Edital publicado do XXIV Exame da OAB: novidades!

Comentários (0)

Edital publicado

O edital da última tentativa em passar no Exame de Ordem do ano foi publicado. O XXIV Exame, oficialmente, está na rua. A prova, como se sabe, é dentro de 2 meses, ou seja, 19 de novembro. Também é o ÚLTIMO exame antes de cobrarem a reforma trabalhista. Motivação a mais para ser o seu ÚLTIMO exame para prestar (para quem vem de outras reprovações, especialmente, da última prova pandemônica e que reprovou mais de um Maracanã lotado!).

Destaquei, sinteticamente, 5 PONTOS do edital para você ter um panorama do que é ESSENCIAL para começar os estudos.

1. DATA E O VALOR DA INSCRIÇÃO

As inscrições começam hoje, dia 19 de setembro e terminam dia 29 de setembro. O valor da inscrição, depois do último aumento, continua os altíssimos R$ 260,00 (a OAB tá na hora de parcelar em pelo menos 3x este valor sem juros). O edital trata das opções de ISENÇÃO. Confere lá no item 2.6 do edital se não é o seu caso.

2. QUEM PODE SE INSCREVER

A OAB andou alterando esta regra recentemente. Como se sabe, para realizar o Exame de Ordem os estudantes de Direito devem estar matriculados nos últimos dois semestres ou no do último ano do curso de graduação em Direito. Porém, antes o edital fixava uma data, qual seja, da publicação do edital. Agora, a comprovação fica condicionada dentro do segundo semestre de 2017 [ponto 1.4.3 do edital]. Mas lembre:  “os estudantes de Direito que declararem falsamente estarem matriculados nos últimos dois semestres ou no último ano do curso de graduação em Direito  no segundo semestre de 2017” responderão por crime de falsidade ideológica (art. 299, do CP) e estarão sujeitos à eventual processo de averiguação de idoneidade moral perante a OAB (art. 8, inciso VI, da Lei 8.906/94).

3. ONDE PODERÁ REALIZAR A PROVA

Esta regra é clara: “o examinando prestará o Exame de Ordem no Conselho Seccional da OAB no estado em que concluiu o curso de graduação em Direito ou no estado sede de seu domicílio eleitoral, sendo vedada a realização de etapa subsequente em local diverso do inicialmente escolhido”. São estas 2 OPÇÕES. Há exceção, desde que seja fundamentada. Já as cidades dentro do referido estado podem ser escolhidas do modo que você preferir, desde que seja aquelas da lista do edital – ANEXO I.

4. DAS PROVAS E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

O capítulo 3 do edital traz instruções sobre as provas da 1ª e 2ª fases. Como se sabe, são 80 questões com 4 alternativas e na 2ª fase, uma peça e 4 questões dissertativas. A duração é 5 horas e as datas são estas:

  • 1ª FASE – 19 DE NOVEMBRO
  • 2ª FASE – 21 DE JANEIRO DE 2018

As disciplinas continuam sendo as mesmas DEZESSETE. Também não há modificação sobre as sete opções para 2ª fase. O conteúdo programático ainda é inexistente para 1ª fase, apesar de um grupo de professores terem se manifestado a favor da sua inclusão, e para 2ª fase está lá no ANEXO II. É importante destacar, que o MAPA DA PROVA da 1ª fase MUDOU no último XXIII Exame. Para quem está chegando agora, o número de questões de ÉTICA foi reduzido para 8. Quer conhecer e salvar o novo mapa? Clique aqui!

Lembro que o número de questões por disciplina não precisa estar avisado no edital, exceto o percentual mínimo de 15% (Estatuto da Advocacia e da OAB e seu Regulamento Geral, Código de Ética e Disciplina, Direitos Humanos e Filosofia do Direito). Portanto, fique atento, pois a prova pode ainda mudar. Quanto às novas disciplinas, tratamos especificamente num artigo dedicado a este tema, clique aqui.

5. CRONOGRAMA GERAL DE EVENTOS

Lembro que o reaproveitamento tem edital específico. Está aí o ANEXO V atualizado com o XXIVº Exame de Ordem Unificado.

Cronograma

E AS NOVIDADES DO EDITAL? Já tínhamos antecipados uma semana antes que o edital do XXIV Exame não traria mudanças ou novidades relevantes [clique aqui]. Tenho certeza que hoje todos esperam pelo pior. O pior seria o aumento de disciplinas, uma nova fase, a redução de provas por ano, enfim, há muitas coisas piores que poderiam ocorrer. Para os “agourentos”, não foi desta vez.

[ATUALIZADO] Mancada da OAB: incluíram a reforma trabalhista no conteúdo de 2ª fase da OAB. Entendemos que não poderia ser cobrada. Estamos contatando a OAB para explicações e mudanças. Veja que o edital é bastante claro:

3.6.14.4. Legislação com entrada em vigor após a data de publicação deste edital, bem como alterações em dispositivos legais e normativos a ele posteriores não serão objeto de avaliação nas provas, assim como não serão consideradas para fins de correção das mesmas. Em virtude disso, somente será permitida a consulta a publicações produzidas pelas editoras, sendo vedada a atualização de legislação pelos examinandos.

Bem, para os otimistasrealistas a Saraiva Aprova oferece [NÃO É PROMOÇÃO] uma solução perfeita para os seus sonhos: a aprovação ou seu dinheiro de volta! Não só você acredita que pode ser aprovado, mas a plataforma educacional da Editora Saraiva que conquistou o país também! É isso mesmo.

dinheirodevolta

Não só isso, mas recentemente fiz uma ANÁLISE FÁTICA dos 4 principais preparatórios do país que oferecem curso online para OAB. Uma pesquisa às cegas, sem identificar os nomes. Veja QUEM SE SAIU MELHOR: tire suas próprias conclusões, clicando aqui.

Faltando 60 dias para prova, ainda é possível realizar um preparatório? Com certeza! Agora, se você está correndo atrás de uma indicação BIBLIOGRÁFICA COMPLETA para os seus estudos de 1ª fase? Fizemos um artigo especial, indicando esta bibliografia. Corra lá, clicando aqui.

Ótimos estudos!

Novidades para o XXIV Exame da OAB?

Comentário (1)

news-OAB

O edital do XXIV Exame será publicado no próximo dia 19 de setembro, há pouco mais de 60 dias até a prova da 1ª fase (21/11). Pois bem, poderemos ter novidades neste edital que se avizinha?

Tenho minhas dúvidas. Como se sabe, o XXIII Exame da OAB será inesquecível no histórico das provas. Não só o índice malévolo de reprovados, mas como toda a reestruturação da própria prova da 1ª fase. Ainda, ao tempo deste texto, não sabemos ao certo como será a prova da 2ª fase, mas enfim, o que já temos em mãos é o suficiente para não esquecer este Exame.

Vejam bem. O edital do XXIII Exame não teve qualquer novidade. Por outro lado, foi a prova da 1ª fase que mais teve novidades em todas as edições, exceto a prova da redução de 100 questões para 80 e, que não me falha a memória, todos os examinandos já sabiam da alteração.

Por isso, creio que o XXIV Exame seguirá, como se diz, “come quieto”, ou seja, sorrateiro. Mudanças acontecem mais nas questões procedimentais de edital mesmo, como forma de pagamento, etc. e tal. Não quero pensar nisso, mas será que não pode haver inclusão de novas disciplinas?

Pois bem, é provável que em algum momento aconteça, mas será que pode ser de forma sorrateira sem estar na previsão do edital? Depois do XXIII tudo pode acontecer! O problema que o edital (dos exames anteriores) é “claro” sem ser tão transparente assim.

Disciplinas profissionalizantes obrigatórias e integrantes do currículo mínimo do curso de Direito, fixadas pela Resolução n. 9, de 29 de setembro de 2004, da CES/CNE, Direitos Humanos, Código do Consumidor, Estatuto da Criança e do Adolescente, Direito Ambiental, Direito Internacional, Filosofia do Direito, bem como Estatuto da Advocacia e da OAB, seu Regulamento Geral e Código de Ética e Disciplina da OAB.

Nesta lista há 7 disciplinas, mas cadê as outras 10? Está na citação da Resolução 9. Portanto, todas as disciplinas que contém a tal resolução e que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Direito. Esta resolução de 2004 foi alterada e atualizada pela Resolução CNE/CES nº 3, de 14 de julho de 2017.

3 eixos que toda graduação em Direito deve observar (art. 5º):

  • EIXO DE FORMAÇÃO fundamental
  • EIXO DE FORMAÇÃO profissional
  • EIXO DE FORMAÇÃO prática

De acordo com os editais da OAB, o eixo que interessa é o de formação profissional. E o que diz este eixo?

Blá-blá e incluindo-se necessariamente, dentre outros condizentes com o projeto pedagógico, conteúdos essenciais sobre Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário, Direito Penal, Direito Civil, Direito Empresarial, Direito do Trabalho, Direito Internacional e Direito Processual”

Bem, o restante das disciplinas está aí, traduzindo “direito processual” como as respectivas de Civil, Trabalho e Penal. Interessante que a OAB repete “direito internacional”, mas enfim…

Então, direito eleitoral ou previdenciário para serem incluídos devem estar no edital? Parece que sim, porque – na minha interpretação – não estão em nenhum lugar na Resolução 9 do Conselho Nacional de Educação. Nestas condições, somente o EDITAL pode “alertar” para inclusão de novas disciplinas.

E sobre uma nova e possível modificação de questões por disciplina? Sim, é possível que na prova [e somente nela, porque o edital não precisa avisar] tenhamos alterações ou ajustes. A “minha prova perfeita” não seria a divisão atual, não teria disciplinas com 2 questões, por exemplo, no mínimo 3 questões nem disciplinas com 7 questões, mas no máximo 6 questões. A razão é porque não há distinção na pontuação individual, ou seja, todo acerto vale 1 ponto.

Talvez a prova “mais justa” seria dar PESO distinto pela escolha do examinando. Por exemplo: quem escolhesse PENAL para 2ª fase, teria peso maior as questões de penal e processo penal para ele na prova objetiva. E, assim, sucessivamente.

E você já começou a estudar?

Segue a MELHOR proposta que alguém pode lhe dar: passe na OAB ou tenha o seu investimento de volta. Pois é, somente a Saraiva Aprova te oferece este “desafio” ou garantia, como desejar. Nenhum outro preparatório te dá esta garantia! Saiba mais, clicando abaixo.

dinheirodevolta

Quer indicação dos melhores livros para 1ª fase da OAB? Clique aqui e ÓTIMO ESTUDOS!

Os melhores livros para 1ª fase Exame da OAB

Comentários (12)

Livros para OAB

Seja com o edital da OAB publicado, seja às vésperas da sua publicação, a caça aos livros começou! É fácil identificar numa livraria, por exemplo, quem é graduando e quem já está na fase de se preparar para OAB e concursos públicos: quem estiver com uma pilha de livros é examinando ou concurseiro; quem está levando apenas um vade mecum é acadêmico de Direito. Infelizmente, a percepção é compartilhada com os próprios livreiros e atendentes.

Ou seja, o DESESPERO toma conta quando se percebe que “nada sei” diante dos grandes obstáculos que o Exame de Ordem traz e os cadernos e apostilas pouco fazem frente a eles.

Lembre: para o XXIV Exame a reforma trabalhista ainda não será cobrada!

Como se sabe, o mercado de livros jurídicos tem grande apreço a livros de OAB e concursos, resultado da própria procura do leitor. Há milhares de livros que buscam conquistar estes leitores, assim, resolvi indicar o que entendo como os MELHORES TÍTULOS para quem irá enfrentar a 1ª fase da OAB. Para saber mais de cada um, clique na própria capa.

Realmente, não dá para começar a preparação sem um VADE MECUM “de respeito”. Ele é vade mecum específico para OAB (ou “de carinhas”) mais vendido do país, está bastante atualizado comparado às opções concorrentes e o preço promocional. É o único vade mecum atualizado três vezes por ano. Clique na capa e saiba mais.

Aqui está um livro mais que completo, por isso, COMPLETAÇO. Foi o primeiro título a reunir teoria unificada e questões comentadas para OAB. Esta edição é de 2017, portanto, bastante atualizada.  Realmente, caiu nas graças do público e tem sido um sucesso maiúsculo de vendas. Na livraria Saraiva tem todas indicações dos compradores nota máxima.

5251

Outro campeão de vendas, o livro é aquele que mais questões comentadas oferece para os examinandos, bem como atualizado com as provas. Lançado no último trimestre de 2016, é a 8ª edição do título que foi pioneiro em comentar questões FGV (em 2010). Apresenta ainda quatro simulados inéditos. Na livraria Saraiva também tem todas indicações nota máxima.

Capa Poder da Aprovação

É lançamento 2017, o primeiro livro de autoajuda jurídico publicado no país. Trabalha os lados psicológico e pedagógico de toda uma preparação, seja para OAB, seja para concursos públicos. Também trabalha a vocação e muitas outras questões que circulam e convivem durante a vida de um examinando e concurseiro. Clique aqui e saiba mais!

oab esquematizado 2017

Esta é a nova edição do primeiro livro da série Esquematizado® dedicado ao Exame da OAB. Sob coordenação do prof. Pedro Lenza, traz a participação dos professores da plataforma Saraiva Aprova numa obra com teoria unificada e questões comentadas ao final de cada capítulo. O bacana é que este livro está incluso na matrícula da plataforma preparatória para o Exame da OAB, cuja produção é da Editora Saraiva. Saiba mais, clicando aqui.

Simulado OAB Saraiva Aprova

Por fim, uma CORTESIA para você. O livro acima é um E-BOOK de 2017 com simulado, gabarito justificado e dicas de coaching inteiramente GRÁTIS. Você pode começar hoje mesmos os seus estudos fazendo o download dele, basta clicar na imagem da capa e BONS ESTUDOS!

[post originalmente publicado em fevereiro de 2017, atualizado para o XXIV Exame com as novas edições conforme indicadas]

Qual o melhor curso preparatório para OAB?

Comentários (59)

O melhor

Todos nós desejamos “o melhor”. Qualquer que seja o produto ou serviço. O melhor sushi, a melhor cerveja, a melhor marca de tênis, o melhor médico especialista, a melhor instaladora de split, enfim, trabalhamos para isso, para conquistar “o melhor”. Provavelmente, “o melhor” seja uma indicação subjetiva, de quem já teve experiência anterior.

Assim, avaliações como estas terão maior credibilidade quanto maior for a experiência de quem indica. Diferente, portanto, será “o melhor” de quem foi num ou noutro restaurante japonês na vida e daquele que já conheceu uma dezena de restaurantes que oferecem sushi. Também será diferente se a opinião parte de um especialista no assunto: terá maior credibilidade de indicar “o melhor”.

No Exame da OAB, já tive a oportunidade de indicar o melhor vade mecum a partir de parâmetros que são públicos e que julgo importante. Também apresentei um comparativo das principais marcas, avaliando itens que mais satisfazem seus leitores [clique aqui].

Estou “no mercado” de OAB desde 2005 a partir da experiência de ser professor e coordenador de curso preparatório. Depois, em 2008, entrei no mercado editorial e começamos também a desenvolver este blog no mesmo ano. Hoje já são mais de 60 títulos publicados entre OAB e concursos públicos.

Como coordenador, que também assumi esta função em outras três oportunidades, tinha a missão de avaliar o mercado e a concorrência. E para tanto, comprava-se as aulas dos cursos concorrentes (estratégia comum entre todos) para espiar como funcionava o sistema e a didática. Praticamente, uma dezena de cursos eu conheço bem e sempre mantive proximidade até para indicar aos alunos.

Em razão também das obras da OAB, precisei pesquisar nos preparatórios autores para compor a minha coleção Passe na OAB, portanto, avaliei o corpo docente e a didática para fechar as autorias.

Tenho uma lista que é atualizada semestralmente com preparatórios de todo o país que oferecem Exame de Ordem (EAD, presencial, satélite e outros formatos, como PDF e coaching). É verdade que muitos fecharam devido à crise e a saturação de mercado, mas também há novas tentativas de se estabelecer, principalmente, de cursos que antes só ofereciam opções para concursos públicos.

Ainda, recordo que já indiquei durante minha trajetória, em determinados momentos, todos os cursos avaliados bem como outros que não estão na lista. Prometo, em outra avaliação, incluir mais opções, ok? De qualquer modo, estes representam grande parte das opções que o mercado oferece.

Pois bem, para responder a todos que me perguntam a cada Exame de Ordem, “professor, qual o melhor curso de OAB” ou “melhor indicação”, preparei este post de forma objetiva com uma avaliação dos cursos mais relevantes que considero a partir de uma comparação com o que acredito que seja a revolução do EAD. Porque? Assisti e participei de 2 revoluções no ensino à distância. Primeiro, foram os cursos tele-presenciais através da transmissão por satélite (LFG e Damásio). Segundo, os cursos online pela internet (CERS).

Agora a 3ª revolução, cursos online “analíticos”. O que é isso? Como você sabe ou está acostumado, compra o curso e dá o PLAY, assim, bem simples, e assiste as vídeoaulas. Este modo é igual para todo mundo, não é? De forma pioneira, a plataforma Saraiva Aprova altera esta lógica e entrega uma preparação identificada com as habilidades de cada um dos seus alunos, de modo PERSONALIZADO. Como é possível? Através da uma análise prévia que exige que seu aluno seja avaliado para “receber” uma “trilha de estudos” adequada ao seu perfil. Por isso é um curso online analítico. Certamente, a concorrência seguirá este modelo.

Diante de tudo isso, resolvi avaliar os cursos que tiveram participação nas revoluções no EAD, mas não irei nominá-los para não influenciar na sua resposta que já pode estar definida antes mesmo ler este comparativo. Por fim, não irei avaliar o corpo docente, em razão de ser o item mais subjetivo de todos eles. Avaliar uma individualidade é uma coisa, avaliar um conjunto ou seleção delas é outra. A didática, realmente, é um fator de distinção, mas e a empatia com o professor? Portanto, não consta na avaliação abaixo.

  CURSO ‘A’
CURSO ‘B’
CURSO ‘C’
CURSO ‘D’
Opção de Curso Único Extensivo Online Extensivo OAB Extensivo Teórico Online
Carga horária 210 horas 142 horas 357 horas 212 horas
Cada aula tem (Aprox.) 20 min. 30 min. 30 min. 30 min.
Acesso após matricula 180 dias
(6 Meses)
Até 08/12/2017 150 dias
(5 meses)
Até 19/11/2017
Limite de acesso ILIMITADO Até 3x Cada aula ILIMITADO Até 2x Cada aula
Inclui livro Na matricula SIM NÃO NÃO NÃO
Inclui simulado Na matricula 02 Simulados 01 Simulado 01 Simulado 03 Simulados
Inclui material Na matricula SIM SIM SIM Não informa
Informa diferenciais SIM SIM SIM SIM
Orientação na escolha da 2ª fase SIM SIM Não há SIM
Coaching para OAB SIM Não há Não há Não há
Centro de Solução de Dúvidas SIM SIM SIM SIM
Banco de questões SIM Não informa Não informa Não informa
Indicação dos temas que mais
são cobrados
SIM NÃO SIM SIM
Garantia em caso de reprovação SIM
Não oferece
Não oferece
Não oferece
Preparação personalizada SIM Não oferece Não oferece Não oferece
Investimento R$ *
R$ *
R$ *
R$ *
Parcelamento SEM JUROS Até 10x Até 9x Até 6x Até 6x

Todas as informações foram retiradas dos seus respectivos sites institucionais onde consta a descrição do próprio curso. Complementa-se à descrição acima a seguinte observação: o curso ‘B’ destaca que tem “workshop de como se preparar para OAB” e o curso ‘D’, “vídeos motivacionais”, no entanto, não se autodenominam que sejam cursos com formação coaching.

Pois bem, o que lhe parece? Não tenho dúvidas que o preparatório que oferece MAIS vantagens – e todas significativas – foi o Curso ‘A’, não é?

Então vamos revelar o MELHOR PREPARATÓRIO PARA OAB: a plataforma SARAIVA APROVA. Quer saber mais? Clique aqui e bons estudos!

[Originalmente publicado em 22/02/2017 para o XXIIº Exame. Atualizado para o XXIVº Exame. *OBS. Em razão da variação e atualização dos preços a cada exame, além de “promoções relâmpago” resolvi retirar os valores para evitar reclamações junto aos cursos pesquisados caso se identifiquem].

Anulações de questões no Exame da OAB

Comentários (2)

no

Como se sabe, o XXIIIº Exame da OAB é totalmente esquecível. Segundo divulgações extraoficiais, a reprovação antes do resultado definitivo de hoje beirava aos 86%. Foi o exame do DEUS-ME-ACUDA com tantas novidades, especialmente, a redução de número de questões de Ética, sempre a queridinha dos examinandos por ser um atalho seguro para alcançar uma pontuação bastante razoável.

O XXIº Exame da OAB foi o Exame do Capeta e viralizou nas redes sociais [lembre aqui].

Naquela ocasião, o índice de reprovação também beirou aos 90%. O que aconteceu? A OAB anulou duas questões objetivas, “abrindo a porteira” para milhares que foram para 2ª fase. Muita gente passou, definitivamente, graças a estas duas questões. Então o ZUM-ZUM começou quanto ao XXIIº Exame. Será que a prova se manteria quase impossível? Alertamos que a OAB não tinha o histórico de repetir provas FODÁSTICAS e dito e feito: foi uma prova amena. Houve apenas a mudança em duas provas do sentido das disciplinas, mas fora isso, mais uma vez muita gente passou. Teve anuladas? Não. Neste caso, não precisou da “compensação”.

Reza a lenda que a OAB faz “compensações”. Quando a prova é MUITÍSSIMO difícil, ela anula. Quando muita gente passa, não anula. Simples assim, mesmo que possa haver muitas injustiças.

E agora, o que dizer do XXIIIº Exame, com uma prova que gerou um manifesto de professores nas redes sociais pedindo “transparência”? Pois bem, a história mais uma vez mostra que: é impossível ter certeza da justiça do Exame da OAB. NÃO ANULARAM nenhuma questão. Para mim é um “carimbo” de “a nossa prova é PERFEITA”. A prova da OAB como está é INJUSTA? Sem dúvida alguma! Como advogado sinto vergonha dela. Eu não seria aprovado, pode anotar aí. Infelizmente, é o que temos e precisamos SUPERAR o mais breve possível.

Caso você não tenha sido aprovado, agora é hora de “lamber as feridas” mesmo que as causas sejam externas ou imprevistas. Pois bem, se há uma notícia boa é que um novo Exame está chegando e dia 19 de setembro já temos um novo edital.. Quem sabe não está na hora de MUDAR? Aqui, então, vai a minha dica: a plataforma SARAIVA APROVA. É o único APROVATÓRIO que entrega o conteúdo baseado nas características de cada aluno, personalizando os estudos, otimizando tempo e oferecendo o que mais ninguém entrega por um prazo imbatível (6 meses) e de acesso ilimitado.

Quer saber qual é o melhor preparatório para OAB? Preparamos um comparativo, clique aqui e descubra!

Banner_Saraiva_Aprova-2

O novo mapa da prova do Exame da OAB

Comentários (3)

globo-oab

O XXIII Exame da OAB “bagunçou” o nosso mapa da prova ao alterar o número de questões de diversas disciplinas. O XXII Exame já tinha dado as caras ao mudar a sequência das disciplinas em dois tipos de provas (p.ex., não começar com Ética). O nosso mapa do Exame da OAB já viralizou e é uma das imagens mais conhecidas quando se procura por Exame de Ordem no Google.

Esta imagem foi concebida em setembro de 2011 e repetida em julho de 2016. Saiba mais, clicando aqui. Este ‘post’, sob título “Exame da OAB: número de questões por disciplina (influencia?)” até o exato momento desta publicação já foi visto (“views”) por mais de 243 mil pessoas. Também foi exaustivamente compartilhado pelas redes sociais.

Porque tanto interesse? A premissa é básica: não temos na prova da OAB uma divisão de questões por disciplina (como acontece nas provas de concursos) nem mesmo o edital aponta quantas questões serão cobradas por disciplina (exceto os 15% que exige para Estatuto da Advocacia e da OAB e seu Regulamento Geral, Código de Ética e Disciplina, Direitos Humanos e Filosofia do Direito).

E isso tudo é importante? Com certeza! Especialmente, para uma prova que TODAS as questões têm o MESMO PESO. Sendo assim, dependendo do número de questões e a disciplina, ela pode ser desprezada pelo examinando. Usualmente, sei que AMBIENTAL e INTERNACIONAL são deixadas para 2º ou 3º planos, visto que ambas têm 2 questões cada, no entanto, muito texto para ser lido, diferente de ECA e CDC, que apesar de ter o mesmo número de exigência, têm a vantagem de ter cada uma apenas um diploma legal para estudar.

Pois bem, comparando os 4 tipos de provas (branco-1, verde-2, amarelo-3 e azul-4) do XXIII Exame da OAB, aplicado dia 23 de julho de 2017, é possível algumas conclusões (antes de apresentar o mapa resumo da prova):

  • Todos os tipos começaram com ÉTICA;
  • Todos os tipos têm o mesmo número de questões por disciplina;
  • Todos os tipos têm 17 disciplinas;
  • Desde sempre, as questões de DIREITOS HUMANOS mesclavam-se com as questões de DIREITO INTERNACIONAL (PÚBLICO) pelas razões próprias destas disciplinas, apesar de Direito Internacional ter dois ramos, o público e o privado.
  • A INTERDISCIPLINARIDADE não é novidade na OAB somente do XXIII Exame, sempre existiu e a certa dificuldade de “onde começa e onde termina” cada disciplina confirma isso. Afirmamos desde sempre que a preparação precisa ser sistemática, porque os institutos se conectam, ademais, na prova aconselhamos deixar para depois as questões em dúvida, porque a própria leitura das questões posteriores poderia despertar a conexão dos temas adormecidos.
  • Disciplinas que perderam questões: ÉTICA (de 10 para 8); DIREITOS HUMANOS (de 3 para 2); PROC. TRABALHO (de 5 para 4).
  • Disciplinas que ganharam questões: TRIBUTÁRIO (de 4 para 5); PROC. CIVIL (de 6 para 7); PROC. PENAL (de 5 para 6); TRABALHO (de 6 para 7).
  • Todos os tipos têm as duas questões de CDC (44 e 45) na página 13 do caderno, exceto o tipo 4 (azul), cujos enunciados estão na página 14.
  • A partir da questão 70, incluindo ela, há uma “certa” mistura das questões de trabalho e processo do trabalho. A questão que trata do “Cristovão”, que é de direito material, aparece deslocada nas provas tipo 1, tipo 2 e tipo 4. Somente na tipo 3 aparece junto com as questões de direito material para depois entrarem as questões de processo do trabalho.

Compartilhe a imagem abaixo. Copie para você saber. Conhecer o MAPA é como ter GPS dos seus estudos durante a preparação e no dia da prova. Clique na imagem abaixo para ampliar. E bons estudos!

Novo Mapa da OAB-4

PS. – E o professor, qual a obra que posso contar, que seja COMPLETA e ATUALIZADA? Segue a dica abaixo, clique na imagem para saber mais.

Instagram_completaço

PS2. – E professor, a última pergunta: qual o melhor preparatório para 1ª fase da OAB? Caro amigo, fácil responder. Indico dois textos que comprovam (e comparam com a concorrência), basta clicar neles: Link 1 e Link 2.

Banner_Saraiva_Aprova

Os 3 principais motivos que levaram 86% dos candidatos à reprovação no Exame da OAB

Comentários (5)

Banner_Saraiva_Aprova

Olá meus futuros colegas de OAB!

A plataforma Saraiva Aprova e o seu professor Pedro Lenza, que dispensa apresentações, estão convidando você a participar de um webinário super especial e que irá tratar, especificamente, dos três principais motivos que levaram ao índice recorde negativo em reprovação no XXIII Exame da OAB. Mesmo que você não tenha prestado a última prova, é importante você acompanhar para evitá-los caso o XXIV traga o mesmo estilo de abordagem, o que é bastante provável.

A transmissão será AO VIVO pela internet e a inscrição será GRATUITA. Além disso, vai rolar uma grande surpresa no ar, imperdível, para aqueles participantes, que por si só, já valerá a pena deixar a novelinha das sete de lado, dar um ‘pause’ na sua série favorita, faltar aquela pelada semanal ou até mesmo a desculpa que você queria para faltar os primeiros períodos da faculdade…

Eu já sei o que é, [e é TOP das Galáxias] mas como ninguém gosta de SPOILER vou deixar que vocês descubram…

- Mas professor, quando será e que horário?

Excelente pergunta! Dia 22 de agosto às 20 horas (horário de Brasília).

- E se é de “grátis”, onde me cadastro?

Outra excelente pergunta. O cadastro você pode fazer clicando aqui!

- Será transmitido no facebook, instagram ou youtube?

Boa! Em nenhum deles. Apesar de ser gratuito, há uma inscrição prévia [nome + email] e ela lhe encaminhará, no dia do evento, o link da transmissão por email, ok?

SAV003.8-Webnario Pedro Lenza_Coverphoto

Calendário OAB 2018 do Exame de Ordem: datas extraoficiais!

Comentários (2)

calendario oab

Como é de costume, inicia o segundo semestre do ano e o pessoal que não vai prestar prova da OAB nele já começa a perguntar: - Professor, já tem as datas do ano que vem? Neste caso, estamos falando do ano de 2018. Não! O Conselho Federal da OAB ainda não lançou as datas oficiais para 2018.

Se considerarmos o ano passado (no anterior foi somente em janeiro), a OAB deverá publicar somente o calendário oficial em dezembro, a partir da sua segunda semana, naquele clima natalino e de férias da grande maioria dos acadêmicos de Direito. Ocorre, que muita gente já quer planejar “sua vida”, porque pretende fazer alguma viagem nas férias de verão e ainda se preparar para o 1º exame do ano.

Assim, como de costume, estamos lançando o calendário PASSE NA OAB de 2018 do Exame de Ordem, para deixar bem claro que a previsão é exclusivamente nossa. Se acertamos as datas? Bem, nosso índice de acertos é de cerca de 95%, basta comparar o calendário oficial com a nossa previsão do ano passado (clique aqui). Inclusive apostei um churrasco com o Maurício do blog Exame de Ordem numa data que discordamos. Adivinha quem acertou? Eu. Adivinha quem ainda não pagou? Ele!

Pois bem, nossa previsão é esta:

  • XXV EXAME DE ORDEM UNIFICADO

Edital: 30/janeiro/2018 | Prova 1ª fase: 1º/abril | Prova 2ª fase: 27/maio

  • XXVI EXAME DE ORDEM UNIFICADO

Edital: 29/maio | Prova 1ª fase: 22/julho | Prova 2ª fase: 16/setembro

  • XXVII EXAME DE ORDEM UNIFICADO

Edital: 18/setembro | Prova 1ª fase: 18/novembro | Prova 2ª fase: 20/janeiro/2019

Copie a imagem abaixo e guarde no seu smartphone ou computador para começar a avaliar o início da sua preparação. Lembrando que o único preparatório com 6 meses de duração com acesso ilimitado é a plataforma SARAIVA APROVA. Portanto, se a prova do XXV Exame é em abril de 2018, você já pode começar a estudar ainda em 2017, o que lhe trará INÚMEROS benefícios.

Banner_Saraiva_Aprova-2

Lembrando ainda que o XXV Exame será o 1º que admitirá a reforma trabalhista na sua prova. Compartilhe com seus amigos e colegas. E Bons estudos!

calendario-3

Como recomeçar os estudos para Exame da OAB?

Comentários (2)

Banner_Saraiva_Aprova

Voltando depois de merecidas férias, somado de um período de gripe forte e emendando um problema de servidor que tirou nosso blog por dias, a pergunta é: como recomeçar os estudos para Exame da OAB? Depois de uma maldita prova do XXIIIº Exame, o que esperar do próximo a ser aplicado 19 de novembro?

Pois bem, para quem vem de reprovação – justo da última prova -, é importante ter TODA calma neste momento. Faltam cerca de 100 dias até a prova, é um tempo razoável para quem vem estudando para prova anterior, mas que está na hora também de refletir para MUDAR o que deu de errado. Assim, quero valorizar mais a pergunta, título deste artigo para vocês.

O que importa para mudar? É saber o que aconteceu de errado. Não é distribuindo desculpas que você chegará à solução. Para chegar ao ponto de partida, precisa-se reavaliar o que você tem em mãos. Para tanto, deve ser feita uma análise CRÍTICA disciplina por disciplina e destacar elas em dois grupos: satisfatórias e insatisfatórias. No primeiro são aquelas que, no mínimo, você fez 50% de acertos. O resto, na segunda.

Isso já é um começo para ter um panorama geral do contexto que você se encontra.

Com estas informações, você saberá onde investir MAIS tempo estudando. Não adianta estudar apenas o que gosta, até porque nem sempre você gabaritará a matéria que nutre paixão qualquer que seja a razão do erro (confiança excessiva, descuido, etc.). Assim, disciplinas que você não gosta deverão “compensar” estes pequenos erros, porque ao final o que interessa é alcançar 50% da prova, porque toda questão tem o mesmo valor: 1 ponto.

Sendo assim, as disciplinas com resultados insatisfatórios serão priorizadas, ok? Mas há ainda um detalhe dentro deste grupo: há diferentes perspectivas. Provavelmente, haverá disciplinas que nenhuma questão foi acertada e outras, “quase” estariam em outro grupo. Assim, dentro deste grupo, ainda é possível fazer uma escala: as disciplinas urgentíssimas e as urgentes.

O diagnóstico sempre será melhor quanto mais exames serem realizados. É assim na medicina como também para o nosso RAIO-X didático para preparação para prova da OAB. Faça a penúltima e antepenúltima prova e encaminhará um melhor resultado.

Dito isso, é hora de preparar um cronograma campeão! Somente com organização é possível a aprovação. Sugiro uma leitura e a possibilidade de baixar gratuitamente um kit de preparação, com roteiro e mais planejador de estudos que montamos para plataforma Saraiva Aprova. Clique aqui e desfrute da construção da sua caminhada até a vitória no XXIV Exame da OAB.

Para recomeçar também é preciso reavaliar o seu material para OAB.

Deixe de lado apostilas ou cadernos, eles não fazem mais sentido para o que estamos enfrentando com a prova da OAB. A sugestão é única: invista em livros específicos para OAB. Para tanto duas obras que resolverão quase todos os problemas (não todos, porque eles não se leem sozinhos):

Completaço 3 Edição

Como o próprio título afirma: ele é COMPLETAÇO, ou seja, mais que completo. Traz teoria unificada de todas as disciplinas e questões comentadas. Lançamento da 3ª edição em 2017. Na Amazon está por R$ 153,00 (clique aqui). Praticamente o mesmo preço na Saraiva (clique aqui). Outra obra que interessa é apenas com questões comentadas, aliás, centenas de milhares delas! Caso você já tenha livros de teoria, servirá como a bateria de testes necessária para demonstrar se o conteúdo doutrinário foi bem aprendido.

5251 Questões Comentadas

 Por apenas 118,00 você leva para casa, pela Saraiva (clique aqui) ou Amazon (clique aqui).

E, por fim, se você já fez todos os preparatórios tradicionais que estão aí no mercado e está cansado dos mesmos discursos, dos mesmos rostos e formatos, então está na hora de conhecer um legítimo aprovatório: a plataforma SARAIVA APROVA. Quando a conheci fiz um longo texto a seu respeito e que você pode ver na íntegra, clicando aqui. Três meses depois, avaliei a SARAIVA APROVA com os principais cursos em todos os quesitos. A resposta de quem era o melhor curso você pode ver aqui.

O mais interessante é a proposta da SARAIVA APROVA: inovação tecnológica para tornar a experiência para cada aluno única. Nos cursos normais, o produto é entregue igual para todo mundo. Na SARAIVA APROVA é entregue individualmente conforme as aptidões de cada aluno, como fossem aulas particulares. Incrível, não? É o que os grandes streaming oferecem (Netflix, Spotify, etc.).

Este é o MELHOR dos recomeços que vocês podem ter. Agora é com vocês!

Ps. Estava com saudades de vocês!

Ps2. Em breve, tenho novidades, muitas!

Banner_Saraiva_Aprova-2

Duas últimas semanas antes do Exame da OAB: o que fazer?

Comentários (0)

Atitude-oab

Olá, meus futuuuuuuuuuuuuros colegas de OAB!

No próximo dia 23 de julho é a 1ª fase do XXIII Exame da OAB. Assim, até lá, duas semanas poderão ser DECISIVAS para uma futura aprovação (ou reprovação). Você é que escolhe! Como assim? Dentro de duas semanas é possível MUDAR ou INTENSIFICAR muita coisa. Por exemplo. Quem ainda nem sequer começou ou está muito atrasado em resolver questões de provas anteriores.

Você já fez algum SIMULADO? Então, está esperando o que? Não sabe onde ou como fazer? Então não dá apenas uma olhada, mas se inscreva nos simulados da Saraiva Aprova. Não só traz o ambiente mais completo, como também resultados dignos dos simulados mais TOP’s e CAROS do país. Mas sabe a melhor? É 100% grátis! Acesse já, clicando aqui.

Outra pergunta que lhe faço: você tem uma ideia do que mais caiu em exames anteriores? Claro que não! Eu já sabia disso. Não estou dizendo que você não sabe, mas de todas matérias, sabe? Qual a importância desta informação? Simples: intensificar o que realmente cai. São os últimos dias antes da prova e você pode PECAR em estar estudando algo que não vai ser cobrado na prova. Ora, como resolver isso, professor, assim, de última hora? Se estivesse faltando mais de um mês, resolvendo questões ajudaria a trazer um foco nas matérias mais requisitadas em provas. Como a prova está logo ali, baixe agora o GUIA DAS MATÉRIAS que mais caem em exames. Onde? Clique aqui. É grátis? TOTALMENTE!

Nestas duas semanas também é o melhor momento para focar em ÉTICA, a rainha das disciplinas. São 10 questões altamente possíveis de serem superadas. Quer gabaritar e abrir um caminho fácil de fechar os 40 acertos? Estude não, SE MATE estudando ÉTICA! Professor, alguma “barbada”? Sim”! O canal do youtube da Saraiva Aprova tem DIVERSAS AULAS de Ética com o prof. André Barbieri. Confere lá, clicando aqui!

Tem um E-BOOK atualizado e com muitas dicas de preparação totalmente grátis para baixar. Vem com um SIMULADO com GABARITO JUSTIFICADO. Outra ferramenta para ser explorada ainda neste período próximo da prova. Clique aqui.

Por fim, mas não menos importante, a Maratona OAB Saraiva Aprova. Faltando 1 semana antes da prova, a plataforma Saraiva Aprova oferece 100% ONLINE e GRATUITO mais de 10 horas de conteúdo AO VIVO para quem se inscrever. Para o XXIII Exame, será no dia 15 de julho a partir das 8 horas da manhã e com intervalo ao meio-dia. Muitas surpresas e brindes serão sorteados durante a programação. Faça sua inscrição, clicando aqui. Professor, mas neste dia tenho um compromisso muito importante, o que faço? Faz a inscrição, porque o evento será disponibilizado para ser assistido mais tarde e quantas vezes quiser, inclusive, com o material dos professores.

Viu que em duas semanas dá para MUDAR a sua vida? Invista neste período o MÁXIMO que você pode para sair com a APROVAÇÃO no próximo dia 23 de julho. E bons estudos!

Inscrições abertas para Maratona OAB Saraiva Aprova

Comentário (1)

Maratona OAB-2

A última Maratona Saraiva Aprova, revisão final online para OAB, foi um estrondoso SUCESSO! Foram mais de 11 horas de conteúdo (por isso está explicado o nome “maratona”) e 10 mil examinandos que assistiram AO VIVO a transmissão online da plataforma Saraiva Aprova. Muitos sorteios e prêmios foram distribuídos durante o programa, tivemos diversas surpresas, muitos momentos de emoção e de interação total e direta com o pessoal que estava assistindo. Se você quiser assistir o que aconteceu na Maratona para XXII Exame da OAB, o link ainda está no ar. Clique aqui e tire suas próprias conclusões!

Então chegamos à mais uma edição deste evento online que já entrou na AGENDA de todo examinando e que acontecerá no dia 15/07, sábado, a partir das 8 horas (horário de Brasília). Promete SUPERAR a anterior em todos os sentidos! Aqui estão apenas 5 motivos de que a experiência será, no mínimo, SENSACIONAL:

  1.    Revisão completa, online e gratuita!
  2.    Melhor time de professores do Brasil
  3.    Mais de 10 horas de conteúdo exclusivo
  4.    Qualidade e referência da Editora Saraiva
  5.    Sua última chance de tirar suas principais dúvidas

Segue o cronograma oficial do evento:

Maratona OAB

O bacana é que TODO material disponível pelos professores durante a transmissão será disponibilizado aos inscritos, lembrando que é TOTALMENTE grátis, mas precisa se inscrever, viu? O link da inscrição está aqui, clique! Caso você perca parte da revisão ou se ausente por qualquer justificativa, um LINK será passado para assistir depois no seu melhor horário, ok? Mas a participação dos sorteios e brindes [tô contando SPOILERS aqui…] só para o pessoal do AO VIVO.

Lembrando que a transmissão não será pelas redes sociais nem pelo YOUTUBE. Será por um LINK de um servidor DEDICADO e que foi 100% perfeito (não caiu) na apresentação anterior. Como a gravação é de ALTA QUALIDADE, sugere-se, caso você tenha internet de velocidade baixa ou oscilante, que diminua a qualidade no próprio PLAYER quando abrir o vídeo. Essa opção é bem simples de acionar. Portanto, REITERA-SE a inscrição para ter acesso ao LINK e que será encaminhado.

Se você ainda tem dúvida, acesse a página do Facebook da Saraiva Aprova [clique aqui] e veja as dezenas de comentários de gente que foi aprovada em razão da MARATONA! Certamente, você também já deve ter visto a hashtag #SARAIVAMEAPROVA. Então, está esperando o que para se inscrever? Clique abaixo!

Para toda maratona de ser feito um aquecimento. Bora aquecer? O 2º SIMULADO ONLINE GRÁTIS da Saraiva Aprova já está disponível. Acesse a imagem e boa sorte!

Plataforma Simulados

Maratona OAB-clique aqui

Melhor Vade Mecum OAB 2017 do mercado!

Comentários (0)

Vade 13 edição

Já está à venda a 13ª edição do VADE MECUM OAB + VENDIDO do mercado: VADE MECUM SARAIVA OAB! Com data de fechamento de 30 de maio de 2017, data da publicação do edital do XXIII Exame de Ordem, é o vade MAIS ATUALIZADO também nas livrarias do país. Vamos comparar?

  • Editora RT: Vade Mecum OAB e Concursos 9ª Edição 2017. Atualizado até 31.01.2017. Preço de capa: R$ 204,00. Link da editora.
  • Editora Método: Vade Mecum Legislação – Concursos e Oab 4ª Edição 2017. Publicação: 13/02/2017. Preço de capa: R$ 158,00. Link da editora.
  • Editora Rideel: Vade Mecum Acadêmico de Direito Rideel 24ª Edição 2017. Fechamento 4.01.2017. Preço de capa: R$ 189,90 . Link da editora.

Outros vades temáticos das editoras Juspodivm e Foco não foram considerados porque constam como “indisponíveis” ou porque não tiveram atualização em 2017.

Quanto ao VADE MECUM SARAIVA OAB, na sua 13ª edição, tem atualização até 30.05.2017 e preço de capa de R$ 175,00. Assim, contra os FATOS NÃO HÁ ARGUMENTO! E vejam que vocês conseguem ainda um valor MELHOR de investimento pela Livraria Concursar: R$ 140,00.  Na Amazon está R$ 147,70. Cliquem nos logos abaixo. Para Livraria Saraiva basta clicar na capa do vade.

Logo-Livraria ConcursarLogo-Amazon

Alguns diferenciais são de grande ajuda para o aluno (e totalmente permitidos pela OAB para uso em prova de acordo com o edital do XXIII Exame da OAB):

  • MAPA da Legislação: Guia de localização rápida, para a 2.ª fase do Exame da OAB, das principais leis e decretos para cada área escolhida pelos alunos;
  • Acesso online com modelos de peças processuais, dicionário de expressões latinas e temário;
  • Regimento Interno do STF e do STJ.
  • Destaques desta edição:
    => Convenção sobre a Obtenção de Provas no Estrangeiro em Matéria Civil ou Comercial (Decreto n. 9.039, de 27-4-2017)
    => Identificação Civil Nacional – ICN (Lei n. 13.444, de 11-5-2017)

Destaco ainda o FIM de uma “polêmica” desnecessária que alguns provocavam: os enunciados do Conselho de Justiça Federal. A partir desta edição, eles não estão mais integrados neste Vade Mecum mesmo que o edital NÃO proíba, alguns interpretavam de forma diferente. Lembro, então, o que o edital do XXIII Exame PERMITE:

MATERIAL/PROCEDIMENTOS PERMITIDOS • Legislação não comentada, não anotada e não comparada. • Códigos, inclusive os organizados que não possuam índices estruturando roteiros de peças processuais, remissão doutrinária, jurisprudência, informativos dos tribunais ou quaisquer comentários, anotações ou comparações. • Súmulas, Enunciados e Orientações Jurisprudenciais, inclusive organizados, desde que não estruturem roteiros de peças processuais. • Leis de Introdução dos Códigos. • Instruções Normativas. • Índices remissivos, em ordem alfabética ou temáticos, desde que não estruturem roteiros de peças processuais. • Exposição de Motivos. • Regimento Interno. • Resoluções dos Tribunais. • Simples utilização de marca texto, traço ou simples remissão a artigos ou a lei. • Separação de códigos por clipes. • Utilização de separadores de códigos fabricados por editoras ou outras instituições ligadas ao mercado gráfico, desde que com impressão que contenha simples remissão a ramos do Direito ou a leis.

Perguntam ainda sobre o “MAPA da Legislação”. Ele é apenas um ÍNDICE TEMÁTICO que não implica em estruturar roteiros de peças profissionais, previsto inclusive no edital [destacado acima]. Segue a imagem abaixo (da 12ª edição):

Mapa de Legislação

Sobre o uso de “separadores de códigos”, lembro que tem que ser IMPRESSOS por empresas, não podem ser em “branco” (como fossem post its, que são proibidos). Nossa indicação são os marcadores (ou etiquetas) da Marca Fácil. Saiba mais, clicando aqui.

Por fim, MAS NÃO MENOS importante, você reconhece as “carinhas” do vade Saraiva OAB? Então, todos são professores da plataforma Saraiva Aprova, uma seleção exclusiva com os melhores do país. Se alguém entende de OAB, são estes!

Então, está esperando o que para INVESTIR na sua APROVAÇÃO e PROFISSÃO?

Exame da OAB: quantas disciplinas devo estudar por dia?

Comentários (0)

Dicas para OAB    Episódio 5   Perguntas e Respostas   YouTube

Olá, meus futuuuuuuuuuuuuros colegas de OAB!

As perguntinhas dos nossos leitores não param de chegar e escolhi duas delas para responder no vídeo de hoje. Se você também tem dúvidas e deseja ser atendido, basta enviá-las para o nosso email (mhdarocha@gmail.com) e que produziremos um vídeo especial, ok? As perguntas do vídeo da semana são estas:

  • Quantas horas preciso estudar por dia?
  • Quantas disciplinas devo estudar por dia?

Lá no canal do YOUTUBE da Saraiva Aprova já respondemos outras na série “quais são as suas principais dificuldades para estudar para OAB”. Confira lá, clicando aqui. Lá você encontrará dezenas de outros vídeos de professores conhecidos nacionalmente, com conteúdo de primeira e sempre bem atualizado. Há também vídeoaulas retiradas diretamente da plataforma Saraiva Aprova.

Realmente, imperdível! Inscreva-se lá no canal do YOUTUBE e você receberá notificações quando houver novos vídeos, beleza?

Confira, então, nosso vídeo e não esqueça de deixar um “like” se você gostou! Compartilhe com os seus amigos, familiares e colegas que estão na mesma luta pela carteirinha vermelha!

Quais são as suas dificuldades para estudar para OAB?

Comentários (4)

Dúvida-OAB

Aproximando-se, “perigosamente”, o dia da prova da 1ª fase da OAB, muitos examinandos não conseguem sair de um “atoleiro” mental, ou seja, não há progressos nos estudos apesar de estarem com os livros abertos e as aulas em dia. Enxergo muitos problemas diante desta situação, mas um dos mais escancarados é que não começaram de forma correta a preparação.

Antes de responder a questão, perguntarão, “mas ainda dá tempo?”. É claro que todo mundo já começou a preparação neste exato momento, mas é possível andar “três casas” para trás e reassumir com uma ordem mental focada nos verdadeiros resultados. Então, para tudo o que você está fazendo e resolva a última prova da OAB. Você vem desta prova, melhor.

Onde quero chegar? Na aprovação. Onde quero começar? Num diagnóstico das suas habilidades e fraquezas. E como se faz isso? Resolvendo provas anteriores. Com este resultado, você terá à sua frente ao menos 3 TIPOS DE SITUAÇÕES:

  1. MATÉRIAS QUE SEI, PQ. ACERTEI.
  2. MATÉRIAS QUE ACHA QUE SABIA, PQ. ERREI
  3. MATÉRIAS QUE NÃO SABIA, PQ. DEIXEI EM BRANCO

Assim, você terá 2 opções ao resolver a última prova: ASSINALAR a alternativa porque você sabe ou DEIXAR EM BRANCO, porque você tem dúvidas ou não sabe.

As 3 SITUAÇÕES acima determinarão seus passos seguintes.

  1. INVISTA PRIMEIRO EM ENTENDER OS ERROS
  2. INVISTA SEGUNDO EM APRENDER O QUE NÃO SABE
  3. INVISTA TERCEIRO EM MANTER O QUE SABE

Dois principais erros enxergo na preparação para OAB. Estudar apenas o que gosta e estudar apenas as disciplinas com maior incidência de questões. Este último ERRO, infelizmente, pode ser atribuído a muitos professores ou “entendedores” de OAB. Porém, pergunto: eles conhecem o seu diagnóstico?

É como um paciente chegar a um MÉDICO sem ter os exames que já fez. Um médico profissional não irá dar qualquer receita sem ter estes exames, não é? Então, o que os palpiteiros sabem sobre sua SAÚDE ACADÊMICA? Eles sabem que você fez TCC em Direito Ambiental ou Consumidor? Ambas as disciplinas têm duas questões cada na prova.

E para quem já conhece os meus MÉTODOS, saberá que 2 DISCIPLINAS POR DIA (exceto Ética, CDC e ECA, que terão quase exclusividade na última semana) atenderá de forma atualizada, semanalmente, o conteúdo da prova.

Preparamos uma websérie no canal do Youtube da plataforma Saraiva Aprova [clique aqui] com dúvidas corriqueiras de preparação para OAB. Se você quiser que respondamos a sua, deixei seus comentários aqui e que vamos produzir, ok? Já tem vídeos meus lá, confira!

Menos de 48 horas para encerrar as inscrições da OAB!

Comentários (0)

Cronometro

As inscrições para o XXIIIº Exame da OAB encerram-se às 17 horas do dia 9 de junho, sexta-feira de acordo com o edital publicado no penúltimo dia de maio. Como se sabe, a grande novidade foi o aumento da taxa de inscrição para R$ 260,00 reais. Criticamos esta conduta neste artigo:

  • A absurda taxa de inscrição do Exame da OAB

Pois bem, passado o susto, mas não a indignação, lembramos que pode ser a ÚLTIMA PROVA com a atual legislação trabalhista, pois uma reforma vem sendo votada e adiantada para acontecer no próximo semestre. Ou seja, provavelmente, para o XXIV Exame teremos novas regras para serem aprendidas. Há muitos céticos a respeito, mas você quer arriscar?

Portanto, a HORA DE PASSAR é agora!

Para compensar o aumento das inscrições, a plataforma SARAIVA APROVA está com uma PROMOÇÃO DE 30% DE DESCONTO em todos os seus pacotes para o XXIII Exame da OAB. No entanto, é até dia 9 de junho também!

A melhor plataforma para OAB, com a tradição centenária da Editora Saraiva e com a melhor seleção de professores do país, com UM DESCONTÃO destes? Sabe quais são os diferenciais?

  • Único curso com a qualidade e tradição da Editora Saraiva
  • Metodologia que proporciona estudos de acordo com seu nível de conhecimento e peso das disciplinas no Exame da OAB
  • Conteúdo criado pelos melhores professores do Brasil, especialistas em preparação para o Exame da OAB
  • O livro OAB Esquematizado® da Editora Saraiva para acessar na plataforma
  • Videoaulas com 20 minutos de duração, com o conteúdo essencial para a prova
  • 6 MESES de acesso ILIMITADO na plataforma
  • Todos os pacotes podem ser parcelados em ATÉ 10X SEM JUROS, único no mercado!

Sabe quanto fica, comparado com a concorrência?

    • CERS tem o investimento de R$ 1.309,00 [“curso teórico online”];
    • Damásio custa R$ 1.648,92 [“extensivo online OAB”];
    • LFG, R$ 1.307,99 [“extensivo online”];
    • Plataforma Saraiva Aprova, de R$ 1.271,00 por R$ 890,00 em 10x SEM JUROS

Não perca mais tempo! Clique aqui.

Quer saber mais sobre o curso? Revelamos tudo a respeito dele! Clique aqui.

30 porcento

XXIIIº Exame da OAB: edital publicado!

Comentários (8)

alunos-e-exames

Então, o edital do XXIIIº Exame Unificado da OAB foi publicado [clique aqui], trazendo muitas esperanças de aprovação e superação desta importante etapa profissional para muitos bacharéis em Direito. Para tanto, é fundamental conhecer um pouco do edital, ao menos, dos principais pontos [destacamos logo abaixo] ou você começa um jogo sem ao menos conhecer as regras?

1. DATA E O VALOR DA INSCRIÇÃO

As inscrições começam hoje e terminam no dia 9 de junho [sempre são 10 dias]. Portanto, não deixe para última hora, ok? E o valor? Sentado? AUMENTOU para R$ 260,00 (duzentos e sessenta reais) por boleto bancário. Está na hora da OAB poder parcelar em 20x SEM JUROS, não acha? Mas o edital trata das opções de ISENÇÃO. Confere lá no item 2.6 do edital. No último Exame, a OAB trouxe um novo “anexo” e que trata sobre a DECLARAÇÃO DE HIPOSSUFICIÊNCIA para fins de isenção da inscrição da OAB.

2. QUEM PODE SE INSCREVER

A OAB andou alterando esta regra recentemente. Como se sabe, para realizar o Exame de Ordem os estudantes de Direito devem estar matriculados nos últimos dois semestres ou no do último ano do curso de graduação em Direito. Porém, antes o edital fixava uma data, qual seja, da publicação do edital. Agora, a comprovação fica condicionada dentro do primeiro semestre de 2017. Mas lembre:  “os estudantes de Direito que declararem falsamente estarem matriculados nos últimos dois semestres ou no último ano do curso de graduação em Direito  no primeiro semestre de 2017” responderão por crime de falsidade ideológica (art. 299, do CP) e estarão sujeitos à eventual processo de averiguação de idoneidade moral perante a OAB (art. 8, inciso VI, da Lei 8.906/94).

3. ONDE PODERÁ REALIZAR A PROVA

Esta regra é clara: “o examinando prestará o Exame de Ordem no Conselho Seccional da OAB no estado em que concluiu o curso de graduação em Direito ou no estado sede de seu domicílio eleitoral, sendo vedada a realização de etapa subsequente em local diverso do inicialmente escolhido”. São estas 2 OPÇÕES. Há exceção, desde que seja fundamentada. Já as cidades dentro do referido estado podem ser escolhidas do modo que você preferir, desde que seja aquelas da lista do edital – ANEXO I.

4. REPESCAGEM (REAPROVEITAMENTO) PARA 2ª FASE

O edital de hoje não trata deste assunto especificamente, mas sim um edital complementar. Portanto, se é seu caso, terá que aguardar até 21 de junho [item 2.8].

5. DAS PROVAS

O capítulo 3 do edital traz instruções sobre as provas da 1ª e 2ª fases. Como se sabe, são 80 questões com 4 alternativas e na 2ª fase, uma peça e 4 questões dissertativas. A duração é 5 horas e as datas são estas:

  • 1ª FASE – 23 DE JULHO
  • 2ª FASE – 17 DE SETEMBRO

Não há qualquer novidade sobre o assunto, as disciplinas são as mesmas DEZESSETE e a divisão do número de questões se mantém também até onde se sabe idêntica. Quer saber mais sobre esta divisão? Clique aqui. Também não há modificação sobre as sete opções para 2ª fase. Lembrando ainda que você somente poderá retirar‐se do local da aplicação levando consigo o caderno de provas (prova objetiva) ou caderno de rascunhos (prova prático‐profissional) a partir dos últimos 60 (sessenta) minutos do tempo destinado à realização do Exame.

Destaca-se que no XXIIº Exame, dois tipos de provas da 1ª fase bagunçaram a ordem das disciplinas. Será que a OAB fará o mesmo neste Exame apesar das inúmeras reclamações a respeito?

6. ANULAÇÕES DE PROVAS

Importa destacar o item 3.6.21 do edital e que diz respeito as situações que levam à ELIMINAÇÃO do exame. Leia com muito atenção para não chorar depois…

7. AVALIAÇÃO E RECURSOS

Cada acerto na prova da 1ª fase irá conferir 1 ponto e são necessários 40 pontos de 80 possíveis, ou seja, 50% de acertos. Na 2ª fase, a média aumenta para 6 pontos, sendo que a peça vale 5 pontos e as outras questões valem cada uma 1,25. Não há arredondamento. Sobre os recursos, espero que vocês não precisem deles, o capítulo é 5 e traz uma série de regras para interpô-los.

Lembre que o gabarito preliminar da 1ª fase é publicado no mesmo dia da prova, ou seja, 23 de julho. Este gabarito pode sofrer alterações até o gabarito definitivo e se você acertou 40 e mudam para uma questão logo a que você acertou, automaticamente, ficará com 39 acertos. Diferente no caso de ANULAÇÃO, pois neste caso, ninguém perde, somente ganha (quem errou a questão anulada).

8. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Infelizmente, só existe no edital [ANEXO II] para 2ª fase. Ainda não entendo porque não oferecem para 1ª fase também, porque em todos os concursos, dos mais acessíveis aos mais difíceis, há um conteúdo a ser estudado. Sinceramente, não só acho um desrespeito como também falta de transparência.

9. PERMITIDOS E PROIBIDOS PARA CONSULTA NA 2ªFASE

O ANEXO III, que trata deste assunto, sempre foi um dos mais polêmicos de todo o edital. Sinceramente, quando é publicado o edital a 1ª coisa que observo é o Anexo III. Muitas coisas que foram permitidas HOJE não podem mais. Sou do tempo que era permitido consultar livro doutrinário na 2ª fase e usar códigos comentados. Tenho medo que em breve até retirem qualquer tipo de consulta, infelizmente. Novidades? Confira abaixo!

10. CRONOGRAMA GERAL DE EVENTOS

Está aí o ANEXO V atualizado com o XXIIIº Exame de Ordem Unificado.

Edital

11. NOVIDADES DO EDITAL

Agora no dia 31/5, AO VIVO, ao meio-dia, estarei na página do Facebook da plataforma Saraiva Aprova anunciando as novidades do edital, ratificando muitas regras e passando algumas dicas para começar esta caminhada até o dia da prova. Não percam!

Ao vivo

12. QUAL É A BARBADA?

Toda publicação de EDITAL da OAB trago uma “barbada” para os meus leitores e desta vez não seria diferente! Além do meu E-BOOK produzido pela Editora Saraiva totalmente grátis com SIMULADO, GABARITO JUSTIFICADO + DICAS DE COACHING [clique aqui], também um GUIA com as matérias que mais caíram nos exames analisadas através de estatísticas, IMPERDÍVEL [baixe aqui].

Quer mais? A plataforma Saraiva Aprova criou um ambiente especial somente para SIMULADOS ONLINE! Sabe da melhor? Todos os resultados do simulado são avaliados para você ter uma ideia clara da sua performance! Melhor que isso? É 100% GRÁTIS! Acesse aqui. Se ainda você não estiver satisfeito com TANTAS vantagens, tenho mais uma para você: Kit de preparação com roteiro de estudos e um planejador para você acompanhar tudo dia a dia! Quer saber? Grátis! Acesse aqui.

Cansou de tantas barbadas? Eu não! Segue a melhor de todas! Consegui um DESCONTÃO de 30% na melhor plataforma de estudos para OAB do país: Saraiva Aprova! Se antes o valor do investimento já estava melhor do que a concorrência, AGORA FICOU IMBATÍVEL! Compare:

    • CERS tem o investimento de R$ 1.309,00 [“curso teórico online”];
    • Damásio custa R$ 1.648,92 [“extensivo online OAB”];
    • LFG, R$ 1.307,99 [“extensivo online”];
    • Plataforma Saraiva Aprova, de R$ 1.271,00 por R$ 890,00 em 10x SEM JUROS

E sabe o que você leva com este investimento?

  1. Único curso com a qualidade e tradição da Editora Saraiva
  2. Metodologia que proporciona estudos de acordo com seu nível de conhecimento e peso das disciplinas no Exame da OAB
  3. Conteúdo criado pelos melhores professores do Brasil, especialistas em preparação para o Exame da OAB
  4. O livro OAB Esquematizado® da Editora Saraiva para acessar na plataforma
  5. Videoaulas com 20 minutos de duração, com o conteúdo essencial para a prova
  6. 6 MESES de acesso ILIMITADO na plataforma

Mas você também pode escolher o plano que recebe em casa um VADE MECUM SARAIVA e/ou OAB Esquematizado®

Você pode conhecer melhor a plataforma através destes dois links abaixo:

Lembre: o DESCONTÃO é até 9 de JUNHO!!!

Desconto 30

Também, todo o exército que se preze precisa de ARMAS PODEROSAS. Minha indicação é a 3ª edição do COMPLETAÇO 1ª FASE OAB FGV da Editora Saraiva. Recém lançada, contém: TEORIA UNIFICADA + QUESTÕES COMENTADAS. Opções de compra: Saraiva por 162,00 [clique aqui]. Na Livraria Concursar, R$ 158,40 [clique aqui]. Na Amazon, R$ 143,35 [clique aqui].

Completaço 3 Edição

Outra indicação, a 8ª edição do livro com maior número de questões comentadas para OAB: PASSE NA OAB 5251 QUESTÕES COMENTADAS. Opções de compra: Saraiva, por 120,10 [clique aqui]; Amazon, por 123,20 [clique aqui] e Livraria Concursar por 123,20 [clique aqui].

5251 Questões Comentadas

Previsões para o XXIII Exame da OAB

Comentários (6)

bola-de-cristal-oab

Nos últimos dias antes da publicação do edital do XXIII Exame da OAB, que ocorrerá no próximo dia 30 de maio, gravei um vídeo para o canal do Youtube da plataforma Saraiva Aprova com as expectativas para este próximo exame. Tratei sobre possíveis novidades, o que esperar da prova da 1ª fase e o que o futuro nos reserva no Exame de Ordem. Confira!

Novas matérias para Exame da OAB

Comentários (0)

Primeiras

Recentemente, publiquei um vídeo no canal da Saraiva Aprova tratando sobre o assunto [no final do texto, clique no vídeo e assista]. Já tratei em diversas outras oportunidades aqui no blog. Ilustrando, clique nos títulos abaixo e leia mais:

Nestes textos, você encontrará previsões que se confirmaram (direito ambiental e filosofia do direito) como outras que estão na expectativa de entrar, como direito eleitoral e previdenciário. Até medicina legal já foi pauta de inclusão, mas ficou no meio do caminho das propostas das comissões especiais da OAB.

Mas diante dos últimos movimentos do MEC com (ou contra) a OAB em razão da reforma do ensino jurídico, é possível que ELEITORAL e PREVIDENCIÁRIO venham, finalmente, a ganhar a luz do dia no Exame de Ordem. Não seria estranho, pois elas já fazem parte de muitos editais de concursos jurídicos e nos cursos de Direito. Então, porque não incluí-las? Sendo assim, é questão de tempo.

Assista ao vídeo e tire suas próprias conclusões. Compartilhe com seus colegas e amigos, pois quem sabe eles serão os próximos a estudar para estas disciplinas… ou não.

Lançamento da plataforma de simulados grátis para OAB

Comentários (0)

Simulado OAB_1

A plataforma de estudos Saraiva Aprova da Editora Saraiva acaba de lançar um ambiente virtual de simulados online para OAB inteiramente grátis. Como se sabe, resolver exercícios é o melhor método para aprender segundo afirma a ciência! Então, porque você vai deixar de fora esta oportunidade de potencializar os seus estudos?

Simulado OAB Gratuito   Saraiva Aprova - 2

O mais bacana nesta plataforma é que todas as suas respostas irão gerar um RELATÓRIO DE DESEMPENHO totalmente individualizado. Diferente de outras opções que se encontra na web, onde apresentam apenas o gabarito, nos simulados da Saraiva Aprova você tem relatórios e gráficos com estatísticas que identificam sua performance. Além disso, há controle de tempo para realizar o simulado dentro da própria plataforma.

Nesta área de estudos, dentro do ambiente, você ainda tem a opção de rever as questões respondidas e gerenciar o seu estudo de maneira personalizada por disciplinas. Veja como é este ambiente após o LOGIN.

Simulado OAB Gratuito   Saraiva Aprova

Tenha certeza, que é a REVOLUÇÃO dos sites que oferecem SIMULADOS para OAB no país! Compartilhe com seus colegas, amigos e familiares, certamente, você estará oferecendo uma ÓTIMA oportunidade de vencer o Exame da OAB.

Simulado OAB_2 Simulado OAB_3

Duas últimas semanas antes da publicação do edital da OAB

Comentários (0)

I want you

Enquanto tem um exército de examinandos em busca da melhor preparação para a última batalha no XXIIº Exame da OAB, há outro que começa a se formar para enfrentar a primeira batalha, cuja data é 23 de julho. Antes, o edital: dia 30 de maio.

O que podemos adiantar diante destes prazos? Que você DEVE começar a preparação já! Alista-se, imediatamente, ao compromisso de ESTUDAR para o XXIII Exame Unificado. Como fazer isso? Bem, indicamos o MELHOR REGIMENTO: a plataforma Saraiva Aprova!

Raiz-Nutella

Esta é a ELITE das ELITES, sabe porque?

  1. Único curso com a qualidade e tradição da Editora Saraiva
  2. Metodologia que proporciona estudos de acordo com seu nível de conhecimento e peso das disciplinas no Exame da OAB
  3. Conteúdo criado pelos melhores professores do Brasil, especialistas em preparação para o Exame da OAB
  4. Receba em casa o livro OAB Esquematizado® da Editora Saraiva
    ou o Vade Mecum Saraiva OAB
  5. Videoaulas com 20 minutos de duração, com o conteúdo essencial para a prova
  6. 6 MESES de acesso ILIMITADO na plataforma

Além disso, tem o MELHOR CUSTO-BENEFÍCIO do mercado! Enquanto o CERS tem o investimento de R$ 1.309,00 [“curso teórico online”]; o Damásio custa R$ 1.648,92 [“extensivo online OAB”]; e o LFG, R$ 1.307,99 [“extensivo online”], a Plataforma Saraiva Aprova tem o menor plano por apenas R$ 1.271,00. E é o ÚNICO que parcela em 10x SEM JUROS.

Você pode conhecer melhor a plataforma através destes dois links abaixo:

Também, todo o exército que se preze precisa de ARMAS PODEROSAS. Minha indicação é a 3ª edição do COMPLETAÇO 1ª FASE OAB FGV da Editora Saraiva. Recém lançada, contém: TEORIA UNIFICADA + QUESTÕES COMENTADAS. Opções de compra: Saraiva por 198,00 [clique aqui]. Na Livraria Concursar, R$ 158,40 [clique aqui].

Completaço 3 Edição

Outra indicação, a 8ª edição do livro com maior número de questões comentadas para OAB: PASSE NA OAB 5251 QUESTÕES COMENTADAS. Opções de compra: Saraiva, por 120,10 [clique aqui]; Amazon, por 123,20 [clique aqui] e Livraria Concursar por 123,20 [clique aqui].

5251 Questões Comentadas

Por fim, fica a dica: materiais oficiais grátis para OAB? clique aqui e ÓTIMA convocação para você!

Ferramentas grátis para o Exame da OAB

Comentários (2)

GRATIS-oab

Nem tudo é pago para se viver. P.ex. o ar que respiramos. Mas o preceito não é esse, o fato é que todos nós desejamos ajudá-lo a ser aprovado, seja oferecendo materiais pagos, seja oferecendo materiais gratuitos. Então há professores, preparatórios, editoras, enfim, muitos personagens envolvidos que participam de todo este universo de concursos e OAB.

Provavelmente, você já deve ter lido o princípio do GANHA-GANHA. Assim, nesta oportunidade, todos se ajudam, todos ganham de alguma forma.

Veja que este blog, por exemplo, também tem esta função. Todo o material aqui disponibilizado como as dicas e tudo mais é 100% grátis. Nele ofereço opções pagas para garantir a manutenção do próprio e da assistência que a gente se dedica.  Neste espírito colaborativo, reuni diversas FERRAMENTAS GRÁTIS que irão lhe ajudar a conquistar o Exame da OAB.

Não tem mais “mimimi” que não consegue ser aprovado porque não tem dinheiro para se preparar. Basta reservar esforços, pagos ou não, para ser aprovado. Segue, então, suas opções e bons estudos!

=[E-BOOK PARA OAB]=

Preparamos para plataforma Saraiva Aprova um e-book trazendo dicas de preparação, indicação de livros, coaching e ainda um simulado preparado especialmente para este livro além do gabarito referenciado com as respostas legais ou doutrinárias. Baixe aqui e tenho acesso a esta ótima ferramenta para o Exame da OAB.

=[SIMULADO ONLINE]=

A plataforma Saraiva Aprova oferece um simulado online no padrão OAB com 80 questões de múltipla escolha. Baseado em um estudo estatístico sobre a 1ª fase do exame, o simulado tem o mesmo grau de dificuldade da prova, além de priorizar os temas mais recorrentes! E ainda tenha acesso ao gabarito e ao seu relatório de desempenho após realizar o simulado. Clique aqui e boa sorte!

=[KIT DE PREPARAÇÃO]=

Este kit de preparação foi organizado para o XXIIIº Exame da OAB e contém um roteiro de estudos e um modelo planejador, uma dupla perfeita para quem pretende estudar de forma ORGANIZADA e com METAS. Eles se encaixam em qualquer agenda e ao perfil de quem irá usar. Portanto, ele não é “fechado”, ou seja, é personalizado às suas necessidades. Quer saber mais, clique aqui e baixe o kit de preparação.

=[DICAS EM VÍDEO]=

O canal do Youtube da plataforma Saraiva Aprova é completo. Não é qualquer coisa que está postada nesta rede social, mas dicas valiosíssimas e com grande impacto na preparação para OAB. Há vídeoaulas inclusive, diretamente, retiradas do ambiente do aluno do curso. Imperdível. Assine o canal e passe a receber informações de novidades semanais. Também é grátis. Conheça o canal, clicando aqui.

=[MARATONA SARAIVA APROVA]=

A Maratona Saraiva Aprova foi um evento épico que a plataforma fez no dia 25 de março com mais de 11 horas de dicas AO VIVO das 17 disciplinas do Exame da OAB. Mais de 10 mil assistiram durante o sábado, além de outros 10 mil que assistiram após o término da transmissão. Realmente, foi um SUCESSO impressionante e os resultados idem. Muita gente foi aprovada e deu crédito à Maratona Saraiva Aprova. Este link ainda está no ar, aproveite e assista quantas vezes quiser! Acesse aqui e bons estudos.

=[GUIA DOS CONTEÚDOS MAIS COBRADOS NA OAB]=

Este guia é o legítimo GPS DA APROVAÇÃO! Apresenta de forma detalhada em cada disciplina o que realmente cai baseado em estatísticas de todas as provas aplicadas pela FGV. Ninguém tinha feito e compartilhado ao público de forma GRATUITA! Realmente, é sensacional o trabalho e os gráficos que pertencem a este guia. Imperdível! Irá otimizar seu tempo nos estudos e direcioná-los ao conteúdo que realmente é cobrado. Clique aqui e baixe antes que mudem de ideia, passando a cobrar!

=[BLOG SARAIVA APROVA]=

O blog Saraiva Aprova reúne o trabalho escrito de todos os professores da plataforma, textos de ótima qualidade e que ajudarão a encaminhar seu destino à aprovação. Semanalmente, há novos conteúdos direcionando sua preparação para o melhor caminho. Conheça mais, clicando aqui.

Quantas questões da OAB serão anuladas hoje?

Comentários (0)

bola-de-cristal-oab

Pois bem, chegamos ao GRANDE DIA da pergunta que vale 1.000.000,00 de reais: quantas questões irão anular hoje? Façam suas apostas! Lembrando que na última prova 2 questões foram anuladas. Mas e hoje, com a publicação do gabarito definitivo?

Escrevemos a respeito e levantamos 7 questões candidatas à anulação, clique aqui.

Muitas dúvidas chegaram a partir desta publicação, principalmente: “devo estudar para 1ª fase ou 2ª fase?”. A pergunta, certamente, reflete não só a questão financeira de investimento para um preparatório como também evitar frustrações futuras do resultado de hoje.

Todo mundo sabe que sou um pessimista moderado, ou seja, não acredito muito em anulações para prova da OAB realizada pela FGV. Os números dizem isso. O máximo de anulação foram 4 questões, mas porque foi uma tragédia: a banca copiou 4 questões de tributário de outras provas.

Pois bem, sendo assim, acredito que 1 questão sempre é possível anular, além disso, é acertar na MEGA SENA ACUMULADA. Mas também se não anularem, direi: “não poderia esperar outra coisa da FGV”. E assim, injustiças vão se acumulando nem o Judiciário nem a Santa Sé pode fazer algo contra, porque é Deus no Céu e a FGV na Terra (ou no Inferno, como queiram).

Geralmente, o resultado sai no site do Conselho Federal da OAB antes da própria FGV, então, fica ligado e dá-lhe F5. De qualquer modo, estamos na torcida que ANULEM todas as questões que precisam ser anuladas. Simples assim. Não tem esta de “prova perfeita”, erros acontecem, principalmente, numa ciência que não é exata como o Direito.

Enfim, independentemente, do resultado, AO MENOS, continue acreditando em VOCÊ! Deixe a FGV e a OAB de lado, porque basta fazer o que precisa ser feito: ESTUDAR DE FORMA ADEQUADA! Não sabe como? Minha dica: CLIQUE AQUI. Que seja a ÚLTIMA VEZ que você estudará para o Exame da OAB. AMÉM!

[atualizado] NENHUMA questão acabou sendo anulada. Simplesmente, lamentável.

Faltando 1 mês para o edital da OAB

Comentário (1)

Falta 1 mes edital da oab

A preparação para o Exame da OAB tem algumas datas relevantes e uma delas é quando falta 1 mês para a publicação do edital. O XXIIIº Exame Unificado vem aí e a data da prova é 23 DE JULHO. Anotem aí outra data importante:

23 DE JULHO

Entre o edital e a data da prova serão 53 dias, “quase dois meses” para os OTIMISTAS. Para os PESSIMISTAS, um “pouco mais de um mês”. A pergunta é: você ficará esperando a publicação do edital para iniciar os estudos?

Então, você não precisa decidir se é PESSIMISTA ou OTIMISTA, basta começar a preparação hoje! Adiantando-se, você terá pela frente 83 dias para se preparar. Parece MUITO, mas não é. Veja bem: os dois métodos de estudos com MAIOR UTILIDADE entre 10 testados pela ciência dizem respeito à: resolução de questões e estudar de forma antecipada. Então, porque esperar?

Sabe de outra coisa? O gabarito definitivo da prova objetiva da 1ª fase do XXIIº Exame ainda não foi publicado. Sabe quantas pessoas estão por apenas 1 ou 2 questões? MILHARES! Se elas serão anuladas? O pessimismo é grande. Pergunto, novamente: você quer ter esta mesma AFLIÇÃO e ficar por apenas 1 ou 2 questões? Então, seja APROVADO DE FATO, já na lista preliminar de aprovados para não sofrer com (a falta) a sorte.

Quer saber mais? A plataforma Saraiva Aprova tem o sensacional e único PRAZO DE ACESSO durante 6 MESES. Nenhum outro curso ou cursinho oferece este benefício no mercado. Assim, se você começar hoje a estudar, certamente, você ainda aproveitará a plataforma para reforçar seus estudos para 2ª fase da OAB. Bom, não? Não, é EXCELENTE! E sabe quantas vezes pode acessar cada vídeoaula? É ilimitado! Portanto, assiste quantas vezes quiser.

Também, sabe o que é mais legal? A Saraiva Aprova disponibilizou GRATUITAMENTE um guia das matérias que mais caíram em exames da OAB por disciplina! O seu GPS para os seus estudos! É muito simples, basta clicar aqui ou na imagem, e  BINGO!

Guia1

A plataforma Saraiva Aprova também disponibiliza um SUPER CANAL no Youtube! Lá você encontrará tanto dicas, como comentários da última prova (um bom começo para iniciar) e grande parte da trilha da matéria de ÉTICA, a rainha das disciplinas! Clique aqui e se inscreva!

Quer outros diferenciais, sinteticamente, da plataforma Saraiva Aprova?

  1. Único curso com a qualidade e tradição da Editora Saraiva
  2. Metodologia que proporciona estudos de acordo com seu nível de conhecimento e peso das disciplinas no Exame da OAB
  3. Conteúdo criado pelos melhores professores do Brasil, especialistas em preparação para o Exame da OAB
  4. Receba em casa o livro OAB Esquematizado® da Editora Saraiva
  5. Videoaulas com 20 minutos de duração, com o conteúdo essencial para a prova

Fizemos dois artigos completos sobre a plataforma, o primeiro do lançamento e o segundo entramos na plataforma e demonstramos passo a passo como funciona:

Também realizamos um comparativo dos preparatório para OAB, veja mais em:

Tudo isso parece ser muito caro, não é? Mas não! O preparatório do CERS tem o investimento de R$ 1.309,00 [“curso teórico online”]; o Damásio custa R$ 1.079,00 [“intensivo online OAB”]; e o LFG, R$ 1.307,99 [“extensivo online”].

Na Saraiva Aprova, em valor promocional, está R$ 990,00, incluindo o livro OAB ESQUEMATIZADO® entregue na sua residência sem custo algum e que pode ser parcelado 10x SEM JUROS. Se você não quiser o livro, tudo bem, sai por R$ 890,00 nas mesmas condições. E eu ainda consigo mais um descontinho… use o CÓDIGO abaixo e ganhe MAIS 10%.

Vai esperar a publicação do edital se você pode começar hoje mesmo com o MELHOR PREPARATÓRIO da OAB, o único com o SELO “APROVATÓRIO” do mercado? Inicie já a sua preparação [clique na imagem abaixo]!

Desconto

5 Dicas de estudos para 1ª fase do XXIII Exame da OAB

Comentários (7)

Cinco

A última prova da 1ª fase é recente, aplicada há menos de 10 dias. Acredito que este post serve para dois públicos: [1] para quem irá fazer pela 1ª vez o exame; [2] para quem irá refazer o exame. O prazo de 10 dias é um período satisfatório de respeitar o LUTO da reprovação. Momento que calados observamos a vitória dos outros e, inevitavelmente, comparamos porque não fomos nós os aprovados.

Não é inveja, mas avaliar o que fizemos de errado e o que os outros fizeram de certo.

Avaliar o que se fez errado também é um ponto de partida para quem irá prestar o exame pela 1ª vez. Fica como um ALERTA do que não pode cometer. Portanto, o texto serve para todos que irão realizar a 1ª FASE do XXIIIº Exame da OAB.

Assim, reunimos 5 DICAS essenciais tanto para começar como para recomeçar os estudos para 1ª fase da OAB.

[=1=] AUTOAVALIAÇÃO – O coaching é um processo contínuo de avaliação do coachee, ou seja, aquele que precisa esclarecer seu próprio caminho. Através de perguntas poderosas formuladas pelo coach, vou enxergando a luz do final do túnel até alcançá-la. Em outras palavras, é a partir das suas respostas que serão direcionadas as perguntas. Mas você pode tentar chegar a elas através de uma autoavaliação. Neste caso específico, antes de iniciar a preparação em si, precisamos nos conhecer. E as perguntas do coach estarão nas questões da última prova da OAB. Resolva elas e o resultado indicará suas qualidades e defeitos. Não basta resolver, é importante avaliar. Tem dúvidas do resultado? Faça a antepenúltima prova e assim sucessivamente.

[=2=] INVESTIMENTO – Não só financeiramente, como na dedicação. Com os resultados em mãos (quais disciplinas estão bem, quais estão ruins), você investirá MAIOR tempo em resolver seus pontos fracos. Não adianta investir onde você já vai muito bem, precisa, estrategicamente, entender a “média” naquelas deficitárias, ou seja, que empurram seu escore para baixo do mínimo, ou seja, 50% de acertos no total de questões. Quanto à questão financeira, ela reflete em investir em livros novos, específicos para OAB, com questões comentadas e teoria unificada. Estudar com caderno ou apostila é totalmente perigoso, por isso ultrapassado. E gastar com um preparatório mais “em conta”, sem observar se aulas são atuais, se há envolvimento dos professores, pode sair bem caro porque vai ter que pagar de novo caso não ocorra a aprovação.

[=3=] MATERIAL DIDÁTICO – Ninguém em sã consciência vai entrar numa batalha sem um armamento seguro ou moderno. Para enfrentar a FGV, não basta o caderno da faculdade, nem apostilas da internet. 99,9% das apostilas não tem autoria, nem data de atualização. Você pode estar estudando com material ultrapassado e nem sabe disso. Hoje o mercado editorial é rico em opções, portanto, porque vai arriscar 3 meses que envolvem um exame da OAB? Quer uma sugestão? Completaço – Teoria Unificada e Questões Comentadas – Passe na OAB 1ª Fase FGV. [clique nos títulos e saiba mais]. E você com este VADE MECUM antigão aí. Quer resolver isso? Vade Mecum Saraiva – OAB e Concursos – 2017. Este é o kit aprovação para 1ª fase. A FGV não vai ter chance alguma!

[=4=] MÉTODOS DE ESTUDOS – A ciência apontou, entre 10 métodos, aqueles dois com maior utilidade, resultado da pesquisa. Os melhores métodos são: RESOLVER QUESTÕES e ESTUDAR DE FORMA ANTECIPADA. Nunca foi tão importante a resolução de questões de provas anteriores, seja como autoavaliação, seja para otimizar o tempo com os estudos. Não existe conteúdo programático para 1ª fase, assim, resolvendo e avaliando questões de provas passadas você encontrará muitas conclusões em cada disciplina. O que posso lhe ajudar é indicando um livro de questões comentadas: Passe na OAB – 1ª Fase Fgv – 5.251 Questões Comentadas. Este livro já traz as questões divididas em disciplinas e temas, facilitando, assim, esta pesquisa. Sobre estudar de forma antecipada, sugiro um cronograma CAMPEÃO e que pode ser adequado às suas necessidades: duas disciplinas por dia, todos os dias da semana. Total: 14. E as outras 3? Ética, ECA e CDC deixe para última semana antes da prova. Quantas horas por dia? Vai depender da sua disponibilidade. Não precisa ser 8 horas, mas também com 1 hora diária não dá para engrenar qualquer coisa. A divisão entre as disciplinas depende de você: invista mais tempo na mais fraca.

[=5=] PREPARATÓRIO – Muita gente me pergunta “qual o melhor cursinho de OAB”. Realmente, “cursinho” eu não sei dizer, porque há tantos espalhados no país, sendo que a cada semana surge um novo e fecha outro. “Cursinho” no diminutivo é porque é “inho” mesmo. Você ouvirá que muitos fizeram mais de um porque o resultado não chegou. Muitos deles é mais um “produto” de uma extensa prateleira de cursos, que envolvem não só jurídicos, como ENEM, para área da saúde, etc. Vendem de tudo de um pouco. Se quero comprar um bom vinho, vou procurar onde? Numa loja especializada. Que não quer o melhor, por isso que me perguntam. No entanto, há bons preparatórios [não cursinhos]. Também há plataformas, muito poucas, mas pode anotar, será tendência. Delas posso dizer quem é pioneira e também dizer qual a melhor: Saraiva Aprova. É a plataforma da EDITORA SARAIVA, que dispensa maiores apresentações, como também é a plataforma que o prof. PEDRO LENZA coordena, hoje, indiscutivelmente, o nome mais popular no mundo do Direito do país em razão da sua coleção Esquematizado®. Além da equipe de professores que reuniu e de toda a tecnologia envolvida, não há dúvidas que é a melhor plataforma. Quer saber mais? Indico dois links [clique neles]: uma apresentação dos benefícios e a visualização interna da plataforma por vídeo.

Todas estas 5 dicas são melhores exploradas em outros ‘posts’ já publicados aqui no BLOG. Tem um campo para buscar todos estes assuntos, basta redigir ali, na coluna à direita no topo.

Por fim, para quem está reiniciando os estudos, importa descobrir o que aconteceu que não veio a aprovação desejada. Observe seus métodos. Compare não só com quem foi aprovado, pois muitas vezes não serve para você. Compare com as dicas acima. Analise a prova que você não foi aprovado. Descubra do porquê. Mantemos contato!

XXII Exame OAB: questões anuláveis

Comentários (60)

Anular

Sabe-se que o prazo recursal é somente a partir da divulgação da lista preliminar de aprovados, ou seja, DIA 17 DE ABRIL. Assim, do dia 17 ao dia 20 é o prazo para RECORRER DA 1ª FASE da OAB. Porém, por óbvio, ninguém se aguenta até este dia. Não foi assim em todos os últimos exames da FGV como não será neste.

Quem está por 1 ou 2 questões está “louco” para começar a preparação para 2ª fase. Veja que a data da prova da 2ª fase está marcada para 28 DE MAIO. Portanto, não quer perder tempo roendo as unhas, tendo insônias, enfim, quer decidir a sua vida, seja para continuar na esperança de ser o último exame da OAB, seja para retomar os estudos para 1ª fase.

Ultimamente, quem está por 40 ou 41 acertos também anda sofrendo com o gabarito. “- Como assim, professor, a pessoa passa e ainda tem medo de ser reprovada?”. Pois é, inclusive é compreensível em razão de recente passado da FGV. Explico. No XIXº Exame da OAB, a FGV retificou o gabarito, alterando 2 questões de direito do trabalho. Já no IIIº Exame da OAB, a FGV retificou também o gabarito, alterando 1 questão. Em ambas as oportunidades, alegou ERRO MATERIAL.

O que aconteceu? Quem tinha acertado com o primeiro gabarito divulgado, acabou perdendo duas questões. Assim, muita gente que foi aprovada, da noite para o dia, ficou reprovada. Assim, RETIFICAR é diferente de ANULAR. Explico novamente. Se você acerta 40 questões e ANULAM 1, você não perde nada, ganha quem errou justamente a questão anulada. Se você acerta o mesmo número, no entanto, RETIFICAM 1, justamente, a que você tinha acertado, você perde, porque um novo gabarito foi homologado. Capisce?

Pois bem, depois desta introdução, outros dados devem ser informados.

Contando a partir do Xº Exame da OAB, inclusive este, tivemos 8 provas sem anulações do total de 12 exames. 3 provas tiveram 2 questões anuladas. E uma única prova, 1 questão anulada. Lembro que exceto a última, a XXIº Exame, que teve duas questões, os XVIII, XIX e o XX não tiveram. Portanto, fica evidente que a FGV (e nenhuma outra banca) não gosta de anular. ANULAR é confessar que errou, sendo assim, ninguém gosta de admitir erros.

Por isso, meu PESSIMISMO MODERADO quanto às anulações, especialmente, na OAB. Se você está por 3 QUESTÕES, retome os estudos imediatamente para 1ª fase. Se você está por 2 QUESTÕES, diria eu que é praticamente impossível no XXIIº Exame repetir o feito do último. Veja que a última prova foi “do capeta”, pois antes de anularem, o índice de reprovação era quase 95%. “- Então, professor, você está dizendo que há uma espécie de ‘compensação’ em anular e a aprovação?” Infelizmente, SIM.

Diante disso, se a média histórica de aprovação se mantiver por volta entre 20% a 30% na 1ª fase, é quase missão impossível arrancar alguma anulação, somente em casos gritantes! E o XXIIº Exame? Aparentemente, está dentro desta média.

“- Então, eu, que fiz 39 acertos não tenho chance alguma?”

Avaliando tudo o que já me mandaram de outros preparatórios e blogs, acho que conseguimos reunir no máximo 7 questões candidatas à anulação. Há uma questão que parece ser UNANIMIDADE e professora Carla Carvalho da Saraiva Aprova concorda que é do “Fagundes e Pilar são noivos e pretendem se casar adotando o regime de separação de bens mediante celebração de pacto antenupcial. Fagundes é empresário individual e titular do estabelecimento Borracharia Dona Inês Ltda. ME”.

Veja que você encontrará diferentes opiniões sobre uma única questão, gente defendendo o gabarito e gente querendo a anulação. Lembre ainda que há também outros interesses envolvidos na anulação e que passam justamente pela sua aprovação: comprar curso para 2ª fase. Então, por certo, você precisa desconfiar quando há muito otimismo ou alguém querendo vender muito algo que os números não mentem.

Por isso, não acredite quem defenda que com 37 acertos o “céu é logo ali” ou “esperança é a última que morre” ou mesmo “fé, acima de tudo”. Em todo o histórico de FGV como banca da OAB apenas em duas oportunidades anularam 3 questões, mas já vão muitos anos desde então e a prova não é mais a mesma.

Outra pergunta frequente que recebo: “- Professor, preciso eu entrar com o recurso?”. Não precisa, mas somente quem fez a prova pode entrar. Então não se deixe levar que os professores entrarão com recurso ou o próprio cursinho. Estamos apenas indicando um norte. E se for anulada a questão, aproveita a todos, mesmo quem não entrou com recurso. Assim, você pode entrar (é grátis e online) ou torcer que alguém entre…

Então, para finalizar, o que consegui juntar de questões [só o começo] que julgam que podem ser anuladas.

[1] Antônia contratou os arquitetos Nivaldo e Amanda para realizar o projeto de reforma de seu apartamento. RESPOSTA: alteração de gabarito (“será possível o ajuizamento”), retificação.

[2] Em determinada subseção da OAB, constatou-se grave violação à disciplina prevista na Lei nº 8.906/94, no que diz respeito ao exercício de suas atribuições de representar a OAB perante os poderes constituídos e de fazer valer as prerrogativas do advogado.  RESPOSTA: sem gabarito, anulação.

[3] Festas Ltda., compradora, celebrou, após negociações paritárias, contrato de compra e venda com Chocolates S/A, vendedora. RESPOSTA: sem gabarito, anulação.

[4]  O Presidente da República descumpriu ordem judicial, emanada de autoridade competente… RESPOSTA: alteração de gabarito (“pelo Senado Federal”), retificação.

[5] A teoria dimensional dos direitos fundamentais examina os diferentes regimes jurídicos de proteção desses direitos ao longo do constitucionalismo democrático, desde as primeiras Constituições liberais até os dias de hoje. RESPOSTA: duas alternativas corretas, além da oficial aquela que traz “O conceito de direitos coletivos de terceira dimensão se relaciona…”, anulação.

[6] Expedida carta precatória executória numa demanda trabalhista, o juízo deprecante cita o devedor para pagamento. RESPOSTA: erro no enunciado [não seria “deprecante”, mas “deprecado”] que prejudica a compreensão, anulação.

[7] Fagundes e Pilar são noivos e pretendem se casar adotando o regime de separação de bens mediante celebração de pacto antenupcial. RESPOSTA: sem gabarito, anulação.

Complemento que não trouxe as fundamentações propositalmente, pois a própria FGV solicita que os recursos não tenham suas razões repetidas. Sendo assim, busque argumentá-las do seu modo a partir do dia 17 de abril..

Por fim, se depois de todo este texto você decidiu retomar os estudos para 1ª fase, quem sabe não seja o momento de repensar suas tentativas anteriores, inclusive essa? Avaliar o que você poderia ter feito melhor. Tentar superar os problemas que surgiram ou permanecem e que estão impedindo que sua preparação seja mais produtiva? Estudou demais, será que não estudou errado? Lembro que quantidade não é qualidade. Quer uma dica? Conheça a nova plataforma Saraiva Aprova. É totalmente diferente do que você já viu, pode apostar! Fiz um vídeo dentro da plataforma, mostrando tudo que é de novo, clique aqui e reveja seus conceitos.

Agora, se você quer seguir o caminho da 2ª fase, porque conteúdo estudado não é perdido, como sempre diz o meu pai, sugiro a nova coleção Completaço Passe na OAB 2ª Fase FGV, com todos os volumes lançados agora em março 2017 pela EDITORA SARAIVA. Tem o melhor custo-benefício do mercado e ainda traz não só MODELOS, como PEÇAS COMENTADAS, QUESTÕES COMENTADAS, um PASSO A PASSO, as PRINCIPAIS SÚMULAS, e TEORIA. Saiba mais, clique aqui.

E, independentemente, da sua escolha, o VADE MECUM SARAIVA OAB E CONCURSOS tem nova edição (12ª, 2017), recém saída do forno. E na livraria AMAZON está numa promoção incrível. Clique aqui.

Primeiras observações sobre a prova da OAB

Comentários (17)

Primeiras

Aplicada a prova da 1ª fase do XXIIº Exame da OAB, antes mesmo da hora para encerrá-la (18 horas), já é possível apresentar primeiras observações ou impressões sobre ela, a começar pela mudança da ordem das disciplinas e a não correspondência entre os tipos de provas.

Como vocês devem saber, a prova há muitos anos começa por ÉTICA. Inclusive já fizemos uma montagem que viralizou sobre a ordem das disciplinas e quantas questões cada uma respondia, clique aqui. Hoje foi diferente [baseada na prova amarela ou 03]:

  • 1-7 DIREITO CIVIL [7]
  • 8-9 FILOSOFIA DO DIREITO [2]
  • 10-11 INTERNACIONAL [2]
  • 12-21 ÉTICA [10]
  • 22-28 CONSTITUCIONAL [7]
  • 29-33 EMPRESARIAL [5]
  • 34-35 CONSUMIDOR [2]
  • 36-41 PROCESSO CIVIL [6]
  • 42-44 DIREITOS HUMANOS [3]
  • 45-46 AMBIENTAL [2]
  • 47-51 PROCESSO PENAL [5]
  • 52-57 PENAL [6]
  • 58-63 TRABALHO [6]
  • 64-68 PROCESSO DO TRABALHO [5]
  • 69-72 TRIBUTÁRIO [4]
  • 73-78 ADMINISTRATIVO [6]
  • 79-80 ECA [2]

Dois comentários a fazer sobre esta mudança: [1] a prova da OAB é a única que conheço que não identifica as questões pelas disciplinas; [2] a mudança só tem um motivo, o mesmo de não identificar as questões por disciplinas: DIFICULTAR a vida do examinando.

Outra mudança: como se sabe são 4 TIPOS de provas (por número e cores). Em todas elas a ordem das disciplinas era idêntico, só mudava a ordem das questões e às vezes, alternativas. Neste exame, as provas não seguiram a mesma ordem.  [atualizado]. Tive acesso agora a todas as provas, a FGV disponibilizou. A prova BRANCA (tipo 01) e VERDE foram as ÚNICAS que mantiveram a mesma sistemática anterior, começando por ÉTICA.

Pergunto: a OAB e a FGV estão com medo do quê, que COLEM?

Entendo que faltou ISONOMIA no tratamento quanto aos examinandos. Sabe porque? Todo mundo já esperava um padrão e ele só se REPETIU na PROVA BRANCA! Quer ver alguns comentários que colocaram no perfil no Facebook?

comentarios

Isso é uma pequena amostragem. Reitero: faltou ISONOMIA, porque somente aqueles que pegaram a prova BRANCA e VERDE sabiam, desde antes, qual era a sequência das disciplinas. E começaram por ÉTICA onde a posição era conhecida de TODOS. No entanto, quem ficou com as demais provas teve que procurar onde estava a disciplina.

Sobre o grau de DIFICULDADE, minha impressão é que não foi o “exame do capeta”, mas também não foi o “exame da Branca de Neve”. Lembra da última prova, o “exame do capeta“? Para refrescar a memória (clique no link abaixo):

- Foi um exame da OAB do capeta! [28.11.2016, sobre a prova da 1ª fase do XXIº Exame]

Conversando com os professores da SARAIVA APROVA, a posição parece seguir neste sentido: NA MÉDIA, a prova foi menos complicada do que a anterior.

Fora uma disciplina ou outra, a sensação geral foi esta. Já tínhamos previsto que o XXIIº Exame, provavelmente, deveria ser mais dentro do que esperamos, pois concluímos, em razão da nossa experiência, que não há duas provas do capeta seguidas. O Exame de Ordem NUNCA VAI SER FÁCIL, talvez, experimentar uma dificuldade moderada.

Ao que parece, o XXIIº Exame da OAB pode estar neste grupo. Leia sobre nossa previsão:

- Como será a próxima prova da OAB? [09.03.2017]

No mais, foi uma prova de exaustão. Veja que as questões de CDC tinha cada uma quase 20 linhas de enunciado, ou seja, quase uma redação interpretativa. A mudança da ordem, certamente, também deve ter embaralhado a cabeça da maioria que busca resolver primeiro ÉTICA. Até achar as questões gera dúvidas do tipo “será que mudaram não só a ordem das questões como o número em cada disciplina?”.

Já li relatos na internet de gente que ficou indignada com esta alteração. Também achei descabida. A pergunta que fica agora é: serão que irão alterar em toda “santa” prova ou vão manter este novo formato? Realmente, a OAB e FGV nos pegaram de surpresa!

Os professores da Saraiva Aprova estão analisando a prova para verificar se há candidatas a serem anuláveis. Em breve, iremos passar uma posição. [ATUALIZADO] XXII Exame OAB: questões anuláveis

[ATUALIZADO] Gabarito preliminar: clique aqui.

6 meses

Uma coleção mais que completa para 2ª fase? Mais atualizada do mercado, há poucos dias lançada no mercado editorial? Que traga não só MODELOS DE PEÇAS, como também o seu passo-a-passo, peças comentadas e questões discursivas comentadas de provas anteriores, além de teoria e as principais súmulas que podem cair na sua prova? Clique na imagem abaixo e saiba mais!

completaço 2 fase

Confirmada: a 3ª fase da OAB vem aí!

Comentários (36)

esqueceramFontes fidedignas “mandaram” avisar que a OAB irá endurecer a partir do XXVº Exame de Ordem, ou seja, o primeiro exame de 2018. Dizem tais pessoas, todas com trânsito livre entre os corredores do Conselho Federal, que a profissão de advogado irá desaparecer caso a OAB não faça alguma coisa contra tantas vagas em faculdades de Direito. Pior que isso, há dezenas de pedidos represados no MEC desde 2013, quando não se permitiu mais a abertura de cursos de Direito. Provavelmente, é uma AMEAÇA da OAB à avalanche de novas vagas.

Assim, dentre as possibilidades, praticamente, certas, a inclusão de uma 3ª fase para o Exame da OAB é seguir a tendência do que os grandes concursos já praticam, uma fase oral. Concursos para juiz, MP, defensor público, entre outros, exigem a prova de tribuna. Portanto, estaria dentro das expectativas dos futuros examinandos. O debate parte do pressuposto que se para concursos para magistrado, promotor, delegado e defensor há uma terceira prova, geralmente, oral, porque não para ser advogado?

Trazem ainda que esta fase oral seria também baseado na disciplina optativa para 2ª fase, cujo conteúdo programático que poderia ser cobrado seria daqueles pontos já previstos no edital, baseado apenas num único questionamento, visto que irá gerar muito trabalho para quem irá avaliar se fosse mais de um. A banca FGV já teria participado de reuniões com a OAB para viabilizar a terceira fase sem aumentar o valor da inscrição.

A ideia também está baseada na “defesa” do TCC que o bacharel de direito já está acostumado ao final do curso, por isso, não haveria nenhum prejuízo. Ao que parece, tentaram implementar em março de 2015, mas não teve apoio da maioria do Conselho da OAB. Agora, parece não haver mais empecilhos depois que mudou a direção do Conselho Federal e seccionais da Ordem.

Quem não passou até agora, que invista TUDO que pode para ser aprovado até o final do ano.

O que entendo disso?

Uma “homenagem” do blog para o dia da mentira, pois esta é uma das mais “deslavadas” que convivo desde sempre, mas que muitos gostam de passar o “terror” nos seus alunos ou colegas. Este é, sem dúvida, um dos maiores BOATOS de todos os tempos para OAB. Nunca se diga “nunca”, mas neste caso, duvido muito que isso um dia irá acontecer. Qual razão? A OAB não tem gente suficiente para avaliar um prova oral para milhares e milhares de examinandos.

ps. em sem perder a piada, ainda uma 4ª fase estaria sendo cogitada: prova física de carregar processos subindo 10 andares no foro…

[originalmente publicada em 1º/04/2015 e atualizada para 2017]


Compartilhe com seus amigos a dica da única plataforma de estudos que personaliza a preparação para Exame da OAB conforme as habilidades de cada aluno. Chegou Saraiva Aprova, a plataforma da Editora Saraiva. Clique na imagem e saiba mais!

Saraiva Aprova FB

Semana final antes do Exame da OAB: o que fazer?

Comentários (2)

Sprint Final-2

Finalmente, chegamos a última semana antes da aplicação da prova da 1ª fase do Exame da OAB. – “Finalmente” professor? Sim, enfim, estamos às vésperas da prova. Explico.

Há dois grupos de acadêmicos que chegam à última semana com pensamentos e expectativas diferentes: [1] GRUPO DOS ANSIOSOS e [2] GRUPO DOS ATRASADOS.

O primeiro grupo não aguenta mais estudar em razão do longo período que vem trazendo sua preparação, inclusive, pode ser em razão de reprovações anteriores, portanto, não suporta mais ouvir ou ler “exame da OAB”. Muitos deste grupo admitem que não estão preparados, por isso, ficar levando esta agonia por mais tempo é um pesadelo que não desejam mais enfrentar.

O segundo grupo trata de examinandos que tem convicção que precisavam de BEEEEM mais tempo para estudar, seja porque começaram tarde, seja porque demoraram para engrenar. Ou seja, estão atrasados na preparação. Diferente dos ansiosos, desejavam mais tempo para fechar os estudos.

De qualquer sorte, o tempo é igual para ambos os grupos. E o que fazer?

1 SEMANA

Não canso de repetir: maratonistas experientes e vitoriosos acumulam fôlego e energia para os últimos quilômetros do percurso. Lembre, uma maratona traz 42 km (e  195 metros) de trajeto! Portanto, a preparação e execução precisa ser muito bem pensada e planejada. O sprint final, ou seja, aquele momento de acelerar e investir tudo que pode para chegar ao pódio é a nossa última semana antes da prova.

O que fazer? Invista em MAIOR CARGA horária de estudos, de leitura, de resolução de questões e vídeoaulas. Se você precisa também direcionar os estudos para determinada disciplina, que se invista em ÉTICA, a rainha das disciplinas, porque gabaritando ela pode pavimentar a sua aprovação. Se não tem a mesma atração em razão do número de questões (Ética tem 10), CDC e ECA são as “queridinhas” na prova, porque estas três estão no PÓDIO de maior aproveitamento segundo a FGV.

Assim, é possível gabaritar tanto CDC como ECA, disciplinas que apesar de terem 2 questões cada, estão representadas por um único texto legislativo [claro e sem dificuldades e cheio de conceitos], sendo que os temas se repetem.

- E o professor, o que fazer no sábado?

Parece que sábado, véspera da prova, é o patinho feio da preparação. Mas não é! É dia de CONCENTRAÇÃO. Voltando para o mundo esportivo, o que fazem os atletas um dia antes da prova? Retiram-se para concentrar. Para quem gosta de futebol, já sabe que os jogadores vão para um hotel ou algum lugar sem acesso de torcedores, familiares ou imprensa para… CONCENTRAR!

Por isso, se me perguntam se é válido participar dos eventos de VÉSPERA de prova que muitos preparatórios fazem, minha resposta é… NÃO! Mesmo que o evento tenha ótimos propósitos, é inevitável que traz dispersão também. Dessa forma, recomendo eventos com antecedência segura para alcançar todos os benefícios propostos.

Assim, o sábado deve ser PRODUTIVO com foco total para o dia seguinte.

Você ainda pode aproveitar o conteúdo da Maratona Saraiva Aprova, que foi AO VIVO no último sábado dia 25/3, e que está sendo retransmitido pelo site do próprio evento. Foram 11 horas de conteúdo PREMIUM, com mais de 10 mil inscritos. É GRÁTIS. É da Editora Saraiva. É ONLINE. Clique aqui [ou na imagem abaixo] e ÓTIMA MARATONA!!

Saraiva_Maratona-08

Maratona Saraiva Aprova: revisão final para OAB

Comentários (21)

Já é tradição que na última semana antes do Exame da OAB, especialmente, a 1ª fase, os examinandos e acadêmicos de Direito estarem esperando uma revisão final a ser disponibilizada pelos preparatórios. Assim, é possível afirmar que esta última semana é muito especial, porque ela também pode SELAR O DESTINO de milhares de alunos ansiosos à espera do grande dia.

Então, há muitas opções de “última hora” que os examinandos podem escolher para turbinar seus estudos e acompanhá-los na reta final. Estas revisões têm todas as denominações possíveis e, geralmente, começam uma semana antes da prova. Já tratei deste assunto em outras oportunidades, mas quero destacar minha posição sobre a realização de “megaeventos” à véspera da prova (sexta e sábado antes do domingo de prova).

Antigamente, dois grandes cursos de transmissão via satélite disputavam palmo-a-palmo a atenção dos espectadores para seus megaeventos de véspera, incluindo aí a apresentação de bandas nacionais (até o Jota Quest foi protagonista) e de stand-up de comédia (lembro do Danilo Gentili). Critiquei, publicamente, por não acreditar nesta abordagem num momento tão especial que é a véspera e comparo com a “concentração” que os atletas se submetem num dia antes da partida. Sobre este texto, sugiro a leitura de “Sobre os Dias X, Y e Z“.

Assim, acredito que os eventos de revisão devem, pelo menos, ser uma semana antes e devem ser focados na prova. Uma semana antes é um tempo, como escrevi antes, que pode ser decisivo para alcançar a aprovação. Este pensamento é compartilhado por muitos professores e responsáveis pedagógicos de preparatórios. Por essa razão, muitos estão oferecendo uma revisão em tempo hábil para inclusive o aluno mudar sua atitude a tempo de ser aprovado.

Diante disso, trato do lançamento da Maratona Saraiva Aprova.

Saraiva_Maratona-06

A divulgação deste evento 100% online, ao vivo e gratuito já vem de alguns dias atrás nas redes sociais e fui informado que mais de 5.000 pessoas se inscreveram em 72 horas do lançamento. Este sucesso, certamente, tem a razão de ser pela proposta do evento [informações da Saraiva Aprova]:

  • 10 horas de aulas de revisão
  • Bate-papo online e ao vivo para tirar dúvidas e interagir com os demais alunos
  • Acesso ao evento ao vivo e as gravações para os inscritos
  • Sorteios e surpresas ao longo do dia do evento
  • Suas dúvidas respondidas ao vivo durante as aulas, no chat ou na semana seguinte ao evento pelo nosso time de professores
  • Tudo isso, sem precisar sair de casa!

Será agora no dia 25 de março [sábado] a partir das 9 horas da manhã. A programação completa você pode acompanhar, clicando aqui. Atente-se que serão as 17 disciplinas, ou seja, TODAS abordadas neste evento, pois dificilmente você encontrará em outros esta disposição, bem como a seleção de professores que o Saraiva Aprova reuniu! Compare!

A inscrição é gratuita e ainda você pode ganhar nos sorteios durante a programação.

Participe. Compartilhe com seus colegas, amigos e familiares. Mesmo que o seu exame não seja este, cuja prova está marcada para 2 de abril, é uma ótima oportunidade para REVISÃO de conteúdo e entender, desde já, o que vem sendo cobrado em provas da OAB. O próximo exame está bem próximo, a prova será 23 de julho, portanto, está quase ali. Serve como um “start” para seus estudos.

Lembro, ao final, que os maratonistas experientes e vencedores sabem que a hora de intensificar a corrida são nos últimos quilômetros antes da faixa final. Portanto, o “sprint” é agora e não em cima da faixa. Então, convido a vocês também a ter acesso ao SIMULADO ONLINE, que ficará disponível mais 10 dias. Clique aqui e saiba mais. É 100% grátis também!

Saraiva_Maratona-03

Estudando grátis e legal para exame da OAB

Comentários (2)

Mr.bean-já passou na oab

Você quer estudar de forma GRÁTIS, sem pagar nada, e LEGAL, sem ser pirata, para o Exame da OAB?  Indicamos quatro sugestões.

1- VÍDEOAULAS NO YOUTUBE. Sugerimos o canal do youtube da plataforma SARAIVA APROVA. Lá você encontrará diversas dicas pontuais da melhor seleção de professores do mercado. Clique na imagem e descubra esta poderosa ferramenta para melhorar seus estudos!

Dicas Saraiva

2- E-BOOK DE DICAS PARA OAB. A Editora Saraiva aprontou um super E-BOOK com dicas para OAB além de um simulado com 80 questões legítimas FGV e que traz ainda o gabarito justificado. Para baixar o e-book, clique na imagem abaixo e bons estudos!

Simulado OAB Saraiva Aprova

3- SIMULADO ONLINE OAB. A plataforma Saraiva Aprova está oferecendo até um dia antes da prova do XXIIº Exame de Ordem acesso ao simulado online. Basta se cadastrar e começar a testar os seus conhecimentos! Acesse aqui ou clique na imagem abaixo.

Simulado OAB

4- MARATONA OAB SARAIVA APROVA. Novamente, a plataforma Saraiva Aprova está oferecendo esta excelente oportunidade para pegar as ÚLTIMAS DICAS antes de entrar na semana derradeira do XXIIº Exame da OAB, a Maratona OAB. No dia 25 de março, a partir das 9 horas da manhã, serão 10 HORAS com a melhor seleção de professores do país! Totalmente grátis, AO VIVO e ONLINE. Quer saber mais? Clica na imagem abaixo e se cadastre já!

Saraiva_Maratona-02

Por fim, se você tem curiosidade de conhecer a plataforma Saraiva Aprova, o único curso APROVATÓRIO do país, oferecemos estas opções abaixo [basta clicar no título], inclusive para conhecer por dentro do sistema inovador de estudos que a Editora Saraiva está lançando e com mais benefícios que o mercado nunca ofereceu, como 6 meses de acesso ilimitado, ganhar o livro OAB ESQUEMATIZADO® em casa, assistir quantas vezes quiser as vídeoaulas, estudar somente o que os algoritmos indicar que for preciso (como acontece no Netflix, Spotify, etc), otimizar os estudos, resolver milhares de questões, etc.

Simulado OAB online e gratuito!

Comentários (3)
Simulado OAB

Meus futuros colegas de OAB! Uma oportunidade ímpar para verificar como estão os vossos estudos. Ademais, momento importante para revisar sua preparação próxima da prova.

O Saraiva Aprova, em parceria com o AppProva Jurídico, preparou um presente para você que está se preparando para o XXII Exame da OAB:

Simulado online e gratuito, com 80 questões no padrão OAB!

Baseado em um estudo estatístico sobre a 1ª fase do exame, o simulado tem o mesmo grau de dificuldade da prova, além de priorizar os temas mais recorrentes!

» Aprenda a administrar o tempo necessário para resolver cada questão
» Familiarize-se com os conteúdos e com as questões cobrados na prova
» Tenha acesso ao gabarito e ao seu relatório de desempenho após realizar o simulado

Preencha o formulário ao lado, crie uma conta no AppProva Jurídico e faça o simulado gratuito!

Mas fique atento! O simulado ficará disponível até o dia 01/04 (um dia antes do XXII Exame)

Clique na imagem e BOA SORTE!

Como será a próxima prova da OAB?

Comentário (1)

pergunta

Toda a vez que estamos bem perto da prova da OAB, geralmente, faltando duas ou três semanas, começa o bombardeio da mesma pergunta: ” – Professor, como vai ser a prova da OAB?”. A resposta imediata é sempre a mesma também:

difícil

Mas se o aluno insiste, então avalio melhor a situação do momento, como é o caso de agora. As últimas três provas antes do XXIº EXAME UNIFICADO, aplicada no segundo semestre de 2016, seguiam um padrão de DIFICULDADE MODERADA, ou seja, dentro do esperado. Veja que estas provas do XVIII, XIX e XX não tiveram NENHUMA questão anulada pela banca FGV (mesmo que devesse ter anulado, fica a nossa indignação).

Assim, é possível “sentir” que provas com DIFICULDADE MODERADA não terão questões anuladas. Não é uma regra, mas é tal qual como fosse. Quer saber mais sobre estas estatísticas de anulações, clique aqui!

Veja que o XVIIº Exame foi “danado” e o que aconteceu? A FGV anulou 2 QUESTÕES.

Pois bem, chegamos então ao XXIº Exame. E o que aconteceu? A prova foi do capeta! Tratamos muito bem esta situação num post dedicado ao nosso espanto e que acabou viralizando. Não leu? Clique aqui. Não sabemos ao certo qual foi o índice da reprovação do gabarito preliminar, mas nosso “sentimento” apontava para algo em torno de 95% de reprovados.

O que aconteceu? Voi lá! A FGV anulou 2 QUESTÕES.

Então se aproxima a primeira prova depois da aparição de Satã no último exame. Será que ela seguirá o mesmo padrão? Esta pergunta já vem sendo feita nas redes sociais com as mais diversas teorias. Se observarmos o histórico do Exame da OAB na tentativa de achar um “padrão”, é possível arriscar que não existe duas provas do capeta subsequentes. A razão é a preocupação que possa gerar de cair na mídia uma revolta generalizada de alunos e professores, bem como de diretores de faculdade de Direito, o que efetivamente já aconteceu.

No entanto, apesar dos “padrões”, não podemos esquecer do último: a FGV gosta de surpresas. Então, de algum modo, todos os demais caem por terra. Assim, é possível que a próxima prova seja também demoníaca para desespero de todos (menos da FGV). Quero acreditar que isso não acontecerá, porque nunca aconteceu. Sabe do porquê? Acompanhe este raciocínio.

Possivelmente, todo mundo estuda para o Exame de Ordem observando, no mínimo, a última prova. Sendo assim, praticamente, a maioria estudou as questões do TERRÍVEL XXIº Exame. Ou seja, sabe o que pode vir a seguir. Portanto, mesmo que a prova seja de DIFICULDADE HARD POWER, o acadêmico não ficará exposto a uma surpresa desagradável, diferente do que aconteceu na última vez.

A verdade é que teremos como parâmetro a última prova e ela foi demoníaca. Podemos ter outra igual, o que seria inédito, mas ninguém vai poder reclamar depois que não sabia que poderia cair este “tipo” de prova, porque NÓS AVISAMOS, e quem avisa amigo é.

Amiga é a plataforma Saraiva Aprova, que não descuidou das provas mais difíceis e montou uma sistemática inédita para que seus alunos sejam aprovados de primeira! Conheça a plataforma por dentro, clicando aqui.

Quantas vezes quiser

Em 1ª mão: o melhor Vade Mecum para OAB

Comentários (23)

VM 2017

O Vade Mecum Saraiva OAB e Concursos – VM OAB é o mais VENDIDO do país na sua categoria, perdendo apenas em número de vendas para o seu “irmão” mais velho, o clássico e tradicional Vade Mecum Saraiva já na sua 23ª edição.

A 12ª edição do Vade Mecum Saraiva OAB e Concursos está de acordo com o XXIIº Exame de Ordem, pois somente foi realizado a partir de sua publicação. Inclusive esta informação está na capa!

Assim, respondendo – imediatamente – as 3 perguntas que sempre me fazem:

Primeiro, a data de fechamento. O tradicional é editado duas vezes por ano, enquanto o VM OAB tem três edições anuais, sendo assim, a “data de fechamento” são distintas. O VM OAB segue as datas de publicação dos editais da OAB, já o tradicional está destinado a atender os semestres letivos dos acadêmicos. Outra diferença: o mapa da legislação. O VM OAB traz ao final do livro em papel cartonado um índice por disciplinas optativas de 2ª fase com as principais leis. É permitido? Sim! Está lá no edital: “Índices remissivos, em ordem alfabética ou TEMÁTICOS, desde que não estruturem roteiros de peças processuais”. Também outro diferencial: conteúdo online e que traz muita coisa bacana para ser acessado. Por fim, o VM OAB traz na sua capa uma seleção de professores da plataforma Saraiva Aprova que avaliza todo o conteúdo do Vade Mecum Saraiva OAB e Concursos.

Primeiro, é o Vade Mecum temático com maior número de edições e o único que é atualizado 3 VEZES por ano. Segundo, traz a tradição centenária da Editora Saraiva e a experiência de oferecer no mercado o “livro jurídico” mais vendido do país, portanto, mais aprovado entre seus leitores. Terceiro, traz o MELHOR CUSTO-BENEFÍCIO. Veja, o Vade Mecum OAB da Editora RT tem o preço de capa de R$ 204,00 reais. O Vade Mecum Saraiva OAB e Concursos tem o preço de R$ 175,00. O Vade Mecum Concursos e OAB da Editora Método custa R$ 158,00, no entanto, sua data de fechamento é 9/01/2017, sendo que o Vade Mecum Saraiva OAB e Concursos é mais ATUALIZADO (31/01/2017).

Sim, com total e absoluta certeza! O VM OAB somente é produzido a partir da publicação dos editais do Exame de Ordem, justamente, para observar se houve ou não alteração de regras. Sendo assim, continua sendo 100% confiável em razão de respeitar o edital e os itens que são proibidos. Ademais, não é por menos que é o Vade Mecum temático mais vendido do país, portanto, já foi demasiadamente testado e usado em exames e concursos.

Você também pode ganhá-lo ao se matricular na plataforma Saraiva Aprova para o Exame da OAB nas opções que são oferecidas a partir de R$ 990,00 (EM ATÉ 10X SEM JUROS), com acesso ILIMITADO e durante 6 MESES. Quer saber mais? Clique abaixo e vem conosco!

click

Qual a média de Exames da OAB até ser aprovado?

Comentários (3)

Em 2016, a FGV divulgou interessantes números que giram em torno do Exame de Ordem e um deles destacamos hoje: a distribuição percentual dos aprovados por números de exames realizados. Sabemos que a média histórica de REPROVAÇÃO gira em torno de 80% em cada exame. Mas quantas provas preciso fazer até ser aprovado?

Esta resposta a FGV dimensionou em números que pegaram muita gente de surpresa!

Resumidamente, em divulgação anterior, publicada em 2014, a FGV concluiu que: “É possível evidenciar, igualmente, que a taxa de aprovação varia inversamente ao número de tentativas. O resultado pode sugerir que examinandos com melhor formação e preparo para o Exame são aprovados logo nas primeiras tentativas, isto é, à medida que são necessárias mais oportunidades, restam indivíduos cada vez menos preparados, o que reduz as chances de uma aprovação na prova subsequente”.

Ou seja, diante dos números atuais o panorama segue o mesmo: maior aproveitamento logo nos primeiros exames. Veja:

tentativa x aprovação

O maior índice de aprovação está para aqueles que fizeram pela 1ª VEZ o Exame de Ordem (40%). E somando as TRÊS PRIMEIRAS tentativas chegamos a impressionante número de 75%. Ou seja, maior número de tentativas, piores são as estatísticas. A razão é bastante simples: PRESSÃO.

Assim, a cada prova frustrada, vai aumentando como uma bola de neve rolando morro a baixo a pressão de alcançar um resultado positivo.

Os números acima tratam entre o IIº Exame ao XVIIº, e que segundo a FGV, “é possível avaliar também que, para 143 mil indivíduos (ou 40% do contingente de aprovados), a aprovação foi obtida já na primeira oportunidade. Para 75% dos aprovados no Exame (269 mil examinandos), foram necessárias até três participações para obtenção do aproveitamento necessário na segunda fase”.

Tínhamos como “recorde” um examinando que ainda estava tentando ser aprovado depois de realizar 17 VEZES a prova da OAB [saiba mais, clique aqui]. Isso em 2011. Não sabemos se ele desistiu ou não. Mas em 2016 foi divulgado que um examinando chegou à aprovação depois de 21 exames [clique aqui].

Veja que 3 EXAMES são realizados num ano, portanto, o exame pode consumir este período em sua vida, exceto se você começar ANTES sua preparação. Inédito no mercado, nenhum preparatório oferecia até então um prazo SUFICIENTE para que pretendia passar de 1ª a partir de estudos antecipados. Pois bem, a plataforma Saraiva Aprova oferece um PRAZO de 6 MESES com ACESSO ILIMITADO às vídeoaulas.

6 meses

Este prazo é o suficiente para estudar de forma tranquila e ser aprovado de PRIMEIRA! Quer saber mais? Fizemos dois artigos que explicam muito bem a revolucionária plataforma da Editora Saraiva, basta clicar nos links abaixo:

Assim, o plano é INVESTIR TUDO logo de primeira vez do que deixar para depois uma aprovação que poderá se complicar a cada exame que se sucede, pois maior o número de tentativas, menor a chance ser chegar lá. Fica a dica!

5 dicas essenciais para 30 dias da prova da OAB

Comentários (0)

Mestre OAB

Calma, pequeno gafanhoto! Mesmo que restem 30 dias para prova da 1ª fase do Exame da OAB e o temor cresce como uma bola de neve ladeira a baixo, é possível manter a calma. Apesar das dúvidas, da pressão, do extenso conteúdo ainda a ser vencido, a “simples” tarefa de estudar não se tornará altamente complexa com as 5 DICAS ESSENCIAIS para manter o foco  e ajustar seus estudos para a prova que se avizinha.

1- AUMENTAR A CARGA DE ESTUDOS – talvez você já se ache satisfeito com o tempo reservado à preparação para prova ou mesmo acredita que não consegue mais aumentar a carga em razão de outros compromissos. Veja bem, não estamos falando apenas em QUANTIDADE, mas também em QUALIDADE. Está na hora de você desligar o celular enquanto estuda ou fechar todos os aplicativos que estão lhe tirando a atenção necessária. Assim, se ainda dá para estudar MAIS e MELHOR, o momento é agora! É assim que os maratonistas experientes vencem: o tal sprint final. Aumentam o ritmo na reta final.

2- RESOLVER QUESTÕES – pode ser que esta tarefa você ainda não esteja desenvolvendo bem, mas resolver questões de provas anteriores é CONDIÇÃO para ser aprovado! Não sou eu quem diz, mas a ciência. É um dos melhores métodos de estudos e, por isso, não pode ser ignorado. Se você já vem resolvendo, ótimo, mas se atente a alguns detalhes. Busque resolver questões de disciplinas diversas ao mesmo tempo e não apenas uma disciplina, porque na prova haverá 17 delas para serem enfrentadas. Você quando erra, tem observado o motivo do erro? Aprender com os erros é fundamental para continuar resolvendo questões. Neste caso, livros com questões comentadas ajudam nesta tarefa. Indicamos: Passe na OAB – 1ª Fase Fgv – 5.251 Questões Comentadas – 8ª Ed. 2016 

3- RESOLVER SIMULADOS – se você ainda não resolveu simulado porque não estava se sentindo preparado o suficiente, não importa, o momento é agora! E explico. Ao resolver o simulado você estará fazendo um DIAGNÓSTICO sobre sua atual situação com os estudos. O resultado indicará quais disciplinas precisa reforçar os estudos e quais deverão exercer maior atenção no aprendizado. Preparamos um simulado totalmente gratuito com gabarito justificado mais dicas de coaching. Clique aqui e saiba mais. Mais próximo da prova, na última semana, sugerimos a aplicação de outro simulado.

4- MANTER O HORIZONTE LIMPO – não adianta planejar e estudar se você tem diversos “obstáculos” nestes últimos 30 dias. Reuniões sociais podem ser estes obstáculos. Agradeça o convite, mas não há mais nada importante no momento do que ser aprovado na OAB, caso contrário, você não teria se inscrito (e a inscrição é cara), nem investido em cursos e livros, pior, em tempo! Se há “coisas a fazer” que acabaram se acumulando para o próximo mês, veja se consegue postergar para depois da prova. Agora não é o momento para organizar todas as suas 999 fotos das férias, nem arrumar as gavetas por cores de meias!

5- SEGUIR ADIANTE – se o seu cronograma está funcionando, com questões – na sua grande maioria – sendo finalizadas com acerto, ótimo, mantenha os planos elaborados desde o início. Se você não sabe, nossa ideia de cronograma está descrito em Cronograma de estudos para Exame da OAB. Bem, o que importa no momento é seguir o que está dando certo. Mas se não está ou mesmo nem existia um roteiro ou planejamento? O problema é mais sério, mas não impede em seguir adiante. Montamos um PLANO EMERGENCIAL descrito em 1 Mês para 1ª Fase da OAB: o que fazer? E professor, deixei para última hora fazer um preparatório, qual indicar? Sem dúvida alguma, Saraiva Aprova. Quer conhecê-lo? Clique aqui.

Assim, já disse certa vez Mr. Miyagi:

“O sucesso está um pouco mais além de onde as pessoas comuns costumam desistir”.

Revelando por dentro a plataforma Saraiva Aprova

Comentários (2)

click

Já comentei com vocês sobre a plataforma Saraiva Aprova, destacando seus diferenciais quando do lançamento da mesma [em soft open] no post: Saraiva Aprova OAB 1ª Fase: a aprovação começa hoje!

Pois bem, hoje apresento a vocês como é ela POR DENTRO. Fui convidado a conhecê-la e, assim, trago a vocês um vídeo que comento passo-a-passo suas ferramentas e os diferenciais que tratei logo no início. Realmente, ela é tão bonita por dentro como por fora, e não canso de afirmar: é a 3ª revolução do Ensino à Distância – EAD.

Para quem está caindo de paraquedas agora, a 1ª revolução do EAD foram os cursos por transmissão em satélite, também chamados de tele-presenciais. A 2ª revolução foram os cursos online, ou seja, pela internet. E a 3ª revolução é o que podemos chamar de cursos customizáveis ou dedicados ao aluno.

Assim, hoje não basta mais “vender” um curso igual para todos. Os internautas já foram conquistados pela mordomia de receberem sugestões e indicações de conteúdo que gostam ou admiram, vide Netflix, Spotify, etc. São algoritmos que fornecem o que você deseja e precisa. Porque não aplicar aos preparatórios? Nos EUA esta proposta já é oferecida por muitos cursos, inclusive para o bar examination (o exame de ordem deles).

Deste modo, a Editora Saraiva oferece este novo conceito de preparação a partir das necessidades de cada um dos seus alunos através de TRILHAS que são desenvolvidas em razão das habilidades dos acadêmicos. A grosso modo, se sou “fera” em tributário, menos tempo irei perder com estas vídeoaulas, porque o sistema irá direcionar apenas para o conteúdo a qual tenho deficiência ou porque não tenho total controle, p.ex., execução fiscal.

Dias atrás fiz um comparativo com os principais preparatórios para OAB, sem indicar os nomes, apenas revelando ao final qual era o melhor. Quer fazer o teste? Clique no título: Qual o melhor curso preparatório para OAB?

Muitos concurseiros, inclusive alunos com OAB, estão migrando para esta plataforma em razão do longo tempo de acesso, inédito no mercado, 6 MESES, bem como pela seleção de professores encabeçada pelo prof. Pedro Lenza, e de todos os benefícios que ela traz, como livro impresso, poder assistir quantas vezes quiser as aulas, pagamento em até 10 vezes sem juros, material complementar editado pela Saraiva para baixar, enfim, conheça você mesmo pelas explicações abaixo. E o que não poderia faltar: 50% de desconto (mas é por tempo limitado). Bons estudos!

Exame da OAB: contagem regressiva 40 dias!

Comentários (0)

Eu já passei

Faltam 40 dias para prova da 1ª fase da OAB. E ainda temos um CARNAVAL no meio do caminho para tirar a atenção de quem precisa se esforçar para ser aprovado.

Se você ainda não abriu a carteira para investir certo e otimizar seu tempo de estudos, não posso me esquivar de indicar a obra pioneira que trouxe TEORIA UNIFICADA (todas as disciplinas) + QUESTÕES COMENTADAS num único volume. Tão completa que outro adjetivo não poderia dar: COMPLETAÇO! Clique na imagem e saiba mais.

completaço

Se você já tem um material didático que entenda suficiente ou outro livro de teoria/doutrina, tem a opção de um livro de Questões Comentadas, super atualizado e com o maior número de questões reunidas num único volume. Clique na imagem e saiba mais.

5251 Questões Comentadas

Outra dica é o nosso E-BOOK OAB 2017, com um simulado, gabarito justificado mais dicas de coaching para você TOTALMENTE grátis! Clique na imagem e saiba mais como fazer o download.

Simulado OAB Saraiva Aprova

Portanto, você já deve ter sacado: em 40 dias só estudando por TEORIA especializada e resolvendo toneladas de QUESTÕES para salvar a aprovação. Exato, não há outra fórmula. O principal é isso, mas que deve ser aprimorado. Como? Com Planejamento ou um Roteiro de Estudos Campeão! Nós montamos um para você que é o “seu número”! Clique aqui e saiba mais.

Se ainda estiver insatisfeito, aprimoramos sua preparação através da indicação das matérias que devem ser priorizadas. Saiba mais, clicando aqui.

Por fim, busca complementar sua preparação ou acreditar nela com uma plataforma de estudos inédita no mercado e com toda a tradição da Editora Saraiva? Então a Saraiva Aprova é o seu “ticket” para aprovação! O único com “selo de qualidade” aprovatórioa revolução do ensino começa aqui. Um curso online que se adaptada às necessidades de cada um aluno é o único no país. Ele direciona através de “trilhas” toda a preparação adequada, otimizando tempo e indicando o que deve ser reforçado nos estudos. Desconheço outro que ofereça a mesma dimensão.

Quer saber mais, clique aqui e conheça uma análise completa do Saraiva Aprova e ainda com 50% de desconto de lançamento! Por tempo limitado.

50 por cento

FGV: um dia para esquecer!

Comentários (2)

cagada

O dia 14 de fevereiro de 2017 é um dia para a FGV esquecer nos seus anos como organizadora do Exame da OAB. Era para ser um dia de alegria para uns, de tristeza para outros com a divulgação do resultado preliminar da 2ª fase do XXIº Exame. No entanto, foi um dia de muita apreensão, irritação, desespero para TODOS os examinandos que aguardavam o resultado.

Por outro lado, é um dia para o Conselho Federal da OAB lembrar que a FGV tem sido uma banca (des)organizadora, que tem dado muita dor de cabeça já algum tempo. No ano passado, veiculamos que nos bastidores corria solta a notícia que a CESPE poderia retomar a organização do exame [leia mais, clicando aqui]. Já em 2015, às vésperas da eleição do Conselho Federal, a situação não era tranquila para FGV [leia mais, clique aqui].

Resumindo, às 17 horas foi publicada a lista de aprovados no site do Conselho Federal. Logo, se criou o CAOS. Entre as tradicionais manifestações de alegria com a aprovação nas redes sociais, surgiram entre quem reprovou a desconfiança que a correção estava ERRADA. Os padrões de correção não batiam com aqueles já divulgados. Então, percebeu-se que a FGV não só tinha usado parâmetros de provas anteriores para avaliar os quesitos, como também usado espelhos de correção de disciplinas diferentes, como usar um padrão de empresarial para corrigir a prova de administrativo.

Este descompasso foi o estopim para criar PÂNICO entre todos os examinandos, inclusive, quem tinha sido aprovado, porque poderia perder a nota e se tornar reprovado. A FGV logo lançou um COMUNICADO avisando que iria retirar os links de consulta individual para examinar o problema. Tratou, simplesmente, o CAOS como “inconsistências”.

Mais tarde, um novo COMUNICADO, liberando às 21 horas os links para consulta, informando que estava regularizada a situação. O problema? Uma “falha de atualização no banco de dados”, mas que as provas já tinham sido corrigidas devidamente aos padrões oficiais. Ou seja, o STATUS de aprovado ou reprovado seriam mantidos, apenas corrigiram o que apareceria para o examinando como correção.

Em outras palavras: o conteúdo era o mesmo das 17 horas, apenas mudaram a EMBALAGEM.

Bem, já conversei com muitos e observei a situação de outros. Há reclamações generalizadas de que diversas provas não foram corrigidas, apesar de constar lá a resposta de acordo com os padrões oficiais. Estes casos, infelizmente, não tem nada a ver com o problema anterior, mas com outro problema que se repete a cada exame: a falha da correção da 2ª fase.

Não por outra razão, que diversos examinandos conseguem ser aprovados com uma revisão na sua prova recorrendo dentro do prazo. E caso persista o erro, recorrem à Ouvidoria. Mas ALERTO: para recorrer à OUVIDORIA, precisa antes esgotar o recurso junto à FGV e aguardar a resposta. Antes disso, não será aceito o recurso. Se for o caso de Ouvidoria, leia mais como fazer, clicando aqui.

Para finalizar, a FGV errou FEIO! Mais um para sua conta. A pergunta é: ATÉ QUANDO? Será que não está na hora de mudarmos de banca? Sei que não há banca infalível, mas porque não dar chance para outras, como FCC ou retornar com CESPE? Enfim, tenho conversado com amigos conselheiros da OAB sobre os incontáveis erros e acredito que precisam refletir a respeito.

PS. ao que parece, sobre a lista preliminar de aprovados, a vitória foi grande, parabéns a vocês!

PS2. quem não foi aprovado, RECORRA, porque ainda não terminou a guerra para vocês!

Exame da OAB: quais matérias devo priorizar?

Comentários (3)

Materias OAB

Aviso de antemão que a resposta desta pergunta não tem unanimidade entre os professores, aliás, é controvertida. Já li de professores de cursos “famosos” que a solução está em investir nas disciplinas com maior incidência de questões da prova. Parece a resposta mais “óbvia” e acredito que seja mesmo.

Já escrevi a respeito em outro texto:  Exame da OAB: deve-se priorizar matérias com maior peso?

No entanto, a obviedade não serve para nós, porque se servisse, os índices de REPROVAÇÃO na OAB não seriam cerca de 80% históricos. Ademais, lembro que estes “cursos famosos” são cursos populares, portanto, imagino que seus alunos ouvem seus professores, mas os resultados continuam os mesmos: péssimos!

O meu método, como você já deve saber, é o da preparação adequada, ou seja, observa fielmente as características de cada indivíduo. Portanto, responder de forma generalizada não servirá como solução. Veja a divisão das disciplinas por número de questões:

Questões por matéria

Veja que já li o A-B-S-U-R-D-O que estudar apenas as 5 disciplinas com mais questões resolve a aprovação. E o resto? Não precisaria estudar. Imagine que você observou esta “dica”. E que no dia da prova a banca pegou pesado justo nestas disciplinas. Resultado? Reprovação e arrependimento!

O que os professores que priorizam as disciplinas com maior número de questões não levam em conta é que você fez o TCC em tributário ou que fez estágio no PROCON ou que é masoquista e ama direito empresarial. As disciplinas dos grupos com 10, 7 e 6 questões dominam a prova com 48 questões de 80 possíveis.

Apesar da prova da OAB exigir uma ESTRATÉGIA, não posso ignorar que existam matérias que apesar de ter 2 questões elas podem garantir a aprovação. A FGV já divulgou o RANKING de aproveitamento por disciplinas na 1ª fase. Sabe quem está no PÓDIO? Ética, CDC e ECA. A razão? São matérias que exigem praticamente um único diploma legal (Ética pede ainda o Código de Ética) e os temas são cobrados por tendências, ou seja, se repetem!

Assim, um pouquinho de esforço, CDC e ECA podem ser gabaritados! Isso é “a” ESTRATÉGIA. Inclusive a novata Filosofia do Direito pode lhe render frutos, porque de 2 questões, 1 será de autores repetidos em outras provas.

Nem mesmo disciplinas como Ambiental e Direito Internacional podem ser ignoradas porque seu conteúdo é recheado de citações legais das mais diversas. São matérias que repetem alguns temas, p.ex., a parte constitucional de Ambiental sempre cai e são menos de meia dúzia de artigos. Já Internacional, tem a LINDB e a própria CF que podem ser decisivos com aquela questão que muitos ficam entre aprovação e reprovação.

Por outro lado, Civil com suas 7 questões é bastante imprevisível em relação aos seus mais de 2 mil artigos do Código Civil! Cada divisão de conteúdo está mais para uma disciplina autônoma do que muitas por aí e, praticamente, cai apenas 1 questão em cada uma delas…p.ex., 1 questão de direito de família e olha o tamanho da disciplina!

Então, entendeu o recado? Somente uma autoanálise através da resolução de provas você saberá o que priorizar. Assim, invista mais naquelas que lhe deram um diagnóstico negativo. Mas professor, eu não tenho tempo… Bem, invista mais naquelas que lhe deram um diagnóstico negativo, priorizando as disciplinas com maior número de questões na prova.

Há outro modo mais fácil de OTIMIZAR tempo e PRIORIZAR o que realmente precisa ser feito. A plataforma Saraiva Aprova permite criar trilhas de acordo com o perfil do seu aluno. Se ele precisa mais de PENAL, o sistema irá indicar mais aulas desta disciplina, material para ser estudado (já incluso) bem como acesso ao coaching necessário para vencer a dificuldade. Nunca viu isso, não é? Pois é, revolução da preparação chegou e você não pode ficar longe disso. Saiba mais clicando na imagem abaixo e bons estudos!

click

Cronograma de estudos para Exame da OAB

Comentários (6)

Roteiro

Publicado o edital da OAB, muita gente me pergunta de como organizar seus estudos até o dia da prova, geralmente, um prazo que se dá de 60 dias. Este prazo já foi menor, porque era exigência que ele fosse de no mínimo de 30 dias. Assim, que esperasse a publicação do edital para estudar tinha uma missão quase impossível de ser aprovado.

Os tempos são outros, e 60 dias de estudos ORGANIZADOS podem ser suficientes.

Tenho examinado, muitas vezes, à solicitação dos leitores os cronogramas ou roteiros ou planilha de estudos que se oferecem por aí pela internet. Planejamento é outra expressão se utilizada para preparar uma AGENDA com a distribuição de conteúdo e horários.

Pois bem, não é de hoje que vou CRITICAR de forma negativa tais planilhas. Saiba mais em: Exame da OAB: planejamento de estudos, você tem? Mas porque professor? Porque elas falham nestes pontos: generalidade, não observam as particularidades de cada um e não são tão facilmente adaptáveis.

Um bom plano de estudos para OAB deve ser individualizado. Então como oferecer um que se adapte ao momento e que observe as qualidades e defeitos (com o conteúdo) do estudante? Estou mergulhado neste “negócio” de Exame de Ordem desde 2005 e de lá para cá já testei, falhei e acertei até chegar a um ROTEIRO seguro e que vem trazendo resultados EXCEPCIONAIS.

Ainda não tem um “nome oficial”, mas tenho chamado ele de RD2 em homenagem ao robô mais simpático do cinema, de Star Wars.

rd2

O que significaria para nós RD2? Roteiro de 2 Disciplinas por dia. E funciona deste modo:

1º – Se você ainda não sabe das 17 disciplinas quais são FORTES, MÉDIAS ou FRACAS para você, então resolva a última prova ou as duas últimas provas e veja o RESULTADO.

2º – Com o diagnóstico na mão, vamos investir nos 7 dias da semana duas disciplinas por dia (sim, vamos estudar SÁBADOS E DOMINGOS). Ou seja, a divisão não será aleatória. Porque? Vamos distribuir em cada dia na forma de não colocar duas disciplinas fracas no mesmo dia. Assim, teremos as seguintes combinações: FORTE-FRACA; FORTE-MÉDIA; FORTE-FORTE; MÉDIA-MÉDIA; MÉDIA-FRACA.

Além disso, ECA, CDC E ÉTICA serão estudadas na última semana, portanto, elas ficarão de fora do roteiro até chegar a última semana antes da prova. Caso mais da metade seja FRACA, inevitavelmente, teremos 2 fracas no mesmo dia. Neste caso, escolha um dia que você terá MAIS TEMPO para estudar. Caso não consiga estudar uma grade de horários com aulas no final de semana, distribua as disciplinas em outros dias da semana para fecharmos a agenda com 14 disciplinas semanais.

3º – Estudar DISCIPLINAS AFINS no mesmo dia pode ser mais interessante para você, p.ex., estudar todas as segundas-feiras civil e processo civil.. Mas elas precisam ser conforme as combinações acima.

4º – A divisão do horário dentro do dia deverá observar a combinação. Se no mesmo dia tem disciplina FORTE e MÉDIA, p.ex., qual delas você deverá investir mais? Na MÉDIA, por óbvio. Estudar apenas o que eu gosto ou vou melhor não ajudará em nada suas pretensões. Quantas horas preciso estudar por dia? Tenha certeza, que não precisa ser 8 horas. Quantidade não é qualidade. Se conseguir fechar um TURNO (cerca de 3 a 4 horas) por dia, ÓTIMO! Não estou contando o tempo do seu preparatório e mesmo se você estiver com esta opção, mantenha um TEMPO SÓ PARA VOCÊ, mesmo que seja necessário procurar em vídeos a compreensão do conteúdo e não apenas na leitura.

Se você tem mais tempo de um turno de 4 horas, estude o que se sentir confortável (6 horas podem ser úteis, mais do que isso, tenho minhas dúvidas). Estudos indicam que os intervalos são indispensáveis para manter a atenção e recuperar o fôlego. Mas coloque na sua planilha a previsão destes intervalos e o período deles [exatamente como é ou era na faculdade].

5º – A resolução de questões pode ser tanto fora deste TURNO como dentro. Se for fora, melhor, pois aumentamos a carga horária.  Caso seja dentro, sugiro que as questões sejam da matéria objeto dos estudos do dia. Sem esquecer que durante a preparação a resolução de questões deve ter seus “momentos” simulado, ou seja, você deverá fazer provas completas sobre o conteúdo.

6º – A última semana você irá ter um ROTEIRO ESPECIAL que consiste “matar” CDC, ECA e ÉTICA, além de resolver simulados e o maior número de questões possíveis, bem como tratar de possíveis pendências das semanas antecedentes. Estas 3 disciplinas, segundo a FGV, têm a maior média de acertos na prova da OAB e cada uma tem, praticamente, um estatuto somente para estudar. Deixe 3 dias para elas (qua-qui-sex). Os demais dias distribua as tarefas (resolver questões, simulados e pendências), inclusive na véspera da prova (sábado).

Este planejamento é customizado pelas seguintes razões:

  • atende ao tempo que você dispõe para estudar (se você trabalha, faz estágio ou mesmo tem tempo livre diário além da faculdade);
  • atende a resolver suas dificuldades com uma autoanálise e planejar maior tempo para as disciplinas que você não domina a ponto de garantir a metade da pontuação;
  • atende a manter atualizada a preparação, porque TODAS as semanas você terá 14 disciplinas sendo conferidas, ao contrário dos cronogramas que preveem apenas 1 disciplina por dia;
  • atende ao planejamento estratégico necessário, porque estudar para exame da OAB é estratégia, sem dúvida alguma!

No entanto, NENHUM roteiro de estudos é completo sem ter um MATERIAL CONFIÁVEL. Assim, indico a obra Completaço – 1ª fase OAB: teoria unificada e questões comentadas. Já está na sua 2ª edição (foi lançada no 2º semestre de 2016), atualizada com NCPC e NCED. A obra é publicada pela Editora Saraiva e é uma das mais vendidas no país. Confira mais, clicando na imagem abaixo. Está com 35% de desconto na livraria Saraiva.

completaço

Cerca de 80% são reprovados na OAB: deseja ser a exceção?

Comentários (0)

Inscritos e aprovados

Com as inscrições abertas, é sempre fundamental lembrar: a média de REPROVAÇÃO é cerca de 80% históricos desde que a FGV assumiu o Exame de Ordem. Portanto, a imagem acima, um MEME bastante divulgado nas redes sociais (posse de Obama, acima x Trump, abaixo) é bastante ilustrativa para a diferença entre APROVADOS e REPROVADOS na 1ª fase da OAB.

Se você pretende ser a EXCEÇÃO dos números, as dicas são estas [clique no link abaixo]:

Bons estudos!

3 PILARES para iniciar os estudos para OAB!

Comentários (0)

three-pillares-oab

Talvez você ainda não tenha iniciada a preparação para o Exame da OAB e com o edital publicado, a pressão fica muito maior em se decidir como dar o START aos estudos. Pois bem, vamos facilitar suas decisões através de 3 PILARES que consideramos como essenciais em razão das perguntas que recebemos de vocês e seus colegas.

São eles:

  • Planejamento
  • Livros
  • Preparatório

] = PLANEJAMENTO = [

O primeiro, também conhecido como CRONOGRAMA, é bastante procurado devido à desorganização, um mal que muitos sofrem e atrapalha os estudos. Bem, basicamente, o que é oferecido em diversos sites, é uma agenda com as disciplinas espalhadas por dias até o dia da prova. De fato, não me afeiçoo a nenhuma delas, porque não avaliam as particularidades de cada um. Ademais, podem indicar uma data pré-fixada, sendo que o aluno começou depois dela, e dai, como resolver isso?

Enfim, faço uma crítica pormenorizada neste post e indico os caminhos de uma preparação adequada, ou seja, um PLANEJAMENTO que cairá perfeitamente às suas necessidades. Lá você encontrará quantas disciplinas estudará por dia, por exemplo.

Exame da OAB: planejamento de estudos, você tem?

Exame da OAB: quantas disciplinas por dia estudarei?

] = LIVROS = [

Não adianta se preparar para uma BATALHA sem possuir ARMAS letais. Para o Exame da OAB, ficar apenas com resumos e apostilas sem autoria baixados da internet é cometer SUICÍDIO. É uma prova muito séria e, portanto, você precisará de LIVROS atualizados e destinados a vencer o inimigo. Fiz um levantamento recente e apresento 5 livros que lhe ajudarão, sendo que um deles você pode fazer o próprio download gratuito, porque o e-book foi realizado por mim e editado pela Saraiva para as provas de 2017.

Clique no link e bons estudos!

Os melhores livros indicados para Exame da OAB

Vade Mecum OAB e Concursos 2017

] = PREPARATÓRIO = [

Recebo o pedido de muitas indicações de preparatórios ou se me perguntam se X ou Y são bons, enfim, hoje não basta mais a indicação do amigo ou colega, porque o que funciona para um, não necessariamente servirá para o outro. Até o final de 2016, eu indicava muito poucos, porque a maioria serve para “cursinho”, ou seja, são muito parecidos, tanto o ambiente virtual, como o “modus operandi”. Não vi nenhuma grande novidade até então.

Então, fui convidado a conhecer a plataforma Saraiva Aprova, a sala de aula virtual da Editora Saraiva. Realmente, fiquei impressionado com a tecnologia investida e com a qualidade que foi posta em prática de como, finalmente, um aluno será aprovado numa única tentativa. A plataforma foi pensada justamente neste sentido: você investirá em tempo e dinheiro numa única vez, é para sair aprovado. Um diferencial em relação a todos os demais é personalizar os estudos de cada um. Um caminho será realizado para você segui-lo de acordo com as suas habilidades. Realmente, é fantástico!

No link abaixo, tratei de forma detalhada sobre a plataforma e que, aliás, está com 50% de desconto, saiba mais clicando na imagem abaixo e comece HOJE mesmo seus estudos rumo à aprovação!

Saraiva Aprova OAB 1ª Fase: a aprovação começa hoje!

50 por cento

Por fim, você pode complementar seus estudos, observando os 5 erros mais comuns quando se inicia a preparação. POR FAVOR, não cometa, porque nada acima escrito terá algum valor. Clique aqui e bons estudos!

10 Pontos do Edital do XXIIº Exame da OAB publicado!

Comentários (19)

Trump e o edital

Finalmente, o primeiro edital do Exame da OAB de 2017 foi publicado [clique aqui] e ele traz muitas esperanças de aprovação e superação desta importante etapa para muitos bacharéis em Direito. Para tanto, é fundamental conhecer um pouco do edital, ao menos, dos principais pontos [destacamos 10] que são necessários você ter noção!

1. DATA E O VALOR DA INSCRIÇÃO

Como já foi anunciado anteriormente, as inscrições começam hoje e terminam no dia 10 de fevereiro. Portanto, não deixe para última hora, ok? O valor continua sendo R$ 240,00 (duzentos e quarenta reais) por boleto bancário. Está na hora da OAB poder parcelar, não acha? Mas o edital trata das opções de ISENÇÃO. Confere lá no item 2.6 do edital.

2. QUEM PODE SE INSCREVER

A OAB andou alterando esta regra recentemente. Mantém-se a regra de que poderão realizar o Exame de Ordem os estudantes de Direito que estejam matriculados nos últimos dois semestres ou no do último ano do curso de graduação em Direito. [Aqui uma novidade: antes o edital fixava uma data, qual seja, da publicação do edital. Desta vez, omitiu]. A mudança é que antes era possível em qualquer semestre do Direito o acadêmico realizar a prova como “treino”, pois o resultado não poderia ser aproveitado. Ocorre que agora “os estudantes de Direito que declararem falsamente estarem matriculados nos últimos dois semestres ou no último ano do curso de graduação em Direito até o dia 31 de janeiro de2017″ responderão por crime de falsidade ideológica (art. 299, do CP) e estarão sujeitos à eventual processo de averiguação de idoneidade moral perante a OAB (art. 8, inciso VI, da Lei 8.906/94).

3. ONDE PODERÁ REALIZAR A PROVA

Esta regra é clara: “o examinando prestará o Exame de Ordem no Conselho Seccional da OAB no estado em que concluiu o curso de graduação em Direito ou no estado sede de seu domicílio eleitoral, sendo vedada a realização de etapa subsequente em local diverso do inicialmente escolhido”. São estas 2 OPÇÕES. Há exceção, desde que seja fundamentada. Já as cidades dentro do referido estado podem ser escolhidas do modo que você preferir, desde que seja aquelas da lista do edital – ANEXO I.

4. REPESCAGEM (REAPROVEITAMENTO) PARA 2ª FASE

O edital de hoje não trata deste assunto especificamente, mas sim um edital complementar. Portanto, se é seu caso, terá que aguardar o primeiro dia após encerrada as inscrições para 1ª fase, ou seja, 11 de fevereiro.

5. DAS PROVAS

O capítulo 3 do edital traz instruções sobre as provas da 1ª e 2ª fases. Como se sabe, são 80 questões com 4 alternativas e na 2ª fase, uma peça e 4 questões dissertativas. A duração é 5 horas e as datas são estas:

  • 1ª FASE – 2 DE ABRIL
  • 2ª FASE – 28 DE MAIO

Não há qualquer novidade sobre o assunto, as disciplinas são as mesmas DEZESSETE e a divisão do número de questões se mantém também até onde se sabe idêntica. Quer saber mais sobre esta divisão? Clique aqui. Também não há modificação sobre as sete opções para 2ª fase. Lembrando ainda que você somente poderá retirar‐se do local da aplicação levando consigo o caderno de provas (prova objetiva) ou caderno de rascunhos (prova prático‐profissional) a partir dos últimos 60 (sessenta) minutos do tempo destinado à realização do Exame.

6. ANULAÇÕES DE PROVAS

Importa destacar o item 3.6.21 do edital e que diz respeito as situações que levam à ELIMINAÇÃO do exame. Leia com muito atenção para não chorar depois…

7. AVALIAÇÃO E RECURSOS

Cada acerto na prova da 1ª fase irá conferir 1 ponto e são necessários 40 pontos de 80 possíveis, ou seja, 50% de acertos. Na 2ª fase, a média aumenta para 6 pontos, sendo que a peça vale 5 pontos e as outras questões valem cada uma 1,25. Não há arredondamento. Sobre os recursos, espero que vocês não precisem deles, o capítulo é 5 e traz uma série de regras para interpô-los.

Lembre que o gabarito preliminar da 1ª fase é publicado no mesmo dia da prova, ou seja, 2 de abril. Este gabarito pode sofrer alterações até o gabarito definitivo e se você acertou 40 e mudam para uma questão logo a que você acertou, automaticamente, ficará com 39 acertos. Diferente no caso de ANULAÇÃO, pois neste caso, ninguém perde, somente ganha (quem errou a questão anulada).

8. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Infelizmente, só existe no edital [ANEXO II] para 2ª fase. Ainda não entendo porque não oferecem para 1ª fase também, porque em todos os concursos, dos mais acessíveis aos mais difíceis, há um conteúdo a ser estudado. Sinceramente, não só acho um desrespeito como também falta de transparência.

9. PERMITIDOS E PROIBIDOS PARA CONSULTA NA 2ªFASE

O ANEXO III, que trata deste assunto, sempre foi um dos mais polêmicos de todo o edital. Sinceramente, quando é publicado o edital a 1ª coisa que observo é o Anexo III. Muitas coisas que foram permitidas HOJE não podem mais. Sou do tempo que era permitido consultar livro doutrinário na 2ª fase e usar códigos comentados. Tenho medo que em breve até retirem qualquer tipo de consulta, infelizmente. Não há novas proibições do XXI para o XXII, o que já é um alívio, porque no anterior proibiram o uso de “post-its”, somente restaram aqueles separadores de códigos fabricados por editoras ou outras instituições. Mas há novidades no texto, veja abaixo.

10. CRONOGRAMA GERAL DE EVENTOS

Está aí o ANEXO V atualizado com o XXIIº Exame de Ordem Unificado.

Sem título

== NOVIDADES DO EDITAL ==

Depois de toda esta análise, há alguma MODIFICAÇÃO que precise ser destacada? Sim. Vamos pontuar as relevantes:

  • Agora tem um NOVO ANEXO (Anexo IV), qual seja, a DECLARAÇÃO DE HIPOSSUFICIÊNCIA para fins de isenção da inscrição da OAB.
  • Também como novidade foi a nova redação para PERMISSÃO de consulta dentro de uma única linha à SÚMULAS, ENUNCIADOS E ORIENTAÇÕES JURISPRUDENCIAIS, INCLUSIVE ORGANIZADOS, DESDE QUE NÃO ESTRUTUREM ROTEIROS DE PEÇAS PROCESSUAIS.
  • A banca ainda melhorou a redação para não deixar dúvidas sobre ÍNDICES REMISSIVOS em códigos. Agora o texto ficou assim (é permitido): ÍNDICES REMISSIVOS, EM ORDEM ALFABÉTICA OU TEMÁTICOS, DESDE QUE NÃO ESTRUTUREM ROTEIROS DE PEÇAS PROCESSUAIS.
  • Mas incluiu, sutilmente, como PROIBIÇÃO o uso de “símbolos”. Talvez asteriscos e outras formas geométricas ficaram abolidas.
  • Se antes a INSCRIÇÃO para OAB deveria ser comprovada a matrícula nos dois últimos semestres ou o último ano ATÉ a data da publicação do edital, agora que foi suprimida a data, sendo possível acontecer dentro do primeiro semestre de 2017.

Por fim, conforme prometido a vocês (fiz a promessa no facebook, se não curtiu ainda a nossa página, clique aqui e se mantenha atualizado sobre o Exame da OAB), segue o E-BOOK com SIMULADO, GABARITO JUSTIFICADO + DICAS DE COACHING. Sim, totalmente, grátis e produzido pela Editora Saraiva. Melhor que isso só isso! Clique abaixo e DIVIRTA-SE!

banner_simuladooab

Edital da OAB iminente! E você já começou a estudar?

Comentários (10)

tempo3

No próximo dia 31 de janeiro será publicado o edital do XXIIº Exame de Ordem Unificado, o primeiro do ano de 2017. A prova está marcada para 2 de abril, ou seja, 60 dias para vencer a OAB! Mas como estão seus estudos?

Sei que é verão, todo mundo na praia, enfim, época não favorável para os estudos. Mas qual seria esta época? Pois é, não tem… A verdade é que os estudos não podem esperar, NUNCA! É importante lembrar que a prova da 1ª fase do XXIº Exame foi MACABRA! Não lembra? Leia esta avaliação que viralizou na internet:

Foi um exame da OAB do capeta!

Então tá, vamos ignorar o calor, as tentações da praia ou da brisa do vento no interior e seguir com o nosso objetivo de uma vez: vencer o Exame da OAB. Como fazer isso? Leia nosso incentivo depois da virada do ano:

2017: o ano da minha aprovação no Exame da OAB!

O que fazer em 60 dias? Eu sei que tem um carnaval no meio deste tempo, mas o negócio, em primeiro lugar, é fechar um CRONOGRAMA capaz de ser cumprido e que atenda com suas necessidades. Vejo muitas sugestões de cronograma por aí, mas todos falham em não atender as particularidades de cada um. Assim, tenho uma proposta que encaixa em qualquer realidade, por isso denomino todo este complexo de propósitos de PREPARAÇÃO ADEQUADA.

Em 60 dias dá para fechar com 2 disciplinas por dia. É uma conta bem simples. São 17 disciplinas, tirando ECA, CDC e ÉTICA, sobram 14 disciplinas que podem ser distribuídas em 7 dias da semana. Ok, você não quer estudar neste verão nos sábados e domingos. Pois bem, vamos distribuir as 4 disciplinas do finde nos outros dias. A escolha é LIVRE, pois deve se ADEQUAR ao seu tempo.

Como dividir o tempo entre as 2 disciplinas, caso seja assim o seu programa? Pelo mesmo tempo? NÃO. Vamos dividir conforme suas particularidades, SUAS, não das disciplinas. Assim, se CIVIL e P. CIVIL estão em todas as segundas, certamente, uma delas você domina mais do que a outra. Neste caso, INVISTA MAIS naquela que é fraca.

Como sei qual é a mais fraca? Aquela que o diagnóstico da resolução de provas indicar. Claro, você precisa, ANTES DE TUDO, fazer uma ANÁLISE através da realização de provas anteriores das disciplinas objeto do exame. Sem isso, não vamos a lugar algum, até podemos ir, mas será deficiente. Sabendo, p.ex., que P. CIVIL é a mais fraca em razão do NCPC, vamos dedicar mais tempo para tornar esta disciplina “pronta”, ou seja, com uma média mínima de 50% de acertos. Menos disso não dá para dormir sossegado.

60 dias = cerca de 8 semanas.

Em cada semana vamos trabalhar as 14 disciplinas, ou seja, chegaremos no dia da prova com todas elas atualizadas. Agora, ECA, CDC e ÉTICA podem ser deixadas para última semana, porque são as 3 disciplinas com maior incidência de acertos. Também é importante EXERCITAR! Assim, no próximo dia 31 de janeiro irei oferecer um E-BOOK totalmente grátis com simulado com gabarito justificado e dicas de coaching. Fique atento!

Mas professor, tenho dificuldade de estudar sozinho, preciso de um “cursinho”. Bem, primeiro lugar, não indico “cursinhos”. Há cursos e preparatórios, mas agora tem um aprovatório. Aprovatório? Sim, uma nova plataforma de estudos, cuja responsável é nada menos que a EDITORA SARAIVA. O nome? Saraiva Aprova! Tratei com detalhes sobre ela num artigo:

Saraiva Aprova OAB 1ª Fase: a aprovação começa hoje!

Uma plataforma que utiliza de tecnologias até então inéditas para preparatórios aqui no Brasil, mas já utilizadas, principalmente, nos Estados Unidos para o Exame de Ordem deles (bar examination). O conceito é o mesmo a qual já emprego em minhas dicas há alguns anos: da PREPARAÇÃO ADEQUADA. No Saraiva Aprova o aluno recebe o que precisa para suas necessidades, observadas suas virtudes também. Algoritmos altamente avançados, tais quais usados pelo Facebook, Netflix, Spotify, etc, levam cada aluno para um caminho de estudos através de videoaulas, resolução de questões, material didático, etc., conforme seu perfil.

Ou seja, diferente dos demais, onde é posto à disposição de forma aleatória o conteúdo, no Saraiva Aprova seus estudos “rendem” porque são adequados à realidade de cada aluno.

Participei do seu lançamento para um público seleto na EDITORA SARAIVA e fiquei impressionado com o que vi. Convidado a me manifestar, não tive dúvidas: é única plataforma de ensino que oferece o melhor caminho para alcançar a aprovação. E não é por isso que estamos lutando?

Exame da OAB, minha vez chegou!

Comentários (3)

Seu crush em 2017

Janeiro, definitivamente, não é o melhor mês para estudar. Alguns dirão que qualquer mês não é bom para se estudar. Mas enfim, você escolheu DIREITO e terá que estudar para o resto de sua vida. Para superar “as férias dos outros”, porque enquanto “eles” estão na praia, você começará a “ralar” para o próximo exame da OAB, tenha certeza, ninguém irá tirar a sua aprovação!

É um desabafo sincero: “enquanto vocês estavam de férias, estudei muito e aqui está a minha aprovação”. Certamente, é mais gasolina para o fogo da motivação.

Está na hora do seu próximo CRUSH ser uma vermelhinha com impressos dourados escrito “ADVOGADO”. Mas como dar certo este encontro? Pois bem, nosso objetivo é este por hoje: dicas de amor à primeira vista com os estudos!

Para iniciar esta jornada, importa em você ou baixar as duas últimas provas do site da FGV ou comprar um livro de questões comentadas para facilitar a preparação. Aqui indico o livro com maior número de questões e atualizado no mercado. Aproveite que na Livraria Saraiva está com desconto de 35% [de R$ 154,00 por R$ 100,00]: clique aqui.

5251

A ideia é resolver – ANTES DE TUDO – as provas (duas são suficientes) para avaliar as disciplinas FORTES e as FRACAS. Sem reconhecer suas virtudes e fraquezas não há preparação exitosa, pode acreditar! Não é assim quando estamos para “conhecer” alguém? O problema da maioria é que as qualidades serão reforçadas e os defeitos serão escondidos. Você já sabe o que vai acontecer quando o outro descobrir os defeitos, não é?

Portanto, nos estudos segue a mesma lógica. Vamos nos ESFORÇAR para MELHORAR as fraquezas até que elas se tornem “normais”. Para o exame da OAB, basta acertar a METADE para ser aprovado. E isso é o que podemos considerar como “normal”. Assim, o negócio é INVESTIR naquilo que você tem dificuldades e somente saberá se resolver provas.

Outra vantagem deste “pontapé inicial” nos estudos é identificar, de imediato, como é a prova da OAB se você ainda não foi lhe apresentada. Saberá que as questões têm enunciados longos e o exame é bastante difícil. A própria resolução das questões lhe dirá isso, pois não espere um resultado desejado. É importante neste passo não chutar as questões que você não sabe, deixe em branco. Isso ajudará a lembrar que são disciplinas ou matérias que você não estudou e, portanto, não sabe. Normal. Pior é marcar uma alternativa e ela está errada, pois neste caso significa que “você pensava que sabia”.

Esta mesma técnica de RECONHECIMENTO você encontrará em outra indicação INFALÍVEL: a mais nova plataforma de ensino da Editora Saraiva: Saraiva Aprova. Tratei sobre ela, de forma pormenorizada, em outro post: Saraiva Aprova OAB 1ª Fase: a aprovação começa hoje!

Qual a importância desta técnica? Você concorda comigo que cada pessoa tem um perfil diferente, não é? Por isso, onde está o erro tanto nos tradicionais cursos preparatórios para OAB como naqueles que você nunca ouvir falar? Pois bem, tratar TODOS como iguais. A individualização somente era possível alcançar, e olhe lá, em cursos presenciais, desde que os alunos fossem participativos e questionadores. Neste caso, o professor precisava se adequar ao ritmo da turma. Em curso à distância, grava-se um padrão e ponto final.

Na plataforma Saraiva Aprova, para começar a estudar, o aluno precisa fazer um DIAGNÓSTICO INICIAL de suas possibilidades dentro do próprio sistema. A partir de algoritmos altamente avançados, como acontece nas redes sociais e nos aplicativos de streaming, os estudos serão direcionados conforme o seu perfil para você trilhar o MELHOR e mais ADEQUADO caminho. Entenda melhor:

Saraiva-metodologia

Você me pergunta porque os outros não fizeram isso antes? Duas respostas: comodismo e a exigência de altos investimentos para tanto. O que importa é que a tecnologia agora está a sua disposição e a sua aprovação vai acontecer pela Saraiva Aprova! Há muitos outros benefícios exclusivos que a plataforma lhe entrega, como a seleção criteriosa de professores capitaneada pelo prof. Pedro Lenza, responsável pela coleção do Esquematizado®, e outros 5 ÓTIMOS MOTIVOS resumidos assim:

  1. Único curso com a qualidade e tradição da Editora Saraiva
  2. Metodologia proporciona estudos de acordo com seu nível de conhecimento e peso das disciplinas no Exame da OAB
  3. Conteúdo criado pelos melhores professores do Brasil, especialistas em preparação para o Exame da OAB
  4. Receba em casa o livro OAB Esquematizado® da Editora Saraiva
  5. Videoaulas com 20 minutos de duração, com o conteúdo essencial para a prova

E para fechar com chave-de-ouro, ainda estará à disposição um módulo super completo de coaching que responderá todas as suas dúvidas de preparação e motivacional durante os estudos, como quantas horas estudar por dia, quantas disciplinas, quais delas focar às vésperas da prova, como marcar o vade mecum, enfim, questões que surgem enquanto você estuda.

Por fim, aproveite os descontos de lançamento que são por tempo limitado! O seu crush de 2017 está dominado!

