Exame da OAB: quais matérias devo priorizar?

Compartilhe:

Materias OAB

Aviso de antemão que a resposta desta pergunta não tem unanimidade entre os professores, aliás, é controvertida. Já li de professores de cursos “famosos” que a solução está em investir nas disciplinas com maior incidência de questões da prova. Parece a resposta mais “óbvia” e acredito que seja mesmo.

Já escrevi a respeito em outro texto:  Exame da OAB: deve-se priorizar matérias com maior peso?

No entanto, a obviedade não serve para nós, porque se servisse, os índices de REPROVAÇÃO na OAB não seriam cerca de 80% históricos. Ademais, lembro que estes “cursos famosos” são cursos populares, portanto, imagino que seus alunos ouvem seus professores, mas os resultados continuam os mesmos: péssimos!

O meu método, como você já deve saber, é o da preparação adequada, ou seja, observa fielmente as características de cada indivíduo. Portanto, responder de forma generalizada não servirá como solução. Veja a divisão das disciplinas por número de questões:

Questões por matéria

Veja que já li o A-B-S-U-R-D-O que estudar apenas as 5 disciplinas com mais questões resolve a aprovação. E o resto? Não precisaria estudar. Imagine que você observou esta “dica”. E que no dia da prova a banca pegou pesado justo nestas disciplinas. Resultado? Reprovação e arrependimento!

O que os professores que priorizam as disciplinas com maior número de questões não levam em conta é que você fez o TCC em tributário ou que fez estágio no PROCON ou que é masoquista e ama direito empresarial. As disciplinas dos grupos com 10, 7 e 6 questões dominam a prova com 48 questões de 80 possíveis.

Apesar da prova da OAB exigir uma ESTRATÉGIA, não posso ignorar que existam matérias que apesar de ter 2 questões elas podem garantir a aprovação. A FGV já divulgou o RANKING de aproveitamento por disciplinas na 1ª fase. Sabe quem está no PÓDIO? Ética, CDC e ECA. A razão? São matérias que exigem praticamente um único diploma legal (Ética pede ainda o Código de Ética) e os temas são cobrados por tendências, ou seja, se repetem!

Assim, um pouquinho de esforço, CDC e ECA podem ser gabaritados! Isso é “a” ESTRATÉGIA. Inclusive a novata Filosofia do Direito pode lhe render frutos, porque de 2 questões, 1 será de autores repetidos em outras provas.

Nem mesmo disciplinas como Ambiental e Direito Internacional podem ser ignoradas porque seu conteúdo é recheado de citações legais das mais diversas. São matérias que repetem alguns temas, p.ex., a parte constitucional de Ambiental sempre cai e são menos de meia dúzia de artigos. Já Internacional, tem a LINDB e a própria CF que podem ser decisivos com aquela questão que muitos ficam entre aprovação e reprovação.

Por outro lado, Civil com suas 7 questões é bastante imprevisível em relação aos seus mais de 2 mil artigos do Código Civil! Cada divisão de conteúdo está mais para uma disciplina autônoma do que muitas por aí e, praticamente, cai apenas 1 questão em cada uma delas…p.ex., 1 questão de direito de família e olha o tamanho da disciplina!

Então, entendeu o recado? Somente uma autoanálise através da resolução de provas você saberá o que priorizar. Assim, invista mais naquelas que lhe deram um diagnóstico negativo. Mas professor, eu não tenho tempo… Bem, invista mais naquelas que lhe deram um diagnóstico negativo, priorizando as disciplinas com maior número de questões na prova.

Há outro modo mais fácil de OTIMIZAR tempo e PRIORIZAR o que realmente precisa ser feito. A plataforma Saraiva Aprova permite criar trilhas de acordo com o perfil do seu aluno. Se ele precisa mais de PENAL, o sistema irá indicar mais aulas desta disciplina, material para ser estudado (já incluso) bem como acesso ao coaching necessário para vencer a dificuldade. Nunca viu isso, não é? Pois é, revolução da preparação chegou e você não pode ficar longe disso. Saiba mais clicando na imagem abaixo e bons estudos!

click

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BUSCA RÁPIDA

Visitantes

2.808.408 desejam passar na OAB e em Concursos

Redes Sociais

Agenda OAB

XXV Exame de Ordem Unificado

  • 23.01.2018

    Publicação do edital

  • 23.01.2018
    a
    02.02.2018

    Período de inscrições

  • 23.01.2018
    a
    02.02.2018

    Período de solicitação de isenção da taxa de inscrição

  • 05.03.2018

    Resultado definitivo da análise de solicitações de isenção da taxa

  • 08.03.2018

    Prazo limite para pagamento da taxa de inscrição

  • 02.04.2018

    Divulgação dos locais de realização da prova objetiva

  • 08.04.2018

    Realização da 1 ª fase (prova objetiva)

  • 08.04.2018

    Divulgação do gabarito preliminar da prova objetiva

  • 23.04.2018

    Resultado preliminar da 1ª fase

  • 24.04.2018
    a
    27.04.2018

    Prazo recursal contra o resultado preliminar da 1ª fase

  • 08.05.2018

    Divulgação do gabarito definitivo da 1ª fase

  • 08.05.2018

    Divulgação do resultado final da 1ª fase (prova objetiva)

  • 21.05.2018

    Divulgação dos locais de realização da prova prático-profissional

  • 27.05.2018

    Realização da 2ª fase (prova prático-profissional)

  • 27.05.2018

    Divulgação do padrão de resposta preliminar da prova práticoprofissional

  • 19.06.2018

    Divulgação do padrão de respostas definitivo e do resultado preliminar...

  • 20.06.2018
    a
    23.06.2018

    Prazo recursal acerca do resultado preliminar da 2ª fase

  • 03.07.2018

    Decisão dos recursos acerca do resultado preliminar e divulgação do...