Qual a média de Exames da OAB até ser aprovado?

Compartilhe:

Em 2016, a FGV divulgou interessantes números que giram em torno do Exame de Ordem e um deles destacamos hoje: a distribuição percentual dos aprovados por números de exames realizados. Sabemos que a média histórica de REPROVAÇÃO gira em torno de 80% em cada exame. Mas quantas provas preciso fazer até ser aprovado?

Esta resposta a FGV dimensionou em números que pegaram muita gente de surpresa!

Resumidamente, em divulgação anterior, publicada em 2014, a FGV concluiu que: “É possível evidenciar, igualmente, que a taxa de aprovação varia inversamente ao número de tentativas. O resultado pode sugerir que examinandos com melhor formação e preparo para o Exame são aprovados logo nas primeiras tentativas, isto é, à medida que são necessárias mais oportunidades, restam indivíduos cada vez menos preparados, o que reduz as chances de uma aprovação na prova subsequente”.

Ou seja, diante dos números atuais o panorama segue o mesmo: maior aproveitamento logo nos primeiros exames. Veja:

tentativa x aprovação

O maior índice de aprovação está para aqueles que fizeram pela 1ª VEZ o Exame de Ordem (40%). E somando as TRÊS PRIMEIRAS tentativas chegamos a impressionante número de 75%. Ou seja, maior número de tentativas, piores são as estatísticas. A razão é bastante simples: PRESSÃO.

Assim, a cada prova frustrada, vai aumentando como uma bola de neve rolando morro a baixo a pressão de alcançar um resultado positivo.

Os números acima tratam entre o IIº Exame ao XVIIº, e que segundo a FGV, “é possível avaliar também que, para 143 mil indivíduos (ou 40% do contingente de aprovados), a aprovação foi obtida já na primeira oportunidade. Para 75% dos aprovados no Exame (269 mil examinandos), foram necessárias até três participações para obtenção do aproveitamento necessário na segunda fase”.

Tínhamos como “recorde” um examinando que ainda estava tentando ser aprovado depois de realizar 17 VEZES a prova da OAB [saiba mais, clique aqui]. Isso em 2011. Não sabemos se ele desistiu ou não. Mas em 2016 foi divulgado que um examinando chegou à aprovação depois de 21 exames [clique aqui].

Veja que 3 EXAMES são realizados num ano, portanto, o exame pode consumir este período em sua vida, exceto se você começar ANTES sua preparação. Inédito no mercado, nenhum preparatório oferecia até então um prazo SUFICIENTE para que pretendia passar de 1ª a partir de estudos antecipados.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *