Você já escolheu a sua 2ª fase da OAB? Então leia isso!

Compartilhe:

pergunta

Se em época de eleições, o pessoal se pergunta qual felizardo receberá sua atenção e seu voto, quando mais se aproxima da abertura do edital do Exame da OAB as dúvidas sobre a escolha da disciplina para 2ª fase rivaliza com outras “questões existenciais”…

Já escrevi diversas vezes a respeito e sugiro também uma leitura atenta para esses links abaixo, mas é um dos temas preferidos entre os examinandos.

Também traz polêmica, porque há uma disputa pública entre os professores em defesa de suas matérias.

Para começar, de fato, há duas indicações que você DEVE PONDERAR MUITO na escolha:

  • Dos professores em relação às suas disciplinas
  • Dos amigos e colegas que foram aprovados em suas disciplinas

Explico. Há muitos professores que ganham um percentual na venda de seus cursos de 2ª fase ou mesmo precisam de alunos para que possam desenvolver suas atividades, portanto, é claro o interesse deles. E o que serviu para um examinando pode não servir para você.

Uma outra corrente de quem escolhe a optativa de 2ª fase é se basear nos últimos resultados de aprovação, como fosse um “atalho” seguro para alcançar a vermelhinha. PONDERE também essa escolha, a não ser que você não tenha a mínima noção de qualquer disciplina. Nesse caso, como fosse “o que cair na rede é peixe”, então qualquer indicação será válida e essa é razoável.

Pois bem, o RANKING das aprovações na 2ª fase entre o IIº ao Xº Exame de Ordem, segundo a FGV, é esse (média em % de aprovados):

  1. Constitucional (31,3%)
  2. Civil
  3. Empresarial
  4. Administrativo
  5. Tributário
  6. Penal
  7. Trabalho (12,9%)

Na sua escolha para 2ª fase devem contar alguns “LEMBRETES”.

  • Qual foi a disciplina ou disciplinas que estavam presentes no meu estágio profissional (se fiz um, é claro) e delas aprendi um pouco na prática?
  • Quais disciplinas tive melhor aproveitamento (e pior) durante a faculdade?
  • Por eliminação, quais disciplinas eu detesto?
  • Quais disciplinas tenho mais fácil acesso a material didático?
  • Qual disciplina eu levaria para uma ilha deserta como única leitura?
  • Terei tempo suficiente e dedicação para aprender uma disciplina nova?

Mas acredito que um caminho verdadeiro e que apontará um horizonte desejável é conhecer – de perto – as disciplinas dentro do exame da OAB. Como se faz isso? Tentando resolver as questões e desenvolvendo as peças. Mesmo que você não saiba ABSOLUTAMENTE nada a respeito, é interessante notar qual será a sua reação diante das mesmas.

Se essa reação lhe aparentar boa, no sentido de que é possível aprender e estudar para acertar as questões e resolver o caso da peça, se a matéria lhe parece “simpática” e “amigável”, é um forte INDICATIVO que aquela poderá ser útil para o objetivo que estamos procurando, ou seja, ser aprovado.

Por outro lado, se a reação for negativa, onde há um receio de que aquilo é “grego” e continuará sendo e com desgosto, melhor procurar outras disciplinas.

E se ainda persistirem dúvidas, sugiro a obra Guia Passe na OAB onde traz um autêntico teste vocacional, além de outros 99 artigos, muitos motivacionais, a respeito da 1ª e 2ª fase da OAB.

[ATUALIZADO 17/AGOSTO/2016]

O texto acima foi publicado originalmente 20 de agosto de 2014, coincidentemente, em época de eleições. No entanto, o texto continua atual. O que podemos incluir? Um novo ranking das disciplinas de 2ª fase que mais aprovam atualizado até o XVIIº Exame da OAB.

  1. Constitucional (33%)
  2. Civil
  3. Administrativo
  4. Tributário
  5. Penal
  6. Trabalho
  7. Empresarial (15%)

A principal mudança foi a troca de posições em relação a EMPRESARIAL que era a 3ª disciplina que mais aprovava, passando para último lugar. As demais, subiram uma posição cada. TRABALHO amargava o último, passou para penúltimo.

33

Comentários

  1. olá,
    Fiz a prova de segunda fase do xx exame em Brasília e optei por direito do trabalho…
    peculiarmente em minha sala de prova ocorreu um grande atraso para o início da prova, pois o advogado fiscal mesmo depois do sinal de inicio continuou a fiscalizar o material de examinandos, e inclusive teve que conter uma moça que entrou em uma crise nervosa… entretanto não houve acréscimo proporcional ao atraso, fato esse que impossibilitou que a grande maioria não conseguiu responder todas as questões.
    Pergunto tal fato é passível de recurso?
    Obrigado.
    Sidney Filgueiras
    Brasília – DF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BUSCA RÁPIDA

Visitantes

3.050.920 desejam passar na OAB e em Concursos

Redes Sociais

PDO CONNECTION ERROR: SQLSTATE[HY000] [2054] The server requested authentication method unknown to the client