Saraiva Aprova FB

Datas oficiais para Exame da OAB 2017

Comentários (3)

Bandeira OAB

Então, o Conselho Federal da OAB lançou as datas OFICIAIS para o Exame de Ordem de 2017. Confere:

Businessman writing agenda

Em agosto deste ano ainda, lançamos as NOSSAS datas, uma previsão baseada em nossa larga experiência em Exame de Ordem, clique aqui. O que acertamos? Dá uma olhadinha abaixo:

  • XXII EXAME DE ORDEM UNIFICADO

Edital: 30/janeiro/2016 (erramos 1 dia) | Prova 1ª fase: 2/abril (acertamos) | Prova 2ª fase: 28/maio (acertamos)

  • XXIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO

Edital: 5/junho (erramos 5 dias) | Prova 1ª fase: 23/julho (acertamos) | Prova 2ª fase: 17/setembro (acertamos)

  • XXIV EXAME DE ORDEM UNIFICADO

Edital: 25/setembro (erramos 6 dias) | Prova 1ª fase: 26/novembro (erramos uma semana)| Prova 2ª fase: 21/janeiro/2018 (acertamos)

E com o que você irá contar para ser aprovado em qualquer um dos exames acima? Confira o vídeo!

 

Saraiva Aprova OAB 1ª Fase: a aprovação começa hoje!

Comentários (26)

14446078_572362219614704_2223851057856419907_n

Como posso apresentar aquela que, a partir de agora, será sua melhor opção para preparação no Exame da OAB? Então vou começar do início; do meu início. – Porque? Você só confia se o vendedor é experiente ou se conhece o investimento, não é?!? Sobre o investimento, a Editora Saraiva, com 100 anos de existência, fica mais fácil falar, por isso, vamos começar pelo vendedor.

Sobre o vendedor.

O início é março de 1996, quando me deparei com a realidade do Exame da OAB e as minhas famosas fichas de resumos que foram compartilhadas e o sucesso que trouxe com a aprovação de muitos. Corta para 2005 e a responsabilidade de assumir o compromisso de um novo preparatório de OAB em Porto Alegre/RS como coordenador e professor. Em 2006, o primeiro livro publicado de forma independente e que vendeu mais de 2 mil exemplares: questões comentadas para OAB do RS.

Em 2007, as primeiras palestras sobre preparação para o Exame da OAB. Já em 2008, a primeira publicação para uma grande editora: questões comentadas para OAB/CESPE. Também neste ano, o início deste blog. Em 2010, primeiro livro no país para OAB/FGV. Ainda em 2010, a primeira coleção para OAB, 1ª e 2ª fase para Editora Saraiva. Em 2013, o lançamento de uma nova coleção para 2ª fase da OAB. Em 2015, a publicação do primeiro livro com teoria unificada e questões comentadas para OAB do país. Em 2016, já são mais de 50 publicações e audiência de 20 mil ouvintes nas palestras sobre preparação e motivação. Em 2017, uma nova coleção para 2ª fase da OAB e novos projetos se avizinham.

Sobre o investimento.

Há cursinhos e cursos preparatórios. E há aprovatório. A plataforma da Saraiva Aprova é o ÚNICO desta última categoria que conheço. Traz todo o know-how de 100 anos de publicações jurídicas da Editora Saraiva e a inovação de que nenhum outro preparatório para OAB trouxe para o mercado até hoje. Trata-se de metodologia moderna! Difícil de acreditar? Eu mesmo fui igual a Tomé: só acreditei vendo e testando!

plataforma (acostume-se com esta expressão, porque, exatamente, é esta a experiência) é intuitiva e fácil de manejar. Traz uma tecnologia de ponta embutida com milhares de algoritmos que te levam a trilhar um caminho próprio e único, baseado nas suas fraquezas e habilidades. Nenhum aluno é igual a outro e todos os demais cursos em EAD não conseguem identificar esses perfis. Na plataforma da Saraiva Aprova é respeitado o perfil do aluno diante de suas autoavaliações, permitindo uma otimização do tempo de estudo. O que estudar, como e quando faz parte do programa.

Saraiva-metodologia

- O que esta caminhada oferece?

  • Aulas em vídeo com os melhores professores, livros Esquematizado®, Vade Mecum OAB e o banco com o maior número de questões comentadas do mercado
  • Metodologia de aprendizagem personalizada, com foco na otimização do tempo de estudo
  • Acompanhe suas estatísticas de desempenho no curso a qualquer momento

Falar sobre os professores também é uma tarefa muito fácil ao associar esta seleção com o nome do prof. Pedro Lenza. Não só um dos mais respeitáveis juristas do país, como também o maior vendedor de livros jurídicos com a sua coleção Esquematizado®. Esta seleção de docentes foi avalizada por ele como pelo próprio currículo de cada um deles.

- E o material que acompanhará esta trajetória? Aqui entra a expertise da Editora Saraiva. Todas as disciplinas têm material em PDF para acessar. Não é qualquer material, tipo feito no word e salvo em PDF. A diagramação é típica dos manuais da Editora Saraiva, repleta de figuras, esquemas, imagens e outros detalhes gráficos que, certamente, mudará a estória do que seja uma “apostila”, se podemos “ofendê-la” assim… (melhor denominá-la de e-book).

Saraiva-PDF

Não só isso. – Tem mais? Sim! Pelo valor de lançamento você poderá ainda receber na sua casa [à sua escolha] ou o VADE MECUM OAB SARAIVA 2017 ou livro teórico OAB ESQUEMATIZADO. E por um pouquinho a mais, receber tudo isso, como um “pacote completo”.

Saraiva-material

- E o preço professor? Preciso vender o que tenho para pagar este curso, ops, aprovatório? De modo algum! A melhor concorrência tem o mesmo preço e oferece BEEEEM menos! Os valores são estes:

Saraiva-preços

- Mas o preço, professor, é similar à concorrência! Como falei, a concorrência oferece bem menos. Quer comparar? Enquanto os cursos X e Y entregam seus cursos até o dia da prova, a Saraiva Aprova entrega até 6 MESES depois de comprar o curso, não importando a data da prova. É uma GIGANTESCA diferença. Ademais, pode assistir quantas vezes quiser, porque tem curso que só deixa apenas 3x.

Se você ainda tem dúvida depois de tudo isso, [faça um tour pelo site, clique aqui], serve como arrematador 6 GRANDES MOTIVOS para começar agora sua caminhada com Saraiva Aprova:

  1. Único curso com a qualidade e tradição da Editora Saraiva
  2. Metodologia proporciona estudos de acordo com seu nível de conhecimento e peso das disciplinas no Exame da OAB
  3. Conteúdo criado pelos melhores professores do Brasil, especialistas em preparação para o Exame da OAB
  4. Receba em casa o livro OAB Esquematizado® da Editora Saraiva
  5. Videoaulas com 20 minutos de duração, com o conteúdo essencial para a prova
  6. 6 MESES para usar a plataforma, mais tempo e disponibilidade para estudar

JAMAIS, em 30 anos de experiência em OAB, desde que me envolvi com o exame, vi algo próximo ou similar. Conheço o mercado de OAB como poucos em razão do blog, do meu envolvimento em outros preparatórios e da amplitude que os meus livros tomaram pelo país a fora. Também é fácil concluir, mesmo sem experiência alguma, que apenas uma editora jurídica seria capaz de oferecer e propor o que vimos acima (e que tem mais lá no site Saraiva Aprova): a Editora Saraiva.

Quer conhecê-la por dentro? Clique aqui!

Sua aprovação começa hoje e agora. Eu acredito!

Saraiva Aprova FB

Exame da OAB: questões passíveis de recursos

Comentário (1)

ambulancia

Depois do “terremoto” que arrasou mais de 90% (números extraoficiais) das provas do último Exame da OAB aplicado no domingo, agora é o momento das “ambulâncias” trazerem algum conforto para os “feridos”, aqueles examinandos que ficaram por até 3 questões.

Previamente, explico. Sou um pessimista moderado em relação à anulação de questões para OAB. Sendo assim, normalmente, atribuo esperança para quem ficou até por DUAS questões. Três questões, já acho muito complicado. “Professor, qual sua fundamentação para isso?”. Números!

Recentemente, fiz uma pesquisa detalhada sobre as anulações nos 20 Exames Unificados, sem contar com a prova de Salvador (XXº Exame reaplicado) que teve uma anulação. Assim, o resultado é que 9 provas não tiveram anulações; 4 provas tiveram 1 anulação; 3 provas tiveram 2 anulações; 2 provas, 3 anulações; 1 prova com 4 anulações e 1 prova com 5 anulações. Saiba mais, clicando aqui.

Porém, esta prova, em razão do “massacre” que foi, sensibilize a banca e a OAB a reavaliar suas questões e anular mais do que o previsto, apesar de quase a metade dos exames não tiveram qualquer anulação. Pois bem, veja se as questões ajudam e verifique você mesmo se a fundamentação faz ou não sentido. Lembrando que toda anulação beneficia quem errou a questão anulada e não prejudica quem acertou ela.

Por fim, novas atualizações serão feitas neste artigo quando surgirem questões anuláveis. Boa sorte!

PROCESSO CIVIL | Prof. Luiz Dellore (Saraiva Aprova) (originalmente publicado no site Jus Brasil)

Questão 56) B – novidade do Código, não há mais admissibilidade da apelação na origem (NCPC, art. 1.010, § 3o). Se a pergunta fosse só a respeito disso, seria excelente. PORÉM, a pergunta era em relação a QUAL medida para impugnar isso. Apesar de não estar no rol taxativo do 1.015, sem dúvidas que viável se pensar em agravo de instrumento (alternativa A), ou MS (que NÃO constou das alternativas). Mas o examinador colocou como correta a previsão de reclamação – que, de fato, poderia ser UMA das opções, mas o assunto, reitere-se, estão LONGE de ser pacífico!

* Portanto, considerando a possibilidade de se cogitar do agravo de instrumento como meio adequado (ou MS), a pergunta deveria ser anulada

Questão 57) B – novidade do Código, a impugnação à justiça gratuita não é mais elaborada em peça apartada, mas na própria contestação (NCPC, art. 100). Até aí, a pergunta é bem pertinente. PORÉM, o examinador prosseguiu a respeito da presunção de gratuidade (que existe – NCPC, art. 99, § 3o). E aí, colocou DUAS alternativas que podem ser consideradas corretas. A B, ao simplesmente apontar que deve ser impugnada a gratuidade em contestação, e a C, ao apontar que o impugnante deverá produzir prova, pois “pois a lei presume verdadeira a alegação de insuficiência deduzida” (afirmação correta, considerando o art. 99, § 3o).

* Portanto, considerando duas alternativas corretas, a questão deveria ser anulada. Aguardemos a banca.

 PENAL E PROCESSO PENAL | Prof. Alexandre Salim (Saraiva Aprova)

Questão 60

- Carlos é reincidente, pois cometeu novo crime depois de transitar em julgado a sentença que, no País, o condenou por crime anterior (art. 63 CP). Portanto, descabe a tese da alternativa C. De igual forma, não há prescrição a ser arguida, pois a pena aplicada de 11 meses prescreve em três anos (art. 109, VI, CP), prazo não verificado na questão. Gabarito: A.

- Posição do professor: cabe recurso. O fato de o juiz não ter admitido a substituição da pena privativa de liberdade por pena restritiva de direitos “em razão da reincidência” induz o candidato a acreditar que a medida não é socialmente recomendável (art. 44, § 3º, CP). Assim, caberia a suspensão condicional da pena (art. 77 CP), que, entre outros requisitos, exige que “não seja indicada ou cabível a substituição prevista no art. 44 deste Código” (art. 77, III, CP).

Questão 67

- O crime de abuso de autoridade deverá ser julgado na Justiça Estadual, conforme Súmula 172 STJ. Entretanto, no que se refere ao delito de corrupção passiva, segundo a banca, seria julgado pela Justiça Militar. – Gabarito: B.

- Posição do professor: cabe recurso. Primeiro, porque a legislação militar (CPM e CPPM) não está no edital. Segundo, porque a questão refere que os policiais “solicitaram que as jovens os acompanhassem até o quartel e, em seu interior, pediram que elas os auxiliassem com a entrega de R$50,00 cada”. Ocorre que o crime de corrupção passiva militar, previsto no art. 308 CPM, vem descrito da seguinte forma: “Receber, para si ou para outrem, direta ou indiretamente, ainda que fora da função, ou antes de assumi-la, mas em razão dela vantagem indevida, ou aceitar promessa de tal vantagem”. Ou seja, não consta, no citado art. 308 CPM, o verbo solicitar, razão pela qual os dois delitos (abuso de autoridade + corrupção passiva) deveriam ser julgados pela Justiça Estadual (alternativa C).

EMPRESARIAL | Prof. Giovani Magalhães (coleção Passe na OAB)

Questão da Rosana e Carolina e da Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (EIRELI). RESPOSTA: Nos termos do art. 980-A, §§ 2º e 6º, do Código Civil. Apesar do gabarito oficial (alternativa A), alternativa D também está correta, nos termos do art. 980-A, §5º, pelo que, por ter duas respostas corretas, tal questão deverá ser tida como nula.

Você já sabe que Vade Mecum acompanhará sua preparação para 2ª fase? Certamente, sua escolha deve pautar pela ATUALIZAÇÃO, TRADIÇÃO, ESPECIALIZAÇÃO e CUSTO-BENEFÍCIO. Todos estes itens estão reunidos na 11ª edição do Vade Mecum Saraiva OAB 2017. Clique na imagem e saiba mais!

VM OAB 2017 Venda

Foi um exame da OAB do capeta!

Comentários (40)

Exame do Capeta

- Professor Marcelo Hugo, o que foi esta prova do XXI Exame da OAB???

- “Foi o exame do capeta!”

Não tenho outras palavras para defini-la. Considerando as palavras dos colegas da coleção Passe na OAB e dos professores do Saraiva Aprova (em fase de pré-lançamento), a FGV surpreendeu com este exame comparado com os outros dois deste ano de 2016.

Das 17 disciplinas, um ou outro professor do Saraiva Aprova comentou que a prova se manteve como nos padrões anteriores, ou seja, difícil mas dentro do esperado. Mas a grande maioria reclamou de enunciados mal redigidos, confusos e complexos, além de um grau de dificuldade extrema, conforme situamos a seguir.

“Das cinco questões de Direito Processual do Trabalho, três eram complexas embora não impossíveis”, avaliou o professor Bruno Klippel, concluindo que estava “um pouco mais puxado, realmente”. O prof. André Barbieri afirmou que a prova estava bem difícil, “não foi presente do Papai Noel”. O prof. Bruno Zampier, da disciplina de Direito Civil, considerou a parte da disciplina mais difícil que a média dos últimos exames. A profª Carla Carvalho, que também ministra a disciplina, concordou: “uma prova parecida com ENEM E ENADE, pouco objetiva, com muita interpretação de texto”.

Em Direito Processual Penal, o prof. Christiano Gonzaga avaliou que “foram cobrados muitos casos concretos. Mas quem tinha o domínio dos artigos foi bem”, de qualquer modo, concluiu que “foi acima do normal a dificuldade”. O prof. Alexandre Salim, de Direito Penal, ainda ressalta que em sua disciplina foi dado um peso considerável à parte de legislação especial.

“A parte de Direito Empresarial estava toda compreendia no material do Saraiva Aprova. A prova exigiu atenção do candidato. Não eram perguntas diretas, ‘decorebas’, e mensurou conhecimento”, afirmou o prof. Marcelo Sacramone. Já em Filosofia do Direito, “caiu Hobbes (um autor que era esperado), porém a questão não é das melhores quanto à formulação”, afirmou o prof. Clodomiro Bannwart, que também ressaltou que a outra questão “é a primeira vez que se cobra Stuart Mill”, bem como ficou “por demais complexa em razão do excesso de palavras” [comentário completo das questões, acesse o perfil do professor no FB, clique aqui].

“As questões de Direitos Humanos estavam péssimas. Com exceção da terceira, que envolvia um problema jurídico propriamente dito, as outras duas estavam mal elaboradas e com erros conceituais” afirmou a profª Maíra Zapater [acesse o perfil da professora no FB com explicações completas, clique aqui]. O prof. Pedro Lenza avalia que a “reprovação será alta!”, até porque “Constitucional não foi fácil com questões um pouco fora do esperado”. Em Consumidor, segundo o prof. Renan Ferraciolli, “fizeram um diálogo com o Direito do Trabalho, invocando uma lei que sequer consta do edital de abertura (12.436/11) e na outra questão, trataram da Súmula 532, STJ, bem fora do padrão”.

Em Direito Administrativo, a profª Licínia Rossi explica que “os temas foram abordados em nossas aulas, mas que a prova poderia ter explorado no problema das questões situações bem mais importantes da disciplina e não o fez…”. Conclui que a banca “dificultou o que deveria ser simples, floreou e subjetivou o que normalmente é bem objetivo nos manuais, exigindo muito mais interpretação de texto do que os conceitos publicistas”, mas segundo a professora, “não foi das piores, estava dentro do esperado”. Sobre Direito Ambiental, a profª Erika Bechara avalia que a “primeira questão foi pertinente, mas exige uma boa compreensão do tema pelo aluno. Já a segunda foi sobre um tema muito específico, que nem costumamos tratar com alunos de graduação (concessão de florestas, Lei 11.284)”.

“As questões de tributário ficaram no padrão esperado”, afirma o prof. Roberto Caparroz, “sem a dificuldade que os colegas detectaram nas outras matérias, no mesmo nível dos exames anteriores”. E conclui que “os temas, apesar de específicos, foram tratados nas aulas e quem adquiriu e leu o OAB ESQUEMATIZADO gabaritou, porque tudo estava lá”. Em Processo Civil, o prof. Luiz Dellore comemora que a banca só trata do NCPC e nas suas novidades, no entanto, “a banca errou na dose, fez perguntas muito específicas, de temas objeto de polêmica doutrinária (nem digo jurisprudencial pois ainda não deu TEMPO de ter polêmica na jurisprudência!)”. E exemplifica: “a pergunta da admissibilidade da apelação, por exemplo, está mais para uma pergunta de seminário de um curso de pós graduação do que para um exame de Ordem… Ou seja, lastimável”.

Reparem que de 80 questões na prova, apenas 5 questões não envolviam situações hipotéticas, ou seja, de pergunta direta. O restante, muita paciência para interpretar o enunciado com diversos nomes e detalhes de 17 disciplinas tudo ao mesmo tempo. Realmente, é um exercício de grande atenção e tensão.

Vozes mais otimistas apontam que 10% foram aprovados com o gabarito de ontem. Ou seja, a reprovação foi geral.. Será que é uma “resposta” da OAB com a divulgação que no Brasil já temos mais de 1.000.000 de advogados? [saiba mais, leia aqui]. Não sei, mas que essa prova estava do capeta, isso ninguém me tira…

Já começaram a me perguntar se teremos questões anuláveis. É bem verdade, que muito poucos, talvez a margem de quem tenha acertado entre 37 a 39 seja a menor do ano, por isso, as esperanças já morreram ontem mesmo. Durante esta semana vamos avaliar as possibilidades não só dos nossos colegas como também em todos os portais e preparatórios. De qualquer modo, lembro que os últimos 3 exames (XX, XIX e XVIII) não tiveram anulações (não conto a reaplicação da prova em Salvador no XXº Exame, onde anularam 1). Também não foram provas como esta do XXIº Exame. Bem, você pode saber mais sobre as estatísticas de anulações, clicando aqui.

Continuo acreditando que, quem fica por 1 questão, não fica impedido de investir num curso da 2ª fase e na esperança de que haja anulação. Quem fica por 2 questões, pode guardar o $$ e tentar estudar por conta para uma 2ª fase. Quem fica por 3 ou mais? Escreverei ainda esta semana um tópico apenas para elas.

Se você foi aprovado, comemore, porque sinta-se privilegiado num grupo tão pequeno que conseguiu superar esta 1ª fase. Se você não foi aprovado, outras milhares também não foram e as possíveis razões estão acima comentadas. Outras razões podem ser reavaliadas a começar pela escolha de um preparatório de qualidade, completo e inovador, que, em breve, estará disponível: Saraiva Aprova!

[ATUALIZADO]

Link das questões anuláveis: clique aqui.

5 coisas para fazer no dia da prova da OAB

Comentários (4)

5Todo mundo parece que já está “careca” de saber que a aprovação que se valha merece um plano de estudos ou que toda preparação merece uma organização digna. Só que muitos se esquecem que isso também vale para o dia da prova, pois a preparação não termina na véspera. Diante disso, resolvi deixar 5 regras de ouro para a véspera e para o dia da prova, pois ambos se confundem.

REGRA 1 – Prefira não revisar conteúdo. E é simples e você responderá com uma pergunta: você estudou todo o conteúdo necessário ou todas as disciplinas? É claro que não. Assim, prefira avançar em temas que você sequer olhou, mesmo que seja no sábado, véspera da prova. Nesse caso, vai outra dica, prefira confirmar Ética, pois é a “rainha das disciplinas” com 10 questões e, que provavelmente, poderão lhe trazer a pontuação necessária para aprovação. Não viu o Código de Ética? O Regulamento? É uma ótima oportunidade. As disciplinas “menores”, com 2 questões, também são relegadas, dê uma olhada em CDC e ECA, pois são mais simples. Você ainda não leu o art. 5º da CF??

REGRA 2 – Deixe de lado os convites. Final de semana de prova, a começar por sexta-feira, um “não, obrigado” para todos os convites é o mínimo de coerência. Concentração é o mínimo de exigência. Deixe para sair depois da prova. Se você quiser dar uma “volta”, que faça para dar uma caminhada para relaxar, para almoçar no sábado e era isso. Sem reuniões sociais, com familiares, cujo assunto, certamente, será na sobremesa: EXAME DE ORDEM.

REGRA 3 – Domingo é dia de estudos, sim senhor. Se você estiver ansioso, não tiver nada para fazer para passar o tempo, não dormiu nada na noite anterior, está louco para fazer a prova, está preocupado que tem matérias que não viu como deveria ou que nem chegou perto, pergunto, porque não dar uma “última espiadinha”, diria Pedro Bial? Quem sabe uma questão não saia dessa leitura domingueira?

REGRA 4 – O caminho entre as pedras na prova. Resolver prova é estratégia, então, no caso da OAB o negócio é começar por ÉTICA, pois é das disciplinas a que mais os examinandos se escoram na “decoreba”, e esquecer é muito fácil. Portanto, começar por ela é lógico. Depois, seguir o caminho pelas disciplinas que você estiver melhor bem preparado, pois o exame da OAB é, além de tudo, uma prova muito cansativa, então se deve garantir a pontuação necessária ainda quando tudo está “tranquilo” e deixar para o final, quando a paciência já era, aquilo que realmente suas chances são poucas. Não conhece a topografia da prova? Clique aqui.

REGRA 5 – Amor à primeira vista. Jamais mude a alternativa depois que você marcou. Conheço aluno que alterou seis alternativas e todas errou e adivinhem? Faltaram seis questões para ser aprovado. Por isso que eu chamo que é amor à 1ª vista, e esse amor a gente não pode mudar. Se tiver dúvida entre duas alternativas, deixe para o final para resolver, pois o “brainstorm” da prova pode clarear as ideias depois de tudo.

Cumpra as 5 regras e seu final de semana, certamente, será muito melhor do que esperava. Boa prova e espero vocês para 2ª fase!!

[texto originalmente escrito em nov/2014, mas ainda muito atual nos dias de hoje]

Agenda OAB

XXIII Exame de Ordem Unificado

  • 23.07.2017

    Prova objetiva 1ª fase

  • 07.08.2017

    Resultado preliminar

  • 08.08.2017
    a
    11.08.2017

    Prazo recursal 1ª fase

  • 22.08.2017

    Gabarito definitivo

  • 17.09.2017

    Prova dissertativa 2ª fase

  • 10.10.2017

    Resultado preliminar

  • 11.10.2017
    a
    14.10.2017

    Prazo recursal 2ª fase

  • 24.10.2017

    Resultado definitivo