Como NÃO zerar a peça!

Comentários (1.651)

Um dos maiores medos da humanidade, depois do bicho-papão, de mais um filme da Saga Crepúsculo, de enfrentar a Carminha da novela das nove, do Sarney ser mais uma vez presidente do país, do Corinthians ser campeão da Libertadores e dos brasileiros não poderem mais comprar produtos piratas, é definitivamente, tirar ZERO na peça da OAB.

O próprio edital fornece pistas de como NÃO tirar zero:

  • O caderno de textos definitivos da prova prático-profissional não poderá ser assinado, rubricado e/ou conter qualquer palavra e/ou marca que o identifique em outro local que não o apropriado (capa do caderno), sob pena de ser anulado. Assim, a detecção de qualquer marca identificadora no espaçodestinado à transcrição dos textos definitivos acarretará a anulação da prova prático-profissional.
  • O examinando deverá observar atentamente a ordem de transcrição das suas respostas quando da realização da prova prático-profissional, devendo iniciá-la pela redação de sua peça profissional, seguida das respostas às quatro questões práticas, em sua ordem crescente. Aquele que não observar tal ordem de transcrição das respostas, assim como o número máximo de páginas destinadas à redação da peça profissional e das questões práticas, receberá nota 0 (zero), sendo vedado qualquer tipo de rasura e/ou adulteração na identificação das páginas, sob pena de eliminação sumária do examinandodo exame.
  • Quando da realização das provas prático-profissionais, caso a peça profissional e/ou as respostas das questões práticas exijam assinatura, o examinando deverá utilizar apenas a palavra “ADVOGADO…”. Ao texto que contenha outra assinatura, será atribuída nota 0 (zero), por se tratar de identificação do examinando em local indevido.
  • Não será permitido o uso de borracha e/ou corretivo de qualquer espécie durante a realização das provas.
  • Nos casos de propositura de  peça  inadequada para a solução do problema proposto, considerando, neste caso, aquelas  peças  que justifiquem  o indeferimento Iiminar por inépcia, principalmente quando se tratar de ritos procedimentais diversos, como também não se possa aplicar o princípio da fungibilidade nos casos de recursos, ou de apresentação de resposta incoerente com situação proposta ou de ausência de texto, o examinando receberá nota ZERO na redação da  peça profissional ou na questão.

É fácil tirar ZERO na peça? Não é fácil, mas também não é difícil. Após os resultados preliminar e definitivos de 2ª fase, é de costume buscar entender os motivos que o aluno ou leitor não conseguiu aprovação.

Posso garantir a vocês que zerar a peça não é o principal motivo. O principal é fator “correção”, geralmente, não adequada no sentido de não considerar partes que compõem uma resposta, em especial, nas questões.

Como agora já se sabe, quem corrige não é advogado, como antigamente, mas funcionários da FGV a partir de padrões de respostas. Então a avaliação não chega a ser “global”, mas de forma quase “mecânica” exatamente como aparece nos padrões de respostas divulgados pela FGV.

Então também há uma SUBVALORIZAÇÃO das peças. Vejo que muitos esperam ao menos garantir 3 pontos numa peça e não conseguem alcançar essa pontuação, dependendo muito das questões.

E de certa forma, a PEÇA é parte mais fácil na 2ª fase, pois o desenvolvimento tem o parâmetro do próprio enunciado, quase um copia e cola quando “dos fatos” e o resto é a compreensão processual da situação-problema.

Assim, o temor de zerar a peça é mais lenda urbana do que a realidade constata a cada exame da OAB.


Caso seja necessário, fazemos recursos contra a decisão da banca, contatar pelo nosso email: mhdarocha@gmail.com


Compartilhe com seus amigos a dica da única plataforma de estudos que personaliza a preparação para Exame da OAB conforme as habilidades de cada aluno. Chegou Saraiva Aprova, a plataforma da Editora Saraiva. Clique na imagem e saiba mais!

Saraiva Aprova FB

Comentários

  1. alessandra
    25.10.2012 - 1:21

    Professor, eu fiz nesse ultimo exame um usucapiao, porem ao começar eu pensei que fosse açao possessoria e dei esse nome a açao, mas ao perceber fundamentei e coloquei pedidos e tudo direcionado a usucapiao, e nao deu tempo de voltar , riscar o nome da açao e colocar usucapiao. me diz ter dado nome de açao possessoria e ter fundamentado certo com artigos certos de usucapiao eu serei descontada ? ou minha prova será anulada ? brigadao ! estou nervosa por isso. me falaram que tem advogados corrigindo a prova, enfim. to comedo danado disso :(

    • Prezada amiga, o nome da ação tem certa importância para pontuação, mas não zera peça não, ainda mais que você trouxe a fundamentação correta… fique tranquila. Depois me avise como foste! Boa sorte!!

  2. Professor, boa noite.

    Faltava apenas 2 linhas para eu terminar a minha peça e faltava escrever as seguintes expressões: Nestes termos pede deferimento, local,data e ano e Advogado. Ocorre que escrevi as seguintes expressões no espaço em branco entre uma linha e outra, a fim de não ultrapassar o espaço. Agora to apavorada… minha peça pode ter sido zerada?

    Fico no aguardo

    • Aline, não será zerada, lhe garanto. O que a banca não considera é o que não está escrito nas linhas disponíveis. Faltando duas linhas, era necessário fazer isso:

      Nestes termos pede deferimento.
      Local, data. Advogado.

      Se foi feito isso, ótimo. Caso contrário, deverá ser descontada a pontuação para fechamento da peça tão somente. Bons estudos.

  3. Olá professor! Gostaria de saber se há a possibilidade de zerarem a minha prova pelo fato de, “na hora do nervosismo e ansiedade”,eu ter invertido a ordem inicial da minha peça colocando as preliminares primeiro e só depois lembrei que tinha que narrar os fatos, mas aí, já era tarde. Narrei assim mesmo. A peça era Memoriais. São bobagens que não damos importância na hora de treinar em casa e que na hora da prova, a tensão acaba nos fazendo cometer esses erros. No mais, eu fui bem na fundamentação da peça.

    • Olá Cintia, certo que você não irá zerar. No máximo, um desconto dentro do critério de pontuação a respeito da estrutura da peça. Boa sorte!

  4. Professor, tô medo de ser desclassificada por IDENTIFICAÇÃO DE PROVA. O meu receio, se deve ao fato de, ao invés de colocar 3 pontinhos, coloquei traço, no valor da causa, como também nos outros dados q não tinha, assim: “Dá-se a causa o valor de R$___”. E na qualificação da impetrante coloquei assim: “Instituição de Ensino Superior, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº___, com sede na Rua__, nº ___, bairro ___, cidade ___, estado___, CEP___”. Isso se considera identificação de prova?

  5. A dúvida pode ser boba, mas usar ___ no lugar de … se considera identificação de prova? Exemplo: “Dá se à causa o valor de R$____” ao invés de “Dá-se à causa o valor de R$ …”.

  6. Professor, estou com uma dúvida cruel sobre minha peça. É que no fechamento eu escrevi “Nestes termos, pede deferimento. Advogado, OAB n…” Só q percebi q tinha esquecido o local e a data. Aí fiz uma fiz uma burrada, dei um risco na diagonal em cima dessas palavras e reescrevi embaixo, começando com “local e data”. Será q pode ser considerada identificação???

    • Paolla, certo que não vão. O fato da identificação é quando algum gesto ficará marcado apenas pela sua peça, e tenha certeza, muitos riscam coisas que erraram e depois reescreveram. Boa sorte,

  7. Professor, muito obrigada pela gentileza de enviar uma resposta tão rapidamente! A ansiedade e o medo da reprovação muitas vezes faz com que fiquemos com dúvidas sobre qualquer detalhe da prova. Parabéns pelo trabalho que faz com seu blog, nos ajuda muito!

  8. Graciliano Tolentino
    20.03.2013 - 20:55

    Professor… Por favor me responda uma dúvida, que eu já não consigo mais dormir! Hoje peguei na mão da minha namorada e quase quebrei os dedos dela… Estou uma pilha! O CASO É O SEGUINTE: Na prova prática de penal eu fiz uma defesa prévia, e o Maurício Gieseler disse que eram memoriais… Se eu errei isso, EU ZERO A MINHA PROVA? Eu fundamentei tudo direitinho, descorri sobre a absolvição sumária pela decadência da pretensão punitiva, pedi alternativamente a absolvição pela ausência de provas, falei do erro sobre a pessoa e pedi a conversão do dolo em culpa, pedi, ainda o sursis, e no mais aleguei do cabimento de pena alternativa… Fiz tudo direitinho… Será que corro o risco de zerar a peça processual por ter, possivelmente trocado memoriais por defesa prévia? Estando a questão tão nebulosa?

    • Caro amigo, não adianta sofrer por antecipação, em especial, em PENAL. Em outras oportunidades, aceitaram mais do que uma peça, portanto, chega a ser normal, visto que o enunciado não é dos melhores. Assim, peço que aguarde o resultado final, ademais, essa não é a minha área, mas a banca já aceitou tantas coisas que o nome da peça não é para zerar e sim para descontos. Boa sorte.

  9. Graciliano Tolentino
    21.03.2013 - 12:53

    Muito obrigado professor! Principalmente pela humildade e prestatividade! O Brasil precisa de mais profissionais do Direito como o senhor, que não pisam sobre aqueles que não são considerados do mesmo nível… Convivemos com uma crueldade muito grande dos profissionais. Em sua maioria tratam os bacharéis e estagiários como lixo. A pressão psicológica é muito grande, por isso apesar de estudar bastante, ainda, por vezes ficamos muito inseguros… Eu sei que fraqueza não é algo aceitável na nossa carreira… Mas um pouco de humanidade é necessário… Meus parabéns pelo seu trabalho e que Oxalá te dê buzi buzi e axé! Assim seja!

    • Obrigado amigo, não faço nada de especial, além de cumprir com as minhas obrigações solidárias que todo o ser humano deveria ter com o seu mais próximo. E esse canal serve, justamente, para esse contato. Depois me diga como foi o seu resultado, ok? Boa sorte.

  10. Graciliano Tolentino
    21.03.2013 - 13:50

    Farei questão de lhe enviar o meu resultado! Abraços!

    • Graciliano Tolentino
      05.04.2013 - 10:45

      Zerei a peça… Vou fazer de novo! Brindons! Brindons! Brindons! Marchez companieres! Vif la revolución!

  11. Prof, errei uma questão e , ao invés de passar o traço na horizontal, passei um risco na diagonal. Anula a questão
    por identificação?

    • Rose, fica tranquila, a identificação exige muito mais do que isso. Bons estudos.

  12. Professor, o décimo foi meu primeiro exame de ordem e eu fui muito bem nas questões e acertei a peça com alguns erros nos pedidos, mas (no geral) acho que fui até melhor do que imaginava.
    Meu único problema foi o seguinte: fiquei com medo de identificação da peça e ao responder as questões não coloquei “a” e “b” no início, apenas deixei uma linha de espaço entre uma e outra, porém, no desespero de final de prova, acabei colocando um “a” em determinada questão que, por não ter muita certeza, deixei para responder por último.
    Será que isso será considerado identificação de peça?
    Se sim, será que é cabível recurso?
    Estou com muito medo de decepcionada por ter cometido um erro tão grosseiro, mas realmente não sabia como fazer.
    Desde já, obrigada!

    • Luana, não se preocupe. Para servir de identificação se exige muito mais do que isso. Boa sorte.

  13. Prof, acho que na hora de nervosismo acabei inventando fato novo. Será vão zerar a minha peça ou descontar muita nota? Tô muito nervosa aqui.

    • Driéli, fato novo não quer dizer nada, somente se você inventou números e algo similar. Bons estudos.

  14. Olá prof. vc pode me tirar uma dúvida? Fiz a minha peça correta, sobrou uma folha . Dai diante do nervosismo acabei escrevendo as respostas da questão 1 na folha que era da peça, qdo m dei conta, eu passei um traço simples sobre as respostas contidas naquela folha, e escrevi então a resposta corretamente no local das respostas. vc acha que eles podem anular minha prova. Ressalto, que minha peça estava completamente terminada na folha 4, e que a resposta foi apresentada na folha correta vc acha que eles possam anular minha prova? desde já obrigada!

    • Raquel, jamais vão anular uma prova por isso. Quando se responde de forma não adequada dentro das linhas e folhas o máximo é não considerar o que foi escrito. Mas pelo o que você está explicando, sem chances para o azar. Bons estudos.

  15. João Paulo
    17.06.2013 - 2:34

    Professor,

    estou com uma dúvida se minha prova será considerada identificada, pois quando escrevi o parágrafo, voltei a ler de novo o parágrafo e percebi que faltava uma palavra “aduz”, ai escrevi em um espaço pequeno como se estivesse subindo a palavra para escrever, isso é identificação ?

    • João, isso não é identificação, no máximo, podem desconsiderar o que você escreveu. Bons estudos.

  16. Prof.Marcelo, boa noite!

    Estou muito apreensiva e com receio de anularem minha prova. Comecei minha peça normalmente, porém só no final da folha me atentei que havia me esquecido de colocar em desfavor da outra parte e qualificar.. como não tinha espaço para incluir tais informações. Fiz um risco na diagonal da primeira folha e refiz a peça a partir da segunda.. Podem anular minha prova?

    • Karol, jamais vão anular a sua prova por isso. Fez bem, pois a pontuação é grande quanto à qualificação. Boa sorte.

  17. Boa Noite!
    Professor, cometi um erro grave e esqueci de colocar o endereçamento (porque fiquei na dúvida), mas coloquei todas as teses pertinentes e talvez acertei todas as questões.

    Eles irão corrigir a minha peça?

    Obrigado

    • Ricardo, com certeza. Você receberá um desconto na pontuação, mas nada além disso. Bons estudos.

  18. ola professor eu infelizmente no ultimo exame de ordem X em direito do trabalho fundamentei e coloquei o nome da peça errado ação monitória, porém fiz a peça no formado da ação de consignação em pagamento o qual foi dado como a peça correta será que zeraram minha peça?

    • Reynaldo, o nome da peça é importante, mas também não é. Explico: se você fez uma consignação mas colocou outro nome, haverá desconto, mas não zerar em si, apesar de serem coisas distintas. Boa sorte.

    • Eai Reynaldo, cometi o mesmo erro que vocÊ e zeraram minha peça. A sua também? Se positivo, qual fundamentação pretendes utilizar? abraço

  19. Professor, conheci sei blog hoje. Na prova da segunda fase de hoje, em trabalho, eu errei no cabeçalho da peça…fiz todo o cabeçalho sem colocar o “senhor”. Era uma besteira que nem precisa corrigir, mas fiz a besteira de querer faze-lo. Dai rabisquei (rasurei) toda o endereçamento que havia feito e coloquei em baixo o correto..dessa vez com todos os termos certinhos. Ocorre que eu nao passei ao um risco, mas sim cobri mesmo todas as palavras…rasurei nao de forma muito sutil, tipo nao foi so um traço, e entende?
    Quando sai da prova e li umas coisas aqui na net fiquei apavorada com a possibilidade de identificação de prova, o que vc acha? Obrigada

    • Emanuelle, não é identificação, pode ficar tranquila. A forma de rasura não pode ser considerada. Boa sorte.

  20. Professor estou desesperada … Logo após o RG coloquei o número 3 percebi o erro, passei dois traços em cima e coloquei os três pontinhos logo em seguida … Será q minha prova pode ser anulada??????

    • Amanda, pode ficar tranquila, não poderá ser anulada. Não é caso de identificação. Boa sorte.

  21. Ola professor, e com relaçao ao errar a palavra e ter q risca-la e escrever uma nova ? Como deve-se proceder ? Eu risquei uma frase inteira e agora estou com medo de ter a prova zerada! Estou muito nervosa, pois acho q deveria ter riscado palavra por palavra!!!!
    E agora ?
    Obrigada pela atenção.

    • Flavia, não precisa riscar palavra por palavra, toda a frase é o suficiente. Fique tranquila. Boa sorte.

  22. Amigo, estou muito preocupada com a prova da OAB…
    eu fiz o endereçamento da seguinte forma:
    Excelentissimo Senhor Doutor Juiz da Vara do Trabalho de..
    (dez linhas)
    Ocorre que depois eu descobri que era para endereçar para Maceio-AL, então como a primeira linha estava ja completa passei um traço nas reticencias e na palavra dez linhas que estava entre parenteses…Meu medo é de eles acharen que eu passei o risco e coloquei entre parenteses quando na vedade a palavra ja tava entre parenteses…
    Será que eu vou ZERAR a prova por identificação de peça?

  23. Prof. Marcelo, bom dia!

    Obrigada pela atenção.

  24. Professor, existe a possibilidade de alguém ser desclassificado por Identificação de Prova se ao invés de apenas riscar as palavras que escreveu errado, a pessoa ter feito vários riscos em cima destas? O medo existe pelo fato das instruções da prova serem especificas em relação a isto… mas durante a prova se esquece de tudo.

  25. Prof. Marcelo muitooooo obrigada!!!! :)

  26. Professor, fiz a minha peça em civil, tratava-se de embargos de terceiro em execução de título extrajudicial. Pelo gabarito extra oficial acertei a peça, endereçamento, distribuição por dependência, fundamentação e pedidos, tudo ok. No entanto, na dúvida sobre qual seria o polo passivo eu interpus o agravo nos autos da referida execução, e qualifiquei tanto o exequente quanto o executado, porque achei que ambos teriam interesse na revogação da ordem de penhora. No gabarito não oficial apontou-se como polo passivo apenas o exequente. Nesse caso eu só perderei ponto ou há possibilidade de zerar? Eu também não atribuí o valor da causa, só coloquei “Dá-se o valor da causa R$…”, sendo que pelo gabarito seria o valor do imóvel penhorado. Grata desde já.

    • Ana, zerar a peça de modo algum, desconto sim. Mas a pontuação em si que não irás ganhar daí fica difícil de dizer. Boa sorte.

  27. Bom dia!Pelo amor de Deus,o senhor acha que eu ter escrito ao final assinatura do advogado e nº OAB é identificação de peça????Obrigada!

    • Se você escreveu: “Assinatura do advogado e nº OAB”. Sem chances para anular. Agora se você assinou de fato e inventou um número de OAB, lamento. Boa sorte.

  28. viviane saboia
    17.06.2013 - 13:11

    Professor,esse foi o meu primeiro exame da ordem, fiz civil, estou ansiosa pois acho que zerei na peça, disseram que era embargos de terceiro e fiz embargos a execuçao.A minha peça estava bem feita, bem fundamentada, as questoes foram bem fundamentadas.Que martirio…ser[a que posso recorrer
    Desculpe pela falta de acentuaçao…Problemas no teclado.
    Fiz 70 porcento da prova na primeira fase isso conta

    • Viviane, errar o nome da peça não é motivo para zerar. Certamente, deverão considerar a argumentação. Boa sorte.

  29. Professor Marcelo, Bom dia!
    Na minha peça eu escrevei os tópicos com a letra mais forte, como se fosse negrito, por ex: DO CABIMENTO, DA TEMPESTIVIDADE… etc…
    Esses tópicos e o nome da peças escrevi mais forte com a caneta.
    Agora estou com medo, será que irão considerar identificação de peça?

  30. Professor,
    Coloquei tanto o exequente como o executado no polo passivo do embargos de terceiro.
    Isso pode anular a minha peça?
    Obrigada.

  31. Prof.na prova de penal nao foi mencionado a comarca onde a re foi julgada, mas mencionou o estado do Mato Grosso como local onde ocorreu o fato, no endereçamento nao coloquei o estado do Mato Grosso, mas sim as reticencias será que terei minha peça anulada?

  32. muito obrigada.
    ficarei tranquila

  33. Professor, fiz toda a fundamentação da peça de embargos de terceiro, no entanto, me esqueci na pressão de dar valor a causa e colocar local e data, vou zerar a peça? Caso não, o desconto pode ser mais de 2 pontos?

    • Jean, não irá zerar a peça e o desconto não será de 2 pontos, menos, menos… Boa sorte.

  34. Carolina Cruz
    17.06.2013 - 14:58

    Professor, estou desesperada…

    Fiz a peça normalmente, não houve problema quanto a isso..
    Quando fui fazer as questões comecei a responder a letra A e não tinha encontrado a fundamentação, então não perdi tempo e comecei a B… acontece que depois encontrei a fundamentação da letra A e puxei uma seta abaixo da B. Não sei como pude fazer isso, estava muito nervosa… Estou consciente que podem zerar minha prova..mas no caso, zeraria tudo? A prova toda?

    Obrigada.

    • Carolina, zerar toda a prova não, na pior das hipóteses, zerar a questão. Boa sorte.

      • Carolina Cruz
        17.06.2013 - 16:41

        Nossa! Muito obrigada! Voltei a ter esperanças…
        Deus quiser, vai dar tudo certo! Volto no blog pra contar!!

    • Professor, socorro!

      Fiz parecido com outra guria acima. Respondi a letra A com uma fundamentação e comecei a letra B. Quando terminei encontrei a resposta da A e escrevi embaixo
      A) (Continuação) e respondi.

      Isso é identificação de prova?

  35. Professor,
    fiz a prova de penal.
    Como era pra apresentar uma revisão criminal perante o TJMT, que é em Cuiabá, coloquei ao final assim:

    “Cuiabá, data…

    ADVOGADO…
    OAB nº”

    Posso zerar a peça?

  36. Professor,

    Fiz a prova de penal e apresentei a peça correta de revisão criminal. No entanto, esqueci de colocar o inciso III,do Artigo 621!
    Posso zerar a peça?

    Obrigada

  37. anildo ventura
    17.06.2013 - 16:54

    Boa tarde professor

    Na minha, quando fui colocar o nome da peça, modifiquei o nome da peça , e rasurei o que havia escrito riscando por cima, Em seguida coloquei o nome da peça correta com fundamentação, e fiz a peça inteira. Pergunta posso zerar em função rasuras sobre o nome da peça, que rasurei?

    att

    Anildo Ventura

    • Anildo, não se preocupa, não vão zerar. Rasurar faz parte do jogo e das instruções dele. Boa sorte.

  38. Boa tarde professor, fiz a segunda fase e estou desesperada com uma possível anulação por identificação. Na hora de qualificar tanto o Embargante quanto o embargado, acabei colocando: Fulano de Tal, (nacionalidade…), e todos os outros dados necessários. Isso pode caracterizar identificação? este uso dos parênteses?

    • Agata, o uso de parênteses não causa qualquer problema. E acredito que o “fulano de tal” deverá deixar de ganhar pontuação. Boa sorte.

  39. Aline Pereira
    17.06.2013 - 17:14

    Professorfiz civil e a peça indicada era EMBARGOS DE TERCEIRO, contudo eu fiz embrangos a execução com outros fundamentos! Há chance de não zerar na peça? Fundamentei conforme o art. 745, II do CPC mas só depois vi que o terceiro não é legitimado para propor tal ação! Porem fiquei angustiada com a sumula 261 do STF e mudei p embargos a execução! Só depois me falaram que essa súmula é inaplicável! Resumindo zerei a peça? Se não quantos pontos vou perder?

    • Aline, difícil dizer, vamos ter que aguardar o espelho. Mas não sofra por antecipação, ok? Já vi tanta coisa em provas da 2ª fase que afirmar isso ou aquilo no teu caso só vai piorar… Tenha fé. Boa sorte.

  40. Aline Pereira
    17.06.2013 - 17:15

    Professor fiz civil e a peça indicada era EMBARGOS DE TERCEIRO, contudo eu fiz embrangos a execução com outros fundamentos! Há chance de não zerar na peça? Fundamentei conforme o art. 745, II do CPC mas só depois vi que o terceiro não é legitimado para propor tal ação! Porem fiquei angustiada com a sumula 261 do STF e mudei p embargos a execução! Só depois me falaram que essa súmula é inaplicável! Resumindo zerei a peça? Se não quantos pontos vou perder?

  41. Aline Pereira
    17.06.2013 - 17:16

    Professor fiz civil e a peça indicada era EMBARGOS DE TERCEIRO, contudo eu fiz embargos a execução com outros fundamentos! Há chance de não zerar na peça? Fundamentei conforme o art. 745, II do CPC mas só depois vi que o terceiro não é legitimado para propor tal ação! Porem fiquei angustiada com a sumula 261 do STF e mudei p embargos a execução! Só depois me falaram que essa súmula é inaplicável! Resumindo zerei a peça? Se não quantos pontos vou perder?

    corrigido rsrs
    via celular

  42. Professor, no meio da minha peça eu errei uma palavra e ao inves de passar o traço fiz um rabisco, alias, e depois passei o traço em cima, ficou um rabisco estranho. tem possibilidade de anularem minha peça?

  43. Professor,
    fiz processo civil, acertei peça, tudo corretamente.
    Ocorre que ao dar nome à peça coloquei um asterisco ao lado, pois havia esquecido de colocar “com pedido de liminar” e após o preâmbulo, coloquei o asterisco com pedido liminar, então ficou assim:
    “Embargos de Terceiro* …..”
    “*com pedido liminar”
    Isso é identificar a peça?? Vou zerar a peça?? Cabe recurso??

    • Identificar não Paulo, mas talvez não considerar. Vamos ter que esperar. Bons estudos.

      • Professor, obrigado, só de não identificar já fico aliviado, então tenho chances graças a Deus.
        Não ficou claro apenas o “não vão considerar”, o que eles não vão considerar? O “*com pedido liminar” ou o nome da peça?
        Pleo menos não vai ser zerada né?
        Obrigado pelo rápido esclarecimento!!

        • O pedido liminar. Sucesso.

          • MESTRE!!

            MUITO OBRIGADO PELOS ESCLARECIMENTOS!!!!

            Vou dormir tranquilo, voltei a sorrir!!!

            Sucesso para você também (mais sucesso né hehehe)

  44. Thales Sá
    17.06.2013 - 18:33

    OLÁ PROFESSOR, AO DESENVOLVER MINHA PEÇA ACABEI POR EXTRAPOLAR O LIMITE DE 5 FLS. E ESTOU COM MEDO QUE ISSO POSSA CAUSAR A ANULAÇÃO DA MINHA PROVA, ISSO PODERÁ OCORRER?

    • Não pode acontecer Thales, mas não vão considerar o que você escreveu além. Bons estudos.

  45. Professor estou arrasada e ja chorei muito.Quando fui construir minha peça de civil estava tão ansiosa e ao mesmo tempo com tanto medo de errar que acabei cometendo uma tremenda burrice. Acertei a peça, que era embargos de terceiro, e a fundamentação,mas não observei o limite de paginas, eu so vi embaixo nove paginas e n conferi o caderno de texto de respostas definitivo, so vi q tinha nove paginas na primeira pagina da peça, enfim, assim q terminei de fazer foi q vi q tinha invadido o espaço de respostas da questão 2.Quando percebi a mer.. q fiz me desesperei a quis chorar e ir embora do jeito q estava, ai pensei, pensei,e o q fiz, risquei a parte da peça ( q foi o restante do pedido) no espaço das questões, e nas linhas q ainda restaram em branco respondi todas as questões. Agora estou aki chorando, pq n sei se o examinador ira desconsiderar o meu erro e perceber q se isso ocorreu foi em virtude da minha distração e ao mesmo tempo pelo fato de estar concentrada fazendo minha peça. Vc acha q eles podem zerar minha peça e as duas primeiras questões? Se fizerem isso todo meu investimento e esforço estudando terá sido em vão, e uma tremendas injustiça, pois fiz essa prova honestamente, meu unico erro foi a falta de atenção e ansiedade. Estou sofrendo muito pedindo a Deus q um examinador bonzinho corrija minha prova, pq so parte final do pedido ficou de “fora”, a fundamentação e aos artigos, ta tudo dentro das olhas permitidas. Me tire essa duvida Marcelo por favor.

    • Cara ‘amiga’, pelo o que relatou, realmente, você ficará sem nota quanto à parte final da peça. O restante, está garantida a correção. Não se preocupe, não vejo motivo para ZERAR qualquer uma das suas respostas. Depois conte para nós o que aconteceu, mas firmeza e FÉ. Já vi tantas coisas mais estranhas do que essa e o pessoal foi aprovado. Boa sorte.

  46. Eu pensei q eram 9 paginas para fazer a peça… =(

  47. João Marcos
    17.06.2013 - 18:50

    Professor, ao invés de opor embargos de terceiro eu ofereci oposição do artigo 56 e pedi antecipação de tutela. O endereçamento, a distribuição por dependência, e todos os outros requisitos a não ser a justificativa da peça, a súmula requerida e a liminar estavam presentes. Fui muito bem nas questões. Consigo alguns pontos na peça? Este erro vai zerar a peça? É provável que aconteça?

    • Caro João, já vi acontecer coisas similares igual a tua e que ao final o examinando conseguiu a aprovação. Portanto, esperança, ok? Boa sorte.

    • João Marcos
      17.06.2013 - 20:08

      Muito obrigado professor, vamos ver se dou sorte na correção.

  48. Professor, eu fiz esse ultimo exame na prova de direito civil e a peça era embargos de terceiro. porem eu coloquei no merito da peça que a posse era comprovada por meio dos comprovantes de agua e luz a serem juntados, entretanto foi informacao adicional, o problema apresentado nao falava na existencia destes documentos. eu achei que como estavam na posse era de logico a existencia destes documento. tem possibilidade de eu zerar minha prova?

  49. Thales Sá
    17.06.2013 - 19:10

    obrigado professor, fico muito agradecido.

  50. Boa tarde, professor.

    Fiz a prova de direito penal ontem, que cobrou uma revisão criminal. No entanto, me deu branco e não me lembrei como fazer o esqueleto desta peça e acabei fazendo em forma de recurso. Fiz interposição para o juízo de primeira instância e razões para o TJ!! Mas a tese desenvolvi corretamente…!!
    O senhor acha q minha peça será zerada?

    • Não vejo justificativas para zerarem a peça. Durma tranquila Juliana. Boa sorte.

  51. Professor!

    Respondi a letra A com uma fundamentação e comecei a letra B. Quando terminei encontrei a resposta da A e escrevi embaixo
    A) (Continuação) e respondi.

    Isso é identificação de prova?

  52. Prof,me ajude.. por favor! Não consigo nem dormir. Na prova de ontem.. por faltar espaço no final coloquei o pede deferimento, fiz um traço no meio da linha e escrevi advogado embaixo e depois oab n.. Esse traço no meio da linha pode me identificar e zerarem?

  53. Olá… na prova esqueci de colocar embargante e embargado, lembrei ao final. Então coloquei no fim da peça ” Informa, onde estiver escrito Autor lê-se embargante e onde estiver escrito Réu lêr-se Embargado”. Na hora achei que não teria nenhum problema, afinal não estou inventando nenhum dado… Mais agora pirei… Isso identifica a peça?????? Aguardo resposta…..

    ?????????

    • Carol, não identifica a peça, mas não sei se irão considerar. Bons estudos.

  54. Professor, na peça de penal coloquei, na qualificação, por distração, nome diverso daquele que o enunciado dizia ser a cliente. Pode ser zerada a prova?

    • Pedro, pergunta difícil… se formos otimistas, pode não zerar, pois foi uma distração e não havia motivos para identificação. Por outro lado, um nome “inventado” pode complicar para os pessimistas… vamos torcer, ok?

  55. João Vitor
    17.06.2013 - 22:02

    Professor, sublinhar uma palavra para dar ênfase é considerado identificação de peça?

  56. Professor, eu estou muito angustiada,pois apesar de ter acertado a peça de civil, e ficou certinha,porém com um detalhe trágico.Eu fiquei com medo de que os Embargos tivessem rito sumário apesar de constar na parte especial devido ao processo célere que deve ser, afinal o bem está penhorado. Por esse motivo coloquei no cantinho, meio que por cima, pois não tinha espaço “RITO SUMÀRIO” Não fundamentei nada sobre isso,mas estou com medo de zerar a minha prova, apesar de ter argumentado tudo direitinho.Preciso de ajuda, por favor. Obrigada.

    • Marina, não irá zerar por isso. Poderá haver desconto. Boa sorte.

  57. Professor,
    Na prova de direito constitucional, coloquei um preambulo nas razoes do recurso extraordinário, quando tal nao era necessário. Posso zerar a peça?
    Muito obrigado!

  58. Olá professor,

    Estou muito preocupado pois cometi alguns erros na peça de empresarial e gostaria de saber o quanto fiquei comprometido ou se vão zerar minha prova.
    Acertei o nome da ação – AÇÃO DE RESTITUIÇÃO, porém, prossegui com “com fundamentos nos artigos 84 e seguintes da Lei 11.101/05″ no preâmbulo. Quando cheguei em casa me dei conta do erro, era pra colocar o artigo 85 da Lei 11.101/05.
    Embora tenha usado o artigo 84 no preâmbulo (artigo errado) na parte do direito não cometi o erro, usei o artigo correto e fundamentei corretamente a peça.

  59. (continuação)
    Vc acha que tem chances da minha peça ser zerada?

    Agradeço, desde já, a atenção.
    Você faz um ótimo trabalho!

  60. Boa noite professor, na hora de assinar a peça, escrevi “Local…, data….
    Adgogado, OAB…
    assinatura”
    Há possibilidade de zerar a peça?

    • Gabriel, entendo que não, erro de manuscrito simples assim. Boa sorte.

  61. Roberto Kennedy Santos Pinheiro
    17.06.2013 - 23:52

    Professor boa noite! Ontem (16 de junho) ao fazer a prova (dir. Administrativo) – em que a peça estava relacionada a uma contestação – coloquei as preliminares antes doS FATOS, e devido a ansiedade, ao invés de colocar autor e réu, em um trecho da peça coloquei os nomes pessoais dados no caso, por exemplo: Ricardo é legitimado ativo em razão …. Isto interfere muito na nota da prova?
    Obrigado!

  62. Boa noite, professor. Estou muito ansiosa preciso que o sr. me ajude. Enviei a revisão criminal ao relator e não ao Presidente. Está errado? Não qualifiquei o réu, e aleguei várias teses que parece que não irão sair no gabarito, pois somente são duas teses que só acertei uma… Por favor, me dê uma orientação.

    • Carol, creio que irá perder pontuação, mas saber quanto, difícil saber. Vamos torcer para alcançar a metade. Boa sorte.

  63. Prof., minha peça encaixou-se perfeitamente no gabarito não oficial de direito civil, acertei tudo, desde a competência até todos os pedidos. Meu único erro foi esquecer de colocar o valor da causa. Pesquisei todos os espelhos de correção das peças anteriores da FGV e o máximo que foi atribuído ao valor da causa foi 0,3 (variando sempre entre 0,3 e 0,2). Posso considerar que, se no espelho desse X exame sair que o valor da causa vale 0,3 esse será o valor máximo perdido por mim?

    • Marcela, certamente será por isso mesmo, 0,2 ou 0,3, na pior das hipóteses, 0,5. Boa sorte.

  64. Bárbara Soares
    18.06.2013 - 2:16

    Boa noite professor, cometi um erro semelhante ao da Juliana e acabei também fazendo PEDIDOS.
    Ou seja, peça de PENAL da 2a fase, uma REVISÃO CRIMINAL e fiz interposição e razões + pedido provas.
    Ontem mesmo já descobri que era peça única e que não cabia pedido de provas. Já descobri que zerar não irei.
    Ouvi dizer que em exame anterior já ocorreu isso de ser peça única e o candidato fazer interposição e razões, mas que a banca considerou como excedente e não descontou ponto, tendo apenas descontado, por óbvio, no endereçamento. É verdade?
    Sei que não há como o senhor me dizer de fato quantos pontos irei perder, mas consegue alguma previsão? Por exemplo, vi que endereçamento varia de 0 a 0,3…cada pedido de 0 a 0,4. Tem alguma noção sobre quantos pontos vale a estrutura correta, ou melhor, até quantos pontos poderei perder por ter feito interposição e razões + pedidos? Muito obrigada. Boa noite.

    • Bárbara Soares
      18.06.2013 - 12:44

      Corrigindo o trecho final: “…interposição e razões + pedidos de prova?”

    • Bárbara, sim é verdade. Haverá desconto, mas não zerar. Pode dormir tranquila. Boa sorte.

  65. Professor Marcelo, boa noite!
    Estou com uma dúvida. Fiz empresarial. Acertei a peça (ação restituitoria) e seu fundamento, no entanto, ao invés de colocar a massa falida como polo passiv,o eu escrevi o seguinte: “(…) em face de José Cerqueira, na qualidade de administrador judicial da massa falida”. Ou seja, a rigor errei o polo passivo. Eu zerei a peça??? Obrigado!

    • Errar polo passivo não é zerar a peça. Haverá descontos e pequenos. Boa sorte.

  66. Prof., fiz o exame 2 fase D.Adm.acertei a peca contestacao, acertei a fundamentacao e todas as teses, no entanto fundamentei a peca com art. errado no preambulo e troquei as nomenclaturas, coloquei o autor como reu e o reu como autor. O pedido estava correto, mas acrescentei intimacao ao MP, a pontuacao descontada e alta?

    • Anailza, desconto só na argumentação. Não se preocupe, não é grave não. Boa sorte.

  67. Bom dia Professor,
    descobrir seu blog hoje,
    estou desesperada, fiz a prova domingo e
    cometi um erro estúpido;
    esquecir de colocar no final da peça
    o seguinte:
    Nestes termos,
    pede deferimento
    advogado
    OAB n…
    Eu zerei minha peça?

    • Caro Thiago, fique tranquilo, não zerou a peça. Vai perder uns décimos de pontos, só isso. Boa sorte.

  68. Olá… coloquei autor e réu ao invés de embargante embargado… lembrei ao final… ai coloquei assim:
    Informa, onde estiver escrito autor lê-se embargante e onde estiver escrito réu lê-se embargado.

    Identifiquei a peça fazendo isso?????? Por favor me responda!!! Obrigada!!!

  69. Paulo Célio
    18.06.2013 - 15:49

    essa foi minha primeira OAB, fiz em penal, a peça deveria ter sido endereçada ao tj do mato grosso. no final, local e data, preenchi, cuiaba-MT e data…. posso ter zerado a peça?

  70. Professor gostaria de tirar uma dúvida:
    Quando fiz a peça, no X exame de ordem, na prova de direito civil, identifiquei a peça corretamente mas vi que tinha escrito algumas coisas erradas e acabei rasurando tais erros diante do nervosismo ao invés de passar um leve traço no que eu tinha errado… Posso ser desclassificado ou ter a prova não corrigida? E se sim, um eventual recurso pode sanar esse problema? Desde já obrigado pela atenção.

  71. Boa Tarde.
    tenho uma dúvida. Eu comecei a peça na segunda página, e ao observar isso, passei um traço para então fazer a peça na primeira página.
    No entanto como já tinha escrito o endereçamento e a qualificação das partes. Ao perceber isso, passei um traço inclusive nas linhas que devemos pular entre o endereçamento da peça e da qualificação (5 linhas), ou seja, nas 5 linhas não tinha nada escrito passei um traço como forma de desconsideração.

    Isso poderia identificar minha prova??

    muito obrigada.

  72. Boa tarde! Estou com uma dúvida cruel agora!! Eu fiz uma peça porém quando estava fazendo me deu um estalo que não era a peça correta então fiz um traço e comecei a fazer a peça correta! Isso é identificação de peça rasurar uma peça com simples traço na horizontal e fazer outra?!

    • Ivis, sem problema algum. Não há identificação. Boa sorte.

  73. professor,no desespero acabei inventando fato novo na hora da fundamentação da peça de penal,posso zerar ou perder muitos pontos por isso?E sobre as questões, acertar a pergunta e errar o artigo da fundamentação gera nulidade da mesma?obrigada

    • Ray, inventar fato novo não justifica zerar a peça, somente se há nomes novos ou números, enfim. Se errar o artigo da fundamentação pode haver desconto parcial. Boa sorte.

  74. Elias dos Santos
    18.06.2013 - 18:02

    Professor,

    Muita boa tarde. Lendo o desespero dos futuros advogados, criei coragem para também me expor e perguntar:

    Na Peça (Penal – Revisão Criminal) foi cometido os seguintes falhas:

    Endereçado: Ao Juiz da Vara de Execução, ao invés de Desembargdor Presidente do TJ;

    Qualificação: Constou já qualificado nos autos …

    Era peça única e houve Interposição.

    São causas de zerar a peça ou desconto de pontos?

    Abraço, Elias dos Santos

  75. PROF. ESTOU ARRASADA, JÁ CHOREI TANTO, POIS NA PEÇA DE CONSTITUCIONAL CAIU RECURSO EXTRAORDINÁRIO, MAS FUI REC. ESPECIAL. SERÁ QUE VÃO ZERAR MINHA PEÇA. APESAR DE QUE HÁ VÁRIOS TÓPICOS IGUAIS NOS 2 RECURSOS.

    • Iara, infelizmente, nesse caso se você fez exatamente um RESP no lugar do REX, realmente, entendo que há erro de interpretação. Agora se vocÊ apenas mudou o nome da peça de forma equivocada, não vão zerar. Boa sorte.

    • Iara, também fiz igual a você. Mas estive vendo a CRFB de 1988 insurgiu com o STJ/RESP para auxiliar nas ações pois estavam indo direto ao STF/RE. Ou seja, foi criado para julgar os recursos e diminuir o número de julgados que estavam indo direto para o STF como RE. Em São Paulo de cada 200 RESP um é RE. Celeridade processual. Sendo o STF considerado um 4º poder. Podemos estar vendo outros que fizeram deste modo e recorrendo, afinal não esgotou todos os recursos no STJ e não vi que a referida Lei Municipal da questão causou Repercussão Geral. Abraços

  76. alessandro nunes
    18.06.2013 - 19:47

    colocar no lugar de local e data,
    maceio, 17 de outubro de 2012,
    haja vista que foram os dados informados na situação proposta identifica a peça???

  77. Professor gostaria de tirar uma dúvida:
    Quando fiz a peça, no X exame de ordem, na prova de direito civil, identifiquei a peça corretamente mas vi que tinha escrito algumas coisas erradas e acabei rasurando tais erros diante do nervosismo ao invés de passar um leve traço no que eu tinha errado… Posso ser desclassificado ou ter a prova não corrigida? E se sim, um eventual recurso pode sanar esse problema? Desde já obrigado pela atenção.

  78. João Francisco
    18.06.2013 - 21:08

    PROF. Boa Noite!
    Fiz a segunda fase do exame de ordem em Trabalho, ocorre que a peça foi feita toda dentro dos parâmetros, mas esqueci de um tópico, terminei a peça, abri um risco na horizontal e fiz esse tópico.
    A pergunta é, configura identificação?
    Obrigado pela atençao!

    • João, entendo que não configura identificação, mas não sei se será considerado esse tópico. Boa sorte.

  79. Infelizmente por uma tremenda falta de atencao, na prova de empresarial com fundamento na lei de falencias 11.101-2005, é cabível Ação de Restituição se fossem contados 15 dias entre a entrega do produto e a data do requerimento da falencia. Porém, contados mais de 15 dias será cabível Embargos de Terceiro.
    Eu fiz Embargos de Terceiro erroneamente achando que haviam sido mais de 15 dias… fundamentei tudo como Embargos, inclusive colocando com a medida liminar, cabivel somente nos embargos.

    Minha peça será zerada ou eles podem pontuar em análise a minha tese?

    • Jordana, infelizmente, entendo que a sua peça ficou prejudicada. No entanto, quem sabe o corretor seja complacente contigo? Boa sorte.

  80. Olá Professor. Na peça de penal feita neste ultimo exame ao invés de fazer uma revisão criminal, fiz apelação, mas fundamentei as teses e requerimentos corretos. Esses fundamentos e pedidos serão pontuados? ou certamente a peça será atribuída com nota zero? abraços

    • Fernando, infelizmente, creio que sua peça ficou prejudicada. Boa sorte.

  81. josé rocha
    19.06.2013 - 0:28

    Professor poderia me tirar uma dúvida, comecei a fazer uma questão e percebi que estava copiando a questão na folha de outra, então passei um simples traço em toda a parte que ja tinha escrito e fiz a resposta que acredito está correta, eles podem anular minha questão sem nem corrigir? obrigado desde já !

    • José, creio que não. Certamente, será corrigida. Boa sorte.

  82. jorge duarte
    19.06.2013 - 0:38

    Professor boa noite. Fiz a prova de civil e acertei a peça e quase todos os seus requisitos. comecei a responder as questões e acertei as questões 1,2 e 3. Quando fui responder a questão 4 restava apenas 15 minutos e como sabia da resposta da alternativa “b” comecei por ela e deixei um espaço em branco da 1ª a 15ª linha. após responder a letra “b” iniciei a alternativa “a” más ainda ficou um espaço de umas seis linhas entre as duas respostas. isso seria motivo para identificar a peça ou de zerar a questão?
    Obrigado!

    • Jorge, não é fato para identificação. Fique tranquilo. Boa sorte.

  83. maria antonia
    19.06.2013 - 2:17

    Caro Professor por gentileza estou muito preocupada, fiz segunda fase em penal, acertei todas as questões mas erei a peça fiz uma apelação!
    corro o risco de ser reprovada?
    grata!
    Maria Antonia
    19/06/2013

  84. Maciel Marilio
    19.06.2013 - 6:11

    Professor, fiz prova em constitucional. Recurso ordinário, interpus o especial. Zerei a prova?

    • Maciel, acho que sua peça ficou prejudicada, infelizmente. Mas vá que dá certo? Boa sorte.

    • Maciel, também fiz igual a você. Mas estive vendo a CRFB de 1988 insurgiu com o STJ/RESP para auxiliar nas ações pois estavam indo direto ao STF/RE. Ou seja, foi criado para julgar os recursos e diminuir o número de julgados que estavam indo direto para o STF como RE. Em São Paulo de cada 200 RESP um é RE. Celeridade processual. Sendo o STF considerado um 4º poder. Podemos estar vendo outros que fizeram deste modo e recorrendo, afinal não esgotou todos os recursos no STJ e não vi que a referida Lei Municipal da questão causou Repercussão Geral. Abraços

  85. Bom Dia Professor !
    Na peça de civilidade eu coloquei assim:

    Nestes termos
    Pede deferimento

    Local e data

    ______________
    Advogado/ OAB

    Estou preocupado com a linha que eu fiz indicando o local da assinatura, será que isso identifica a peça ?
    Abraço

    • Gabriel, não identificou não. Pode ficar tranquilo. Boa sorte.

  86. José Antonio
    19.06.2013 - 13:17

    Professor Marcelo,primeiramente agradeço pela sua disponibilidade e solidariedade para conosco.
    Na peça X OAB Tributário, de tão confusa que estava perdi muito tempo, manejando no rascunho uma Repetição de Indébito, entretanto depois de uma hora e meia, quando fui fazer, resolvi ler de novo o enunciado,e resolvi mudar para Recurso de Apelação.O problema foi que fiz o endereçamento par o Juiz Federal e depois quando estava no meio da peça no caderno definitivo, percebi a burrada o correto era Justiça Estadual, a minha burrice foi maior, risquei todo o endereçamento e coloquei na mesma linha acima,risquei também o Tribunal ad quem e coloquei na mesma linha acima.O que o Mestre acha, de tanta ignorância a minha prova será zerada?

    • José, fique tranquilo, não será zerada. Se houver algum prejuízo, será no desconto de pontos. Boa sorte.

  87. José Antonio
    19.06.2013 - 15:05

    Digníssimo Marcelo,continue com o seu trabalho de solidariedade, pois é isto que todos precisamos de pessoas como você, veja que com esta resposta me tranquilizou por demais.agora é ver se acerto a peça.
    Valeu amigo, tenha um ótimo dia.

  88. Deisi Souza
    19.06.2013 - 15:14

    Boa tarde Professor Marcelo!

    Primeiramente gostaria de elogiar o trabalho que desenvolves ao esclarecer as nossas dúvidas e aliviar a nossa ansiedade.
    Eu tenho duas dúvidas: Eu fiz a prova prático-trabalhista e fiz especificação a consignação das verbas rescisórias, porém não discriminei quais verbas; II) A prova não pedia para colocar data, mas eu datei aprova, com a ingênua intenção de demonstrar que estava dentro do prazo. Será que eu posso anular a prova em função destes incidentes. Estou u pouco ansiosa com isso?

    • Deisi, obrigado. Quanto às perguntas, entendo que não. Fique tranquila, ok? Boa sorte.

  89. professor entrei com litisconsórcio passivo na peça de embarggos de terceiros na prova de civil, X exame, quando na verdade deveria entra apenas contra uma pessoa, isso zera a peça toda?

    • Cristiano, não zera não. Haverá descontos no máximo, ok? Boa sorte.

      • muito obrigado professor, estou bem mais tranquilo, abraço, valeu!!

  90. Deisi Souza
    19.06.2013 - 16:41

    Ok. Obrigada mais uma vez pela atenção Professor!

  91. Bom dia professor

    Estou muito preocupa, fiz a prova de civil, coloquei o nome da açao, identificação tudo certinho, mas coloquei preliminar nos embargos, será que minha peça vai ser zerada?? O resto fiz tudo certo.
    Obrigada.

    • Oi Priscila. Não fica assim não. Não será zerada, ok? Talvez você não terá a pontuação integral, nada além disso. Boa sorte.

  92. Professor, fiz Direito Civil, e acho que cometi 2 erros,primeiro errei o polo passivo dos Embargos de Terceiro, e não coloquei embargante embargado e sim autor e réu,isso Zera a Peça???????????

  93. alessandro
    20.06.2013 - 2:40

    professor, que prejuizos pode haver ao nomear a peca ‘Reclamatoria Trabalhista com pedido de Consignacao em Pagamento’ no lugar de ‘Acao de Consignacao em Pagamento’?

    • Alessandro, no máximo, algum desconto, mas pouca coisa. Boa sorte.

  94. José Antonio
    20.06.2013 - 12:22

    Bom dia Professor Marcelo, mais uma dúvida se extrapolei o campo, quer seja coloquei uma letra fora do campo no final da linha, tem algum problema.

    • José, pode ser que eles não considerem uma palavra, mas letra, acho que não tem problema. Boa sorte.

  95. Professor, bom dia..
    Fiz algumas rasuras nas questões, aonde em vez de passar um traço em cima da palavra errada, risquei por tres vezes. Será que posso ter minha questão toda anulada?

  96. Professor, na peça de civil fiz o seguinte.
    Nos artigos refrentes aos embargos de terceiros fala que na petição inicial tem que ser indicado o rol de testemunhas. Como o problema não fez nenhuma referência à qualquer testemunha, falei que o embargante estava na posse do imóvel inclusive já tendo recebido lá seus parentes e amigos, conforme rol de testemunhas. Aí no final, coloquei Testemunha 1: Nome…SObrenome…, Endereço…
    Ainda, para provar a posse do imóvel, falei da juntada do documento e de fatura de energia elétrico em nome do embargante.
    Isso pode zerar minha peça?

  97. Prezado professor….acompanho seu site desde o incio do ano e gosto bastante.
    Por favor me tira da minha agonia. Somente apos a prova que eu li que as resuras deveriam ser feitas por simples traco, acontece que eu rasurei uma paragrafo inteiro, e bem rasurado, rabisquei mesmo,acertei a peca e todas as questões e meu medo assim como o dos colegar e de ser considerada identificação de peça….nem durmo direito, estou ate sonhando que zerei a peça.

    • Ray, entendo que não deve haver preocupação com a forma que se rabiscou, não é motivo para zerar. Boa sorte.

  98. Hugo Nunes
    20.06.2013 - 20:27

    Professor, fiz a prova de penal, a peça de REVISÃO CRIMINAL, fundamentei com os artigos e teses corretas, porém meu erro foi fazer peça de interposição, isso pode zerar a prova?

    Grato.

  99. Luzia Priscilla
    20.06.2013 - 21:32

    Boa noite Professor, vc poderia me ajudar?
    Meu erros na peça foram os seguintes;

    #Não abri tópico de liminar( apesar de ter pedido liminarmente a expedição do mandado de manutenção em favor do embargante, para tanto informa deposito de caução…)

    #Como NÃO abri tópico, nao pedi para que fossem concedidos os efeitos definitivos da liminar…

    # E esqueci de pedir distribuição por dependência!

    Quanto o senhor acha que perco?!
    Só uma estimativa!

    Agradecida!

    • Luzia, não sofra por antecipação! Se eu disser 3,0 ou 0,5 você poderá ficar desapontada. Sua peça será corrigida e você já tem 2,5 pontos garantidos nas questões. Boa sorte.

  100. professor errei o endereçamento da peça de civil. Será que irão corrigir assim mesmo.

  101. Professor, boa noite

    Fiz o último exame da OAB em Civil. De acordo com o gabarito extraoficial eu acertei todas as questões. Porém, a peça era Embargos de Terceiros e eu fiz Oposição. O endereçamento, as partes, valor da causa e o pedido (exceto a liminar) estão iguais. É o caso de zerar a prova (pelo nome da peça) ou pontuo alguma coisa? Obrigada!

    • Gabriela, difícil responder, talvez a tua peça tenha ficado prejudicada, mas enfim, não deve sofrer por antecipação. Daqui a pouco a argumentação posta na sua prova convença o examinador. Boa sorte.

  102. Mariana Garcia da Silva
    20.06.2013 - 22:44

    Professor, nas questões 2 e 4 eu comecei a responder pela alternativa B e depois fiz a alternativa A será que pode dar identificação de prova? Fiz isso pq sabia primeiro a B e fiquei com medo de não dar tempo de respondê-las!
    Fiz assim na questões 2 e 4:
    B)

    A)

    • Não demonstra identificação. Fique tranquila. Boa sorte.

    • Mariana, quanto à questão 4, se vc fez CIVIL, terá 1,25 garantidos, pois já foi anulada.

  103. Olá, na qualificação das partes, coloquei que eram brasileiros, e no enunciado não contava a nacionalidade. Qual será a conseguencia será?

    • Fabiula, acredito que nenhuma, mas se pede para colocar “nacionalidade” ao invés de dar uma. Boa sorte.

  104. Professor, não me recordo se na prova prático-profissio nal em dois erros q eu cometi e só vi depois, se eu coloquei apenas um risco ou um risco entre parênteses, estou morrendo de medo. Isso pode ser configurado como identificação?

  105. Professor, estou preocupadíssima, porque nesse X exame de ordem, enquanto fazia o preâmbulo, não me atentei que o enunciado dizia o endereço do autor (fiz civil)… quando já tinha escrito: “Rua…(endereço completo)” percebi que trazia o endereço.. daí passei um traço em cima e acabei colocando um asterisco ao lado da palavra rua e depois, quando terminei a peça, coloquei o endereço indicado na linha 3o.. ficou assim:

    Rua*
    (…)

    Local e data.
    Advogado…
    OAB nº…

    *Rua tal….

    • Sara, vamos torcer que eles considerem, caso contrário, poderá haver desconto. Boa sorte.

  106. Outra pergunta… no caso dos embargos de terceiro (peça), coloquei o Carlos e a Lucia no polo passivo (ambos credor e devedora no processo principal de execução), será que eu zero minha peça???

  107. Olá Professor, na prova de Direito Civil errei o endereçamento do órgão judiciário, ou seja, da competência da Justiça. Vou zerar a peça?
    Desde já lhe agradeço a atenção. Obrigado.

  108. boa noite, estou muito preocupado devido a ter tapado um erro que tive na peça o riscando até tapar o que tinha escrito. isso gera algum tipo de identificação. Desde já grato mestre.

  109. Boa noite professor, estou em pânico, pois na ansiedade da prova de civil, eu li que o autor era proprietário do imóvel, colocando esta informação e juntando o respectivo registro. Contudo, ele era apenas possuidor…

    Digamos que esta dado que foi “inventado” pode zerar minha peça??

    Estou com muito medo, pois fui muito bem nas questões e fundamentei a peça com base na posse e na propriedade…
    O unico medo é ter identificado a peça quando coloquei nos fatos que era proprietário…

    GRato pela atenção!!

    • Renato, esse dado não é capaz de identificar a prova, pode ficar tranquilo. Boa sorte.

      • Agradeço muito pelo esclarecimento professor…

        Fiquei com muito medo, pois eu fundamentei e deixei bem claro que o autor tinha a POSSE e PROPRIEDADE, bem como fundamentei na POSSE e PROPRIEDADE, sendo que ele só tinha a POSSE…

        Muita gente falou que inventar dados poderia zerar…
        Qual a real consequencia? apenas descontos na nota?
        Agradeço pela atenção, vc é demais!!

  110. Prof.

    Fiz direito civil e acabei escrevendo uma palavra errado,
    Ai fiz o seguinte, risquei a palavra errada e coloquei ela entre parênteses, podem zerar minha peça por isso?

  111. gostaria de tirar uma dúvida
    inclui na documentação dos embargos de terceiro um recibo de quitação (da pergunta em si só infere-se contrato e commprovante de depósito), há risco de zerarem?

    além disso, na qualificação sem querer escrevi CNPJ ao inves de CPF, e como não havia mais espaço nem pra cima nem pros lados escrevi CPF/MF por cima… ficou um garrancho feio, será que pode ser entendido como marca identificadora?

    • Luís, não podem não. Vai depender do examinador achar compreensível o que vocÊ escreveu. Boa sorte.

      • então eu sofreria apenas descontos na pontuãção pela palavra ilegível?

        estou apreensivo pois o garrancho ficou bem na primeira pagina, destoando um pouco do resto da escrita

    • Rodrigo Ribeiro
      21.06.2013 - 22:27

      Luis, fiz a mesma coisa que você.

      Eu falei sobre o recibo de quitação do imóvel também.

      E ainda coloquei (doc-2).

      Mas pelo que ouvi não tem problema nenhum, primeiro porque o problema diz e segundo porque falar doc-2 é autorizado, já que a gente faz isso até com a procuração.

      Um abraço

  112. Professor errei o endereçamento da peça, mandei os Embargos para a comarca errada.

    Terei a prova corrigida, com os devidos descontos?

  113. Professor Bom dia.

    Fiz o X exame em civil, na questões 1 e 2 acertei tudo e como as duas ultimas foram anuladas, me resta saber da peca.
    Eu errei o endereçamento, nao coloquei valor a causa apenas os 3 pontinhos e na duvida acabei qualificando no polo passivo as 2 partes embargadas, seria iso motivo de zerar a peca ou perder na pontuação?

    Obrigado.

    • Perda de pontuação Gerson. Boa sorte.

    • Gerson, pelo que sei, erro no endereçamento só prejudicará na pontuação, pois trata-se de incompetência relativa, na qual o Juiz poderá enviar pra o Juízo competente…não zera a peça. É isso professor?

  114. Professor, bom dia.
    Fiz Civil, Embargos de Terceiro. No preambulo, qndo coloquei “opor Embargos de Terceiro”, na frente havia esquecido de por “com fundamento no art…”. Qndo lembrei, coloquei assim: “pelos motivos de fato e de direito à seguir expostos, com fundamento no artigo…”. Isso pode prejudicar na correção?
    Devido a isso, do prêambulo para “Dos Fatos” não pulei 1 linha. Prejudica tbm?
    A ultima: Tinha esquecido do Valor da Causa. Coloquei “asterisco” no final da peça e coloquei: “* Da-se a causa o valor de R$ 100.000,00(cem mil reais)”

  115. Ola professor, bom dia!!!
    Estou muito nervosa, me ajuda rsrsrs!!!
    Na prova de Civil, eu fiz embargos de terceiro, acertei os fundamentos, as partes tudo, só que não falei da liminar, esqueci de pedir a liminar!!!O senhor acha que podem zerar minha peça???o zerarem, podem descontar muitos pontos??tipo mais de 2,5??

    • Carol, bem menos que 2,5. Fique tranquila. Boa sorte.

      • Ufa!!!kkkkkkk!!!vc percebeu meu desespero né???kkkkkk!!Obrigada Professor!!!Conheci seu blog agora!!PARABENS!!adorei!!
        Bjos!!

  116. Pedro Paulo
    21.06.2013 - 15:08

    Bom dia Professor… com o nervosismo acabei invertendo as partes e só me dei conta quando estabva no DO DIREITo… nao sabendo como agir.. risquei praticamente a primeira pagian toda… passando um risco sobre o que havia escrito até então e iniciando a peça novamente.

    Sera que isso vai Zerar ??

    • Pedro, está nas regras do jogo, portanto, não irá zerar. Boa sorte.

  117. Bom dia estou com uma duvida. Me equivoquei na prova de civil e coloquei q ele tinha a posse e a propriedade…isso seria criar dados ja q ele nao tinhaa propriedade? Perco pontos ou zero a prova por ter colocado isdo q ele tinha a propriedade. por favor me ajude a tirar essa duvida.

    • Daiane, não terá a pontuação integral apenas isso. Boa sorte.

  118. Professor, eu na peça de civil coloquei como legitimado passivo no X exame a Lúcia Maria que vendeu o imóvel e não o exequente. Isso gera anulação ou identificação? Obrigado

    • João…como o Professor Marcelo respondeu uma pergunta parecida. No seu caso, não identifica a peça, apenas deixa de pontuar o campo “qualificação das partes” no espelho. Deve valer de 0,20 a 0,40 dependendo do espelho.

  119. Dr.

    Na peça de Direito Civil, nos Embargos de Terceiro, coloquei como embargado o executado da ação de execução, ou seja, errei feio!
    É possível, que seja zerada minha peça por conta do erro?

    Grato!!!!

  120. Professor, esqueci de colocar o valor da causa. Esqueci de mencioná-lo. Simplesmente pulei essa parte, como se não precisasse, embora tenha acertado todo o resto. Por conta disso, minha prova corre o risco de ser zerada?

    • Não Tiago, não vai ser zerada, apenas descontado e bem pouco. Boa sorte.

      • Professor, tbm esqueci de inserir o “valor da causa”, porém, antes de entregar a prova, iseri no final com um asterisco na frente:

        “*Da-se a causa o valor de R$ 100.000,00 (cem mil reais).
        Isso não identifica né?

  121. Rodrigo Ribeiro
    21.06.2013 - 17:54

    Boa Tarde Professor.

    Fiz Civil, na peça de Embargos de Terceiro deu tudo certo.

    No meio DO TÓPICO DO DIREITO vi que era manutenção e não restituição como eu havia escrito, fiz um traço no restituição, mas não tinha mais espaço para escrever manutenção do lado, aí segui a frase normal, ficou uma frase sem lógica, isso PODE ZERAR?

    E mais uma coisa, na distribuição por dependência poderia colocar o número do processo que o enunciado dava, mas eu com medo de identificação, não sei porque, coloquei:

    Distribuição por dependência – Autos nº …

    Será que vão descontar esse quesito??

    Obrigado!!!!!

    • Não pode ZERAR Rodrigo. E boa pergunta, não sei. Boa sorte.

    • Rodrigo, quanto ao número do processo (distribuição por dependencia nº…) tbm fiz igual a vc. No enunciado, dependendo da leitura, parecia se tratar do número do título e não do processo. Para não correr o risco, fiz igual a vc. Qndo o professor te responder, me avisa por email: douglas.morito@eztec.com.br

  122. Professor, me ilumina por favor!! Estou muito apreensiva porque no preâmbulo qualifiquei o Embargante (ok), vem propor embargos de terceiro com pedido liminar (ok), com fundamento… (ok), NOS AUTOS DA AÇÃO DE EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL nº6002/2011, que move Carlos Batista, (fiz toda a qualificação), em face de Lúcia Maria (qualifiquei era também,…
    E ainda, esqueci de colocar local e data.
    No resto foi tudo bem, acredito ter feito tudo nos conformes.
    Sinceramente, o que isso pode acarretar???

  123. Boa tarde professor.

    Elaborei a peça de civil e no pedido liminar eu especifiquei o valor da caução; esse detalhe pode ser considerado como identificação do candidato? Grato; Abraços

  124. Muita gente me disse que esquecer o valor da causa, sem nem mesmo colocar “atribui-se à causa ….” era motivo para reprovação automática. Muito obrigado pelo esclarecimento, professor!

  125. Professor, na minha peça eu passei um traço na horizontal em uma parte (mais ou menos uma linha) porque tinha esquecido de colocar parte do meu direito, então tive que fazer isso. E a minha questão 2 está bem rabiscada, pois fiquei na dúvida, e no nervosismo e risquei na horizontal umas 3 linhas e coloquei outra resposta. Será que a banca não vai nem corrigir minha prova pro identificação? Obrigado

    • Identificação não, Thiago P. Está nas regras do jogo o rabisco. Boa sorte.

  126. Professor, poderia por favor responder a pergunta de nº 115? Segue novamente:

    Professor, bom dia.
    Fiz Civil, Embargos de Terceiro. No preambulo, qndo coloquei “opor Embargos de Terceiro”, na frente havia esquecido de por “com fundamento no art…”. Qndo lembrei, coloquei assim: “pelos motivos de fato e de direito à seguir expostos, com fundamento no artigo…”. Isso pode prejudicar na correção?
    Devido a isso, do prêambulo para “Dos Fatos” não pulei 1 linha. Prejudica tbm?
    A ultima: Tinha esquecido do Valor da Causa. Coloquei “asterisco” no final da peça e coloquei: “* Da-se a causa o valor de R$ 100.000,00(cem mil reais)”

    Obrigado
    Abs

    • Douglas, não recordo se já respondi por email, mas enfim… Creio que não prejudicará. Pular linha ou deixar de pular também não prejudica. Espero que o bom senso da banca considere o valor da causa. Boa sorte.

      • Sim, respondeu por email e pedi pra desconsiderar. Muito obrigado mais uma vez.

  127. Rodrigo Ribeiro
    21.06.2013 - 22:24

    Boa Noite professor, primeiro parabenizo pelo seu blog, foi o Dr. que responde mais rápido as dúvidas dos examinando, PARABÉNS!!!!

    Quanto a peça tenho uma dúvida:

    Na citação do embargado (nos pedidos), eu pedi que fosse citado com os benefícios do art. 173, II do CPC.

    Será que cabe isso??

    Depois fiquei pensando rsrsssss

    Valeu Mestre, fico no aguardo!

    • Rodrigo, vai depender da avaliação da banca, daqui a pouco, passa batido. Vamos aguardar o espelho de correção e o bom senso da banca, ok? Boa sorte.

  128. Leopoldo Camargo
    21.06.2013 - 22:41

    boa noite professor

    fiz em civil e to com um probleminha para o senhor me sanar, eu utilizei citação para fundamentar e após recua-la certinho eu sublinhei as partes mais importantes e coloquei entre parenteses sem grifos no original.

    Assim:

    “Art. 1051. O pedido liminar..etc (sem grifos no original).

    posso zerar?

  129. Paulo Santos
    21.06.2013 - 23:17

    Boa noite professor.

    o que poderia fazer para que as questões sejam zeradas, e melhor explicando, eles podem considerar alguma coisa nas questões, ou não.

    agradeço a atenção

    • Paulo, para zerar as questões basta não respondê-las, ou respondê-las totalmente erradas, ou criar algum tipo de argumentação que possa zerar a questão, como a identificação de um número ou nome ou referência explícita. Boa sorte.

  130. Olá, professor!
    Estou apreensivo com uma pequena questão.

    Fiz a prova de civil passada e, ao que tudo indica, tirarei uma boa nota.
    Entretanto, no nervosismo e tempo curto, acabei, sutilmente, colocando algumas palavras para além da margem. Eram palavras tão pequenas e ficaria esteticamente tão feio fazer a separação silábica e continuar na linha de baixo, que continuei na mesma linha, indo além da margem. Não sei o que me fez pensar que isso ficaria mais bonito. O resultado é que minha prova ficou cheia de finaizinhos de palavras para fora da margem. Ficou feia! Isso acarretará na anulação de minha prova??

    Obrigado!!

    • Carlos, não acarretará, pode ficar tranquilo. Se são sílabas, o bom senso considerará as palavras. Se forem palavras inteiras, não serão avaliadas. Boa sorte.

  131. Professor, nesse X exame coloquei um asterisco pra identificar que faltava texto (pois havia esquecido de colocar um dado no preambulo), mas o que me preocupa é que o asterisco com a resposta eu coloque fora das linha. É possível que eles anulem minha prova?

    • Mariane, para anular não. Talvez eles não considere o asterisco, vamos torcer pelo bom senso. Boa sorte.

  132. Fiquei com muito medo, pois eu fundamentei e deixei bem claro que o autor tinha a POSSE e PROPRIEDADE, bem como fundamentei na POSSE e PROPRIEDADE, sendo que ele só tinha a POSSE…

    Muita gente falou que inventar dados poderia zerar…
    Qual a real consequencia? apenas descontos na nota?
    Agradeço pela atenção, vc é demais!!

    • Renato, isso não é inventar dados para anulação. Fique tranquilo. Boa sorte.

  133. Prezado Prof. Marcelo, ao transcrever a peca profissional, por nervosismo, errei o nome da mesma e o fundamento, passei então um traço na horizontal e coloquei a peca correta com o fundamento correto. Pergunto- a comissão da OAB aceita este tipo de correção? Grata.

  134. Rosângela Garcia Vieira
    23.06.2013 - 0:03

    Querido professor, parabéns pelos seus esclarecimentos, foram de grande valia, que Deus o abençoe imensamente!
    Rosângela.

  135. Prezado Professor Marcelo
    Tive conhecimento de seu blog hoje, fiz civil, a peça era Embargos de Terceiro com pedido de Liminar, não colequei NENHUM artigo de direito material, mas coloquei tudo certinho conforme procedimento especial, todos os artigos do CPC, esqueci de colocar o fundamento no início “com fulcro no artigo 1046″, qualifiquei no pólo passivo exquente e executado, e esqueci de colocar CPF e RG para ambos (no pólo ativo eu coloquei).
    Coloquei a súmula 84 ( que aos meus olhos era o X da questão), não coloquei a súmula 303. Tempestividade, Liminar e pedidos estão ok. Considerando que não consegui responder as questão 1 e 2 inteiras, somente a letra A de cada e considerando que 3 e 4 foram anuladas. Você acredita que tenho chances? Por favor seja sincero.

    Obrigada, divulgando seu site.

  136. stephanie vieira
    23.06.2013 - 17:52

    Oiii tenho a seguinte duvida

    Coloquei na peça na parte dos pedidos para que fosse definitivo os efeitos de posse ao Embargante.

    Ou seja nao falei que fosse afastada a constriçao de penhora no imovel.

    Sera que esta correto?

    Bjjs

    • Stephanie, será que a banca irá perceber? Acho que não. Boa sorte.

  137. Olá querido professor…
    Estou com uma dúvida que está tirando minhas noites de sono… se você puder me responder eu fico imensamente grata! Fiz a prova da ordem, 2ª fase de Civil, e quando estava fazendo a peça vi que errei uma palavra… como não tinha mais espaço para arrumar, eu tentei consertar a palavra. A palavra ficou legível… era embargado e eu coloquei embargante…
    Como de costume, coloquei em cima, entre parênteses, um (do), bem discreto, apenas para ficar totalmente claro…
    Isso pode parecer identificação de peça?
    Agradeço imensamente a atenção…
    Bárbara

  138. Paulo Victor Castro
    24.06.2013 - 2:50

    Boa Noite Professor.
    Fiz Direito Administrativo na segunda fase, estou com duas dúvidas: Nas questões abertas eu acertei o conteúdo da questão, mas não coloquei os artigos correspondentes, isso implicará em que?
    Nos pedidos da peça profissional, em vez de pedir a condenação do réu no ônus da sucumbência, eu acabei pedindo a inversão do ônus da sucumbência, será que eles vão considerar?
    Prof. Obrigado pela atenção.

    • Paulo, talvez não ganhará a pontuação máxima. Qto. à peça, acho que nem vão notar. Boa sorte.

  139. oi professor, fiz a prova de civil, acertei a peça, ocorre que sobrou uma página em branco, passei um traço por inteiro na folha, em diagonal. Isso identifica a peça?

  140. socorro negreiros
    24.06.2013 - 12:55

    Professor,esqueci de colocar o valor da causa na peça de Direito Civil(Prova da OAB/2013),corre o risco de zerar meus pontos??se não zerar,em media,quanto será descontado por esta falha??

  141. Boa tarde, professor.

    Gostaria que o senhor me tirasse uma dúvida. Fiz a peça de civil e no desenvolvimento da petição (fundamentos) eu especifiquei um valor por entender que este poderia ser colocado em decorrência da própria lei. Para ser considerado identificação do candidato o que deve conter na peça, além é claro da assinatura e inclusão de nomes não constantes no caso? Um número poderia acarretar a anulação da peça? Obrigada. Bom trabalho.

  142. Paulo Santos
    24.06.2013 - 16:23

    Boa tarde professor.

    Fiz a prova de direito empresarial e pedi tutela antecipada com base no 273 CPC, pois os aparelhos poderiam sofrer grave dano de difícil ou incerta reparação se ficassem ali no acervo da empresa falida, isso poderia ser considerado como invenção de fato novo ?

    Obrigado pela atenção

  143. Boa tarde prof.

    Fiz a ultima prova de civil do X exame, fiz uma ação de manutenção de posse, enquanto o certo seria embargos de terceiro, acha que com isso minha nota na peça será ZERO???? Ou poderá ser aplicado o principio da fungibilidade, haja vista fazerem parte do mesmo rito procedimental, bem como a sumula 621 do STF.
    Obrigada

    • Puxa, muito difícil de responder, mas como já vi tanta aplicação do princípio da fungibilidade, quem sabe, hein? Boa sorte.

  144. Professor, troquei a cor da caneta de preta para a azul na questão de nº 3 em direito civil, quando percebi a besteira estava na 2ª linha do cartão resposta, resolvi continuar,porém, a questão foi anulada é possível a FGV anular minha prova

    • Jamais JR poderá ser anulada por isso, pois ambas canetas são permitidas. Boa sorte.

  145. Professor eu, ao invés de colocar naionalidade, coloquei brasileira… Na questão não dizia se ela era brasileira ou não… Será que eu zerei a peça??? Muito obrigada pela atenção…

  146. Professor, eu, ao invés de colocar nacionalidade, coloquei brasileira… Na questão não dizia se ela era brasileira ou não… Será que eu zerei a peça??? Muito obrigada pela atenção…

  147. Paulo Santos
    24.06.2013 - 19:38

    Professor mais uma dúvida.

    nos pedidos eu segui a regra do CPC (artigo 282 CPC), ou seja, a procedência do pedido, a citação da requerida no prazo legal, o ônus da sucumbência, intimação no escritório, produção de provas.
    a minha dúvida é, poderão considerar alguma pontuação, (pelo menos 0,10), ou ficarei sem pontuação nesses quesitos.

    agradeço a atenção e dedicação do senhor

    • Paulo, é dificil dar um valor exato. Pergunta difícil, não sofra por 0,1. Boa sorte.

  148. Boa Tarde! Fiz civil, e ao invés de chamar de embargante, coloquei requerente. Eu vou zerar ou perder ponto por causa disso?

    Obrigado

  149. Professor, obrigado pela sua resposta que Deus sempre ilumine seus caminhos

  150. Bom Dia !

    Fiz a última prova de direito civil, acertei a peça.Porém dividi minha fundamentação em 3 parágrafos. No primeiro parágrafo fundamentei de forma errada por uma falta de atenção minha. Mas no 2 e 3 parágrafos segui o raciocínio correto para a peça. Gostaria de saber Marcelo, com sua experiência se isso compromete muito a minha fundamentação e se perderei muitos pontos. Desde já agradeço a ajuda que tem prestados a todos nós ! Um grande abraço !

    • Gabriel, pode ser que passe batido no examinador, isso é fato. Por outro lado, pode haver um desconto mas não é coisa para se temer, tipo um ponto, ok? É para bem menos, quem sabe. Boa sorte.

  151. Professor coloquei no rol de testemunha assim

    rol de testemunhas:

    vizinho1

    vizinho2

    vizinho3

    corro risco de zerar a peça por identificação?

  152. Doutor,

    Errei uma frase na peça e passei um traço. Logo ACIMA escrevi a frase correta. Isso zera a peça? Pode ser visto como uma forma de identificação?
    Outra pergunta: o uso de parêntese pode zerar uma peça?
    Obrigada.

  153. Professor… quando errar alguma palavra, frases ou ate mesmo parágrafos no caderno de texto definitivo como devo proceder? Eu fiz um traço simples sobre os erros, mas me falaram que deveria ter colocado a palavra “digo” e depois o erro entre parenteses. Qual das duas maneiras é a certa? Se a minha estiver errada minha prova sera zerada?

  154. jefferson figueiredo
    25.06.2013 - 17:09

    professor fiz a peça de direito civil com as fundamentações corretas porém, nome da ação coloquei OPOSIÇÃO DE EMBARGOS DE TERCEIRO; e rol de testenunhas escrevi FULANO DE TAL isso é caso de ser considerado tentativa de identificação ?

    • Jefferson, oposição? Creio que o bom senso irá admitir a tua peça pelo nome, até porque você me diz que colocou tudo certinho na fundamentação. Sobre fulano de tal, não é identificação. Boa sorte.

  155. Professor, fiz civil e no final da petição, em relação ao local e data, coloquei a nome da cidade e uma data para a propositura da ação. Entendi ter esses dados ao meu conhecimento na prova. Este fato pode fazer com que eu tenha minha peça zerada?
    Obrigado.

  156. Professor,

    Neste X exame de OAB, optei pela prática em tributário. Tratava-se de recurso, que ninguém sabe ainda qual, mas na minha peça eu fiz referencia à decisão de primeiro grau (atacada pelo recurso) da seguinte maneira: “reformar a decisão do juízo da … vara cível da comarca de…”
    Ocorre que o enunciado falava que a ação originária era de indenização por danos morais e materiais, não deixando a entender se tratava de vara comum ou trabalhista. Por ter mencionado ser vara cível, trata-se de identificação da peça? Podem zerar a peça? Grato!

  157. Boa noite, professor.

    Gostaria que o senhor me tirasse uma dúvida. Fiz a peça de civil e no desenvolvimento da petição (fundamentos) eu especifiquei um valor por entender que este poderia ser colocado em decorrência da própria lei. Para ser considerado identificação do candidato o que deve conter na peça, além é claro da assinatura e inclusão de nomes não constantes no caso? Um número poderia acarretar a anulação da peça? Obrigada. Bom trabalho

    • Aline, a especificação do valor da causa não é identificação do candidato, inclusive é motivo de julgamento. Boa sorte.

  158. sara santos
    26.06.2013 - 7:27

    professor,fiz a prova de penal.minha dúvida é quanto ao endereçamento.Fiz uma confusão.enderecei minha peça para excelentíssimo senhor desembargador do egrégio tribunal de justiça da…vara de execução criminal da comarca de cuiabá mato grosso.Veja só o desespero que eu estou.quanto as teses fui bem e minha peça ficou bem escrita.posso zerar a peça ou perder muitos pontos? me responda por favor!!

    obrigada.

    • Sara, certamente, não irá zerar a peça, no entanto, poderá haver um desconto, quem sabe no máximo 0,5. Boa sorte.

  159. Professor, boa tarde, na prova de penal do X exame, fiz a peça revisão criminal, mas como recurso, com peça de interposição, ainda esquecir de colocar o inciso III, do artigo 621, será que zerei a peça

    • Cleber, certamente, que você não zerou. Fique tranquilo. Boa sorte.

  160. Professor, fiz o X emame, direito civil. Na hora da prova fiquei tão nervosa que acabei cometendo um erro absurdo, to me sentindo uma burra. A açao era embargos de terceiro, acertei a peça, mas não sei o que me deu, que eu fiz a peça certa, porém não com a estrutura de inicial, mas na estrutura de recurso, apesar de tr citado os artigos certos, tenho medo que minha peça seja zerada, por favor, s3ja sincero, o senhor acha que podem anular?

    • Fernanda, entendo que não é erro para anulação, poderá haver descontos, mas não é para tanto. Boa sorte.

      • Professor, obrigada, fico um pouco mais aliviada, não consigo nem dormir direito sonhando que vão zerar minha peça. Muito obrigada !

  161. Professor, meu caso é o seguinte: errei uma frase e passei um traço por cima do meu erro. E, como não havia espaço para escrever logo em seguida, escrevi bem encima desta frase riscada. O senhor acredita que isso seja motivo para zerar a minha prova, já que eu não fiz a correção de acordo com as inúmeras orientações que eu vi em sites? Aguardo resposta.

    • Natália, zerar de nenhum jeito, mas não sei se irão considerar uma frase escrita em cima de outra. Vamos esperar pelo bom senso. Boa sorte.

  162. professor, eu rasurei a minha prova e passei 2 traços em cima da frase rasurada. isso é considerado reconhecimento de prova? será que a minha peça será zerada?
    obrigada

  163. Marco Antonio
    28.06.2013 - 15:45

    Professor, ao final da minha prova de civil coloquei que o advogado atesta que as copias dos documentos apresentados são copias dos originais. Alguma chance deles acharem isso como identificação de prova?

  164. Professor

    Eles podem descontar muito ou até zerar a peça se eu FOR PROLIXO?

    Ou seja, na parte dos fatos eu narrei bem de forma lógica, e no direito eu coloquei muito “juridiquez” rsrs..

    Isso tem chance de desconto de nota ou zerar?

    Obrigado

    • Mateus, nenhuma chance de zerar. Agora quanto à pontuação, vai depender do bom senso do examinador. Boa sorte.

  165. obrigada, professor!

  166. Professor,
    Fiz minha 2 fase em administrativo e acertei, segundo o gabarito
    Extra oficial, a peça requerida, porém, cometi um erro e gostaria
    De saber se por isso minha prova será ZERADA:
    A ação era de competência da JF de SP… Fiz todo o
    Endereçamento correto, porém, ao final da petição, coloquei “Recife, 16 de junho de 2013!” :/ Tal equívoco é considerado como IDENTIFICAÇÃO????

    Grata,

    • Juliana, imagino que você seja de Recife… bem, entendo que não é identificação e espero que o bom senso da banca seja o mesmo. Boa sorte.

  167. Boa noite professor, fiz a prova de civil segunda fase, no final coloquei Itaperuna, 16 de junho de 2013, pois era a Comarca Competente para opor os embargos, será que perderei muitos pontos? fique com Deus.

    • Erika, entendo que não sofre nenhuma perda. Mas vá que o bom senso não prevaleça, nem 0,5. Boa sorte.

  168. Olá Professor;

    Em minha prova, dto constitucional, corretamente feita, no momento em que errei um parágrafo inteiro, fiz um parenteses em torno deste parágrafo e escrevi ERRATA, o que acha? Posso perder pontos ou algo ainda pior?
    Desde já agradeço;
    Belo trabalho!
    Alam

    • Alam, na verdade, sobre erros a banca informa em fazer um risco ou traço. Alguém que faz errata é a primeira vez que vejo… não sei não, vai depender do bom senso, pois no edital e nas instruções não está previsto. Depois nos avisa o que aconteceu, ok? Boa sorte.

    • Ola.. Estava lendo os comentarios aqui e percebi que vc fez a mesma coisa que eu…. Acabei de sair do XI exame, na hora da rasura riquei e escrevi ERRADO em cima, alem de colocar entre parenteses :( Eles anularam a sua prova??? Obrigada

      • Não sei se lerão isso, acabo de sair do XIV exame, fiz a mesma coisa, gostaria de saber o que houve com vocês, obrigado.

  169. Oi professor,olha eu fiz a 2ª fase do X exame de ordem em Trabalho e a peça foi uma CONSIGNAÇÃO EM PAGAMENTO, ocorre que eu estou com muito medo de ter identificado a prova, uma vez que nas verbas resilitórias eu fiz, por exemplo, assim: Saldo de salário (11 dias)no valor de …R$……..
    Férias em dobro 2010/2011 no valor de ……….R$……..
    Férias simples 2011/2012 no valor de ………..R$……..
    O FATO DE TER COLOCADO, NO VALOR DE …………R$…….. IDENTIFICA A PROVA?
    Professor, nas férias eu não coloquei o adicional de 1/3, será que perde muitos pontos? E também não coloquei o pedido de produção de provas. Quantos pontos corro o risco de perder? Obrigado

    • Erico, não há identificação não. A perda de pontos é relativa, portanto, difícil de afirmar de forma conclusiva o número exato, mas entendo que não mais de 0,5, imagino eu. Boa sorte.

  170. Relativamente a sua resposta para mim acima:

    Obrigado Professor;

    Mas, em sua opinião, posso perder pontos ou toda prova, se este bom senso do examinador não existir?

    Obrigado novamente;

    Alam

  171. Obrigado;
    Ternamente grato!

  172. Boa tarde ,Professor!

    Gostaria de tirar uma duvida, acertei a peça ,porem coloquei reclamante e reclamada,quando cheguei no pedido percebi o meu erro e comecei colocar autor e réu, isso me prejudica muito?

    • Josy, mas não era uma peça trabalhista?

      • Professor Marcelo, era uma peça trabalhista, porem caiu ação de consignação em pagamento, onde a CLT usa subsidiariamente o Código de Processo Civil, neste caso o correto era colocar autor e réu,só que fui perceber ja estava no meio da peça,isso pode me prejudicar??

  173. Boa noite Marcelo.
    Fiz o X exame em Civil, na peca eu me confundi um pouco e acabei errando Endereçamento, e na qualificação eu confundi com prova Sumaria da posse e coloquei lá no final depois dos motivos abaixo expostos assim: pelo rito sumario com pedido de liminar pelo artigo 1051 do CPC, será que zero?
    Esqueci o valor da causa e errei a citação pq errei o enderecamento, mas coloquei todos os artigos certos, partes tbm.

    Desde ja te agradeço pela atenção.,

    • Gerson, é difícil de avaliar quanto você terá descontado, mas zerar, acredito que passa muito longe disso. Boa sorte.

  174. Professor,
    eu fiz a segunda fase em Penal. Estou com receio de a minha peça ser anulada. Eu fiz o seguinte: eu datei a peça do dia 05.03, pois foi o dia que o suposto advogado foi procurado pelos familiares de Jane, por conta disso, eu supus que esse seria o dia que deveria ser datada a peça. EU não inventei a data, ela estava na questão, porém, não foi pedido que a peça fosse datada. Isso é considerado marcação?
    Agradeço, obrigado.

    • Boa pergunta… acho “boas” as perguntas que não tenho certeza… rsrsrs, como nesse caso. Mas entendo que não é identificação. Boa sorte.

  175. Paulo Santos
    03.07.2013 - 18:54

    Boa tarde professor.

    Na questão 2 da prova de empresarial, respondi com base no artigo 1.030,1.085 e 1004 do cc, porém nos gabaritos que tenho visto, falam do 1.058 cc. estou com duvida, pois a pegunta era É possível excluir Joaquim da sociedade ?, visto que ele procurou um advogado, creio eu que a resposta estava no 1.030 e 1.085, pois são as formas de exclusão judicial e extrajudicial.

    me ajude estou na duvida

    agradeço

  176. Professor lhe enviei uma pergunta na segunda e nao obtive resposta, se for possível retorne por favor.

    Desde ja agradeço.

  177. Professor, por favor me tire uma dúvida que não está me deixando dormir.
    Na hora da prova escrevi um parágrafo e depois percebi que tinha esquecido de colocar a expressão “promessa de”, daí coloquei um asterisco entre as palavras onde deveria ir a expressão e escrevi em baixo da folha, ainda nas linhas permitidas, como se fosse uma nota de rodapé.
    O que fiz ficou mais ou menos assim: “… bla bla bla, Fulano de tal adquiriu o imóvel ‘x’ por contrato * de compra e venda.
    … bla bla bla … .

    * leia-se ‘compromisso de’ “.

    Isso pode ser considerado como algo que identifique a peça????

  178. Fernanda Worm
    04.07.2013 - 18:55

    olá professor, acabei de conhecer o site e gostei muito. Pena não ter conhecido antes, pois venho sofrendo muuuito com medo de zerar a prova ou uma questão inteira por causa de um erro idiota que cometi por falta de tempo e atenção.
    Fiz civil e na minha sala ninguém foi permitido de usar índices remissivos de súmulas e enunciados (que foram adesivados), o que nos fez perder muito tempo procurando sumula por sumula.
    Levei quatro horas na peça, acertei, e até onde sei, somente errei o pólo passivo. Ocorre que, quando eu estava terminando de passar a peça a limpo, o fiscal comentou para passarmos um risco nas folhas que ficassem em branco. Na pressa e desatenção, passei um risco diagonal na última folha da peça, que ficou em branco, e nas duas folhas posteriores, onde seria o local de responder as questões de nº 1 e 2. Sobrou um espaço em cima, umas 5 linhas, mas na questão nº 1 precisei mais do que isso, então respondi a letra B por cima desse risco mesmo, e passei outro risco diagonal abaixo do final das respostas.
    Na questão 2 as respostas couberam no espaço que sobrou.
    Tem mais uma coisa. Devido à falta de tempo, minhas respostas ficaram muito sucintas, mas acertei os artigos, e argumentei com base nos mesmos, mas sem me prolongar. Será que corro risco de anularem minha prova por conter dois riscos diagonais em uma folha?
    Corro o risco de anularem a questão nº 1 inteira, ou só o que estiver em cima do risco?
    Corro risco de não receber pontuação nas questões por ter argumentado de forma tão “pobre”, mesmo acertando a fundamentação?
    Nossa, to com muito medo.
    Obrigada.

    • Fernanda, obrigado pelas palavras. Pelo o que entendi não corre risco algum, pode dormir tranquila, de zerar. É difícil responder quanto à pontuação, mas pelo visto, haverá descontos. Boa sorte.

      • Fernanda Worm
        05.07.2013 - 3:01

        Obrigada pela resposta, estou um pouco mais tranquila, mas sabe como é, ainda com a “pulga atrás da orelha”. Deus nos ajude! hehe

  179. Boa noite! No endereçamento da peça eu esqueci de colocar o rito e como não tinha espaço puxei um traço para cima no lugar onde deveria estar a palavra e a escrevi. Ocorre que pra piorar verifiquei que o rito estava errado e fiz um traço em cima da palavra. Minha prova pode ser zerada? Obrigada!

  180. Professor, fiz empresarial e coloquei ação revocatória (art 130 da Lei de Falências) ao invés de Restitutória (85, parágrafo único). Todavia, o endereçamento, bem como as partes, e inclusive os pedidos estavam corretos. A diferença é que o nome da peça está errado. Vendo o gabarito, eu vi que toda a peça está condizente, mas o artigo usado foi diverso. Assim, eu gostaria de saber se será considerado algum ponto ou se zerarão tudo, pela sua experiência.
    Grato

    • Thiago, já vi tanta coisa que resumindo a situação ela pode ser aceita como também não. Mas dependendo o que foi escrito, alguma pontuação poderá alcançar, mas bastante mínima. Vai ter que se garantir nas questões. Boa sorte.

  181. Lucas Schuch
    04.07.2013 - 23:01

    Atribuir um valor estimativo e provisório à causa, sem o fornecimento dos dados pertinentes pela questão, acarreta anulação da peça?

    • Não Lucas, mas acho que não pontua em relação a esse item. Boa sorte.

  182. ROGERIO G SIMOES
    05.07.2013 - 6:08

    Professor,gostaria de saber se zerei a peça,pois coloquei como preliminar inexistência de citação,mas não havia nada no enunciado da questão de direito administrativo que desse essa informação,ou irão desconsiderar tal preliminar?

  183. ROGERIO G SIMOES
    05.07.2013 - 6:13

    Professor,gostaria de saber se zerei a peça,pois coloquei como preliminar inexistência de citação,mas não havia nada no enunciado da questão de direito administrativo que desse essa informação,asssim seria inventar fatos novos?

  184. Ademir de Oliveira Junior
    05.07.2013 - 14:28

    Professor marcelo bom dia
    Primeiramente gosto muito do seu site e dos seus comentarios.
    Tenho uma duvida que esta me matando!!
    Sei que nao vai zerar minha peça, mas vai haver muitos descontos se na minha peça de civil eu coloquei o endereçamento mas como fiquei muito tempo nas questoes que foram anuladas, quando voltei para a peça fiz correndo e ai vc ja viu, coloquei distribuição por urgencia ao inves de dependencia sera que vao descontar muito?
    e mais 2 perguntas… no meu pedido coloquei rol de testemunhas e perito ta errado? e nas questao 1 B fundamentei mas errei no nome substituicao por representacao, a banca zera a questao? abraço pro senhor muito obrigado pelo senhor tirar as duvidas que nos angustiam!!

    • Ademir, é difícil responder suas dúvidas, pois apesar de estar lá no espelho a pontuação, não sei o que o examinador exatamente irá considerar, mesmo que se possa dizer se está ou não errado… Na real, é mais confiável esperar pelo resultado do dia 9. Boa sorte.

  185. Professor fiz a prova de civil e cometi dois erros no espaço data coloquei a data da prova 16/06/2013 e a peça não fazia esta indicação e em OAB coloquei: OAB XXXX posso zerar a peça?

    • Kildare, infelizmente, pode, pois não se aconselha o que você fez. Porém, já vi outras vezes e não zeraram a peça. Vamos torcer pelo bom senso. Boa sorte.

  186. Fernanda Worm
    05.07.2013 - 15:43

    Dr. Tenho mais um questionamento. Como falei anteriormente, na sala onde fiz a prova (FAPA/RS), todos tiveram o “ÍNDICE ALFABÉTICO-REMISSIVO das súmulas, OJ’s e dos precedentes normativos” lacrados (interditados, bloqueados, adesivados, em fim, proibidos para “consulta” – contrariamente ao que estava disposto no edital).
    Bom, quando a fiscal “lacrou” o meu índice, eu estranhei e a questionei, e a mesma foi enfática, dizendo estar correta a atitude (ou seja, não seria possível consultar o referido índice).
    Fui uma das primeiras a chegar na sala e como nenhum outro colega se manifestou a respeito daquilo, acreditei ter me enganado ao ler o edital dos materiais permitidos e fiz a prova sem consultar o índice.
    Porém, após a prova, conversei com um colega da faculdade que também prestou o exame na FAPA, e o mesmo disse que na “sua sala”, todos puderam consultar seus índices remisívos. Diante disso, li o edital novamente e constatei que índices remissívos alfabéticos eram permitidos, os que seriam proibidos eram os índices esquemáticos.
    Em fim, graças à esta atitude da fiscal, tive que procurar súmula por súmula, e tive a qualidade de respostas prejudicada, uma vez que faltou tempo para a elaboração das mesmas. E o que fazer nessa hora?

    • Fernanda, torcer pelas suas respostas, pois se você tivesse consignado em ata, poderia recorrer. Boa sorte.

  187. Olá professor,

    as vésperas de sair o resultado surgem muitas especulações, estou evitando partilhar delas. Mas hoje me peguei com uma inquietação que me deixou um pouco aflita. Em uma das questões discursivas transcrevi uma resposta, mas como ainda tinha tempo continuei pesquisando, encontrei a resposta correta, como não tinha tempo para fazer uma linha riscando cada palavra, fiz um x em cima de toda a resposta errada e logo em seguida transcrevi a correta. No seu entendimento isso pode ser considerado identificação de peça ???? Nervosa
    =////

    • Sandra, entendo que não, apesar das regras do cadernos da prova serem claras: exigem um TRAÇO. Boa sorte.

  188. Márcia Veiga
    05.07.2013 - 18:08

    Boa tarde Professor, eu fiz civil errei o pólo passivo, coloquei a Lúcia, então toda a vez que me referia a ela escrevi embargada e deveria ser embargado, será que isso vai descontar muito no decorrer do texto? No final coloquei a citação dela por carta precatória(pque ela era de outra comarca, têm chance de pontuar esse pedido? E mais uma coisa, eu expliquei a questão 1/a, no entanto não coloquei os incisos junto ao artigo, a explicação está toda correta, será que desconta muito??? desde já agradeço, o Sr. faz um bem enorme p nós estudantes em agonia.

    • Márcia, difícil afirmar de forma conclusiva a perda de pontos, pois o examinador pode passar batido e não verificar o que faltou, p.ex., ou se usou um termo indevido. Vamos aguardar, boa sorte.

  189. Maria da Gloria Vega Santos
    05.07.2013 - 22:19

    Profº, esqueci de colocar a palavra paragrafo único, junto com o fundamento da peça de empresarial OAB X exame, essa peça será inválida? A banca poderá corrigir minha peça, dando alguma pontuação? Pois hoje, ao verificar o espelho a banca deixou claro que só vai aceitar a peça que tenha a seguinte fundamentação: art. 85, parágrafo único da lei 11.101/2005.Fiz todo o mérito de acordo com o espelho. Será que vou ter que estudar de novo para a 1ª fase? por favor, se possível me envia um e-mail tirando-me essa dúvida.

    Atenciosamente, Glória

    • Glória, acredito que o bom senso irá prevalecer nesse caso, pois você não mencionou nem “caput”, o que poderia gerar controvérsia, e o esquecimento não pode ser julgado ao ponto de zerar. Confio na correção! Boa sorte.

  190. Professor, bom dia. na mha peça processual eu coloquei um acento errado, rasurei apenas o acento e coloquei no lugar certo, sem riscar toda palavra. ficou bem na primeira folha.zera?

    • Paloma, em nenhuma hipótese. Erros de português tem uma avaliação relativa, assim, provavelmente, nem vai perder qualquer décimo. Boa sorte.

  191. muito obrigada por entender nossa ansiedade.abraços.

  192. Maria da Gloria Vega Santos
    07.07.2013 - 1:37

    Profº, foi a primeira vez que entrei no seu blog, estava desesperada e fiquei satisfeita com a sua resposta, agradeço muito pelo apoio que o Senhor nos dar, respondendo as nossas dúvidas com respeito e rapidez.OBRIGADO!!!!! Um abraço.

  193. Morgana zamprogno
    07.07.2013 - 12:18

    Bom dia, professor! Estou desesperada desde o dia em que fiz a prova! Confundi por um momento a folha de rascunho com a definitiva, e acabei escrevendo o número 685(um artigo do cc que talvez colocaria na minha peça), embaixo do endereçamento. Me desesperei! Respirei fundo, e fiz um traço em cima, como o edital orienta em caso de erro! É claro que, como o traço é simples, não é difícil de ler que ali embaixo existe um número! O que senhor acha? Zerei? Muito obrigada

  194. Professor, a peça de civil era embargos de terceiro. Comecei a fazer embargos, mas ao procurar fundamentação, vi que a súmula 84 do STJ (que no caso diz caber embargos na situação) remetia à súmula 621 do STF. Então, risquei duas páginas de embargos e fiz uma Interdito Proibitória com pedido liminar de manutenção na posse. O que escrevi na peça está de acordo com o gabarito que a FGV publicou. A fundamentação foi a mesma. Nesse caso, a única coisa que ficou diferente foi a distribuição que pedi com urgência mas o gabarito era por dependência e polo passivo. Isso irá zerar minha peça??? estou desesperada, pq fiz as contas, e se não zerar, estou com 8,5. Obrigada pela atenção!

  195. ROGERIO G SIMOES
    08.07.2013 - 4:08

    Professor,numa das questões discursivas eu argumentei conforme o espelho,mas citei um artigo diferente,assim será que sofrerei desconto ou não irão considerar este equívoco.
    Grato!

  196. ROGERIO G SIMOES
    08.07.2013 - 4:14

    Professor, eu não ataquei diretamente a questão,ao não incluir o”NÃO” antes da resposta,mas sinalizando na questão 04 da prova de D.Administrativo,a iniciativa legal exigida ao Poder Público de não remunerar o serviço sem estar disponível o serviço ou terminada a obra,com o fundamento legal correto.Assim, será que eles irão considerar integralmente a minha resposta?
    Espero que entenda a pergunta!
    Muito grato!

  197. Professor, caso o aluno zere a prova por identificacao, ha recurso cabivel?

  198. Professor, tenho uma dúvida quanto a identificação da peça.Fiz a contestação na prova de Direito Adm, e na hora de qualificar eu coloquei : “Francisco xxx (por que achei q deveria ter sobrenome na qualificação). Gostaria de saber se posso ter a peça zerada por ter esquecido de colocar “…” na qualificação. Acho que zerei de bobeira!
    Grato pelo blog que ajuda muita gente inexperiente como eu!

  199. Matheus Silva
    08.07.2013 - 17:43

    Professor,
    fiz a prova de civil
    Como era pra apresentar embargos de terceiro perante a Comarca de itaperuna, coloquei ao final assim:

    “Itaperuna, “data”

    ADVOGADO…
    OAB nº”

    Posso zerar a peça?

  200. Prezado professor, fiz a prova em direito civil, acertei a peça e fundamentei corretamente. Contudo, tenho um duvida no que tange a distribuição do processo, coloquei distribuição com urgência e por dependência ao processo que referia a peça. Aqui, paira a duvida, posso ter colocado distribuição com urgência, uma vez que os embargos de terceiros foi pedido com liminar? A possibilidade de zerar a peça por possível identificação? Outro duvida e que na qualificação troquei o endereco do legitimado ativo por outro que encontrava-se no enunciado, algum problema? Grato.

  201. Professor, eu fiz uma coisa que não entendi, sublinhei passando um traço embaixo de dois artigos principais na peça de civil do X exame, isso gera identificação?

  202. Cristina santos
    09.07.2013 - 18:22

    O recorrente da minha peça era o prefeito do município W e coloque prefeito do município X. Ao perceber o erro passei um traço por cima e continuei com o nome correto. Mas o nome do município errado ficou visível. Outra coisa, no preâmbulo da peça esqueci de fazer menção à procuração anexa e fiz isso ao final, colocando: advogado, local, data… procuração anexa. Alguma dessas situações pode ensejar a anulação da minha peça? Obrigada.

  203. Caros, desculpa não ter respondido as mensagens depois do dia 6, inclusive nessa data, pois estava na maternidade esperando o meu primeiro filho. Estamos chegando hoje em casa, dia 9, na data do resultado. Vamos aguardar o resultado final. BOA SORTE a TODOS!

  204. alessandro nunes
    09.07.2013 - 21:37

    professor, apontuação da minha peça veio zerada, mas atribuiram ponto às 4 questoes, por que motivo vc acha que isso aconteceu??
    seria por que eles pediram a peça de ACAO DE CONSIGNAÇÃO EM PAGAMENTO e eu nomeei a minha de RECLAMATORIA TRABALHISTA COM PEDIDO DE CONSIGNAÇÃO EM PAGAMENTO, eu tambem coloquei no fechamento da peça a data de 17 de outubro de 2012, que era um dado informado no problema (o dia em que eu como advogado fui procurado) nao vejo outro motivo, senao esses dois. por favor me de sua opiniao.

    • Alessandro creio que seja pela peça… Acho improvável ela data. Confere e me dá um retorno. Vamos torcer pela primeira hipótese para recorrer. Abs

  205. Priscila dos Santos
    09.07.2013 - 22:05

    Prezado ProfessoR

    Zerei minha peça porque coloquei meu nome abreviado no lugar do ADVOGADO, ExISTE ALGUMA chance de recorrer? Posso usar argumentação que coloquei nome ficticio, afinal foi abreviado..Pior que fui muito bem na prova. Faltava ó 2 pontinhos, muito triste.

    • Infelizmente, nesse caso nao tem como, é o único que nao há argumentação pois o edital é claro. Bons estudos.

  206. Boa noite professor! Estou com um problemasso e preciso de fundamentação para recorrer. Ocorre que fiz uma consignação de pagamento na peça de trabalho e nomeei de ação monitoria. Tive a peça zerada, e 4,4 pontos nas questoes. Segundo o espelho da peça, teria a soma de 7,8 pontos mais ou menos. Preciso fazer eles lerem minha peça!!!!!! Qual procedimento adotar???

    • Guilherme, realmente, situação muito difícil, pois as respostas são muito diferentes… vou pensar a respeito. boa sorte.

  207. professor, tive minha peça zerada por identificação, vc ja tinha me dito que estava correndo grande risco. A pergunta é se existe possibilidade disso ser revertido com recurso. Entendo que os erros foram dois: coloquei RG, CPF, CEP, OAB procedidos de xxxxxxxxxx e não …… O outro erro que vislumbro é em relação a data, pois coloquei uma data que não estava no enunciado. Apesar de ter faltado apenas 1.75 na peça, estou tranquilo, pq tenho certeza q foi um erro cometido por unica e exclusiva culpa minha, por falta de atenção em procurar saber como tinha q proceder nestes casos. Gostaria de saber, professor, de seus sinceros entendimentos, se existe alguma possibilidade de tentar reverter este quadro. Se sim, o que poderia alegar? atenciosamente.

    • Pedro, sinceramente, é muito complicado lograr êxito. Entendo que o problema foi os “xxxxx”. Lamento. boa sorte.

  208. Oi professor,

    Só to passando pra dizer que consegui passar quase um mês de angustia, mas fui APROVADO.

    Obrigado pelo apoio. ABRAÇO

  209. Bom dia Professora,
    Coloquei Embargos de Execução ao invés de Embargos de Terceiro, porém a estrutura da peça está correta, gostaria de saber como proceder com o recurso.

  210. Professor minha peça foi zerada por identificação, por descuido rubriquei a peça, um rubrica fictícia, acredita que tem como recorrer?????

    • Emanuel, infelizmente, não tem como ter sucesso nesse caso. É o típico caso de identificação. bons estudos.

  211. Paulo Marcondes Caldas Lopes
    10.07.2013 - 12:20

    Minha peça simplesmente foi zerada pela banca. Fiz uma Reclamação Trabalhista. Vale a pena recorrer??

    • Paulo, o pessoal está procurando uma argumentação que aceitaram em 2009. Ainda não vi isso. Mas a princípio, digo que é bastante complicado. boa sorte.

      • Paulo Marcondes Caldas Lopes
        10.07.2013 - 14:05

        Em 2009 realmente ocorreu isso. Muito obrigado pela atenção!

  212. Samuel Megale
    10.07.2013 - 12:23

    Bom dia Professora,
    Coloquei Embargos de Execução ao invés de Embargos de Terceiro, porém a estrutura da peça está correta, gostaria de saber como proceder com o recurso.

  213. Samuel Megale
    10.07.2013 - 12:29

    Bom dia Professor,
    Coloquei Embargos de Execução ao invés de Embargos de Terceiro, porém a estrutura da peça está correta, gostaria de saber como proceder com o recurso.

  214. Boa tarde professor, fiz a prova de civil e coloquei, vem opor EMBARGOS DE TERCEIROS, dentro do PROCESSO DE EXECUÇÃO que move e qualifiquei tanto no polo passivo o exequente e o executado. Tive a prova zerada. tem recurso para isso?

    • Elô tem que recorrer e argumentar que você pontuou de acordo com o espelho e que qualquer juiz do mundo aceitaria a sua peça. Boa sorte.

  215. Vanessa Costa
    10.07.2013 - 18:27

    Professor, boa tarde!

    Em minha peça de 2ºFase nomeei aq peça da seguinte forma:

    …com fulcro no art. 840 CLT cc 282 CPC aplicado subsidiarimente por força do artigo 769 CLT cc artigo 890 e seguintes do CPC apresentar: Reclamação Trabalista CC Ação de Consignação de pagamento, em face de: …

    Tive minha peça zerada, de acordo com os dizeres acima será passível recurso para apreciação da peça?

    • Vanessa, tem que tentar ao menos recorrer. Em 2009 aceitaram. Boa sorte.

  216. Maria do Rossio
    17.07.2013 - 14:31

    Prof, bom dia, meu filho fez a peça na materia do direito
    do trabalho . ele colocou Reclamação Trabalhista , pelo Rizo Especial , Consignaçao em Pagamento , com fulcão no art 840 1 da CLT , zeram a prova dele. Foi recorrido. Ele tem alguma chance ?
    grata
    Maria do Rossio

  217. Maria do Rossio
    17.07.2013 - 17:38

    Prof boa tarde.
    Meu filho na peça da seg fase do direito do trabalho nomeou da seguinte forma :
    …vem à presença de Vossa Excelencia, opor Reclamação Trabalhista, pelo Rizo Especial, Consignação em Pagamento, com fulcro no ART.840, 1ª da CLT combinado com os ARTS.282 e seguintes, 890 e seguintes do CPC aplicados ao Processo do Trabalho…(a peça foi zerada)
    Ele recorreu e gostaria de saber quais suas chances?

    • Maria, o pessoal está batalhando para aceitarem como aceitaram num exame de 2009, portanto, possibilidades creio que existem, mas são remotas. Boa sorte.

  218. Pessoal, TODOS que fizeram E.Execuçao na prova de Civil, vamos entrar com mandado de segurança coletivo contra Pres.OaB-federal em Brasilia, pois os requisitos estao presentes e nao podemos deixar que zerem nossa prova.Pois qualquer juiz aceitaria nossos argumentos em caso prático( que é o objetivo do exame) Mesmo que façamos outros exames, mas nao vamos desistir de um direito! Meu email é sandra_alonso20@hotmail.com, entrem e me adicionem e vamos fazer um só…estou no aguardo de vcs!!

  219. Boa noite Professor!
    Gostaria de saber se tem limite de linhas para elaborar a peça? Qual a nota para passar? Valor de causa somente colocar quando estiver no problema ou não colocar?
    Obrigado!

    • Julio, sim, tem limite de linhas e se passa delas não é considerado. Precisa alcançar no mínimo 6. Colocar sempre quando a peça assim exigir, independentemente, se o problema trouxer um valor para ela. bons estudos.

  220. Marcos Paulo
    30.08.2013 - 12:25

    Professor, minha dúvida é quanto ao endereçamento, já sei que não posso escrever em letra de forma como sou acostumado na faculdade porem devo fazer tudo em letra maiúscula? ex.: EXCELENTÍSSIMO SENHOR… ou posso proceder desta forma, Excelentíssimo Senhor…

    • Não pode ser tudo em letra maiúscula, para demonstrar que entende da regra de português. Mas não há um exigencia que seja letra cursiva ou de forma. abs.

  221. Professora, no 10 exame eu coloquei o nome da peça como embargos de declaracao e seria embargos de terceiro, puro nervosismo, mas montei a peça totalmente com os requisitos dos embargos de terceiro inclusive utilizando de todos os fundamentos do art 1046 e demais fundamentações exigidos no entanto nem corrigiram o recurso e me deram uma resposta padrao ou seja, zeram mesmo a pontuação, pergunto, vale a pena um mandado de segurança?

    • Alexandre, boa pergunta… os caras são f… creio que as chances são poucas, mas há. Boa sorte.

  222. Professor eu escrevi na minha peça diego como nome da vítima mas o nome que realmente era p escrever era diogo. Será que irão zerar minha peça?

    • Jessica, creio que não, deve ser considerado erro de grafia. boa sorte.

  223. Olá professor, eu fiz a prova de penal do xi exame, e o nome de um dos personagens era diogo, só que eu acho qe escrevi diego. Na verdade só citei esse nome uma unica vez na peça e não me recordo se botei diego ou diogo. Eles podem zerar a minha peça?

  224. Professora, eu rasurei alguns trechos durante a prova, mas ao invés de passar só um traço, risquei muito as palavras, isso pode ser considerado identificação? Posso ter minha prova anulada? Grata!!!

  225. Boa noite! Olá professor, acabei de sair da prova de segunda fase do exame da ordem em penal… Muito nervosa, acrecentei uma palavra que havia esquecido acima do texto que estava na linha destinada a resposta, depois vi que isso nao era permitido e risquei tudo, coloquei entre parenteses e escrevi ERRADO em cima! Voce acha que tem alguma chance de anularem minha prova? No edital diz que se rasurar fora das regras previstas a prova será anulada…
    Alem disso, minha caneta manchou um pouco uma parte da minha prova que era pra ficar em branco (perto do enderecamento)? Sera que vou ser eliminada? Espero um resposta sincera hehhe PARABENS pelo blog!

    • Obrigado Raquel. Já vi provas que tiraram 10 e que rasuraram palavras de forma diversa do edital. Por isso, não se preocupe. boa sorte.

  226. Professor,
    prestei trabalho na segunda fase e ao elaborar a peça identifiquei que havia errado ao fundamentar um tópico, entao rabisquei (alguns lugares fiz a linha simples e em outros lugares uns rabiscos)… isso da linha 62 a 72: 10 linhas.
    Há possibilidade de anularem minha prova?
    obrigadaa!

  227. Herisson Maglhães
    07.10.2013 - 4:40

    Professor, boa noite: Hoje fiz a prova prático Jurídica da Ordem, e ao transcrever as respostas das questões transcrevi a 2 questão onde era pra ser a 1, percebi e risquei toda a resposta errada e repassei para o lugar correto, e ainda transcrevi a resposta 1 no espaço que restou do erro, corro o risco de ter minha prova anulada por isso? e eles considerarão a resposta colocada posteriormente.

    • Herisson, acredito que não. Pode dormir tranquilo. boa sorte.

  228. Professor,
    eu errei dez linhas na peça e passei um risco (bem forte, meio q um rabisco) e pus entre parentêses, assim como pus entre parênteses demais erros. É possível desclassificar por isso?

  229. Professor, fiz uso de uma errata embaixo da assinatura e usei ainda uma setinha para fazer uma indicaçao, fora uma rasura.

    O senhor acha que minha prova será identificada pela fgv e consequentemente anulada?

    • Davi, me preocupo apenas com a “setinha”. Mas acho que não haverá problema algum. Não é problema de identificação, mas de ser considerado o que você escreveu depois. bons estudos.

  230. Caro Professor, bom dia! A resposta correta e a fundamentação (artigo/súmula)estar errada, zera a questão? ou será que consigo uns pontinhos pela resposta estar correta??Obrigada!

  231. Ronaldo Machado
    07.10.2013 - 13:29

    Bom dia Professor.
    Professor a peça que caiu no exame foi um RESE por pronúncia, tudo o que esta no espelho da prova eu coloquei no mérito, era um caso de desclassificação de homicídio com dolo eventual para culposo, no mérito argui isso, só que nos pedidos eu pedi somente a desclassicacção com fundamento no artigo 419 do CPP e para remeter os autos ao juízo competente não pedi claramente desclassificação de homicídio com dolo eventual para culposo, cometi o erro de datar a peça com a data erra e de pedir deferimento na peça de interposição isso poderá me trazer grandes prejuízos, isso é um desconto de pontos superior a 2 pontos?

    • Ronaldo, difícil de dizer. Vamos ter que aguardar a valoração da FGV. Boa sorte.

  232. Bom dia professor… estou angustiada…fiz a prova de penal da OAB e o recurso era um RESE, só que a palavra eu errei, ao invés que colocar interpor REcurso em Sentido Estrito coloquei apresentar REcurso em Sentido Estrito. Me falaram que isso zera a peça. é verdade?

  233. Não colocar o rito no preambulo é motivo de zerar a prova?

  234. Anderson Morais
    07.10.2013 - 15:26

    Professor, fiz a prova ontem…

    Em alguns momentos, por nervosismo, acabei errando palavras bobas e ao invez de apenas risca-las, rabisquei toda ela (completamente)cobri toda palavra com a tinta.

    Isso pode zerar a peça?

    Ou se não zerar, tem o condão de tirar muitos pontos?

    Desde já agradeço!!!!!

  235. Anderson Morais
    07.10.2013 - 15:33

    Professor,

    O edital diz que quem rasurar será eliminado, é isso mesmo?

    Veja o que esta no edital:

    …………. sendo vedado qualquer tipo de rasura e/ou adulteração na identificação das páginas, sob pena de eliminação sumária do examinandodo exame.

    • Anderson, isso diz respeito fora do espaço onde se escreve a resposta. Boa sorte.

  236. Professor! Boa Tarde!!! O professor poderia me informar se o fato de eu ter circulado a letra dos pedidos do mérito, tipo a) do não cabimento…. Só que ao invés dos parênteses eu circulei a letra… é possível ser caracterizado como marcação de prova???
    Muito obrigada!

    • Puxa Cris, aqui é mais sorte mesmo do que juízo, vai ficar ao arbítrio do julgador, mas creio que não é caso para anulação. Se tirar zero, recurso neles. Boa sorte.

  237. Professor, fiquei preocupada em zerar a peça, pois ao invés de colocar parênteses ao lado da letra de cada tópico no mérito acabei circulando a letra tipo a) do não cabimento …… Só que eu circulei a letra…. Será que eles consideram identificação??
    Aguardooo anciosa uma resposta

    • Puxa, aqui é mais sorte mesmo do que juízo, vai ficar ao arbítrio do julgador, mas creio que não é caso para anulação. Se tirar zero, recurso neles. Boa sorte.

      • Obrigada pela atenção Marcelo, mas será que com recurso seria aceito?? Fiquei bem estressada pq fui bem em toda a prova, foi muitaaa Burrice circular!!!!mas agradeço muito sua resposta

        • Certo que sim! Pois apesar de não existir como sinal gráfico, seria muito preciosismo da banca. Boa sorte!

  238. professor na prova de trabalho indicava que a açao foi proposta em Goiânia, e eu coloquei a informação Goiânia -GOIAS, esta ultima informação não estava na questa o, ha o risco de zerar a peça?

  239. evertonniemeyer
    07.10.2013 - 19:29

    ola professor.. no desespero, terminei a frase com uma palavra que tinha a letra “S” no final, e a letra ficou com um pouco menos da metade fora da margem direita da prova, quase encima da linha, mas um pouco pra fora. sera que terá algum problema? abraço

  240. Anderson Morais
    07.10.2013 - 19:41

    Pessoal,

    Desconhecia isso, onde vcs viram que circular as letras do pedido pode criar problemas na correção????????

    • Anderson, não vi em lugar nenhum mas quando cheguei em casa pensei que poderia ser motivo de anulação estou super estressada…pq acertei todo o resto da prova de Trabalho ….

  241. Anderson Morais
    07.10.2013 - 20:26

    Professor, obrigado pela resposta!!!!!!!

    Maeve, se não há nada no edital dizendo como deve ser feita a numeração dos pedidos, não vejo problema nenhum…

    Um simples circulo na letra não poderia ser interpretado como identificação…

  242. Cavalcante
    08.10.2013 - 0:26

    Boa noite professor. No XI exame, na prova de direito civil a ação cabível era DESPEJO/rito ordinário. Em função do nervosismo, ajuizei DESPEJO/rito sumaríssimo (juizado especial); interpretei, erroneamente, que o objetivo do despejo era para uso próprio. Coloquei essa informação (retomada p/ uso próprio) no campo pertinente. Fora isso, acertei o resto. Pela sua experiência minha prova será zerada por ter colocado um rito procedimental diferente do indicado no gab preliminar?(embora eu tenha interpretado de maneira diversa e tenha inserido dados p/ fundamentar o erro)?

    • Cavalcante, JEC ou sumaríssimo você colocou? Creio que for o segundo não deveriam zerar a peça. boa sorte.

    • Cavalcante
      08.10.2013 - 10:00

      Estou meio ansioso/desesperado prof. Obrigado pela resposta. Enderecei pro JEC e no preâmbulo mencionei “pelo rito sumaríssimo”. Interpretei que no enunciado da peça a retomada se dava para uso próprio (hipótese de JEC) e trabalhei a peça por esta premissa. No gabarito não há menção a retomada para uso próprio (embora não haja menção ao contrário disso). Foi excesso de interpretação. Alguma chance para mim?

      • dicavalcante
        06.11.2013 - 2:51

        Para constar. Fui aprovado; a peça foi aceita e ganhei pontuação máxima. O rito sumaríssimo e a ação ajuizada no JEC não gerou qualquer controvérsia na correção. Como mencionei, no particular, fundamentei a questão com o argumento de que a retomada do imóvel se dava para uso próprio e, como a causa não mencionava o valor do aluguel, atribui como valor da causa R$ … (12 X o valor da locação). Aceitaram tranquilamente, hipótese cabível pelo rito escolhido. Parabéns à quem passou e boa sorte a quem vai tentar. Abc.

  243. rafaelle lima
    08.10.2013 - 0:34

    Professor… estou super preocupada. Fiz o endereçamento e logo abaixo coloquei “(espaço de 7 linhas )… na hora fiquei com medo de identificaçaidpeça e fiz um risco sobre o 7. Sera que irao considerar identificaçao de peça?????

  244. Olá, professor. Sou eu novamente… primeiramente gostaria de agradecê-lo pela atenção e paciência.
    Eu me lembrei de outro possível equívoco que cometi na prova, na folha de resposta da questão “1”, por descuido, assinalei novamente que a questão referia-se a questão “1”, respondendo assim:
    1) a)
    detalhe: circulei o número “1”, como de costume. Isso é passível de anulação?

    • Circular não é bom, mas também não conheço casos de anulação por isso. Mas não vejo problemas algum sobre sua questão. Boa sorte.

  245. Professor, Boa Noite
    Acabo de conhecer o seu site, e fico feliz pelo seu trabalho em tranquilizar os alunos pelo nosso desespero, falamos com um monte de gente, mas parece que ninguém nos ouve, rsrsr. Tenho algumas dúvidas, espero sua ajuda em me deixar mais tranquila ou começar a estudar para a 1 fase novamente. Na minha peça em uma das teses, eu descrevi tudo certo só que coloquei o artigo errado, será que serei pontuada por alguma coisa, ou irão zerar a minha tese? Nas questões, tiveram alguns itens que cometi o mesmo erro, mas a explicação estava correta, será que poço ser pontuada ou irão zerar. Fico na dúvida pois, afinal a OAB não divulgou o padrão de pontos na correção. Obrigada

    • Obrigado Francine, estamos aqui para ajudar. Vejo que a banca muitas vezes não pontua logo quando não enxerga os artigos que pretendia ver na folha de resposta, por outro lado, já vi pontuação parcial e também em sede de recurso a banca conceder pontuação. Sinceramente, é uma questão aleatória, infelizmente. Mas não deixa de ter grandes chances, ok? Fé! Boa sorte.

  246. Boa noite professor! Tudo bom?
    Prestei o exame deste domingo, e fiquei com uma dúvida. Ao invés de apenas passar o risco sobre a palavra/frase que errei, passei um risco e coloquei entre parênteses. Há algum problema?

    Agradeço!

  247. Obs: no caso anterior, gostaria se seria caso de anulação da questão apenas ou da prova toda….
    obrigada!!!!!

  248. Francisco da Silva
    08.10.2013 - 4:15

    Prezado Professor, percebi que na minha peça de interposição e na de razões do recurso esqueci de colocar o local… e a data…, isto levará despontuação? Grato pela atenção.

    • Francisco, o desfecho é importante em qualquer peça. Certamente, não alcançará a pontuação total. boa sorte.

  249. Professor Marcelo, por favor me responda. Fiz a prova de Civil e fiquei em dúvida com relação a peça, a principio pensei ser Ação de despejo com tutela antecipada como foi divulgado no gabarito. Mas depois relendo o enunciado, resolvi fazer uma ação reivindicatória, mas fiz uma Ação de Imissão de Posse e nomeei de Ação Reivindicatória. Pensei até que as duas fossem a mesma coisa. Na hora fiquei nervosa e Fiz uma ação e nomeei com outro nome. Será que minha peça pode ser zerada por isso. Será que vão considerar Imissão na Posse, como muitos estão dizendo? Eles podem considerar o que tiver de acordo com o espelho? Se minha peça for zerada será que vale a pena entrar com o recurso e o que eu posso fundamentar no recurso.
    Obrigada professor.

    • Valéria também sou do grupo que entende que vale a IMISSÃO. Quanto a reividicatória, não tenho opinião formada. Minha sugestão: buscar subsidios para eventual recurso. Mas vamos torcer que a banca aceite, ok? FÉ. Boa sorte.

  250. Professor estou muito ansiosa com uma coisa. Ao longo da minha peça eu errei algumas palavras e fiz riscos na horizontal. Na parte do pedido resolvi riscar um item de duas linhas e sem pensar fiz um traço na duagonal. Como utilizei duas formas ao longo da peça isso gera identificação? Obrigada.

  251. Anderson Morais
    08.10.2013 - 12:15

    Professor, bom dia!

    E mais uma vez parabéns pelo excelente trabalho desenvolvido nesse blog!!!!!!

    Outrossim, me surprrendi com os boatos de possíveis problemas na correção para quem circulou a numeração do peido ao invés de apenas colocar uma parenteses…

    Não consigo visualizar problema nisso, de onde vem esse entendimento???? O edital diz como deve ser a numeração dos pedidos???? Proíbe a circulação??????

    Fiquei desesperado agora!!!!!

    Pois ao invés de fazer assim:

    a)
    b)

    eu circulei as letras, tanto nas questões, quanto no pedido….

    • Eu tbm Circulei tudo, e pelo visto mais pessoas tiveram o mesmo problema, tbm não vi nenhum histórico de zerar por isso, pode ser que tenhamos sorte e não descontem …

      Agradecemos professor Marcelo sua atenção em nós ajudar e principalmente nos acalmar nessa longa espera

    • Anderson, o círculo não é um sinal gráfico de pontuação ou da escrita, por isso. Nem está nas normas da ABNT. Apenas por isso, mas não há notícias de anulação por isso como forma de identificação. boa sorte.

  252. evertonniemeyer
    08.10.2013 - 12:18

    fiz a mesma coisa que vc anderson, circulei na peça e nas questões

  253. Anderson Morais
    08.10.2013 - 14:04

    Pessoal,

    Dei uma olhada na minha prova anterior, minha peça nao foi corrigida, pois fiz a peça errada.

    Mas minhas questoes foram corrigidas, e eu fiz a mesma coisa que nesta prova, circulei a letra das questoes, e não me descontaram ponto algum.

    Acho que não tem problema algum, é só um boato q surgiu, mas como estamos pilhados, qualquer coisa nos assusta…

  254. Anderson Morais
    08.10.2013 - 14:07

    Obrigado Professor!!!!

    Acredito que não haverá problema, pois as peças não devem necessariamente seguir as normas da ABNT.

    • Anderson, quis dizer que dentro das normas da ABNT e não necessariamente são exigidas na prova, é que inexiste o círculo, em outras palavras, procure no seu teclado se existe. É um conselho genérico para todos é evitar simbolismos. boa sorte.

  255. Emily franco
    08.10.2013 - 16:24

    Professor, errar uma palavra na peca coloquei o traço e entre parênteses, voce acha que é causa de identificação?

  256. Professor, fiz a peça certa: contestação. Tudo certinho no endereçamento, na finalização… Porém, dos 6 pedidos que eu precisava contestar eu apenas contestei 2 corretamente (fiquei nervosa pq deixei p o final…) pergunto:
    – Quanto deve valer por ter feito a peça certa?
    – Considerando q eu acertei 3 questões e ter feito a peça como descrevi acima, quais são as minhas chances?
    – Quais são os motivos que levam a banca descontar pontos?
    obs.: no desespero, como n conseguia achar os fundamentos corretos, usei outros… errados, com pedidos errados!!

    Obrigada desde já

  257. Boa tarde professor!

    Agradeço pela resposta anterior e gostaria de tirar outra duvida. Fiz recurso de apelação na prova deste domingo.
    E na peça de interposição fiz tudo certo, colocando: …vem interpor recurso de apelação…

    Porém, na peça de razões apenas coloquei RAZÕES DE RECURSO, e não razões de recurso de apelação.

    De todo modo, eu já tinha colocado que era apelação na interposição, e ainda abri um tópico na peça de razões destinado exclusivamente ao cabimento da apelação.

    O senhor acha que terei problemas??

    Agradeço!

  258. Professor, na minha prova sublinhei “dos fatos”, “do direito”, “do pedido”…
    isso pode ser considerado identificação??

    Obrigada!

  259. joao batista
    08.10.2013 - 18:18

    Boa tarde, gostaria de uma inforamção, coloquei AÇÃO DE DESPEJO PELO RITO ORDINARIO COM BASE NA LEI 8.245/91, MAS NÃO COM PEDIDO DE TUTELA ANTECIPADA, minha prova será zerada ou descontarão pontos, me responda estou neervos. grato

  260. professor, fiz uma apelação na prova de constitucional
    mas após o pedido, acabei colocando Atribui-se a causa o valor de R$1000,00 para efeitos fiscais. Zerei a peça?

    • João, entendo que não, pois você simplesmente respondeu a esse desfecho. boa sorte.

  261. oi Professor, fiz a minha peça processual, entretanto, nos pedidos da citação e da tutela antecipada fundamentei nos artigos errados. Era para que eu tivesse fundamentado a tutela no art. 273 mas fundamentei em outro de rito especial do CPC, deixei os pedidos para o final e distrai… assim como o prazo para a resposta da citação, o qual o prazo foi fundamentado em artigo errado. É possivel que interpretem como outro rito ou peça apesar de eu ter colocado pelo procedimento ordinário? Perderei muita nota?
    Obrigada

    • Letícia, pergunta difícil, pois pode ser que tudo seja considerado como um leve engano ou pelo fato de citar artigo errado, o fundamento também esteja. Vamos torcer que passem voando e não observem o equívoco. boa sorte.

  262. Professor, nao colocar Apelante e Apelado no começo da peça de razões, apesar de colocar quem estava interpondo a apelação, e na peça de interposição falar em impetrante e impetrado do MS originário, é motivo pra zerar?

    • Pedro, seria muito preciosismo, não se preocupe, não vai zerar. boa sorte.

  263. Professor,

    boa tarde.

    Fiz a prova de tributário. A peça era Mandado de segurança com pedido de liminar.

    Coloquei o nome como mandado de segurança repressivo e durante a peça e nos pedidos fiz o pedido de liminar.

    Além do mais, sublinhei dois artigos no mérito..

    Será que tem alguma chance de a minha prova ser zerada?

    Obrigado!

  264. Patrícia Martins de Oliveira
    08.10.2013 - 21:10

    Professor, estou muito preocupada. Eu fiz um “a” minúsculo errado e passei dois traços na vertical, aí como eu lembrei que só pode traço na horizontal tentei consertar eu fiz por cima um ‘A” maiúsculo por cima – lógico – que ficou horrível e aí na aflição eu passei por cima de tudo em traço na horizontal. Na minha opinião parecia uma estrela o meu rabisco. O que me tranquiliza é que logo do lado eu escrevi “Aviso-prévio”, então, pode ser que o examinador entenda que o tempo todo eu só queria escrever um “A” mesmo e não identificar a peça.
    Será que vou ter minha prova zerada?

  265. Professor! Parabéns pelo blog! Estou só com mais uma duvida. Se eu falo na apelação que há divergências na matéria e que a decisão pode causar impacto em causas de outros candidatos que estão na mesma situação do apelante. Mas especifico que cito isso apenas para demonstrar, desde logo, que a matéria possui repercussão geral. Há possibilidade de ser entendido como identificação?

    É a ultima! Kkkk é que foi meu primeiro exame.

    Obrigado!

    • Pedro é fundamentação, faz parte de como exemplificar uma matéria. Sem problema algum. boa sorte.

  266. Professor,
    Fiz a prova de segunda fase de administrativo do dia 06 e como escrevi muito na peça, tive que colocar um pedido seguido do outro. Quando acabei no final da linha 150, percebi que faltava o valor da causa, então cometi a burrice de escrever em cima de um dos pedidos, puxando uma espécie de “V”. O senhor acha que isso pode gerar uma anulação da minha prova?
    Também em uma das questões os números 666, da Lei 8666 ficaram para fora da linha, do espaço reservado para a escrita. E agora??
    Muito obrigada, desde já!!

    • Gabriele, identificação não vai gerar, mas pode ser desconsiderado o que foi escrito fora das linhas. boa sorte.

  267. Professor, na qualificação das partes após colocar o nome do autor e reu coloquei …, EXEMPLO: JORGE…, quis demonstrar o sobrenome como requerido no 282 do cpc, corre o risco de ser considerado identificação? desde já, grato.

    • Carlos não entendi… você colocou o nome “jorge” para ilustrar um exemplo?

  268. Após colocar o nome do autor e do reu determinado no problema coloquei 3 pontos (…), JORGE seria um exemplo que quis passar para o senhor, se nao me engano o nome do autor no problema era JORGE, ai coloquei, JORGE…

  269. Professor! Boa tarde!!!
    Estou apreensiva… em um dos tópicos da contestação trabalhista eu escrevi a sigla “PLR:” (Participação nos Lucros e Resultados), após ter escrito notei q a questão referia-se apenas à Participação nos Lucros, daí então risquei completamente a letra “R”, escondendo-a, sem que passasse traço, mas rabiscando-a mesmo pra que ficasse apenas “PL:”… essa “marca” que ficou na letra “R”, meio rasurada, é possível de me prejudicar/anular a questão?? Muito obrigada!!!!!!

  270. perdão, não seria o caso de anular a questão e sim a peça!!!!

  271. Professor,
    rasurar uma das letras de um tópico da peça é possível de ser considerado como identificação? em uma das letras de um dos tópicos do mérito eu rabisquei bastante uma das letras…

  272. Fabio Junior
    09.10.2013 - 21:14

    Professor, fiz a peça de civil no XI Exame.

    Na parte passiva da ação estava Miranda (mulher) e eu escrevi em toda peça réu e não ré. Isso descontará pontos?

    • Fabio, certo que não, seria muito puritanismo da banca. boa sorte.

  273. professor, a minha prova foi de trabalho uma contestação, e na hora de colocar o trecho : vem apresentar contestação com fulcro do art…
    coloquei o art 840 que seria de reclamação e nao o 847, mas o nome da peça ta certo, corro o risco de zerar?

    • Phillipe, apenas não alcançará a pontuação referente ao artigo de lei. boa sorte.

  274. Professor,boa noite!!
    Fiz o último exame de ordem e ao perceber que a fundamentação de uma questão estava errada, marquei dois x por cima do que já havia escrito e respondi corretamente logo abaixo. Isso é identificação de peça?

  275. Gostaria que esclarecesse uma dúvida que u tenho. Na prova prática profissional não mencionava que o Ministério Público era estadual, mas na prova eu coloquei. Isso faz zerar a peça. Outra coisa. No endereçamento eu fiz assim: Excelentíssimo Senhor Juiz de Direito da ___Vara do Júri da Comarca____do Estado de____,. Ou seja, não coloquei reticências.

    • Helbert, primeira dúvida, não faz zerar a peça. Nem na segunda. boa sorte.

  276. Anderson Morais
    11.10.2013 - 18:06

    Professor,boa tarde

    Na qualificação informei o rg e cpf do réu, mas esqueci de informar o do autor…Isso pode me tirar pontos???

  277. claudiomir
    13.10.2013 - 23:42

    Professor! fiz a prova de civil e coloquei ação de despejo, com base no art 8º da 8245, mas nao coloquei a tutela antecipada, podem zerar a peça? abraço

    • Claudiomir, não se preocupe, o máximo será não alcançar a pontuação máxima. boa sorte.

  278. professor ao colocar os artigos em minha prova coloquei tipo: art 5° da constituiçao da republica federativa do brasil ou art 847 do codigo de processo civil.

    há algum problema?

  279. Nilton rosa
    15.10.2013 - 2:09

    Boa noite. Fiz direito do trabalho. De acordo com a prévia da FGV acertei a peça (contestação), com arguição da prejudicial de mérito e todas as questões de mérito.No entanto, argui em fase de prelimimar de mérito uma situação em que a FGV a considerou, sendo de mérito. Trata-se de uma situação de anulação da peça ou simplesmente desconsideração do enunciado?. Obrigado e fico no aguardo.
    Sds.

  280. nilton silva
    16.10.2013 - 0:05

    Professor, boa noite. Agradeço pela atenção ao meu questionamento anterior. Gostaria de um novo esclarecimento. Na questão de nº 04, letra A, o padrão de resposta aponta para o art 467 ‘caput’ da CLT. Fiz a argumentação da questão corretamente, mas, fundamentei conforme o art. 467 da CLT, não mencionado o ‘caput’. Perderei todos os pontos da questão, ou tenho alguma chance, em função em função da argumentação correta? Obrigado e fico no aguardo de sua atenção.

    • Nilton, creio que não ter colocado o “caput” não seria motivo de desconsiderações. Depois me dá um retorno disso, ok? Boa sorte.

  281. Luis Fernando
    18.10.2013 - 20:04

    Professor no ultimo exame a peca que a oab lancou no espelho foi “acao de depejo pelo rito ordinario” eu fiz uma “reintegracao de posse pelo rito ordinario”. Sera que eles podem zerar a minha peca ? uma vez que o rito e o mesmo ?

    • Luis, não importa o rito, e sim o que a banca essencialmente espera na peça. Particularmente, entendo que não caberia reintegração de posse. Acho que a banca aceitará imissão de posse. Por isso, creio que as chances do amigo são ruins. Minha sugestão: procure fundamentos para que aceitem sua peça em caso de recurso. boa sorte.

  282. Olá professor. Iniciei a prova de direito civil com dúvidas entre imissão na posse e despejo. Por esta razão, e na preocupação com o tempo, acabei nomeando a peça de AÇÃO PELO RITO ORDINÁRIO, com fundamento no 282 do CPC. Somente dei um nome à ação, na parte do direito, onde iniciei dizendo que tratava-se de ação de despejo, por força do artigo 5º da Lei do Inquilinato. Estou com medo de zerar a peça por não tê-la nomeado devidamente no preâmbulo, isso pode acontecer?

    No mais, como tese, utilizei o artigo 8º da Lei do Inquilinato e requeri antecipação de tutela pelo 273 do CPC.

    Agradeço pela resposta. Abraços

    • Rafaela, pois é… sinceramente, as duas hipóteses podem acontecer, apesar de achar um exagero eles considerarem que você errou a peça. De qualquer sorte, minha sugestão, na prática, e buscar subsídios para eventual recurso. boa sorte.

  283. JUAN PABLO MORRILAS
    21.10.2013 - 11:37

    Bom dia professor. Gostei muito desta pagina, e lhe parabenizo por isso.

    Estou com duas dúvidas a respeito da prova prático profissional que fiz no XI exame da OAB, de direito Civil:

    . A primeira dúvida é com relação à peça, já que a nomeei no preâmbulo como IMISSÃO DA POSSE, com fundamento no artigo 282 do CPC, porém, sem o pedido de tutela antecipada, visto que não visualizei a urgência no pedido, e fundamentei a ação principalmente nos artigos 5º e 8º da lei do Inquilinato. Minha dúvida quanto a essa questão é se há a possibilidade de zerarem a minha peça, e da possibilidade de recurso com relação à questão da tutela antecipada? Para o senhor haveria tutela antecipada?

    . A segunda dúvida surge porque quanto às questões ao transcrever as respostas, transcrevi a resposta da 4ª questão onde era pra ser a 3ª, percebi e risquei toda a resposta errada com um traço e coloquei entre parênteses) e repassei para o lugar correto, e ainda transcrevi a resposta da 3ª questão nos espaços que restaram do erro. Minha dúvida é se corro o risco de ter minha prova ser identificada ou anulada por isso? e se eles considerarão a resposta colocada posteriormente nas duas questões?

    Grato pela atenção.

  284. Professor, fiz a 2ª fase desse último exame da OAB, e na peça de civil, coloquei ação de despejo assim como no espelho de correção, fundamentei com o art. 5º da lei do inquilinato, e utilizei outros artigos que não estavam no espelho de correção. Entretanto, o restante da peça, assim como os pedidos, eu fiz corretamente, sendo assim gostaria de saber se minhas chances são ruins ou não? Vale dizer que respondi todas as questões da forma como estava no espelho de correção, portanto nas questões tenho esperança que tire nota consideravelmente alta. Aguardo sua resposta, obrigado.

  285. Professor, fiz uma AÇÃO ORDINÁRIA e na qualificação coloquei excelenttisimo (a) senhor (a) doutor(a) juiz (a) federal da vara… da secção… judiciária de … e na assinatura coloquei ADVOGADO (A) OAB posso ter zerado? é caso de identificação?

    • Danielle, fizeste de forma perfeita. boa sorte.

      • Estava morrendo de medo de ter colocado a variação (a)…. obrigada Professor!!!

  286. JUAN MORRILAS
    22.10.2013 - 16:35

    Bom dia professor. Gostei muito desta pagina, e lhe parabenizo por isso.

    Estou com duas dúvidas a respeito da prova prático profissional que fiz no XI exame da OAB, de direito Civil:

    . A primeira dúvida é com relação à peça, já que a nomeei no preâmbulo como IMISSÃO DA POSSE, com fundamento no artigo 282 do CPC, porém, sem o pedido de tutela antecipada, visto que não visualizei a urgência no pedido, e fundamentei a ação principalmente nos artigos 5º e 8º da lei do Inquilinato. Minha dúvida quanto a essa questão é se há a possibilidade de zerarem a minha peça, e da possibilidade de recurso com relação à questão da tutela antecipada? Para o senhor haveria tutela antecipada?

    . A segunda dúvida surge porque quanto às questões ao transcrever as respostas, transcrevi a resposta da 4ª questão onde era pra ser a 3ª, percebi e risquei toda a resposta errada com um traço e coloquei entre parênteses) e repassei para o lugar correto, e ainda transcrevi a resposta da 3ª questão nos espaços que restaram do erro. Minha dúvida é se corro o risco de ter minha prova ser identificada ou anulada por isso? e se eles considerarão a resposta colocada posteriormente nas duas questões?

    Grato pela atenção.

    • Juan, quanto a primeira dúvida, sim, há possibilidade de zerarem a peça. Há um movimento que aceitem, vamos aguardar. Por hora, vai buscando fundamentos para defender a peça em sede de recurso. Quanto a segunda. Não há possibilidade de identificação. boa sorte.

  287. Prof. Boa noite!
    Fiz o XI exame e estou com uma duvida!
    Fiz acao de imissao na posse com pedido de tutela antecipada.
    A OAB ja disse que vai recorrigir todas as peças de Civil.
    O meu medo é que no topico da tutela antecipada, no finalzinho, coloquei a seguinte expressao: “Caso nao seja concedida a tutela antecipada, o Autor sofrera varios prejuizos”
    Isso eh identificaçao de peça??
    No enunciado nao falava nada de prejuizo.

  288. Professor, fiz o XI exame em Direito Civil, e elaborei a peça de Imissão na Posse, porém, no fundamento do preâmbulo não coloquei o Art. 282 do CPC…poderá zerar a peça?

    Obrigada!

  289. Professor, estou para fazer a segunda fase em civil do XII exame de ordem. Uma dúvida que percebo sempre surgir aqui no blog, errar o nome da peça zera a peça ou não ??? Estou começando a estudar agora, e estou muito apreensivo na identificação da peça.

    Grato!

    • Fellipe, antes havia essa dúvida, agora não tem mais: zera. Bons estudos.

  290. Professor me dê uma luz pelo AMOR DE DEUS, ou me condene de uma vez kkk.
    Professor eu sem perceber comecei a fazer meu rascunho direto nas folhas definitivas da peça =/. Quando percebi eu estava na segunda página. Com isso chamei o fiscal imediatamento e perguntei se teria problema caso eu passasse o risco em cada linha nas duas primeiras laudas sabe, e começasse minha peça a partir das 3° lauda. Ele respondeu que não, desde que eu concluísse a peça claro. E foi o que eu fiz professor, passei um risco em cada linha que havia escrito nas 2 primeiras paginas e fiz a peça de apelação penal (com interposição e razões) tudo certinho até o fim da 3 lauda.
    COMO O RISCO DE TER A PEÇA NÃO CORRIGIDA PROFESSOR??? ME DE SUA OPINIÃO, PELO AMOR DE DEUS. E mesmo com poucas laudas fiz tudo certinho, espaçamento dos endereçamentos, etc, cumprimento nas razões etc.
    O que o sr. acha professor. Desde já muitissimo obrigado.

    • Coloquei errado ali professor, na verdade eu fiz toda minha peça da 3° lauda ate a 5° e ultima, sem qualquer e estrutura normal. Apenas estou com medo pelas duas primeiras laudas que eu acabei rasurando, embora tenha rasurado da forma certa, com um risco a cada linha. Não sai rabiscando tudo.
      Obrigado professor. Me ajude com sua opinião hehe

    • Alexandre, pode ficar tranquilo, será considerada sua peça. Boa sorte, marcelo.

  291. Tenho uma duvida, fiz penal em pecas de recursos em que tem 2 pecas, somente uma peca nesse caso a prova é zerada ou anulada?

    • Cristiane, zerada ou anulada o resultado é o mesmo. Será avaliada a sua peça, no entanto, haverá descontos. Boa sorte.

  292. Foi feita somente uma peca e nao duas como é o correto a prova é zerada?

  293. Henrique Coelho
    10.02.2014 - 0:36

    Professor, fiz prova pratica de penal na segunda fase da oab XII, apesar de ter feito a peça toda correta, pedidos, rito, endereçamento e etc. errei o nome da peça, fiz recurso de agravo em execução, sendo que era uma apelação… com isso eu zerei a peça? ou haverá apenas desconto nos pontos?

    • Henrique, infelizmente, com a nova sistemática do edital, a sua peça será zerada se até a data da correção não aceitarem outra peça. boa sorte.

  294. Despesrada!
    Fiz XII OAB Penal.
    Datei a peça no último dia do prazo. Mas não foi pedido expressamente para datar e nem saiu no gabarito.
    Porém, não criei nenhum dado, pois o enunciado dizia que a data da audiência, inclusive o dia da semana, que a sentença tinha sido proferida na audiência e que o advogado tinha interesse em recorrer. Fiz a apelação. Contei os 5 dias, tendo como termo inicial a data da audiência (quinta-feira).
    Eles podem zerar a minha peça e considerar a data como indentificação, mesmo a peça fornecendo datas e dias da semana inclusive?! Se não fosse para datar, qual a utilidade de fornecerem o dia da semana???
    Tenho nota pra prassar. Só quero que corrijam minha prova. O que achas?

    • Tão desesperada que a palavra nem sai correta na digitação!

    • Aline, caso considerem como identificação, o que seria uma injustiça, eu recorreria, inclusive, no Judiciário, mas acho que irão considerar. boa sorte.

      • Via Twitter descobri que mais 3 meninas também dataram a peça pelos menos motivos óbvios que eu tbm datei.
        Seria muito injusto não termos a prova corrigida por “saber demais” e mostrar conhecimento quanto a intimação em audiência quando sentença nesta proferida.
        Não consigo entender porque colocaram dia da semana nas datas se nenhuma das teses trazidas no gabarito estavam relacionadas com tal menção.
        Só pensei uma coisa: datar. Pra que me dariam o dia da semana?
        Aflição até março. E o pior, depender da subjetividade alheia de quem irá corrigir.
        Caso a FGV assim faça vai mais uma vez mostrar o quanto é preocupante suas correções beirando o absurdo!

        • João Henrique
          10.02.2014 - 11:29

          aline,

          sem dúvida eles ESQUECERAM de pedir para datar a peça.

          fique tranquila. isso nao é identificação.

          afinal, imagine que a questao pedisse pra datar, e vc tenha datado com a data de 08/08/2014… sei lá por que…

          eles nao iriam zerar a sua peça…
          iriam tirar a nota relativa a data pois ta errada.

          mas veja…
          NEM ISSO é marcar a prova.

          marcar prova é INVENTAR DADOS.

          voce não inventou dados.
          voce CALCULOU com base em um dado existente.

          BEIJOS!!

          • Faço as palavras do João Henrique, as minhas.

          • Assim espero que seja o pensamento de correção. Já encontrei 6 pessoas no Twitter na mesma situação e que estão tão desesperadas quanto eu. Com medo de ser injustiçada.
            O problema é que já teve um professor que esculachou dizendo que não se coloca o que expressamente não pede.
            Mas o gaba da fgv é louco. Na questão 1 , inclusive, veio no espelho matéria processual que não pediram na pergunta.
            Aff… Deus nos ajude. Terei ótima pontuação se corrigirem. Mas não ter a peça corrigida por isso seria o fim do bom senso.
            Muito obrigada pelas palavras.

  295. Quero passar!!!

  296. prof. na peça de direito do trabalho, tive dois problemas: o primeiro achei que era devido estabilidade provisoria e pedi antecipação de tutela inclusive logo apos a qualificação, o segundo passei batido em um pedido…neste caso, minha prova será zerada? coloquei propor RECLAMAÇÃO TRABALHISTA COM PEDIDO DE TUTELA ANTECIPADA e fundamentei alem do 840 e 282 CPC coloquei o 273 CPC…o que pode acontecer?

    • Jeann, será descontada a pontuação caso seja isso a considerar. boa sorte.

  297. Jêssica monteiro
    10.02.2014 - 5:40

    Professor, comecei a escrever a minha peça sem abreviar, escrevendo por extenso codigo penal e codigo de processo penal, porem ao chegar no final da peça percebi que nao iria caber e comecei a abreviar cp e cpp, sera comsiderado identificaçao? Corro o risco de zerar a peça por isso?

  298. Professor, ao escrever o “e” coloquei o acento e ficou um “é”, daí risquei só o acento, ficou um rabisquinho entre as linhas, isso pode ser considerado identificação? E também na hora de transcrever os artigos em alguns fiz recuo e em outros esqueci e não fiz o recuo, isso também pode ser considerado identificação? Posso zerar por causa desses deslizes?

  299. Jêssica monteiro
    10.02.2014 - 11:13

    Colocar a expressao “é o breve relatorio” no final dos fatos esta errado? É caso de identificaçao?

  300. Bom dia professor, ontem ao realizar o exame da OAB XII, eu rasurei muito uma palavra. Não apenas passei um traço, mais fiz vários traços em uma mesma palavra, chegando ao ponto de não conseguir mais ler a palavra. Será que isto, gera identificação?

    Desde já agradeço

    • Bruno, sugere-se que não se faça isso, mas não é caso de identificação. boa sorte.

  301. Professor, estou com uma enorme dúvida, na ptova de ontem, dia 09/02 fiz uma interdição, como os pedidos eram muito extensos ficou td na mesma linha, valor de causa, termos em que, pede deferimento, local e data, advogado e oab.
    há a possibilidade de me descontarem pontos? eu coloquei td o precisa ser colocado, so que não tinha mais linhas entao coloquei td nas mesmas linhas em sequencia. SOCORROOOO RSRS

    • Sara, espero que não descontem, pois a forma nesse caso pode ser considerada. Mas acho que não. boa sorte.

  302. Ernande Júnior
    10.02.2014 - 15:16

    Caro Professor, fiz uma reclamação trabalhista no exame de ontem (XII), ocorre que ao transcrever a peça do rascunho para a folha de respostas esqueci de colocar o tópico do valor da causa, assim minha reclamação ficou sem valor da causa. Posso zerar por isso?

    Abraço

  303. boa tarde professor, parabens pelo blog
    ontem na prova de penal no momento da parte autentificativa coloquei assim:

    Termos em que,
    Pede deferimento

    Local…, dia…, mes…, ano…

    …………….
    Advogado…, OAB nº…

    minha dúvida é se esses pontinhos acima do Advogado e etc é considerada identificação.

    outra dúvida é que na hora de responder as questões

    coloquei:
    a)resposta
    b)resposta

    se esse a) e b) é considerado identificação.

    obrigado e parabens

    • Nathan, obrigado. De modo algum em nenhuma das hipóteses. boa sorte.

  304. Professor, boa tarde!

    Prestei a 2a fase da OAB ontem em Tributário, e gostaria de esclarecer uma dúvida que não me deixou dormir.

    No desfecho da minha peça (Agravo de Instrumento), eu coloquei da seguinte maneira:

    Termos em que,
    pede deferimento

    local e data
    advogado

    Como o “advogado” ficou na última linha da folha, eu coloquei “OAB/… nº…” na primeira linha da folha seguinte.

    No entanto, com receio de que o examinador não olhasse o meu dado sobre a OAB, eu coloquei uma seta na última folha, indicando que teria mais dados na outra folha.

    Ficou assim:

    Termos em que,
    pede deferimento

    local e data
    advogado ->

    Agora essa seta não está me deixando dormir. Podem zerar minha peça por considerarem identificação de candidato??

    Grande abraço,

    Obrigado!!!

  305. Professor, no mérito e nos pedidos coloquei mais coisas do que o devido, em trabalho era Danos morais materiais, acabei colocando questões sobre verba rescisórias, pois fiquei nervosa e achei que comportava o pedido, quais prejuízos posso ter.
    obrigado
    mac

    • Macedo, entendo que não pode haver prejuízos, exceto se você inventou dados fáticos. boa sorte.

  306. Professor, na prova de ontem, 09/02 fiz empresarial, no gabarito da OAB era AÇÃO DE RESOLUÇÃO COM LIQUIDAÇÃO DE HAVERES, com fund. no art. 1077 cc, eu coloquei AÇÃO DE DISSOLUÇÃO DE SOCIEDADE COM LIQUIDAÇÃO DE SOCIEDADE, por ser o nome iuris da peça conf. edital, fundamentei no art. 1.218, VII do CPC e 655 e 656 do cpc 39, porque é cabível, no mérito ficou conforme orientação do gabarito, demonstrei entendimento sobre retirada de sócio etc. Será que poderá ser considerada a peça? ou zerei?

    • Solange, infelizmente, acho difícil ser considerada no momento. Mas até a data da correção, quem sabe a banca aceite? Esteja preparada para recorrer, se for o caso. boa sorte.

  307. Professor é o seguinte, realizei ontem o XII exame da ordem, mas o nervosismo me fez errar pontos fundamentais, veja:
    Dos Pedidos
    * não coloquei antecipação de tutela; que fosse deferida a curatela provisória para filha da interditanda e em seguida que ocorresse a reversão para definitiva;

    Polo ativo da qualificação: esqueci o RG e o CPF

    Esqueci de colocar provas a serem produzidas

    Das questões, das quatro errei uma, acertei a 2 e a 3 e na questão 4 acertei a letra A e errei metade da letra B, será possível que alcance ao menos a nota mínima 6,0?

    • Miranda, é difícil de palpitar numa situação dessas e que envolve o psicológico da pessoa, até sem saber como será a pontuação. boa sorte e nos deixe informados do resultado.

  308. Ainda que a banca não tivesse exigido no espelho dado: acrescentei o art. 39,I; 229 da CF; 1211-A e 71 do Estatuto do idoso que trata da preferência na tramitação de processos.

  309. Muito obrigada professor, o importante é que acumulei conhecimento, e sei que tenho que superar essa fase da minha vida, apesar de estar triste, sei que vai passar, já passei por dificuldades muito piores, mas mesma assim fico triste. Obrigada!

  310. Olá professor, também fiz empresarial, e coloquei dissolução de sociedade,com fulcro na lei das s/a. o Sr. Acha que já perdi, ou pode ser considerado algum ponto ness sentido.

    • Denson, pode ser que sim, mas não dá para dizer com firmeza absoluta. boa sorte.

  311. Caro Professor, esqueci de colocar o nome da Comarca para ajuizamento da Ação Trabalhista e no lugar colequei pontinhos, coloquei: excelenttisimo (a) senhor (a) doutor(a) juiz (a) do trabalho da vara do trabalho de…

    Quantos pontos serão descontados?

    • Mauricio, difícil dizer. Confira a última peça que caiu idêntica e veja quanto dispuseram na pontuação a respeito disso. boa sorte.

  312. WANDERLEY RODRIGUES
    10.02.2014 - 18:01

    Boa tarde Professor, parabéns por esta página.
    Fiz ontem o exame XII em PENAL, NÃO ARGUI O Princípio da insignificância nem o non bis in idem,,,a pergunta é: Posso perder muitos pontos na peça?

    • Wanderley, obrigado. Difícil dizer, melhor é comparar com outra peça anterior e que pedia esses quesitos. boa sorte.

  313. Professor,boa tarde!

    Estou com uma grande dúvida, gostaria de seu auxílio! Fiz a prova de tributário. A peça foi o agravo de instrumento, porém quando fui qualificar o agravado esqueci de mencionar a autoridade coatora e coloquei somente o Estado de… !

    Será que peça pode ser zerada??

    Fico no aguardo e desde já agradeço.

    Obrigado!

  314. Tenho uma dúvida acerca da prova realizada ontem, mais precisamente na peça de interposição. No caso, não consegui colocar tudo na primeira página, e como perderia a segunda página quase totalmente passei um traço para separar a peça de interposição e as razões. Gostaria de saber se é caso de marca identificadora, gera anulação ou perda de pontos?
    Agradeço antecipadamente

  315. Professor, estou aflito com alguns deslizes cometidos na prova de domingo. Pergunta-se o que se segue:

    Na prova de Constitucional o recurso cabível era o EXTRAORDINÁRIO.

    Na folha de interposição, logo no endereçamento ao pensar em escrever (..) Doutor “DESEMBARGADOR” Presidente, comecei a escrever a palavra “Ministro”, no desespero escrevi o nome Desembargador em cima da palavra Ministro, de forma que ficou um pouco borrado, isso gera identificação de peça?

    Em seguida, logo ao escrever o nome do legitimado ativo, no caso o “partido político”, eu comecei a qualificá-lo assim EX: “PARTIDO POLITICO, pessoa jurídica de direito privado (percebendo o erro e com medo de rasurar coloquei na frente..)”já qualificado” e continuei, tem algum problema, professor?

    Ao esquecer de colocar o nome do recurso, depois de “pelas razões anexas” coloquei> interpor RECURSO EXTRAORDINÁRIO. A inversão da ordem pode ser considerado identificação de peça?

    Outra coisa, nas razões eu errei o legitimado passivo, há muito perda de pontos?

    Em dado momento acabei passando um pouco do espaço apropriado para a feitura da peça, mas coisa pouca, há identificação de peça neste caso?

    Ao final, me sobrando apenas uma linha coloquei tudo junto: “local… data… ADVOGADO… OAB… há perda de pontos?

    Professor me tire essas dúvidas porque não sei o que é mais dormir rs.. no mais acertei todos os requisitos da peça bem como a tese. Tenho chances em meio a esses deslizes??

    • Victor, não gera identificação. Também não tem problema. Também não pode ser considerado identificação. É difícil dizer se há pontuação para isso, só comparando com provas anteriores. Se tu escreveu além das linhas oferecidas, o que foi escrito não é considerado. Não há perda de pontos. boa sorte.

  316. kaio cesar
    11.02.2014 - 3:19

    Boa noite professor!

    Minha duvida é a seguinte: a minha peça foi uma apelação e por medo de faltar espaço, ao terminar a petição de interposição,na linha abaixo da parte autenticativa eu fiz dois tracos e escrevi dentro deles no centro da pagina “FIM DA PAGINA” e comecei as razoes do recurso na linha seguinte, ainda na primeira pagina. Sera que isso pode ser entendido como forma de identificação??? Ex.:
    ———————————————————-
    FIM DA PAGINA
    ———————————————————
    Aguardo,
    Desde já agradeço.

    • Kaio, não se sugere o que você fez para evitar dúvidas. Geralmente se pula algumas linhas para escrever as razões. Mas o bom senso, acredito, não vai zerar a tua prova. boa sorte.

  317. Obrigado professor,

    Fiquei mais tranquilo, de modo que me resta aguardar o resultado.

    Parabéns pela página, muito louvável sua iniciativa em ajudar os examinandos a desmitificar alguns pontos relacionados ao exame.de ordem.

  318. Professor, como não tinha mais linha disponível, coloquei na mesma linha:
    “Termos em que. Pede Deferimento. Município/Data/Advogado/Oab n°…

    Isso é identificação?

  319. Ana Angélica Pereira da Costa
    11.02.2014 - 13:10

    Professor, bom dia. estou muito muito apreensiva quanto a minha prova da OBA de domingo. Acabei por anular todo a primeira página da prova, passei um risco em todas as linhas, pois vi que tinha escrito o nome da peça errado, e tinha me esquecido de pedir os benefícios da justiça gratuita. Por isso como já tinha feito a parte do direito, ds tutela antecipada e do Pedido, e como a última folha da peça a de nº 5/5, passei a limpo a primeira página inteira, na 5ª.
    Quanto aos artigos que eles apresentaram no espelho, acertei todos, a peça ficou perfeta, só que este problema. Será que eles vão anular toda a prova, ou somente a folha 5/5?
    Quanto às perguntas acertei a maioria, só errei as letras b de duas delas. Em duas questões acho que alcancei a nota máxima 1,25.
    Nem consigo dormir. O senhor pode me dar uma previsão de como ficará a minha situação?
    Agradecida.

    • Ana, dizer pontuação fica difícil… mas quanto à peça, pelo o que entendi, a primeira folha da peça ficou na última, ficando, assim, fora de ordem a estrutura… hummm, sinceramente, não sei responder. Creio que zerar por identificação de maneira alguma, mas os descontos poderão ser grandes. Me deixe informado sobre o resultado, ok? boa sorte.

  320. Bom dia Marcelo tenho uma grande dúvida,

    Fiz a peça de Direito do trabalho corretamente, endereçamento corretamente, fatos e fundamentos corretamente na Inicial. porém na hora dos pedidos acabei pedindo algo que não deveria pedir, isso acarreta e perda de pontos? posso perder muitos pontos na peça por isso? muito obrigado.

    • Geo, pedidos a mais não deveriam influenciar na nota, pois também não serão considerados para efeito de pontuação, por isso, entendo que não haverá perda na pontuação, desde que não seja incompatível com o raciocínio do todo. bons estudos.

  321. Boa tarde professor!
    Minha dúvida é a seguinte: eu fiz o XII exame, e na primeira página escrevi endereçamento, qualificação, nome da ação e fatos. E, como acabei de escrever os fatos na penúltima linha, saltei a última, e fui para a segunda página escrever “dos fundamentos jurídicos”, isso anula minha peça? É considerado como uma forma de identificação da peça?
    Outra dúvida é que, a ação foi “ação de interdição com pedido de tutela antecipada”, mas apenas coloquei “ação de interdição”, porém na peça pedi tutela. Eles vão zerar minha peça por faltar parte do nome (com pedido de tutela antecipada)?
    Aguardo e agradeço desde já.

    • Respondendo Isabela: não, não é. Também não podem zerar sua peça. Me deixe informado do resultado, ok? boa sorte.

  322. Leonne Herman Moreira Santos
    11.02.2014 - 16:07

    Professor, fiz o XII exame e tenho uma dúvida que está me corroendo. Com medo de perder espaço para fazer as razões recursais de apelação comecei as razões recursais na mesma página de interposição apenas saltei 2 linhas. deixarei de ganhar ponto de estrutura? minha prova será zerada?
    Desde já Agradeço.

    • Leonne, não, não será zerada. Sugerimos, inclusive, que se faça assim. boa sorte.

      • Leonne Herman Moreira Santos
        11.02.2014 - 21:11

        Mas, deixarei de ganhar ponto na estrutura?

  323. Boa tarde. Professor, estou muito nervosa.

    Na prova esqueci de colocar a tutela antecipada, pedir justiça gratuita, procedência do pedido e atribuir o valor da causa.

    Eu sei que não zera, mas com certeza serei reprovada.

    • Rafaela, não sofra por antecipação, ok? É difícil dizer, pois ainda tem as questões e o restante da peça, e a pontuação para esses itens podem ser relativamente baixos. boa sorte.

  324. Prof. por favor..estou sem dormir há dois dias e só hoje descobri seu blog.
    Fiz a prova da OAB no domingo em direito penal. Pelo que vi no padrão de respostas da FGV, eu fiz uma ótima prova mas…cometi um erro grosseiro!Numa das questões composta de alternativa A e B, eu errei a alternativa B e fiz novamente embaixo. Só que fiz um X em cima da resposta que eu gostaria que desconsiderassem e ao terminar a prova li nas instruções que tinha que fazer um traço simples!Voltei desesperada na questão e passei Dois traços em cima!!Então ficou um X meio de fundo e dois traços simples em cima…prof. isso é identificação de prova…vou zerar…por favor me responda!!!!

    • Maria, o ideal você não fez, mas também não é motivo para tanto desespero. Acredito que não é caso de identificação, ou ao menos, o “típico” caso. Se anularem seria uma grande injustiça. Entendo que não irão zerar, mas me deixe informado, ok? boa sorte.

      • Obrigada pela sua atenção!!Parabéns pelo trabalho…te mantenho informado sim!!

  325. Boa tarde professor!Gostaria de tirar uma dúvida, no enunciado da questao a OAB mencionou Estado “X”,mas coloquei no endereçamento estado “…”,ZERO A PEÇA por este motivo?

    • Marianne, não zera não, visto que simplesmente você não citou corretamente o Estado… talvez algum desconto ou mesmo sem qualquer atividade negativa por parte da banca. boa sorte.

  326. Professor, boa tarde!
    Fiz a prova de direito civil, e identifiquei a peça e a nomeei, sendo que, como “interdição” não tem nome de ação definido em lei, coloquei assim “ação de conhecimento de interdição c/c pedido de tutela antecipada, sendo que no espelho saiu “ação de interdição c/c pedido de tutela antecipada, será que seria zerada a peça ??? Afinal, dentre as espécies de ações existentes, por sua natureza, é uma ação de conhecimento.

    • Fellipe, de modo algum, pois é uma ação de conhecimento. Me deixe informado do resultado, ok? boa sorte.

  327. Obrigado por tirar uma divida que eu também tinha, no qual ao transcrever a peça do rascunho esqueci de coloca o valor da causa, assim minha inicial ficou sem valor da causa, me falaram que eu poderia zerar a prova, mais graças aos seus esclarecimentos vejo que não.
    Fiz civil, será que poderia me esclarecer quantos pontos eu posso perder em questão deste motivo, grato.

    • Guilherme, coisa pouca, talvez um 0,25 no máximo, basta comparar as últimas provas e a consideração da banca a respeito desse item. boa sorte.

  328. Professor, por favor me responda, estou apreensiva! Depois de responder uma questão com umas 5 linhas de fundamentos errados, risquei com um X em cima para anular o que estava escrevendo e comecei a escrever a resposta corretamente logo abaixo. Será q este X é considerado identificação de prova e podem zerar minha prova toda ou vão zerar apenas a questão rasurada?

    • Katy, não é para anularem, pois não dá para considerar um X como identificação. Me deixe informado do resultado, ok? boa sorte.

  329. Olá professor, ao revisar a minha peça havia uma palavra faltando tres letras no seu fim, isto, por nervosismo escrevi a palavra faltando as tres últimas letras!!!… Fui tentar consertar e tive que levantar a palavra para cima, sendo assim, o sufixo “nte” ficou na diagonal porque q próxima palavra estava muito perto.Será que pode ser considerado identificação de peça? Agradeço desde já sua atenção!

  330. Leonne Herman Moreira Santos
    11.02.2014 - 20:22

    Outra pergunta professor. É que na prova de penal nas razões de apelação, por falta de espaço e por ser consequência lógica das teses que eu já havia argumentado, coloquei somente no pedido o requerimento do cumprimento da pena em regime aberto bem como a substituição por pena restritiva de direitos. Serei pontuado por essas teses?são atribuídos muitos pontos nesse tipo de tese?

    • Leonne, bastante difícil afirmar com convicção, o ideal era examinar a última prova em que caiu apelação e verificar a pontuação atribuída aos itens da fundamentação. boa sorte.

  331. Professor, errar o rito zera a peça? Coloquei o nome certo da ação, mas fiz confusão e coloquei rito ordinário, quando deveria ter colocado rito especial.

    • Rosana, não deveriam zerar a peça, mas há possibilidades. Me deixe informado do resultado, ok? boa sorte.

  332. Claro, o manterei informado sobre o resultado e muito obrigado pela ajuda :).
    Apenas mais uma dúvida, uma amiga nomeou a peça de civil como “ação de curatela de interdito c/c pedido de tutela antecipada”, seria cabível ao invés de interdição c/c tutela antecipada ?

    • Fellipe, de fato, desconheço as diferenças na prática, mas para a FGV pode ter. boa sorte.

  333. Alice Marques
    12.02.2014 - 0:10

    Olá! Tive um problema com o tempo e tive que fazer os pedidos da APELAÇÃO, na prática penal, XII exame, com muita pressa e muito nervosismo, acabando por perder na totalidade os pedidos que foram feitos de forma inadequada, por exemplo pedi a absolvição do 386 e não coloquei o inciso III, e as demais não pude especificar pois tive que finalizar a prova e entregar. Pela sua experiência, sinceramente, o que pode ocorrer nesse caso, em relação à correção? Corro o risco de perder toda a peça, sendo que arguí as teses corretamente e o endereçamento?

    Em relação às questões foram tranquilas, embora não tenha mencionado exatamente como solicitou a banca, mas acredito que tive uma pontuação de 04 pontos nas questões

    Estarei muito ansiosa até a divulgação do resultado, não tem jeito. Mas obrigada pela atenção…

    • Alice, creio que você não pontuará, apenas isso, referente aos itens julgados relevantes pela banca. boa sorte.

  334. professor:
    errei uma frase e passei um traco simples entre parenteses. corro risco de considerarem identificacao de peca?

    no subtitulo do merito coloquei acidente de trabalho/dano moral, a barra na diagonal pode me prejudicar?

    • Renato, não corre o risco não. Nem a barra diagonal. boa sorte.

  335. Oi professor! Fiz a reclamação trabalhista pelo rito sumaríssimo e os pedidos dentro do limite estipulado para o rito sumaríssimo. Inclusive coloquei esse valor total dos pedidos no valor da causa. Pelo que a FGV divulgou até agora eu deveria ter feito mais um pedido, o que faria o rito ser ordinário. Acertei todo o restante. Mesmo assim posso zerar a peça?

    • Cláudia, já vi tanta coisa que infelizmente posso te dizer que não irá zerar a peça como também poderá zerar. Ou seja, já vi gente errar o rito mas ser aprovado. Me mantenha atualizado do resultado, ok? boa sorte.

  336. Professor, acredito que por empolgação, cometii um grande erro ao não observar quese tratava de decisão interlocutória na prova de tributário e, ao invez do agravo de instrumennto, acabei fazendo um recurso ordinário… que triste! somente depois, com comentários, é que vi meu tombo!!!
    Não tem jeito, não é professor… ZEREI MESMO!!! AHHHHHHHHHHHHHH

    • Puxa Marta, dizer o que? Começar a se preparar para a próxima 2ª fase da OAB. Bons estudos.

  337. Prof. ao fazer a prova do dia 09/02 em direito do trabalho, fiz a peça conforme o espelho do gabarito da GV, entretanto eu enderecei para o juízo comum utilizando sumula 15 STJ, quando na verdade deveria ter usado a súmula vinculante 22 do STF, uma vez que a justiça do trabalho é competente para julgar ações de indenização oriundas de acidente de trabalho.
    Pergunta corro o risco de zerar a peça pelo endereçamento equivocado?????

    Att.

    Leandro

    • Leandro, pois é, entendo como um erro grave, não sei se zera a peça, mas a pontuação seria mínima. Me mantenha atualizado do resultado, ok? boa sorte.

  338. Leonne Herman Moreira Santos
    12.02.2014 - 20:48

    Professor na questão discursiva n.1 da prova de penal eu argui a incompetência do juízo com base no art 95 inc. II, do CPP, entretanto no espelho está com base no art. 108, mas o referido art. 95, inc. II fala da possibilidade de arguir a exceção de incompetência do juízo. Pergunto: VocÊ acha que na correção eles irão considerar? as sumulas exigidas eu as citei de forma correta, inclusive pedi a remessa ao juízo competente.

    • Leonne, dificilmente. Mas é altamente recorrível. boa sorte.

  339. Professor, na prova de Administrativo desse XII Exame OAB enderecei : “EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR DESEMBARGADOR DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO Y” ao invés de “EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO Y”,ou seja, esqueci de referir-me ao PRESIDENTE. Isso faz perder o endereçamento por completo? Desde logo, agradeço.

    • Alexandre, creio que não, seria muito puritanismo por parte da banca. boa sorte.

  340. Professor, Bom dia !

    Fiz prova de penal e na interposição entendi que era petiçao de juntada e fiz razoes de apelação em vez do art. 593 fiz no art. 600 sendo fundamentação diversa do gabarito. Fundamentação errada e nome da peça correto. Do restante td ok. A peça é aceita ?

    Obrigado e agradeço a atenção.

    Fabio.

    • Fabio, de acordo com o edital, infelizmente, não. Mas não me arrisco a dizer que não será aceita. Me deixe informado do resultado, ok? boa sorte.

  341. Professor, bom dia. Na peça de Penal fiz coloquei todas as teses que o espelho de prova pedia, porém falei que ocorreu o bis in idem, mas não falei do princípio do ne bis in indem, será que eles consideram? Outra coisa foi que por falta de espaço, eu só fiz 3 dos 5 pedidos contemplando as teses desenvolvidas, inclusive foram os 3 principais pedidos. Comparei com o espelho de uma apelação parecida numa prova anterior da FGV, e vi que a pontuação referente aos pedidos corretos era de 0,25. Será que só por conta disso eu perco mais do que 0,25 décimos? Gostaria muito da sua opinião. Abraços e parabéns pelo blog.

    • Obrigado Neto. Sim, perderá a pontuação, a princípio, comparada com outra apelação já corrigida pela FGV. Quanto ao bis in idem, talvez passe desapercebido essa falha. É uma possibilidade bem concreta. Boa sorte.

      • Obrigado Marcelo. Aproveitando a oportunidade, na questão de Félix, salvo engano a 3°, coloquei tudo certinho, como o espelho pedia, citando o art. 15 do CP, dizendo que se tratava de desistência voluntária e discorrendo sobre o instituto, todavia, ao final disse que o fato era atípico, isentando-o de pena. Você acha que pontuo integralmente nessa questão ou por eu ter colocado a palavra fato atípico eu perco uma pontuação considerável? E na questão do flagrante falei que, em tese era flagrante próprio, e no caso concreto estávamos diante de um flagrante preparado, nas bases da súmula 145, do STF, também discorrendo sobre o tema. Será que pontuo integralmente? Fico no aguardo de suas respostas. Abraço!

        • Neto, infelizmente, não tenho condições para responder essas perguntas. Boa sorte.

          • Tranquilo professor. Muito obrigado e até mais! Vamos esperar o resultado! Abç

  342. Caro Professor Marcelo,

    Boa noite!

    Na prova prático-profissional, após terminar toda a redação da peça, resolvi incluir a numeração dos títulos (I – Dos Fatos, II – Do Direito etc). Porém, como não havia pensado em colocar a numeração, os títulos já estavam escritos próximos da margem.

    Por está razão, uma das numerações ficou muito próxima do título, quase que formando uma única palavra com o inicio do título “IIIDA ANTECIPAÇÃO DA TUTELA RECURSAL”, e acabei escrevendo mais forte a numeração.

    A minha dúvida é: poderá ser considerado como identificação?

    Desde já, agradeço pela resposta.

  343. Professor, fiz minha prova de segunda fase (Direito do trabalho, dei o nome de AÇÃO INDENIZATÓRIA POR DANOS MORAIS E PATRIMONIAIS e fundamentei com o art. 5, X, da CF, a súmula vinculante 22 do STF, súmula 392 TST, art. 114 da CF, vou zerar a prova? no gabarito só saiu que era uma petição inicial, irão aceitar tanto Ação indenizatória quanto Reclamação trabalhista?

    Agradeço a atenção!

    • João, entendo que não deveriam zerar, pois a ação indenizatória é uma petição inicial. Boa sorte.

  344. Boa noite professor, eu terminei a minha peça na folha onde deveria ficar a 1ª questão, infelizmente somente me dei conta do erro quando concluir a peça, na última linha da 1ª questão. Nessa situação, então, eu zerei a prova?

    • Puxa Adriana, dependendo da interpretação, sim, infelizmente. E a 1ª questão você escreveu onde?

  345. Além de colocar prazo na peça de penal (q n não pediram) eu coloquei a data errada, posso zerar por isso ou so vao descontar da pontuação?

    • Rayssa, nesse caso, vai depender da interpretação da banca, mas não seria motivo para zerar a peça por identificação. Me deixe informado do resultado, ok? boa sorte.

  346. Fiz prova pratico-profissional Direito Penal, apelação, porém, cometi um erro, pedi uma preliminar que não existia,será que zeram minha peça?
    Ressalto que, acertei a peça, a tese atipicidade material, absolvição 386 II CPP, primariedade, impossibilidade bis in ide, mudança de regime para o aberto, substituição de pena 44 CP,

    • Carlos, solicitar mais do que pede a banca na pontuação não é motivo para zerar. Acredito que se não for incompatível com o restante dos pedidos, nem pontuação você irá perder. boa sorte

  347. gente, em uma questão eu errei e coloquei o traço, mas risquei uma linha no meio.. e refiz a questão.. essa linha no meio zera??

  348. Bom dia Marcelo!
    Sei que é difícil dizer certamente, mas me esclareça uma dúvida pelo amor de Deus!
    Fiz a prova desse XII exame de civil;acertei a peça, ação de interdição, mas acho que errei o endereçamento e eu não inseri a tutela antecipada.
    Quanto às questões abertas, acertei a b da nº 1, a nº 2 acertei as duas letras, a nº 3 acertei as duas letras, e a nº 4 acertei a letra a. Então pelas minhas contas, eu preciso de pelo menos 2,5 na peça. Acha que consigo?
    Abraço.

    • Sinuelen, certo que a falta de endereçamento correto e a tutela antecipada, juntas, não arrecadariam 2,5 pontos. boa sorte.

  349. Muito obrigada pela atenção Marcelo!
    Espero que d~e tudo certo…

  350. Professor fiz a peça de penal no XII exame, apelação, nervosa, fundamentei no 593 I c/c 600 CPP (o 593 I está certo, mas não combinado), o senhor acredita que zerei a peça, choro todos os dias desde a prova. Obrigada

    • Carla, não precisa chorar! Não vejo incompatibilidade para tanto. Entendo que no máximo terás desconto na peça. Me mantenha informado do resultado, ok? boa sorte.

      • Obrigada professor, fiquei mais aliviada. Abraços

      • Olá professor, fui aprovada, obrigada, os seus aconselhamentos são tão importantes e me ajudou muito, na época aliviou meu coração. Abraços.

  351. Olá! Na qualificação do Requerente eu coloquei “casado”, sendo que não havia essa informação no enunciado. Isso pode ser entendido como candidato se identificando? Posso zerar????

    • Puxa Lorena, infelizmente, é possível que sua peça seja zerada como identificação de um fato inexistente no problema. Mas não dá para afirmar 100%, pois o examinador pode passar “batido” ou mesmo considerar irrelevante. Vamos torcer! Me mantenha informado do resultado, ok? boa sorte.

  352. professor, acertei a peça, todas as teses, entretanto pedir uma tese de nulidade que não está no gabarito da fgv, penal, tem algum problema nisso.

    • Pedro, desde que não seja um pedido incompatível com os demais, não vejo mal algum. boa sorte.

  353. Professor, Boa noite!

    fiz a segunda fase em trabalho, denominei como AÇÃO INDENIZATÓRIA POR DANOS MORAIS E PATRIMONIAIS e fundamentei, como o colega joão, com o art. 5, X, da CF, a súmula vinculante 22 do STF, súmula 392 TST, art. 114 da CF,NÃO COLOQUEI O 840 CLT, vou zerar a prova?

  354. Rayssa (347), comigo aconteceu exatamente o mesmo (prova de penal), além de datar, coloquei a data errada. Se tiver mais notícias sobre nosso caso, favor postar. Farei o mesmo, obrigado!

  355. Olá professor!

    Fiz a prova prática de penal!

    Fiz toda certinha e fundamentei bem; ocorre que esqueci de pôr a fundamentação legal (o artigo da apelação, isto é, conforme art. 593, CPP). Na questão 4 também fiz tudo certinho como está no espelho, mas esqueci de pôr a fundamentação legal, isto é, conforme art. 197, LEP.
    O que pode acontecer?

    • Jauri, o que pode acontecer é não alcançar toda a pontuação. boa sorte.

  356. Ola professor, gostaria que o senhor me tirasse uma duvida, fiz a 1 vez o exame da ordem, em direito civil, porem, estou muito apreensiva pois não lembro se na qualificaçao depois de RG e Cpf coloquei … Ou xxx .. Se eu tiver colocado os x gera indentificação?

    Grata.

    • Edith, já vi caso que entenderam como identificação, mas também vi o contrário, sem qualquer problema. Vamos torcer como irão interpretar. Me avise do resultado, ok? boa sorte.

  357. Obrigada professor! Fiz a prova toda certa e so de pensar nisso me da um frio na barriga, mas fazer o que, entregar nas mãos de Deus.

  358. Estou com uma duvida, caso coloque na fundamentação da peça o recurso certo, a fundamentação certa, e esquecer de colocar “do codigo de processo penal” minha peça será zerada?

  359. Boa noite professor!

    Eu fiz esta última prova de Civil da OAB, porém coloquei somente Ação de Interdição…. e abri um tópico na peça pedindo a tutela antecipada. Minha preocupação é : será que minha peça será zerada por colocar Ação de Interdição ao invés de Ação de Interdição com pedido de antecipação de tutela??

    • Natalia, entendo que o “pedido de antecipação” não é nome da peça, portanto, não podem considerar que você errou. Pode ser que haja algum tipo de desconto. Mas se derem zero, recurso neles! Me deixe informado, ok? boa sorte.

  360. caso coloque o endereço das razões de letra maiuscula pode ser considerada indentificação?

    EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA
    COLENDA CÂMARA
    DOUTO REPRESENTANTE DO MINISTERIO PÚBLICO

  361. Bom dia, mais uma pequena dúvida.2 na verdade.

    Segunda etapa XII, pois bem, esquece de escrever no final da peça termos que pede deferimento e também em uma questão 2 salvo engano dei a resposta correta, artigo correto e inciso errado, como fica a perda da pontuação por esses 2 erros por favor.

    muito obrigado

    Geo

    • Prezado, é muito difícil de afirmar que é x pontos. Na peça, pode ser pouco, compare com outras peças identicas aplicadas antes pela banca. boa sorte.

  362. Boa Tarde!

    Na ultima prova de direito penal a banca não pediu data para a interposição, porém forneceu a data da sentença, me confundi e acabei colocando o ultimo dia do prazo, porém eles nem exigiram data. haveria possibilidade de zerar a peça?

    • Caiky, já respondemos por aqui essa dúvida para muitos, então a dúvida não é só tua. Entendo um exagero zerarem, mas caso que façam, tem que recorrer. boa sorte.

  363. Leonne Herman Moreira Santos
    21.02.2014 - 23:31

    Caro Professor, fiz a prova de Penal e por falta de espaço coloquei apenas nos pedidos o cumprimento no regime semi-aberto e a substituição da pena por restritiva de direitos, fundamentei nos respectivos arts. exigidos no espelho. Perderei os pontos da referida tese?

    • Leonne, fica difícil responder… dá para aguardar sem sofrer por antecipação. boa sorte.

  364. Prezado professor!
    Fiz a prova de civil, e na pela de Ação de Interdição, pedi a gratuidade da justiça, pois entendi que, com a filha da interditanda não tinha como aduirir remédios ela não teria condições de pagar custas. Será possivel apenas não considerar pontuação ou irá serar a peça?

    • Souza, entendo que não é questão de zerar, mas também não pontuar a respeito da tua colocação. boa sorte.

  365. (retificando)

    Prezado professor!
    Fiz a prova de civil, e na peça de Ação de Interdição, pedi a gratuidade da justiça, pois entendi que, com0 a filha da interditanda não tinha como aduirir remédios ela não teria condições de pagar custas. Será possivel – apenas não considerar como pontuação – ou esse pedido de gratuidade irá serar a peça?

  366. Professor:
    Fiz a prova de segunda fase de trabalho e, como todos os demais candidatos, estou apreensivo com o resultado. Fui muito bem nas questões, mas na peça não sei muito bem. Minha pergunta é a seguinte:
    o gabarito oficial determina que o candidato colocasse Danos Materiais (Danos Emergentes) como um dos pedido, na qual o personagem gastava dinheiro (por culpa da empresa), com atendimentos médicos e psicológicos. Eu coloquei como pedido “Do Pagamento das Custas com Médico e atendimento Psicológico” e fundamentei de forma correta. Gostaria de saber se eles considerariam este título ou somente danos Materiais (Danos Emergentes)?
    Uma outra pergunta…No gabarito de Lucro Cessante colocaram uma data diferente da minha, Coloquei Lucro Cessante, mas com outra data (tudo devidamente fundamentado). Gostaria de saber se vão considerar este tópico de Lucro Cessante (com os devidos descontos por ter errado a data) ou se não vou pontuar nesta questão.
    Grato

    • Fábio, difícil antever, mas acho que você trouxe uma opção correta, é aguardar o resultado. Me mantenha informado como foi. boa sorte.

  367. A questão de lucro cessante também foi em relação à peça, mas coloquei data diferente do correto, por mera distração…aguardo a resposta…desde já, muito grato.

  368. Na peça de empresarial, coloquei o nome : Ação de Retirada, como ensinado pelo cursinho. No preâmbulo coloquei o 1029. Entretanto, nem o nome da peça nem o nome do artigo apareceram no espelho.
    Fundamentei, destacando e dando ênfase para o artigo 1077 e 1031, e ambos apareceram no espelho.
    Estou na duvida se vão zerar a peça, ou vão considerar o nome e apenas descontar décimos do artigo.
    É sabido que houve uma mudança no edital, que a peça deveria ter nome iuris e artigo correspondente. Essa peça nem nome na peça tem, tão pouco artigo correspondente, os artigos são apenas de direito material.
    E agora, eles serão maleaveis?

    • Cintia, é a mesma situação da Silvane, e não é para ter peça zerada, ao contrário, entendo que você fez também o correto. De qualquer sorte, me mantenha informado do resultado. boa sorte.

  369. Professor, fiz a prova de empresarial, XII exame.
    coloquei Ação de Retirada no nome da peça, pois assim fui ensinada no cursinho. No preâmbulo coloquei o art. 1029.
    Fundamentei no 1077 e 1031, destacando e transcrevendo, sendo eles os meus principais artigos no fundamento.
    Entretanto, quando saiu o espelho não veio o nome da ação que coloquei, nem o artigo do preâmbulo.
    Mas o espelho foi todo pautado nos artigos 1077 e 1031, artigos estes, os quais dei ênfase na peça de forma efetiva.
    É sabido que eles pediram no edital o nome iuris e o artigo correspondente. Mas o nome dessa peça não tem nome em lei e os artigos correspondentes são apenas de direito material, havendo violação ao edital.
    Professor, você acha que terei minha peça zerada, ou caso eles aceitem o nome ação de retirada, tirem só décimos do artigo do preâmbulo?

    • Silvane, não é para ter peça zerada, ao contrário, entendo que você fez o correto. De qualquer sorte, me mantenha informado do resultado. boa sorte.

  370. vanderson dos santos
    26.02.2014 - 23:06

    professor muito legal seus esclarecimento.
    tire uma duvida para mim . a peça cabivel em penal no exame 12 foi apelação e eu fiz agravo em execuçao, há a possibilidada da aplicação do princípio da fungibilidade não zerando a peçã tendo em vista que acertei o endereçamento e as teses exigidas?

  371. Bom dia professor.
    Fiz civil e no preambulo pus o art do cc e do cpc corretos, mas não coloquei e “seguintes”, ficando só os dois artigos e ai, zerei ou perderei décimos, visto que podem considerar imcompleto???

    • Evelin, é para perder pontuação, se for perder alguma coisa. boa sorte.

  372. Professor, obrigado pela sua resposta. Tenho só mais uma dúvida. Conforme informado anteriormente, fiz peça de direito do trabalho, na qual pedia-se um Reclamação Trabalhista. Coloquei o nome e endereçamento devidamente corretos. Contudo, não mencionei “com fulcro no artigo 840 da CLT”, apenas coloquei RECLAMAÇÃO TRABALHISTA (PELO RITO ORDINÁRIO). Podem zerar minha peça?

    • Fábio, entendo que não, pois imagino que isso dá margem para não alcançar a pontuação total. boa sorte.

  373. Professor, fiz a prova de Penal, mas me esqueci de pedir absolvição, perco muito ponto por isso???

    • Marianne, teoricamente, não deverá alcançar a totalidade da pontuação, mas suspeito no máximo 0,5. boa sorte.

  374. Professor, uma dúvida. Caso eu tenha minha prova zerada por uma rasura, sendo que havia chance de tirar boa nota,devo impetrar Mandado de Segurança?
    Procurei jurisprudencia nesse tema e não achei.
    Muito Grata

    • Carminha, primeiro tem que recorrer junto a OAB caso realmente isso aconteça. Depois, MS. Qualquer coisa, estamos à disposição. boa sorte e nos mantenha atualizados do resultado.

  375. Ilustre professor:

    Realmente estou muito confuso com o método de correção da FGV/OAB. Agradeceria muito se o senhor me respondesse o critério deles. Fiz prova de direito do trabalho. O Gabarito oficial da questão 3, na qual falava do caso do Senhor Serafim, é o seguinte: “É válido conferir quitação mesmo de verba não postulada (0,65). Indicação da OJ 132 da SDI-2, TST (0,20). Obs.: é necessária a indicação precisa do fundamento legal. A mera indicação do fundamento legal ou jurisprudencial não pontua.”
    Minha resposta, na íntegra foi a seguinte: “No caso em tela, o senhor Serafim conferiu quitação geral em relação ao extinto contrato de trabalho. Sendo assim, mesmo que na primeira ação não houvesse pedido de equiparação salarial, a segunda ação não deve ser válida, pois com a homologação do acordo, dando-se a quitação geral, NADA MAIS (grifos meu, na prova não grifei), em relação à este contrato de trabalho, pode ser pleiteado.”
    Atribuíram nota 0 para mim nesta questão…eu errei?

  376. Na questão 4 A de direito do trabalho, também não entendi o método de correção….o gabarito oficial era o seguinte: “Documento novo é aquele que já existia ao tempo da ação ou da sentença que se quer rescindir, mas não era do conhecimento da parte ou era impossível a sua utilização (0,45), nos termos da Súmula 402 do TST (0,20). Obs.: é necessária a indicação precisa do fundamento legal. A mera indicação do fundamento legal ou jurisprudencial não pontua.”
    Minha resposta foi…”O TST, através da Súmula 402; considera que documento novo é o cronologicamente velho, existindo no tempo da decisão rescindenda. Sendo assim, não é documento novo apto a viabilizar a desconstituição do julgado.”
    Mesmo que eles não considerem minha resposta sobre documento novo ou velho, ele não deveriam considerar 0,20, conforme gabarito oficial, por ter mencionado a Súmula 402 do TST?

  377. Sobre a questão 4 B de direito do trabalho, também não entendi o método de correção….o gabarito oficial era o seguinte: “B. O pedido da ação rescisória deve ser julgado improcedente, pois a hipótese não se refere a documento novo (0,40), nos termos da Súmula 402 do TST (0,20). Obs.: é necessária a indicação precisa do fundamento legal. A mera indicação do fundamento legal ou jurisprudencial não pontua.”
    Eu coloquei: “Nesta hipótese a ação rescisória terá seu CABIMENTO NEGADO (grifo meu, não coloquei na prova), pois a parte negligente em não apresentar o documento em momento oportuno, não pode se utilizar deste documento para ajuizar Ação Rescisória, conforme Súmula 402, b do TST.
    Professor, mesmo que eles não considerem a Súmula, pois coloquei 402, b e eles queriam somente 402, não seria justo que eu recebesse ponto por indicar que a prova apresentada não seria válida para a Ação Rescisória?

    • Fábio, em todas as situações você DEVE recorrer, suas chances são muito boas! Qualquer coisa, estamos à disposição.

  378. Professor consegui ser aprovada, não havia indentificado a prova como pensei. obrigada por seus esclarecimentos, continue com esse trabalho maravilhoso que salva boas noites de sono e esclarece muitas duvidas.

    • Muito obrigado Edith, e que DEUS abençoe seu caminho profissional. Abraços!

  379. Feliz demais!! S

  380. Feliz demais!! S

  381. Fiz a segunda fase do xii exame fiz a peça corretamente mas as questões por equívoco material comecei a responder em ordem porém a partir da ultima folha da peça dessa forma as questões ficaram sem pontos,e apesar de estarem plenamente certa em concordância com o gabarito fui reprovado, fiz o recurso de cada uma das questões e ainda na ouvidoria do conselho federal, será que tenho chances! Afinal a fundamentação do exames não e medir conhecimento do candidato?

    • Bruno, pelo o que entendi voce respondeu as questões nas folhas restantes da peça e não no espaço apropriado das questões, é isso? Se for, as chances são pequenas, mas é possível. boa sorte.

  382. Professor, é possível que alguém que foi aprovado no resultado preliminar do exame da OAB, perca quando da divulgação do resultado definitivo em virtude de modificação em critério de correção.

  383. Professor, é possível que alguém que foi aprovado no resultado preliminar do exame da OAB, perca quando da divulgação do resultado definitivo em virtude de modificação em critério de correção.Ou seja, eles podem retirar pontos daqueles que já têm nota atribuída e foram aprovados, modificando assim a nota e reprovando?

  384. Victor Meirelles
    19.03.2014 - 19:55

    Professor, passando para dizer que fui Aprovado no Exame de Ordem e mais do que isso, agradecer pelas orientações dispensadas que sem dúvida foram de grande valia, pois pelo menos no meu caso, consegui me tranquilizar e esperar o resultado com confiança. Ao final, não restou nenhuma identificação ou erros graves. Muito feliz, obrigado professor!

  385. Professor, posso usar letra de forma na OAB?

    • Olá Patrick. Que eu saiba, não há proibição do edital quanto a isso, por isso, é possível. bons estudos.

  386. Boa Tarde Professor.
    Gostaria de saber se o senhor tem algum palpite de qual peça poderá ser cobrada nessa segunda fase em civil do XIII exame?
    Estou muito desesperada…

    • Morrana, por favor, não sofra por ANTECIPAÇÃO, já que ficar especulando qual a peça só atrapalhará sua concentração nos estudos. Mas respondendo a tua pergunta, esteja preparada para fazer qualquer INICIAL sob qualquer tema, pois a banca gosta de INICIAIS, ok? Mesmo assim, não justifica não saber fazer recursos. boa prova

  387. Grata pela atenção professor.
    Espero me sair bem.
    Abraços

  388. Willian DAniel
    01.06.2014 - 22:31

    Professor, não coloquei o rito na qualificação por crer q o fato da ação se basear no art. 84 do CDC torna o procedimento especial. Esta ausência de rito gera anulação ?

  389. GIOVANI MELO
    01.06.2014 - 23:11

    Professor! Fiz a prova civil hoje XIII exame, a peça era OBRIGAÇÃO DE FAZER, DANOS MORAIS COM TUTELA ANTECIPADA, coloquei na minha prova: REPARAÇÃO DE DANOS MATÉRIAS, DANOS MORAIS COM TUTELA ANTECIPADA. Minha prova vai ser zerada?

    • Giovani, de acordo com o edital, deveria zerar. Mas acho que deveriam considerar. Qualquer coisa, recursos neles!

      —–
      Informações sobre a realização de possíveis recursos: mhdarocha@gmail.com

  390. Esqueci de escrever ADVOGADO/OAB na peça, zerei?

  391. Boa noite, professor… fiz o XIII exame da ordem em civil hoje, nomeie minha peça como obrigação de dar e o gabarito fala em fazer, não usei pq já tinha sido cobrada e fiquei na duvida. Minha fundamentação e pedidos está certinha pelos gabaritos preliminares. Minha prova vai ser zerada ou chegam a corrigi-la? Se não, caberia recurso na sua opinião?? Muitoo obrigada

    • Tassiane, muita gente colocou obrigação de DAR, mas que acho diferente de FAZER. Entendo difícil a banca considerar, mas quem sabe um movimento nesse sentido? boa sorte!

      —–
      Informações sobre a realização de possíveis recursos: mhdarocha@gmail.com

  392. Professor, saiu no gabarito preliminar desta prova de civil que a ação era AÇÃO DE OBRIGAÇÃO DE FAZER COM TUTELA ANTECIPADA. Eu fiz AÇÃO DE OBRIGAÇÃO DE DAR COM MEDIDA LIMINAR, o Sr acha que é causa de zerar a prova? Fiz toda a fundamentação exatamente igual está pedindo no gabarito.

    • Amanda, obrigação de dar é diferente de fazer… acho difícil considerarem, mas enfim, vamos torcer. boa sorte.

  393. Júlia Thomasini
    02.06.2014 - 0:18

    Olá gostaria de saber errei o titulo da peça minha prova será zerada? Ou bastante descontada?

    • Júlia, de acordo com o edital, zero. De acordo com a prática, depende. bons estudos.

  394. Carlos Oliveira
    02.06.2014 - 1:44

    Prezado professor,
    Primeiramente, gostaria de agradecê-lo pela sua atenção aos examinandos da OAB. Gostaria de comentar o meu caso que ocorreu na prova realizada hoje de civil do 13º exame da OAB. Senti um desespero total ao chegar em casa quando lembrei que, na elaboração da minha peça, a expressão “… pede deferimento” ficou toda na última linha da página final. Assim, coloquei o “endereço profissional:…, OAB nº:…” na mesma linha, de forma espremida. E numa infelicidade, escrevi a palavra “Advogado:…” abaixo da última linha, na mesma sequência. Será que minha prova pode ser zerada por identificação? Refletindo com um pouco mais de calma, acredito que o examinador vai verificar que não tive pretensão de identificar a prova, mas apenas de pontuar. O que o senhor acha? Desde já, agradeço.

    • Obrigado Carlos. Não poderá ser zerada, já vi isso em vários relatos. A questão de uma linha em cima da outra é apenas estética. boa sorte.

  395. Professor fiz a prova da seg. Fa se de penal estava mto bem preparado mas o nervosismo me atralhou. Fiz tudo tudo certo. Porem uma desatencao crassa me fez acertar o nome da peca que era apelacao mas por descuido fundamentei errado era pra ter fundamentado no 593 inc i mas por relapco fundamentei no 416 inciso i. Sendo que no art 416 nem inciso i nao tem pois queria ter fundamento no 593…sei q esse erro grosseiro pode botar por agua baixo uma excelente prova que fiz…mas te peco sinceridade minha prova deve ser anulada. Correto??

    • José, possivelmente, poderá ser anulada. Vamos torcer pelo conjunto da obra. boa sorte.

  396. Boa noite professor,
    Fiz a prova prática de penal do XIII exame da ordem. Coloquei na peça tudo que o gabarito oficial pedia, mas receio por dois detalhes. Uma das vezes que escrevi o nome do réu, acabei escrevendo um outro nome parecido. Então tentei transformar o nome errado no nome certo e não ficou legível, então risquei e escrevi o nome certo ao lado. O segundo detalhe foi o seguinte: ao final da peça faltou espaço e os pedidos foram feitos com a letra bem menor do que a letra do restante da peça, sem falar que as expressões “advogado…” e “oab nro …” ficaram fora das linhas disponíveis. Estou com medo de zerar a peça. Isso é possível?

    • Tamara, zerar não é o caso, mas não irão considerar por exemplo o que você escreveu fora das linhas. A pontuação ficará prejudicada. boa sorte.

      • Obrigada pela atenção e por responder professor. Outra perguntinha: sublinhar a palavra jus por considerá-lá expressão latina pode ser considerado identificação? Estou muito insegura porque percebi que fui muito bem quanto aos conteúdos da peça e das questões, mas devido ao nervosismo acabei cometendo mais esse deslize.

        • Tamara, não é identificação. Poderia ter colocado entre aspas. boa sorte.

  397. Marcelo Damm
    02.06.2014 - 7:56

    Professor Marcelo,
    Durante a prova da 2 fase realizada ontem (01/06/14), não só na peça mas como também em uma questão discursiva, sublinhei trechos que achei relevante enfatizar, como transcrição de artigos e principais teses!! Depois vendo o desespero alheio também fui contagiado, é causa de identificação de prova?!?
    Muito Obrigado!!

    • Marcelo, que mancada! Pode ser sim considerada como identificação ja vi anteriormente. Vamos esperar o bom senso do julgador e torcer. boa sorte.

  398. Professor, fiz a prova da segunda fase ontem e ao invés de propor ação de obrigação de fazer com antecipação de tutela, propus ação de obrigação de fazer com pedido liminar. O senhor acha que terei problemas com isso? Eu coloquei a fundamentação correta, no entanto. Outra dúvida: eu tinha que colocar as letras dos itens das questões na reposta? Eu fui respondendo em parágrafos (um parágrafo pra cada item). O senhor acha que pode existir algum problema fazendo assim? Obrigada!

    • Paula, entendo quanto à peça que deveriam aceitar. Quanto às respostas, pois é, você deveria ter identificado. Mas caso não considerem, tem que recorrer. boa sorte.

      —–
      Informações sobre a realização de possíveis recursos: mhdarocha@gmail.com

      • Professor, mas não há qualquer indicativo no edital ou na folha de respostas à necessidade de ter de colocar as letras dos itens ao responder. O que o edital fala é que as respostas precisam ser dadas separadamente. O que eu fiz foi respondê-las em separado (um parágrafo para cada questão). Inclusive, se a pergunta começava com “qual medida judicial o advogado deverá tomar para…”, eu começava o parágrafo escrevendo “a medida judicial que o advogado deverá tomar para … é…., conforme os artigos….”. O que o senhor acha? Estou muito preocupada!

  399. Ailin Duarte
    02.06.2014 - 11:54

    Professor, fiz CIVIL nesse XIII Exame de Ordem. Fiz uma AÇÃO DE RESPONSABILIDADE PELO VÍCIO DO PRODUTO E SERVIÇO CC TUTELA ANTECIPADA, fundamentei conforme eles queriam, no art. 18 CDC. Só que no gabarito saiu Ação de obrigaçao de fazer.
    Será que vão zerar minha peça por isso?

  400. boa tarte professor,

    na prova de civil ontem fiz tudo certo pedido cerreto, só no nome da ação pus indenizatória com pedido de tutela porem nao coloquei a obrigação de fazer no nome porém no corpo da peça tem problema?

    • Nathalia, creio que a peça é possível, mas também é possível que a primeira nota seja zero em virtude das regras do edital. Mas recorra se for o caso. boa sorte.

  401. Olá professor,
    Fiz o ultimo exame para Civil e no nome da pecacoloquei acao indenizatória com antecipação de tutela alinhes de obrigação de fazer. Porém fundamentei igual a OAB queria e pedi tudo q ela queria danos morais, troca do produto e inversão do o is da prova. Fiz pelo rito ordinário ( uma das opções) e enderecei correto. Posso zerar por ter colocado o nome errado?

    • Adriana, entendo que não. boa sorte!

      ——-
      Amigos, novamente, estaremos à disposição para recorrer caso seja necessário. Sucesso a todos!
      Maiores informações: mhdarocha@gmail.com

    • Oi Adriana, pelo q estou vendo fez a mesma prova q eu de civil..exame XIII…queria tirar uma duvida qnto a inversao do onus…vc colocou no fundamento e no pedido?….eu só coloquei no pedido…

    • tbem tenho outra duvida qnto ao onus da prova…coloquei só no pedido, teria q colocar na fundamentação?

  402. Olá. Na prova eu acertei o nome da peça e fundamentei corretamente, o único problema foi que eu quis escrever “pré-executividade” e por pressa, nervosismo, ou sei lá o que, eu escrevi “execuridade”!!! Puro erro gramatical. Eu sabia o q eu queria escrever, acertei, fundamentei corretamente… mas não sei por que diabos acabei escrevendo a palavra errada. Esse descuido vai me descontar pontos? Ou pelo bom senso dá pra perceber que foi puro descuido?

    • Jessica, acho que entenderão que foi erro de grafia. Se descontarem, tem que recorrer! boa sorte.

  403. Alysson Andrade
    02.06.2014 - 16:54

    Sei que deve estar cansado de ler perguntas sobre rasuras, mas tenho que perguntar a alguém que entenda:

    Fiz a segunda fase da OAB ontem (direito civil), me sai muito bem (olhei o espelho), exceto por um pequeno detalhe. Quando fui datar a peça coloquei “aracaju em…”, mas como percebi o equívoco grifei a palavra, entretanto como ela continuava visível eu a rabisquei.
    Isso anula toda a prova?
    Obrigado

    • Alysson, grifar a palavra? Bastava passar um risco. Bem, é possível que o examinador entenda como identificação, mas os recursos estão aí. De boa, acho pouco provável. boa sorte.

      • Alysson Andrade
        02.06.2014 - 20:18

        Acho que não me entendeu. Quando disse que grifei, não disse que passei um traço embaixo da palavra, mas no meio dela. Como continuava legível e tratava-se do nome da cidade onde moro, eu a rabisquei, deixando um “borrão” na palavra. Não dá para ver o grifo ou o nome da cidade, apenas o “borrão” pegando a palavra inteira. Fiquei com medo de zerar.

        Obrigado.

        • Ah, entendi. A banca considera como inexistente a palavra. bons estudos.

  404. Boa tarde professor…
    na apelação de penal no exame de ontem, nas teses eu mandei mal.
    na tese pedi nulidade ab initio pelo fato de nao ter sido feito pericia, como demonstra o artigo 171 do CPP…
    e alem disso, pra piorar pedi a desclassificação do crime de furto qualificado para furto simple…
    será que corro o risco de zerar?
    será que vou perder muitos pontos?
    abrassss

    • Raphal, creio que não, mas perder pontuação é possível, muitos, já é difícil dizer. Vamos torcer. boa sorte.

  405. Olá, professor. Por favor me ajude. Estou com muito receio de perder muitos pontos na peça que fiz. Não penso em outra coisa, nem faço mais nada a não ser pensar nisso!!! Não fui bem nas questões e minha esperança é a peça. Por isso estou com receio na perda desses pontos. É o seguinte. Acertei a peça, o endereçamento, a qualificação, fiz os fatos, fundamentos, pedidos, tudo direitinho, mas logo após os pedidos, ao invés de colocar “Nestes termos, pede deferimento”, eu, muito nervosa, coloquei foi “Respeitosamente” e em seguida assinei a peça: Advogado / OAB nº ____ . E só em seguida foi que coloquei Local e data. Por favor, professor, seja franco, vou perder muitos pontos por isso? O senhor estima que posso perder quantos pontos? Aguardo com ansiedade sua resposta.

  406. Olá! Boa tarde!

    Fiz a prova de Direito Civil e na peça coloquei “Ação de Obrigação de Dar…”, ao invés de “Obrigação de Fazer…”, como consta no gabarito oficial.

    Isso implicará em nota zero? – esses próximos vinte dias serão os piores de toda a minha vida…

    • Aline, é complicado mesmo. Pode ser que seja zero mesmo, visto que são coisas diversas. Se você passar, nos avise, de qualquer sorte, boa sorte!

      • Depois do primeiro impacto, estou mais conformada.
        De qualquer forma, avisarei sim, caso ocorra aprovação.

        Muito obrigada.

      • Conforme solicitado, informo que passei na OAB.

        Tirei 4,75 na peça (esqueci o valor da causa e de pedir a juntada de custas ou justiça gratuita), o que importou realmente foi a fundamentação. Muito embora o nome não tenha sido de acordo com a resposta padrão, o importante é formular peça adequada para a solução do problema. Foi o meu caso.

        Obrigada pela atenção.
        Atenciosamente,
        Aline

  407. Professor, me ajude. Estou com muito receio de ter perdido muitos pontos em minha peça. Não fui bem nas questões, por isso a peça é minha esperança. Razão pela qual gostaria de saber se perderei muitos pontos pelo meu erro, e se possível, sua estimativa de quantos pontos perderei. É o seguinte, acertei a peça, e nela fiz corretamente o endereçamento, as qualificações, as demonstrações de fato e de direito e o pedido, Acontece que, após o pedido, ao invés de colocar “Nestes termos, pede deferimento” eu coloquei foi “Respeitosamente,”. E logo em seguida coloquei Advogado, OAB nº. Depois disso foi que coloquei Local e data. Estou com muito receio desse erro, professor. Perderei muitos pontos? Cada ponto dessa peça vai ser essencial para minha aprovação, haja vista eu ter ido mal nas questões. Aguardo ansiosa a sua resposta.

    • Celina, não sei se perderá e se entenderem assim, no máximo 0,25. boa sorte.

  408. Professor.
    Realizei a prova em civil, e estou com uma dúvida. Na parte das questões práticas, rasurei uma palavra, para ser mais preciso, rabisquei uma palavra inteira, deixando um “borrão”, será que corro o risco de ser eliminado do exame, por causa de rasura ou identificação?
    Desde já, agradeço sua resposta.

  409. Professor, estou com uma duvida muito grande….Ontem fiz a prova da OAB XIII de civil e na peça coloquei o nome errado, pois era obrigação de fazer com pedido de tutela antecipada nos termos do art. 18 do cdc e 273 do cpc e eu coloquei Ação de responsabilidade do vicio do produto e do serviço com fulcro no art. 18 do cdc…minha peça ficou conforme os artigos pedidos, mas coloquei o nome da peça errada..Vou tirar zero?…Obrigada!

  410. Professor, fiz a prova da segunda fase ontem e ao invés de propor ação de obrigação de fazer com antecipação de tutela, propus ação de obrigação de fazer com pedido liminar. O senhor acha que terei problemas com isso? Eu coloquei a fundamentação correta, no entanto. Outra dúvida: eu tinha que colocar as letras dos itens das questões na reposta? Eu fui respondendo em parágrafos (um parágrafo pra cada item). O senhor acha que pode existir algum problema fazendo assim? Obrigada!

  411. Carlos Oliveira
    02.06.2014 - 19:09

    Primeiramente, gostaria de agradecê-lo pela disposição em nos ajudar.

    Gostaria de comentar o meu caso que ocorreu na prova realizada ontem de civil do ​XIII​ exame da OAB ​ e contar com a sua ajuda​. Se​​nti um desespero total ao chegar em casa quando lembrei que, na elaboração da minha peça, a expressão “… pede deferimento” ficou toda na última linha da página final. Assim, coloquei o “endereço profissional:…, OAB nº:…” na mesma linha, de forma espremida. E numa infelicidade, escrevi a palavra “Advogado:…” abaixo da última linha, isto é, fora da margem, na mesma sequência. Será que minha prova pode ser zerada por identificação? Refletindo com um pouco mais de calma, acredito que o examinador vai verificar que não tive pretensão de identificar a prova, mas apenas de pontuar. O que o senhor acha?

    Desde já, agradeço.

    • Oi Carlos, li seu comentário e fiz a mesma coisa que você nessa prova agora. O que aconteceu com você? Anularam?

  412. Maykon Rezende
    02.06.2014 - 19:18

    Professor boa tarde, no caso de o texto da peça trazer o nome do advogado pode assinar no final??

  413. Ailin Duarte
    02.06.2014 - 19:45

    Professor, fiz CIVIL nesse XIII Exame de Ordem. Fiz uma AÇÃO DE RESPONSABILIDADE PELO VÍCIO DO PRODUTO E SERVIÇO CC TUTELA ANTECIPADA, fundamentei conforme eles queriam, no art. 18 CDC. Só que no gabarito saiu Ação de obrigaçao de fazer.
    Será que vão zerar minha peça por isso?

  414. boa tarde
    professor me tira uma dúvida…
    se eu colocar uma tese equivocada, alem de não pontuar, corre o risco de tirar pontos?
    vamos supor que eu tire 2,50 na peça e ao final tirar 0.50 pela tese errada
    pode acontecer?
    desde já muito obrigado

  415. Jonny Almada
    02.06.2014 - 20:03

    Professor, fiz a prova de Penal, Iniciei fazendo uma peça de Apelação perfeita, tudo 100%, depois fiquei achando que tinha feito errado, fui lá risquei a prova e refiz a peça de interposição com os respectivos fundamentos de EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, MUITO BURRRROOOO. e com as teses de mérito de apelação. Visto que é penal e que a peça também é cabível, naquele momento processual. Apos sentença e da intimação. e o tribunal é o mesmo. Acha possível angariar alguma pontuação.
    Acho que fechei as questões.

  416. Mariana Alves
    02.06.2014 - 20:54

    Professor,

    Fiz a peça certa de Constitucional desse último exame (XIII), mas estou preocupada porque coloquei: Rio de Janeiro, … de … de … . Tenho chances de ter a minha prova zerada?

    Obrigada!

  417. Paola Pereira
    02.06.2014 - 21:15

    Prezado professor,
    Fiz a prova de Direito Administrativo, fiz a peça correta, uma apelação, coloquei o nome da ação e fiz a estrutura certa, a fundamentação e os pedidos. Entretanto, não coloquei o cabimento da peça (artigo 513 do CPC e seguintes). Será que vão zerar minha peça por isso?

  418. Professor, fiz a prova de civil ontem, coloquei o nome da peça de Ação de Reparação de Danos com pedido de antecipação de Tutela, mas fundamentei corretamente conforme o espelho da banca, acha que irei zerar a peça? Será que eles não irão considerar, pois me parece que na prática caberia sim uma ação de reparação de danos…

  419. professor, ação de conhecimento pelo rito sumário com pedido de antecipação de tutela, no nome da ação na prova de civil pode ser aceita? ou será que vão cobrar somente a ação de obrigação de fazer?

  420. Professor, boa noite.

    Acertei o artigo da tese, mais não coloquei o inciso. No entanto o gabarito saiu o artigo com o inciso III.

    Eles irão me pontuar ou vão considerar errado?

    Agradeço desde já pela atenção

    • Bruna, pode ser que não seja pontuado esse quesito. “Pode ser”. boa sorte.

  421. Professor, fiz a segunda fase agora da OAB, em penal, fiz a petição de interposição da apelação e na mesma folha pulei algumas linhas e comecei as razões de apelação, mas escrevi Egrégio Tribunal de Justiça, etc., é errado fazer isso? será que é causa de anulação? obrigado pela atenção.

    • Mallone, não é errado não, pois basta demonstrar que sabe que as razões são em outro espaço. boa sorte.

      • Obrigado professor, muito nobre da sua parte, preocupar-se em ajudar, tranquilizar e apoiar quem fica tenso e precisa de ajuda nessa faze da vida, hehe.

  422. Professor, inclusive, já fiz peças no escritório que trabalho com esse mesmo tema, com esse nome REPARAÇÃO DE DANOS COM ANTECIPAÇÃO DE TUTELA, fundamentei corretamente conforme a banca pediu, pedi ônus da prova, fiz endereçamento correto, os pedidos, só não pedi o dano moral porque não vislumbrei um dano ali na questão (me pareceu um mero dissabor), o que já sabemos é motivo de indenização…agora fico sem saber se tenho chances de ter alguma pontuação na prova….Outra coisa, alguns colocaram Ação indenizatória, seria o mesmo que Reparação de Danos? Se eles considerarem a Indenizatória será que considerarão a Reparação de Danos também?

  423. Professor..por favor..eu fiz a prova de trabalho ontem…como nao sobrou espaco para valor da causa e data. E eu tinha pulado 10 linhas..no inicio..eu coloquei uma obs..vide pagina 5..e esvrevi ..valor da causa e local e data…isso pode zerar a peca..

    • Luana, não pode não e não se pula 10 linhas. Zero é para quem te disse isso. boa sorte.

  424. Professorrr me ajuda, acertei a peça, fiz tudo certinho, só que sublinhei os tópicos será que minha peça pode ser zerada??? Me ajudaaaaa

    • Ruana, zerada porque? De modo algum, nem por identificação. boa sorte.

  425. Olá professor, boa noite! fiz a última prova de direito civil, exame XIII. eu também não coloquei o nome exato da peça: “AÇÃO DE OBRIGAÇÃO DE FAZER PELO RITO ORDINÁRIO COM PEDIDO DE ANTECIPAÇÃO DE TUTELA”. Fiquei na dúvida entre obrigação de dar e de fazer, então coloquei: “AÇÃO DE SUBSTITUIÇAO POR VÍCIO DO PRODUTO PELO RITO ORDINÁRIO COM PEDIDO DE ANTECIPAÇÃO DE TUTELA”. Será que corrigem minha peça?? Por ser ação pelo rito ordinário, imaginei que poderiam aceitar, já que não tem um nome legal específico, mas sim um nome utilizado na praxe forense.

    • Sophia, entendo que a sua peça deve ser corrigida. Qualquer coisa, entrar com recurso. boa sorte.

      —-
      Informações sobre trabalhos com recursos: mhdarocha@gmail.com

  426. Professor, outra coisa: eu errei uma das questões na hora de passar para o texto definitivo. Coloquei a resposta da 3a na 2a. Contudo, depois me dei conta e parei. Assim, ainda tive espaço para responder a letra A da segunda questão. Mas, com medo de que eles não tivessem percebido que eu consegui ainda responder a questão 2 na mesma folha de resposta eu coloquei: resposta questão 2 e sublinhei para enfatizar. Será que poderão anular minha prova por identificação?

    • Sophia, por identificação jamais. Erros acontecem e muitos. boa sorte.

  427. Maykon Rezende
    03.06.2014 - 2:20

    Professor Boa noite, Quando o texto da peça traz o nome do advogado, este pode ser colocado no final da peça??

  428. Professor, enquanto redigia a minha peça da prova de direito penal esqueci de mencionar “conforme procuração em anexo”!
    Qnd percebi já não havia mais a possibilidade de colocar na minha peça!

    Corro o risco de ter minha peça anulada?

    • Eduardo, não exagera, relaxa. Boa sorte.

      • Professor! Deu certo! passei! urrul! Inclusive já dei entrada na minha vermelhinha! Um forte abraço! E muito obrigado pelas palavras tranquilizadoras! vlw

  429. Sarah,
    A inversão do onus coloquei apenas no pedido. Vc colocou que nome ba acao? Estou muito preocupada em zerar a peca!

    • Adriana, estava vendo peças anteriores na ordem e eles só cobraram a inversão no pedido. Tive a informação também de que alguns viradinhos orientam seus alunos a colocarem no pedido somente.

  430. Professor, não há qualquer indicativo no edital ou na folha de respostas à necessidade de ter de colocar as letras dos itens ao responder. O que o edital fala é que as respostas precisam ser dadas separadamente. O que eu fiz foi respondê-las em separado (um parágrafo para cada questão). Inclusive, se a pergunta começava com “qual medida judicial o advogado deverá tomar para…”, eu começava o parágrafo escrevendo “a medida judicial que o advogado deverá tomar para … é…., conforme os artigos….”. O que o senhor acha? Estou muito preocupada!

    • Inclusive, só para complementar, existem amigas minhas que passam em provas anteriores da oab respondendo dessa forma.

    • Paula, então não precise sofrer mais por antecipação. ;)

  431. Ailin Duarte
    03.06.2014 - 13:28

    fiz direito CIVIL nesse XIII Exame de Ordem. Fiz uma AÇÃO DE RESPONSABILIDADE PELO VÍCIO DO PRODUTO E SERVIÇO CC TUTELA ANTECIPADA, fundamentei conforme eles queriam, no art. 18 CDC. Só que no gabarito saiu Ação de obrigaçao de fazer.
    Será que vão zerar minha peça por isso?

    • Ailin, entendo que não. Qualquer coisa, recorra. boa sorte.

      —-
      Informações sobre trabalhos com recursos: mhdarocha@gmail.com

      • Ailin, muitos colocaram este nome também, inclusive eu, estou muito aguniado com isso, mas não temos o que fazer, senão, aguardar a correção.

        penso que o nome é adequado, mas vai saber o que passa na cabeça dos examinadores?

        de qualquer modo, vamos torcer para não haver nenhum embaraço quanto este nome.

        • Ailin Duarte
          06.06.2014 - 13:29

          Pois é Fernando. Já perguntei para uns 10 professores da minha faculdade, e disseram que essa ação é plenamente cabível, pois é uma tutela específica do CDC. Deus nos ajude

  432. Professor, Coloquei Ação de Reparação de Danos cumulada com Antecipação de Tutela com fundamento no Art. 282 do CPC, 18 do CDC e 273 do CPC, várias pessoas colocaram nomes diferentes do que banca deu como correto na prova, será que irão zerar a minha peça? eu fundamentei exatamente conforme o espelho da banca.

    • Norina, vamos propor um movimento para aceitar mais do que a peça do gabarito, o que você acha? Pois para mim não ficou clara a intenção do consumidor e essa ação é cabível também se a intenção fosse outra. boa sorte.

      —-
      Informações sobre trabalho com recursos: mhdarocha@gmail.com

  433. Prof. Marcelo, fiz a segunda fase de Administrativo, e montei a Apelação, mas acabei rasurando a primeira folha, pois tinha feito a peça errada.
    Como estava muito nervoso, ao fazer o traço para cobrir o que estava errado, o traço não fico completamente linear, mas ondulado.
    A peça poderá ser anulada?

    • Leon, não se preocupe, não há uma forma padrão para isso. boa sorte.

  434. Professor, minha peça foi exceção de pré executividade, acertei a peça e a fundamentação (282 do cpc e a sumula, mas cabei devido o nervosismo pedindo antecipação de tutela, será se isso vai fazer com que a FGV zere minha peça?

  435. Boa tarde Prof

    Por favor, gostaria de tirar uma dúvida!
    Fiz em civil minha segunda fase ( exame XIII), a peça acho que fui bem só esqueci de um detalhe. Ocorre que, nas questões muitas eu escrevi a resposta certa, mas como estava sem tempo acabei colocando artigos que não são o que estão no gabarito, mas que todos remetem para o certo, teve uma questão que coloquei o artigo certo e apenas errei o inciso, será que eles consideram alguma coisa, ou vão zebrar de imediato a questão? Sem antes ver os afirmemos?
    Desde já muito obrigada!

    • Brenda, eles não zeram uma questão por isso, pois a pontuação é gradual. Vamos torcer que consiga alguma coisa. boa sorte.

      —-
      Informações sobre trabalho com recursos: mhdarocha@gmail.com

  436. Romulo Marini
    03.06.2014 - 19:46

    Professor, boa tarde, realizei o XIII Exame da Ordem em Civil, eu rabisquei muito na peça, substituindo as palavras rasuradas, outro fato é que coloquei ao final Beltrano, OAB xxxxx, não escrevi Advogado, não usei …, substitui nºs por x no preâmbulo, inclusive os nomes eu coloquei beltrano, siclano., isso vai zerar minha prova?

    • Romulo, o último que utilizou disso que eu soube teve a prova zerada, mas o penúltimo, não. Vai saber. Me deixe informado, ok? boa sorte.

  437. Olá Professor!! Bom na minha peça escrevi o nome da peça com letra de forma e em maiúscula pra dar destaque, pode ser considerada identificação?? Obrigada.

  438. Professor, fix ADM, como não me lembrava muito da estrutura da apelação, coloquei o nome da peça RECURSO DE APELAÇAO COM PEDIDO LIMINAR. Depois vi que não existe apelação com pedido liminar… Coloquei os requisitos da liminar e tudo… A Apelação tinha efeitos suspensivo. Posso zerar?

    • Vanessa, difícil de responder, pode ser que sim, pode ser que não, pois o pedido liminar NÃO É nome de peça, mas um pedido acessório. Entendo assim, caso eles não entendam, tem que recorrer. Qualquer coisa estamos aqui. boa sorte.

  439. Professor, estou com medo de ter identificado a questão 02. Ao passar um traço por cima, passei a caneta umas três vezes, de modo que o traço ficou ”grosso”. Dá pra ler perfeitamente o que eu escrevi por baixo, não foi um traço grosseiro, apenas mais ”forte” do que se eu tivesse passado uma vez a caneta por cima. Posso zerar a prova por identificação?

    • Tanani, todo mundo rabisca na prova, impossível identificar, fique tranquila. boa sorte.

  440. Professor, fiz tributário, coloquei o nome da peca certinho Exceção de Pre-executivifade, mas na fundamentação coloquei art. XXXIV e XXXV ambos da CF. Esqueci o número do artigo, será que zeram minha peca?

    • Ana, entendo que não. Qualquer coisa, merece recurso. boa sorte.

  441. Professor, ao fazer minha peça de direito do trabalho, no nervosismo acabei que pulei “dos fatos”, somente tratei dos fatos na parte do mérito (cada item do mérito, contei a parte dos fatos), mas não abri o topico específico! Estou desesperada, zero a peça? Obrigada

    • Joana, não zera não, aliás, os fatos nos embargos são quase irrelevantes. boa sorte.

  442. professor, pela sua experiencia,
    qual a media das notas do pessoal, somente da peça da segunda fase?

    • Ronaldo, é muito relativa a resposta, mas são mais baixas que as questões. boa sorte.

  443. Professor, errei a peça de tributário do exame de domingo. Fiquei chateada, pois acho que eles não aceitarão os embargos de terceiro que fiz, já que o gabarito é Exeção de pré executividade. O que o senhor acha? Estou bem triste com medo deles zebrarem minha peça. Já vou começar a estudar de novo pra próxima oab.

    • Camila, imagino que não aceitarão embargos, pois ao que parece o exemplo está bem claro. Mas aguarde o resultado, pois tem muito tempo para a próxima 2ª fase. boa sorte.

  444. NADSON LUCIO CARVAHO
    05.06.2014 - 1:21

    Tenho que fazer na ADI “Dá-se a causa o valor R$ … (valor por extenso …), ou Dá-se o valor da causa de R$ 1.000,00. Se for o 1.000,00 perco ponto ou a pontuação é zero, se for avaliado é claro.

    • Nadson, não zerou não. boa sorte.

      • NADSON LUCIO CARVARLHO
        05.06.2014 - 15:29

        Fiz assim na ADI: “Dá-se a causa o valor R$ … (valor por extenso …).

        Se exigir que coloque valor perco quantos pontos ou é zerado se avaliar é claro? Parece que não fui claro na pergunta anterior.

  445. NADSON LUCIO CARVAHO
    05.06.2014 - 1:24

    Errei a palavra engenheiros, passei dois traços e escrevi a palavra engenheiros em cima, logo no começo da peça. Zerei?
    As minhas rasuras foram com dois traços e não com um. Mais uma vez zerei?

  446. NADSON LUCIO CARVAHO
    05.06.2014 - 1:26

    Esqueci de colocar a Lei 9868 Na pedida cautelar. Perco quantos pontos. Zero ou é avaliado.

    • Nadson, é avaliado, mas não alcança a pontuação total imagino eu. boa sorte.

  447. Júlia Thomasini
    05.06.2014 - 9:21

    Oi professor no gabarito saiu da prova de direito civil o título obrigações de fazer com antecipação de tutela e eu coloquei indenização por danos materiais com pedido de antecipação de tutela, será que vão zerar minha prova??

  448. professor eu fiz a ultima prova de civil eu coloquei o nome obrigação de fazer c/c danos morais, pedi tutela dentro da peça…o espelho veio que o nome é obrigação de fazer com pedido de tutela…podem zerar minha peça?

  449. acho que vou mandar uns 3.50 nas questões de penal…
    acertei o endereçamento da peça de interposição, das razões, a fundamentação da apelação, o prazo, e das quatro teses acertei duas e metade de outra, o pedido devo ter acertado alguma coisinha…
    não é possivel que nao dá 2.50
    o que acha professor?

    obrigado pela atenção e desculpe a amolação…

  450. Professor, fiz CIVIL no XIII OAB. Acertei a peça e das questões só errei uma letra da primeira questão.
    Estou passando mal todo dia, vomitando bastante por ansiedade, porque em rasurei algumas coisas que coloquei (uns 4 erros), mas nao sabia que tinha que passar um traço em cima e então o que eu escrevi errado eu tipo que passei caneta por cima, sem ser um traço. Estou com muito medo de zerarem minha prova. O que você acha? Pq na minha concepção quase todo mundo erra uma coisa ou outra e rasura.

  451. Boa tarde professor!
    Por favor, esclareça-me uma tenebrosa dúvida.
    Prestei o XIII exame de ordem na área de direito do trabalho. Acertei a peça, sua fundamentação e boa parte dos argumentos do mérito, mas cometi um equívoco que não pude corrigir, pois quando iria fazê-lo fui interrompida pelo fiscal que informou o término do tempo. Agora estou muito preocupada com isso.
    Meu equívoco foi o seguinte: na qualificação do endereço do autor constante do enunciado lê-se: “Avenida Brás Montes, casa 72 – Boa Vista – Roraima – CEP 222″. Contudo, por desatenção, acabei escrevendo na minha peça “Avenida Brás Montes, casa 72, bairro Boa Vista – Roraima – CEP 222″ ao invés de ter colocado “Cidade de Boa Vista”. Isso pode configurar identificação de peça? Vou ser reprovada sumariamente?
    Obrigada!

  452. NADSON LUCIO CARVAHO
    06.06.2014 - 3:19

    “com fulcro no Art. 102, I, “a” CRFB e Lei 9.868,1999 vem propor perante Vossa Excelência AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE com pedido de medida cautelar.” Acontece que esqueci a alínea “p” e pelo item do edital 4.2.6.1 tem que estar correto o nomen iurus e fundamentação completa.Zerei por esquecer a alínea p.?

  453. Gleicy Fernandes
    06.06.2014 - 22:01

    Professor,
    Gostaria de saber da possibilidade de identificação…prestei o exame XIII domingo passado e desde então estou inquieta, pois ante o nervosismo,acabei escrevendo a questão numero quatro de azul, quando havia feita a prova inteira de preto. Levada por outro nervoso, passei a caneta preta por cima e fiz um traço na horizontal para demonstrar o erro. Após, transcrevi as alternativas nas linhas que sobraram com a cor correta. Isso poderá levar à identificação? poderão zerar minhas questões?

    • Gleicy, a mudança de cor de caneta não gera nada. Boa sorte.

  454. Professor, fiz o XIII em civil em SP.

    O endereçamento da peça fiz ao RJ…
    e daí escrevi no desfecho

    “Rio de Janeiro, Data…

    Advogado…
    OAB Nº…”

    Isso zera??

    • Fernando, independente do local, você deve escrever… “local, data”. Mas acredito que não zera não. boa sorte.

  455. Professor, rasurei algumas palavras da minha prova e não passei o traço pq nao sabia dessa regra. Eu riscava muito a palavra. Me identifiquei?

  456. professor, no “advogado…” eu coloquei “nome e assinatura do advogado…”, posso ter a peça zerada por isso?

  457. NADSON LUCIO CARVAHO
    08.06.2014 - 23:46

    Na questão de Constitucional da imunidade do vereador, se fazer tudo certo e no final colocar princípio da simetria erra toda a questão ou aproveita alguma coisa.

  458. a chance de errar ou melhor zerar:
    vem propor perante Vossa Excelência a ADI com medida cautelar.

    O correto seria vem respeitosamente, perante Vossa Excelência, propor a ADI

    • Dida, não sejamos tão exagerados, pode dormir tranquilo. Boa sorte.

  459. Professor, fia a 2 fase de constitucional. Estava muito feliz, pois acertei quase por completo a peça, mas ao reler o meu rascunho e perceber que o numero do decreto no enunciado da questão é 5555 e coloquei 555, estou bem aflita. Vou zerar a peça?

  460. LUIZ NEVES
    12.06.2014 - 13:02

    Olá, tem problema colocar o nome da peça CENTRALIZADO em uma linha?? Fiquei encucado com isso –‘

  461. Olá, professor, boa noite! Uma amiga me falou sobre o seu site e me aconselhou a tirar uma dúvida que está me incomodando muito. Na última prova da oab, eu fiz 2a fase para civil. Em uma das minhas questões, estava terminando minha resposta quando percebi que não conseguiria concluir com um artigo que era necessário por falta de espaço. Assim.. eu diminui a letra e subi a escrita para que coubesse o artigo. Ficou mais ou menos assim:
    dispõe
    “Sim, a ação cabível é xxxxxxxx, conforme o art. 2007, cc.
    Tipo.. eu escrevi mais de uma palavra em uma mesma linha (uma em cima da outra). Isso pode ser considerado identificação? Desde já muito obrigada pela atenção e parabéns pelo excelente trabalho e apoio aos estudantes nessa hora tão difícil.

    • Isadora, não é considerada identificação, no máximo a banca poderia não considerar a sua linha por achar incompreensível, sei lá, mas pode ficar tranquila e obrigado pelo carinho, boa sorte.

  462. Elisangela
    15.06.2014 - 20:51

    Boa tarde Professor, acertei a peça de penal que era apelação e as teses de defesa, mas, cometi um erro fatal esqueci de fundamentar a apelação no art. 593, III do CPP, zerarão a minha peça?

    • Elisangela, entendo que não, apenas não terá a pontuação integral. Nos mantenha informados do resultado. boa sorte.

  463. Gessica Caroline
    17.06.2014 - 16:48

    Olá Professor, gostaria de tirar algumas dúvidas. Fiz a segunda fase do XIII exame da OAB e inicialmente na peça de interposição de uma apelação comecei qualificando o apelante. Só depois me lembrei que bastava colocar “já qualificado nos autos em epígrafe”. Por isso, quando estava na profissão colocquei uma vírgula e escrevi o “já qualificado nos…”. Quero saber se perderei nota?
    Nos fatos havia me esquecido de me referir que o apelante foi condenado também por um outro crime. Fiz isso mais a frente. Perderei nota?
    Risquei umas seis palavras durante a prova perderei mts pontos?
    Desde agradeço.

    • Gessica, na verdade, não se perde pontos em peças, mas se deixa de alcançar. E creio que a sua falta de atenção não resulte em qualquer prejuízo. boa sorte.

  464. Professor fiz a última prova da OAB,estou apreensivo pois na hora de datar a peça acabei transcrevendo “Blumenau, 01 de Abril de 2014″ só depois de entregar percebi o erro, agora estou com medo de ter a prova zerada, mesmo por que já observei o gabarito e acertei as questões bem como a ação.Será que terei a prova zerada?

    • Jonathan, a princípio, a sua prova será anulada, infelizmente, por identificação, pois “Blumenau” não era cidade que constava no problema, não é? De qualquer sorte, me mantenha informado do resultado, ok? boa sorte.

  465. NADSON LUCIO CARVAHO
    22.06.2014 - 12:14

    ADI
    pela edição do decreto 5555 publicado em … é errado?
    Tem que ser contra decreto 5555?
    Este “erro” corre o risco de zerar a peça?

  466. Professor, grifei uma palavra no meio do texto para dar destaque… é considerado identificação???

    • Yuri, depende como grifaste, mas a princípio, não. bons estudos.

  467. Professor,
    ao final da minha peça, após colocar a localidade, data e OAB/UF, coloquei em baixo a palavra “assinatura”.
    Isso é considerado identificação?

    • Lucas, entendo que colocar a palavra “assinatura” não identifica. bons estudos.

  468. Professor, zerei a prova. Criei um endereco para o autor e pus data_/_/__ e cidade______ esses foram so motivos da anulacao?

    • Juliano, certamente, ao criar um dado tão específico, é dado como identificação, pois só você deve ter dado esse endereço para sua peça. É o típico erro de identificação, lamento. bons estudos.

  469. Professor, fundamentei sem artigo, posso pontuar?

    • Welington, entendo que não pode pontuar, só se passar batido pela banca. bons estudos.

  470. professor, venho lhe agradeçer por prontamente responder nossos questionamentos e dúvidas.
    e lhe informar que fui aprovado, graças a Deus…
    obrigado…

  471. RÔMULO MARINI
    25.06.2014 - 20:10

    Professor, boa tarde, fiz em civil a 2ª etapa,tive a prova considerada identificada, possivelmente pelo fato de ter colocado no preâmbulo da peça palavras como sicrano de tal, fulano de tal, o advogado como beltrano de tal, e ainda no final coloquei data, e escrevi advogado Dr. Beltrano de tal.

    A identificação da prova é muito subjetiva, pois no edital não consta nada sobre utilização destas palavras, somente que devemos colocar ADVOGADO no final e não assinar sob pena de zerar, e ainda que deve ser utilizado …, nos campos da qualificação, sob pena de perda de pontuação.
    Professor, vi alguns julgados de mando de segurança em que foi determinado que OAB que corrija a prova e atribua pontuação ao candidato, o Sr. acha que no meu caso vale a pena entrar com recurso, uma vez que perdi o direito até de realizar a repescagem, conforme consta no edital, pois estou eliminado.

  472. Olá. Escrevo para dizer que tive a prova considerada identificada por usar a expressão “sicrano de tal” no local do nome do advogado.
    A prova do XIII exame é um reaproveitamento do XII exame, onde não obtive aprovação, porém, utilizei a mesma expressão na prova passada, que pertence ao mesmo exame, e não foi considerada identificada (?). Recorri. estou aguardando.

    • Luiz, particularmente, entendo que seja identificação e de acordo com as instruções da banca, também. Acredite, você teve mais sorte que juízo no XIIº Exame. Mesmo assim, nos deixe informados do resultado do recurso, ok? boa sorte.

  473. Maria de Loudes
    27.06.2014 - 0:21

    Professor, me auxilie em uma dúvida, estou DESESPERADA, a ponto de enlouquecer!!!

    Minha peça de trabalho foi ZERAAADA!!! E estava toda correta!!!!
    Acredito que pelo fato de, no Nevosismo,eu ter respondido a 1ª questão na 5 folha… ou seja, na ultima folha da peça.
    Fiz a peça nas 4 primeiras páginas e a 1ª questão fiz na 5ª página, página que seria a ultima da peça, e deixei lá, não passei traço. Dai, sabe Deus como, as questões 2,3 e 4, fiz no local certo e GABARITEI todas. a folha da 1ª questão ficou em branco.
    Isso foi identificação????

    Estou entrando com um Recurso!!!! O que o Senhor acha pela sua experiência?

    Obrigado pela atenção.

    • Maria, esse caso é peculiar, mas não é problema de identificação, tenha certeza. Pergunto: você pontuou a 1ª questão? Em caso negativo, é porque consideraram como “em branco”. Quanto à peça, nesse caso, consideraram como extensão da resposta da peça a resposta da questão, mas certamente, é uma grande injustiça. Nos deixe informados do resultado, boa sorte.

      • Maria de Loudes
        07.07.2014 - 0:24

        Boa Noite Professor, Obrigada pela atenção!!!

        Como o senhor falou, a minha 1ª questão deve ter sido considerada extensão da peça, porque eu não pontuei na 1ª questão, uma vez que a página destinada a essa questão deixei em branco!!!

        Mas o jeito agora e aguardar dia 15 pra esperar o resultado do XIII exame, torcer para uma boa vontade do examinador!!! Contarei o resultado do recurso ao senhor, ASSIM QUE DIVULGADO!!!!

        Mais uma vez agradeço, e saiba que divulgarei seu blog ao máximo possível, pois outras pessoas se beneficiaram dele e ficaram felizes em conhecer-lo.

        Obrigada!!!!

        • Maria, obrigado pelo carinho. boa sorte!

          • Maria de Loudes
            24.07.2014 - 21:43

            Professor Marcelo, venho lhe comunicar que fui APROVAAADA!!! A justiça foi feita, peça corrigida.

            Muito obrigada pela sua ajuda, fostes essencial para manter a minha acalmar!!!
            Deus te abençoe e sucesso para o senhor na sua carreira!!!

          • Obrigado Maria pelo carinho, sucesso nessa nova fase.

  474. NADSON LUCIO CARVARLHO
    09.07.2014 - 14:59

    Obrigado pela atenção professor Marcelo. Fui aprovado!

  475. Professor.
    Fui aprovado no XIII exame de ordem.
    Após o resultado final no dia 14/07 qual o procedimento para retirada do certificado de aprovação? E quais os documentos necessarios para isso.
    Lembrando que estou no 5° ano da graduação.

    desde já…

    obrigado

    • Caro amigo, está lá no edital bem explicadinho. Sucesso para você!

  476. Ilustre Professor.
    Primeiramente obrigado pela atenção.
    Ocorre que fui aprovado no Exame XIII em Direito Civil. Contudo, ainda não terminei o décimo semestre do Curso de Direito, e estou com uma dependência a ser cursada no semestre que vem. O problema que no ato da inscrição do exame, a data provavel da conclusão do curso seria em Julho de 2014. Porém e diante do óbice aludido, só vou colar grau no começo de 2015. Será que corro o risco de de perder minha aprovação no exame…
    Entrei em contato com a OAB e eles me disseram que tenho que entrar com uma petição informando o ocorrido, para ser enviado ao Conselho Federal, e ainda corro o risco de perder o resultado do exame, tendo em vista que não vou concluir o curso em Julho de 2014 mais em Janeiro de 2015.
    Já solicitei junto a Universidade, o atestado de matricula, para provar que no ato da inscrição estava matriculado no décimo semestre, para uma eventual interposição de mandado de sugurança.
    Desde já, agradeço sua resposta.

    • Thiago, entendo que o edital e o Provimento são claros: o resultado será aproveitado tanto para quem estiver matriculados no último ano do curso, seja 9º, 10º, 11º ou 12º semestre, dependendo da instituição. Portanto, caso você não consiga, ao menos no 9º semestre você estava matriculado, sendo assim, tem todo o direito de aproveitar o resultado. Mas fizeste bem em cobrar da faculdade, pois ela tem o interesse também na sua aprovação. boa sorte.

  477. Professor, na peça de penal, pedi o regime aberto igualzinho no gabarito… Me zeraram o quesito… Interpus recurso, mas negaram e fundamentaram de novo dizendo que eu não tinha pedido o regime aberto… Reprovei.. Como pode? Minha resposta está idêntica ao espelho de resposta e a dos meus amigos que acertaram o quesito. :(

    • Mariane, se a pontuação desse quesito valerá a sua aprovação, sugiro que entre com MS. boa sorte.

  478. Professor, em alguns cursinhos ensinam que os três pontinhos devem ser acompanhados de aspas, desse jeito: “…”
    Mas eu vi em alguns sites que apenas os três pontinhos sem as aspas são suficientes. Qual é o correto? Obrigada.

    • Jéssica, sinceramente, tanto faz. A banca não irá identificar uma peça com a colocação de aspas nas reticências. Pode ser sem aspas também, ao gosto do freguês. Bons estudos.

  479. Olá, professor.Tenho uma dúvida com relação a elaboração de peças na 2ª Fase da OAB. Na peça prática o candidato ao qualificar autor e réu deverá inventar sobrenome das partes, número de documentos, criar um endereço fictício para autor e réu ou não deve apenas deixar reticencias para as qualificações?

  480. Olá professor!Tenho uma dúvida com relação a elaboração de peças na 2ª Fase da OAB. Na peça prática o candidato ao qualificar autor e réu deverá inventar o sobrenome das partes, número de documentos, criar um endereço fictício para autor e réu ou não deve apenas deixar reticencias para as qualificações?

  481. Olá professor!Tenho uma dúvida com relação a elaboração de peças na 2ª Fase da OAB. Na peça prática o candidato ao qualificar autor e réu deverá inventar o sobrenome das partes, número de documentos, criar um endereço fictício para autor e réu ou não, deve apenas deixar reticências para as qualificações?

    • Renata, JAMAIS poderá criar qualquer informação FICTÍCIA, apenas reticências para as qualificações. bons estudos.

  482. Obrigada professor por responder minha dúvida.

  483. Prezado Professor Marcelo, parabéns pelo seu blog e por suas prontas respostas.
    Estou com uma dúvida, pois pelas respostas que vi e por assistir vídeos em que um professor dizia uma coisa e outro dizia outra coisa, pergunto:
    O que é melhor colocar na peça, o valor da causa com três pontinhos ou um valor qualquer com algarismos, e, além disso, devo colocar que é “para efeitos fiscais”?

    Outra coisa, devo colocar “Dos pedidos” ou “Dos pedidos e requerimentos”, haja vista que além de pedir também requeiro algo? E ainda, os pedidos devem ser colocados separados cada um em um parágrafo ou posso colocá-los todos na mesma linha, separados por ponto e vírgula?

    Obrigado!

    • Tat, obrigado pelo carinho. Respondendo.

      – Reticências, qualquer valor ou para efeitos fiscais? A única resposta que é possível, inclusive, zerarem a peça é “qualquer valor” por possível identificação, até porque, valor da causa exige uma resposta COERENTE. Deixar apenas “reticências” (três pontinhos) não é resposta, não é? É ficar em cima do muro. Ações de danos morais, por exemplo, você pode colocar “para efeitos fiscais” ou “valor de alçada”, entendo similares esses termos (tem gente que não concorda).

      – Dos pedidos e requerimentos. Tanto faz, a banda não distingue, é mera formalidade desnecessária que não apresenta qualquer sinal de conhecimento ou falta de.

      – Pedidos, como apresentá-los. Melhor, esteticamente, um abaixo do outro, em linhas distintas. Se não tiver mais espaço, todos na mesma linha separados por ponto e vírgula.

  484. Prezado Professor Marcelo, sendo assim, tendo que colocar um valor exato na peça, qual valor seria mais indicado nas peças constitucionais?
    Mais uma vez, obrigado e parabéns pela pronta resposta.

  485. Prezado Professor Marcelo, em uma peça de ADPF, o art. 3 da Lei 9.882/99 coloca que a petição inicial deverá conter:
    I – a indicação do preceito fundamental que se considera violado;
    II – a indicação do ato questionado;
    III – a prova da violação do preceito fundamental;
    IV – o pedido, com suas especificações;
    V – se for o caso, a comprovação da existência de controvérsia judicial relevante sobre a aplicação do preceito fundamental que se considera violado.

    No entanto, meu antigo professor de Prática Constitucional dizia que todas as preliminares como foro competente, legitimidades, cabimento, deveriam vir antes de qualquer outro tópico na peça, isso implicaria em não obediência à ordem colocada pelo art. 3 da lei 9882. Na prova da OAB, o que devo fazer, seguir o que está na Lei ou colocar as preliminares antes?

    Muito obrigado!!!

    • Tat, entendo que essa “ordem” do art. 3º não é absoluta, ou seja, não precisa vir nessa formulação exatamente, até porque, o inciso V fala em “comprovação da existência…”, ou seja, trata-se de prova e ela se houver, deverá estar junto com o inciso III. Entendo que seu professor esteja correto, pois esses incisos tratam do mérito em si, da prova e do pedido, ou seja, depois do que você denomina como “preliminares”. bons estudos.

  486. Muito obrigado professor!!!

  487. Prezado Professor Marcelo, obrigado novamente por ser tão prestativo e solidário com as pessoas.
    Tenho uma séria dúvida quanto à estrutura das peças, o que o senhor, com sua experiência em exames da OAB realizadas pela FGV, recomenda:
    Colocar antes dos fatos, tópicos sobre as preliminares, como “do cabimento da ação”, “da competência”, “das legitimidades”, e depois colocar, “dos fatos”, “do direito” e “do pedido”?
    Ou colocar o esquema clássico, ou seja, “dos fatos”, “do direito” e “do pedido”, sem abrir tópicos de preliminares.
    Me ajude mais uma vez professor, e desde já lhe dedico votos de estima e consideração pelo seu belo trabalho.

  488. Boa noite professor, citar nome de doutrinador na prova corre risco de identificação?

    • Ricardo, entendo que não, pois é a parte argumentativa da elaboração da resposta. boa sorte.

  489. Oi professor… Como vários relatos ultrapassei a quantidade de páginas.
    Na página da questão 1 coloquei o ultimo pedido , valor da causa, pedido de deferimento, local data e advogado.
    Depois de verificar o erro passei um risco. Voltei na ultima página da peça e como o ultimo pedido que coloquei terminou no inicio da linha escrevi Pede Deferimento Advogado. No intuito de finalizar dentro da quantidade de folhas
    E possível zebrar assim? Ou serei muito apenada?
    Lembrando que não escrevi nada fora da margem.
    Obrigada

  490. Oi professor… Como vários relatos ultrapassei a quantidade de páginas.
    Na página da questão 1 coloquei o ultimo pedido , valor da causa, pedido de deferimento, local data e advogado.
    Depois de verificar o erro passei um risco. Voltei na ultima página da peça e como o ultimo pedido que coloquei terminou no inicio da ultima linha escrevi Pede Deferimento Advogado. No intuito de finalizar dentro da quantidade de folhas
    E possível zerar assim? Ou serei muito apenada?
    Lembrando que não escrevi nada fora da margem.
    Obrigada

  491. Assinar “O Advogado” e, depois reparar que tem que ser só “Advogado”, riscar e rescrever na linha abaixo “Advogado”, é considerado identificação de peça?

    Escrever o endereçamento em caixa alta e os títulos + fundamentação também?

    colocar arts.197 c/c 198, todos do CPP tira ponto? (omitir o “art.”

    • Giselle, entendo que não, nem escrever em caixa alta, pois muita gente faz isso nas peças como também quanto à colocação dos artigos. Se você tiver algum problema de interpretação, poderá ser a respeito do “advogado”, o corretor achar que você assinou a peça ou invés de corrigi-la. boa sorte.

  492. PROFESSOR, COMETI UM ERRO Na PROVA E QUERIA SABER SE VAI GERAR NULIDADE DA MINHA PEÇA… ESCREVI MINHA PEÇA ATÉ A PAGINA 4 E POR ENGANO COLOQUEI A RESP DA QUESTÃO 1ªquestão NO INICIO DA 5ª PAG REFERENTE A peça PRATICO PROFISSIONAL… No DESESPERO, RISQUEI EM CIMA DA QUESTÃO VÁRIOS X´S GRANDES.
    VÃO ANULAR A MINHA PROVA POR IDENTIFICAÇÃO?
    ESTOU EM PRANTOS.

    • Tayana, não sofra por antecipação. É comum as pessoas riscarem várias vezes uma folha para demonstrar que aquilo não deverá ser considerado. Portanto, não pode ser considerado como identificação, ok? boa sorte.

  493. Olá professor. Fiz a segunda fase da oab de penal. Acertei a peça, que eram memoriais. Entretanto, a fundamentação correta é com base no art. 403, §3° e eu me equivoquei e coloquei 404, § único. Poderei zerar a prova? ou apenas será descontado alguma pontuação?

    • complementando, ambos os artigos são do Código de processo penal.

    • Priscila, apesar do edital ser claro quanto à consideração do nomen iuris da peça e da fundamentação a respeito, tenho visto a banca amenizar em relação ao erro da fundamentação, portanto, não posso garantir, infelizmente, que será aceita a sua peça. Por favor, me mantenha informado do resultado até para alimentar nossa experiência quanto a esse fato, ok? boa sorte.

      • Obrigada pela resposta rápida!Irei lhe informar sim. Estou muito pessimista quanto a isso, mas acho que seria muito injusto isso não ser considerado, uma vez que fiz o resto quase tudo certinho, as teses e os pedidos, bem como boa parte das questões. O jeito é aguardar. Abraço.

  494. Professor, boa noite! Acabei de fazer a 2 fase, estou com uma enorme duvida em relacao as questoes. Se por o artigo certo mas o inciso errado nao pontua?

  495. Professor, li que você já respondeu várias perguntas tranquilizando os estudantes. Contudo, o meu vacilo na prova não vi ninguém comentando aqui. Na peça da prova de civil, ao final da petição de interposição coloquei ______ numa linha em branco e na linha seguinte ia iniciar as razões recursais. Todavia, percebi que tinha esquecido o “termos em que pede recebimento…” logo, escrevi isso que faltou e passei outro ____ numa linha em branco. Na linha seguinte, finalmente comecei a fazer as razões recursais
    Medo enorme de ser considerado identificação. Já soube de um caso assim? Alguém zerou por isso? Obrigada desde já.

    • Ila, não é fato de identificar, mas do fiscal entender que você está fazendo a divisão em duas páginas… e você riscou a primeira linha errada? Porque se não riscou, vai parecer que você fez o AI em três páginas… boa sorte.

  496. Professor, foi meu primeiro exame e ao final indiquei o local em que realizei a prova (cidade e estado) e a data do exame. Fiquei muito chateado quando descobri que isso poderia ser considerado identificação (todos os outros dados como qualificação da parte, OAB, endereços, eu coloquei o …). Acertei a peça e quase todas as questões. Gostaria de saber se existe alguma chance de eu não ter a prova zerada.

    • Marcos, se foi em PENAL, que exigia a data, PARABÉNS. Se foi em outra disciplina, infelizmente, não deveria ter colocado data nem local. bons estudos.

      • Neste caso, professor, significa quase certeza de zerar? É que no edital eles falam claramente de zerar colocando a assinatura mas quanto a identificação de outros dados ele trata em outro tópico e apenas diz como deve ser feito (colocando …) sem no entanto indicar que a desobediência zera a prova. Zerar a prova em uma situação que não está expressamente prevista no edital como apta a causar tal penalidade não seria uma interpretação extensiva de aplicação da penalidade pela banca? (o que não poderia ser admitido, em tese)

  497. Professor, fiz a 2 fase do Exame de ordem XIV na área trabalhista e errei o rito, coloquei que é sumarissimo.

    A FGV costuma zerar ou só tira pontos quando erra o rito? Eles costumam considerar os recursos sobre esse assunto?

    No espelho eles não falaram nada sobre o rito até pq no caso hipotetico a banca não indicou valores. Ja que a prova não é corrigida por advogados , e no espelho não há menção sobre o rito acredito que será feita a correção da minha prova.

    Por favor tire minhas dúvidas,

    Obrigada!

    • Lia, pode ficar tranquila, sua peça será corrigida, pois sua argumentação está correta, visto que a banca não determinou valores, então, a leitura pode ser mais ampla do que eles imaginavam, quem sabe, numa primeira avaliação. boa sorte.

  498. Maria Eduarda
    15.09.2014 - 4:51

    Professor, boa noite
    por favor o senhor acha que por conta de eu ter botado memorias finais no titulo da peca eu vou ter minha peca zerada?? me ajuda

  499. Prof. ao final da peça, coloquei
    _________________
    Advogado…
    OAB nº

    posso ser eliminada por esse traço?

  500. Prezado Professor, fiz minha prova ontem (dia 14/09) e estou com muito medo de ter minha prova anulada por identificação. Eu tinha acabado de fazer a segunda questão da prova, contudo eu percebi que não era a resposta correta e rasurei a prova, mas ao invés de eu passar apenas uma linha como fiz na petição, eu rasurei fazendo um x gigante encima da peça (daqueles que vocês professores fazem quando uma resposta está incorreta), acabei fazendo isso em duas questões, estou com muito medo de isso ser considerado identificação de prova, pois não sabia que tinha um jeito correto de rasurar a prova(passando apenas um traço).
    Estou eliminado? isso é considerado identificação de prova?

    • Thiago, não está eliminado, porque muita gente faz o mesmo X, portanto, não tem como dizerem que essa prova é do “Thiago”. Boa sorte.

  501. Professor, fiz a segunda fase de constitucional ontem, acertei a peça, mas estou preocupada de tê-la identificado. Eu já tinha começado a escrever a peça, estava na segunda folha, mas me bateu a dúvida se podia separar as palavras por sílabas quando não dá para escrever tudo em uma mesma frase. Achei que poderiam implicar com isso, fiz um simples traço em tudo que eu tinha escrito e refiz a peça. Você acha que isso pode ser considerado identificação de prova? Já que eu risquei uma página e meia e rescrevi nos mesmos termos, só que sem separar as palavras por sílabas?

    • Leda, respondendo primeiro, pode separar as palavras por sílabas. Segundo, o simples traço é permitido. boa sorte!

  502. Professor, obrigado pela gentileza em responder o meu questionamento. A minha duvida se deu numa conversa com alguns professores que me garantiram que minha prova estaria anulada por esse motivo.
    O senhor já viu ou sabe de alguém que teve a prova anulada por motivo parecido? por se utilizar de vários x na hora de rasurar a prova ou por algum outro tipo de rasura?

    • Thiago, desconheço anulação assim, como te falei, é normal que outros façam a mesma coisa. Ademais, tem muito professor que não conhece a realidade pós-prova. boa sorte.

  503. Dilene Costa
    15.09.2014 - 13:03

    Professor, bom dia.

    Eu circulei as palavras mais importantes da minha peça, por exemplo “Absolvição” , pois fiquei sabendo que os corretores não são formados em direito. Depois lembrei que isto pode configurar identificação de prova. O que o senhor acha ?

    • Dilene, acho que fizeste bobagem, enfim. É mais fácil eles entenderem que é um tipo de identificação do que outra coisa. Não sei quem te contou que eles não são formados ou não tem formação em Direito, mas te passou a informação errada, c’est la vie. E mesmo que não tivessem, não adiantaria em nada. Bem, vamos esperar que não considerem como identificação, mas podem interpretar como tal. Me deixe informado a respeito, ok? boa sorte.

  504. Professor, estou com uma dúvida cruel. Faltou uma pequena informação em um dos pedidos e eu coloquei um asterisco e o completei no fim da prova. Isso pode anular minha prova?

    • Aline, o asterisco é perigoso devido a interpretações, mas em essencial não estão anulando as provas com os exemplos que já trouxeram aqui como creio esse seu. É preferível perder a pontuação do que perder a prova toda. Mas enfim, fique tranquila, como muita gente usa asterisco, é dificil considerar como identificação singular. boa sorte.

      • Professor, como você diz que a questão do uso do asterisco não está gerando anulação. As pessoas que utilizaram te procuraram depois pra dizer que não foi anulado?
        Queria saber de alguém que fez isso, se realmente deu certo.
        Obrigada!

        • Aline, já vi gente deixar o depoimento que teve a peça anulada por causa de asteriscos, ao menos, achava que era por isso, assim, sempre digo para evitar usar esses malditos artifícios. boa sorte.

          • Olá! primeiramente preciso agradecer a atenção e parabenizar seu trabalho. Professor, graças as Deus não anularam minha prova por causa do uso do asterisco, a prova foi normalmente avaliada, e muito bem avaliada. Acredito que o problema possa ser a forma com que se usa ou o entendimento do examinador. Talvez, como você disse, tal uso tenha se transformado em costume, de forma que não possa ser entendido como identificação.
            Abraço!

          • Aline, obrigado pelo feedback e que ótimo que você alcançou seus objetivos. sucesso para você!

  505. Professor, bom dia.
    Realizei minha prova na data de ontem e ao interpor o recurso enderecei pro Juiz da causa ao invés de ser pro Tribunal, e nas razões ao invés de colocar Egrégio Tribunal de Justiça eu coloquei “Excelentíssimo Senhor Doutor Desembargador do Tribunal de Justiça…”
    Gostaria de saber se é um motivo de ter a peça anulada?

    Obrigado

    • Brian, peça anulada não, mas não alcançará a pontuação quanto ao endereçamento. boa sorte!

  506. Professor bom dia!
    Realizei a prova ontem de D.Administrativo, sendo que a peça adequada foi MS, porém fiz ação ordinária com pedido de antecipação de tutela, terei a peça zerada?
    Obrigado

    • Fernando, não posso responder de forma a garantir que outra peça será aceita, apesar de achar que uma ordinária com antecipação de tutela alcance os mesmos resultados práticos, porém, como é uma prova, e as eficácias da sentença são diversas. Veja com um professor de administrativo se o enunciado não seja “aberto” e aceite mais que uma interpretação. boa sorte.

  507. CARLOS JEFERSON
    15.09.2014 - 15:13

    Olá Prof., boa tarde!

    No espaço de 05 linhas entre o endereçamento e a qualificação das partes, lado esquerdo, eu coloquei a seguinte informação: TRAMITAÇÃO PRIORITÁRIA – DEPENDENTE FÍSICO ( IN 29 TST )

    A banca pode entender essa informação como identificação?

    grato

    • Marcelo