levará muito mais tempo em comparação daquele que sabe o que está fazendo.

Avalie a prova com olhos clínicos, disciplina por disciplina, tema por tema. O que você acertou e errou com convicção, o que foi apenas sorte ou azar. Importante é ser sincero e fazer uma lista do que você tem dificuldades ou não sabe. Um dos problemas é controle de constitucionalidade? Coloque na sua lista. Direito empresarial, em geral? Idem. É trabalhoso, sim, mas você fará apenas uma vez e a partir desta análise você terá mapeado os seus problemas com o conteúdo que vem sendo cobrado no Exame da OAB.

  • Montar planejamento

Com o diagnóstico em mãos, é o momento de montar o planejamento. Talvez você já tenha realizado em outra oportunidade, mas não com o que irei revelar: seus estudos não só começam com todas as suas dificuldades, como também irão dar prioridade a elas. Não adianta estudar apenas o que gosta, o que geralmente lhe entrega melhores resultados. A prova da 1ª fase são 17 disciplinas e não há dúvidas que muitas delas estão lhe impedindo de ser aprovado. Por essa razão, precisamos compensar, atacando os seus pontos fracos.

  • Selecionar material didático

Se você estudou apenas com os cadernos, impressos e apostilas, está na hora de investir num material especializado para 1ª fase da OAB. O livro “OAB Esquematizado®” da Editora Saraiva traz teoria unificada e questões comentadas para ilustrar o conteúdo. Se você deseja apenas exercitar questões, sugerimos o livro “Passe na OAB – Questões Comentadas”, um dos mais completos e atualizados do mercado, também da Editora Saraiva. Você precisa do “Vade Mecum OAB Saraiva”, porque estudar com material defasado é perda de tempo.  Ainda, tem o livro Poder da Aprovação: Coaching + Mentoring para OAB e Concursos”, que traz todas as informações e dicas que precisa para preparação como também motivação.

  • E perguntar-se: por que não?

Por fim, perguntar-se: e por que não? A autorreflexão de quem já fez a prova ou irá fazer pela primeira vez é essencial para direcionar uma preparação sadia e com resultados vitoriosos. Não adianta chegar na véspera da prova e começar a mentalizar que será aprovado, sendo que em todos os momentos anteriores pairava uma nuvem cheia de dúvidas, ansiedade, medo e pressões. E por que você não seria aprovado? Com esta pergunta fecha o ciclo que iniciou também com a reflexão sobre o seu status quo. Se agora avaliamos o futuro, iniciamos pensando sobre o passado e o presente.

Se tantas outras pessoas foram aprovadas, porque logo você não seria? O Exame da OAB não mede inteligência nem quem estudou mais, mas quem estava preparado para a prova realizada. Quantidade não é qualidade, nem pelo número de livros, horas estudadas ou qualquer outra quantificação material. A qualidade da preparação é que importa e os passos anteriores fazem parte desta estratégia.

  • Escolhendo o curso preparatório?

O melhor CURSO PREPARATÓRIO você descobre, clicando aqui!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *